• Patrimônio 09/17
  • Unimed
  • assinatura jornal

Notícias Da Arquibancada

19 de setembro de 2017

Emocionado, Vinicius comemora boa estreia com a camisa 1 do River

"A gente não segura a emoção” disse o Camisa 1 após a vitória diante o Flamengo

No último domingo (17) o River conquistou uma vitoria importante na Copa Piauí ao vencer o Flamengo por 2 a 1, no Lindolfo Monteiro. A vitória trouxe um alivio para  todo o grupo que vinha de dois resultados negativos, mas para um nome em especial o jogo tinha um peso a mais – o goleiro Vinicius, de 19 anos. O atleta foi escolhido para substituir seu companheiro, Lenno que não vive boa fase debaixo das traves. O garoto cumpriu bem sua missão e saiu de campo visivelmente emocionado.  

Vinicius esteve em campo na vitória do River sobre o Flamengo (FOTO: Victor Costa/River Ac)

Vinicius foi bastante exigido no decorrer da partida e mesmo vestindo a camisa 1 que até então sofria bastante criticas se mostrou seguro e passou isso aos companheiros. “Pelo peso que teve a gente não segura a emoção também. Graças a Deus as coisas deram e isso é consequência do nosso trabalho, trabalhamos firme para quando chegar dentro de campo fechar o gol do River”, disse Vinicius.

O treinador Lucas Andrade, falou sobre a estreia de Vinicius e fez questão de frisar que a escolha pelo garoto foi por conta do maior ritmo de jogo. No mês de junho, Vinicius se sagrou Campeão Piauiense sub19 vestindo a camisa do Galo, e na final contra o Timon defendeu três pênaltis.

“Lembrando que o Lenno é um rapaz que trabalha muito, tem uma boa escola no futebol, veio muito bem recomendado e infelizmente não só ele como qualquer outro profissional tem também suas falhas. Demos ao Vinicius a oportunidade no momento devido ao Vinicius estar com mais ritmo de jogo. Fez uma partida boa e tirou dele toda aquela pressão de substituir um companheiro”, explicou Lucas Andrade.

O River se reapresentou as atividades ainda na tarde de ontem (18) e nesta quarta-feira (20) volta a campo pela Copa Piauí quando enfrenta o Piauí, às 20h, no Lindolfo Monteiro. O Galo tem sete pontos na competição e ocupa o terceiro lugar na tabela. 

16 de setembro de 2017

Treinador do River sinaliza mudanças para clássico diante Flamengo

O Galo enfrenta o Flamengo neste domingo (17), às 15h45min, no Lindolfo. A partida marca a abertura do returno

River e Flamengo medem forças novamente pela Copa Piauí sub21. A partida acontece neste domingo (17), ás 15h45min, no Lindolfo Monteiro e marca a abertura do returno da competição. O River ocupa a terceira colocação na tabela com quatro pontos e o Leão é lanterna com três pontos somados. Na lista de relacionados o treinador Lucas Andrade já deixou claro que o time deve vir com algumas mudanças.

River vem de dois resultados negativos na Copa Piauí (FOTO: Victor Costa/River AC)

O River começou a semana de forma turbulenta, pois os jogadores não se reapresentaram as atividades na terça-feira (12) devido aos salários atrasados que chegaram aos dois meses. Após a paralisação uma das folhas foi quitada.  Falando de rendimento dentro de campo o time vem de duas derrotas consecutivas e despencou na tabela.

“O momento é de união e toda essa situação tornou o grupo mais forte. Agora é Rivengo e a gente sabe que tem rivalidade é aguerrido, sabemos da capacidade que tem o adversário e das pessoas que lá estão. Temos conversado bastante com os nossos atletas e acredito que o principal é cuidar para que todos estejam bem preparados”, disse Lucas Andrade.

Para a partida o River não conta com do atacante Gleydisson , que cumpre suspensão automática e o meia Geninho, que trata o ombro. No River, além da substituição no ataque com saída de Gleydisson para entrada de Luan o camisa 1 da equipe também deve mudar com Jeferson ou Vinicius tendo oportunidade no lugar de Lenno que não vive boa fase debaixo das traves e não foi sequer relacionado para o clássico.

 

15 de setembro de 2017

Após negativa de Manoel, Joelson deve ser emprestado para futebol Árabe

O atacante Joelson vestiu a camisa do Altos esse ano e foi vice artilheiro do Piauiense. O jogador deve se apresentar ao Kazma, no Kuwait.

Após a negociação frustrada do atacante Manoel, do Altos, para o Kuwait, nos Emirados Árabes, a diretoria Alviverde segue se movimentando em busca de mandar seus atletas para o futebol do exterior. O atacante Joelson, de 29 anos, deve se apresentar a equipe do Kazma Sporting Clube até a próxima semana. Últimos detalhes da negociação estão sendo acertados pelo Diretor de Futebol do Altos, Ricardo Pereira. 

Joelson marcou oito vezes no Campeonato Piaueinse 2017 (FOTO: Jailson Soares)

O atacante chegou ao time do Altos esse ano e disputou Campeonato Piauiense, competição na qual foi vice artilheiro com oito gols marcados. O atleta também disputou a Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série D do Campeonato Brasileiro, todas essas as competições vestindo a camisa do Jacaré. Ao total, foram quinze gols marcados na temporada até então. "Vamos torcer para que faça gols como fez no Altos e de lá deve ir para o futebol de outros países", declarou Ricardo Pereira.

Joelson acredita que a negociação deve ser fechada ainda hoje (15) e se mostra ansioso para vestir a camisa do novo clube. “Até o final do dia deve ser resolvido isso e na segunda feira devemos organizar a minha ida. Vejo como uma boa oportunidade de novamente mostrar meu futebol fora daqui”, disse Joelson.

Joelson deve vestir a camisa do Kazma, do Kuwait (FOTO: Jailson Soares)

Se confirmado essa será segunda experiência de Joelson fora do pais. Em 2014, o atacante esteve na Coreia do Sul. O jogador natural de Nazaré do Piauí, município a 272km de Teresina, mas teve sua base como jogador profissional no Pernambuco. No Altos, o atleta foi uma das referências no ataque e chegou ao clube buscando um recomeço na carreira após algum tempo afastado do futebol por conta de uma lesão. No Brasil Joelson vestiu a camisa do Brasil de Pelotas, Opérario, Náutico e Santa Cruz. 

O contrato de Joelson é de nove meses, no caso, o atleta fica no clube do Emirados Árabes até maio de 2018, mas a intenção é permanecer fora do Brasil durante toda a temporada 2018. 

13 de setembro de 2017

Após paralisação, River retorna as atividades hoje pela manhã

Os atletas do Galo não treinaram ontem (12) reivindiacando os salários atrasados e também má alimentação. Diretoria nega problemas com comida.

As crises no River continuam recorrentes. Como se não bastasse a falta de resultado dentro de campo do time na Copa Piauí sub 21 pesando contra, na manhã de ontem (12) os atletas não entraram em campo para iniciar mais uma semana de treinos. O motivo segundo os atletas foi a falta de café da manhã e também os atrasos salariais que chegam há dois meses. O time retornou as atividades hoje (13) pela manhã no CT Afrânio Nunes.

Atletas não treinaram no dia de ontem (12) e reivindicam atrasos salárias (FOTO; Victor Costa)

 De acordo com o diretor, Robert Ibiapina, a parte de alimentação dos atleta não confere e ainda afirmou que o time tem parcerias para sanar isso.“Eles comem e muito bem. Temos parcerias para isso, essa parte de alimentação é comum que aconteçam algumas falhas de comunicação as vezes e falta uma coisa ou outra, mas não dessa forma como estão querendo mostrar”, disse Robert.

O diretor afirmou que os atletas retornaram as atividade normalmente hoje (13) pela manhã e que realmente o elenco está com dois meses de salário atrasados e uma dessas folhas salárias deve ser quitado ainda hoje. “O time começou a treinar no dia 17 de julho e no dia 17 de agosto fez um mês, essa folha vamos pagar ainda hoje. A outra que está em atraso deve ser resolvida até semana que vem, pois temos um patrocínio da Fundespi para receber especificamente voltado para Copa Piauí”, confirmou Robert Ibiapina.

O River se prepara para enfrentar o Flamengo no próximo domingo (17), às 15h45min, no Lindolfo. O time comandado por Lucas Andrade vive uma queda de rendimento da Copa Piauí e vem de uma derrota por 4 a 2 para o 4 de Julho, em Piripiri. 

08 de setembro de 2017

Atacante Manoel deve ser emprestado para time dos Emirados Árabes

O jogador tem contrato com o Altos até dezembro de 2018 e deve ir por empréstimo para o Kazma

O atacante Manoel, do Altos, deve vestir uma nova camisa a partir da próxima semana. O jogador pode se apresentar ao Kazma Sporting Club, no Kuwait, Emirados Árabes, na próxima terça-feira (12). O atacante tem contrato com o Altos até dezembro de 2018 e a intenção é que vá por empréstimo com a possibilidade de compra para o clube. A negociação foi acertada entre jogador, o diretor de futebol do Altos, Ricardo Pereira com o aval do presidente do clube, Warton Lacerda.

Manoel vai para o futebol da índia (FOTO: Jailson Soares)

“É uma boa oportunidade para mim até porque não passo mais tempo parado algo que querendo ou não nenhum jogador quer e também foi lucrativo para o clube do Altos. Acredito que todos ganharam”, afirmou Manoel.

Manoel, de 28 anos, chegou ao Altos em 2016 para disputar o Campeonato Piauiense ainda na “Era Lancuna” e teve bastante destaque no time Alviverde durante o Brasileiro Série D em que se sagrou artilheiro da competição com 10 gols marcados. Em 2017, o atleta também fez uma boa campanha com a camisa do clube que se sagrou Campeão Piauiense 2017 e também participou da Copa do Nordeste e Copa do Brasil, além da Série D.

"É uma grande oportunidade para ele (Manoel), focando e conseguindo fazer uma boa competição no futuro tem boa chance de fazermos uma venda e será algo lucrativo para ele e para o Altos", disse o diretor de futebol Ricardo Pereira. 

Manoel, Eduardo, Vitor Bafana e Wagner são os únicos atletas do Altos que tem contrato até 2018 e possibilidade de retorno ao time para próxima semana. Com o empréstimo, Manoel pode não fazer mais parte dessa lista de retornos.

30 de agosto de 2017

Reunião define futuro de atletas do Piauí nos Jogos Escolares

Seduc e Fundespi fazem reunião hoje para definir os gastos e quem deve custear as passagens

Os atletas do Piauí estão preparados para mais uma disputa dos Jogos Escolares da Juventude. A principal competição escolar do país. A 1ª etapa da competição (12 a 14 anos) acontece entre os dias 12 e 21 de setembro, em Curitiba e em novembro entre os dias 16 a 25 acontecem a 2ª etapa (15 a 17 anos), em Brasília. Faltando pouco menos de 15 dias para as disputas os atletas do estado vivem o impasse de não saber como irão viajar.

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) se responsabiliza pela hospedagem dos atletas, mas quem custeia as passagens é o estado e no Piauí há alguns anos a Secretária de Educação (SEDUC) se responsabilidade por mandar os atletas para disputa. Esse ano existe um impasse quanto ao pagamento das passagens entre SEDUC e Fundespi, que esse ano organizou as seletivas do estado, mas até então nada está definido quanto à viagem.

Serão quase 150 atletas do Piauí somente na primeira etapa (FOTO: Seduc)

Apesar disso, a SEDUC se pronunciou através de uma nota afirmando que vai acontecer uma reunião hoje (30) pela manhã com o objetivo de definir isso junto a Fundação de Esportes do Piauí (Fundespi).  

“A Seduc informa que, assim como todos os anos anteriores, os atletas/estudantes, técnicos e diretores irão participar da etapa nacional, que esse ano acontece em Curitiba (PR), com a primeira fase (12 a 14 anos) no período de 12 a 21 de setembro. Os últimos detalhes sobre a viagem da delegação serão definidos em reunião que acontece amanhã (30), na Fundação do Esporte do Piauí – FUNDESPI”, disse o órgão através de nota.

A intenção é mandar os atletas de avião, pois uma viagem de ônibus seria no mínimo três dias na estrada e a delegação chegaria esgotada para as competições. Ao total, o Piauí deve levar quase 150 atletas somente para essa primeira etapa da competição somando atletas das modalidades individuais e coletivas. “Estamos aguardando o retorno deles, normalmente acontece uma reunião quase sempre próximo à data de viajar para passar essas definições”, relatou o treinador da AABB Emanoel Menezes.

A capital paranaense vai receber um total de 5.125 participantes, sendo 4.408 atletas, para a disputa de 13 modalidades: atletismo, badminton, basquete, ciclismo, futsal, ginástica rítmica, handebol, judô, luta olímpica, natação, tênis de mesa, vôlei e xadrez.

Nota completa:

Sobre os Jogos Escolares da Juventude 2017, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) reconhece a importância do esporte para a vida dos estudantes e todo o benefício que ele proporciona, por isso, além de realizar atividades esportivas recorrentes, a Seduc confirma a participação da Delegação Piauiense nos Jogos Escolares da Juventde- JEJs de 2017.

A Seduc informa que, assim como todos os anos anteriores, os atletas/estudantes, técnicos e diretores irão participar da etapa nacional, que esse ano acontece em Curitiba (PR), com a primeira fase (12 a 14 anos) no período de 12 a 21 de setembro. Em Brasília (DF) acontece a segunda fase (15 a 17 anos) no período de 16 a 25 de novembro. Os últimos detalhes sobre a viagem da delegação serão definidos em reunião que acontece amanhã (30), na Fundação do Esporte do Piauí – FUNDESPI.

25 de agosto de 2017

Flamengo confirma Lancuna como novo técnico do sub 21

Nivaldo Lancuna confirmou que assume a equipe e se apresenta na segunda-feira

Após a demissão de Péricles Veloso a equipe do Flamengo anunciou a contratação de Nivaldo Lancuna como novo treinador do Flamengo para a Copa Piauí sub 21. O Rubro-Negro está se preparando para enfrentar o 4 de Julho, na próxima quarta-feira (30), às 15h45min, no Lindolfo. O time tenta se recuperar na competição após a estreia com derrota para o River por 3 a 1. Lancuna está no estado e até a última terça-feira (22) comandava o Parnahyba na disputa da Pré-Copa do Nordeste em que o time do Litoral acabou sendo eliminada.

Lancuna é o novo técnico do Flamengo sub 21 para Copa Piauí (FOTO: Jailson Soares)

O treinador confirmou o acerto e disse que se apresenta a equipe na segunda-feira (28). “Sim está tudo certinho. Foi uma conversa bem simples em que eles me fizeram uma proposta e eu fiz uma contra proposta que foi aceita pela equipe do Flamengo. Agora é trabalhar”, disse Nivaldo Lancuna.

Lancuna é conhecido no futebol do estado e esse ano passou por três equipes; Picos, Flamengo e Parnahyba, em que comandou o time por dois jogos na preliminar da Copa do Nordeste. Essa será a segunda passagem de Lancuna pelo Flamengo esse ano, já que o técnico comandou a equipe no returno do Piauiense 2017.

O treinador vai ter o desafio de garantir ao Flamengo vaga na Série D do Brasileiro. A missão será complicada, pois o time estreou com derrota e com a saída de Péricles perdeu nove jogadores que pediram o desligamento da equipe. Quatro nomes foram anunciados essa semana e durante esses dias sem treinador confirmado o Diretor de Futebol e ex-jogador Pantico esteve à frente das atividades.

A apresentação de Nivaldo Lancuna será na segunda-feira (28) e o time entra em campo na quarta-feira (30) quando encara o 4 de Julho, às 15h45min, no Lindolfo Monteiro. 

24 de agosto de 2017

Falta de suplementação prejudica atletas do Piauí; Diretoria tenta solução

“Realmente faltou um pouco mais de perna” relatou um atleta que não quis se identificar

A equipe do Piauí fez sua estreia na Copa Piauí Sub 21 no último sábado (19) e ficou no empate por 2 a 2 diante River em jogo bastante equilibrado, no Lindolfo. O resultado não foi ruim, aos olhos da comissão técnica e jogadores, mas segundo eles faltou ‘perna’ na reta final do jogo e muito se deve à atual situação de treinamentos da equipe, que atualmente treina sem nenhum tipo de suplementação.

“Realmente faltou um pouco mais de perna, talvez se o trabalho físico e os complementos estivessem em dias o resultado poderia ser sido outro. Iniciamos os treinos sem suplemento, no decorrer não tem sequer frutas para reidratar ou algo assim e quando termina não tem pós-treino também, só correr no sol não resolve”, lamentou um dos jogadores que não quis se identificar.

O Piauí ficou no empate diante o River por 2 a 2 em sua estreia na Copa Piauí (FOTO: Victor Costa)

Os atletas do Piauí ultimamente apenas treinam. O grupo não tem ajuda complementar as atividades físicas intensas realizadas ao longo da semana como suplementação e alimentação direcionada a um atleta de futebol. O Diretor de Futebol do clube, Kennedy Gomes, confirmou a falta de parceria e que a diretoria busca resolver esse problema.

“A parte física realmente pesou no decorrer do primeiro jogo e até agora não está o ideal. Estamos tentando ser mais eficaz nessa parte de suplementação, fechamos a parceria e nos próximos dias isso deve ser resolvido”, explicou Kennedy.

A suplementação adequada tem como objetivo ajudar o jogador de futebol a suportar um treinamento intenso e melhorar seus resultados com um risco menor de problemas de saúde e também de lesões. Isso não compensa a falta de habilidade ou condicionamento físico deficiente de um atleta, mas pode ajudar o jogador a potencializar seu rendimento em campo. Contribuído até mesmo na recuperação mais rápida.

As partidas da Copa Piauí Sub 21 estão acontece às 15h45min horário que em Teresina se torna ainda mais ingrato do que em qualquer outro local devido às altas temperaturas e a proximidade do tão famoso B-R-Ó Bró. Após o jogo de estreia era nítido o desgaste físico dos atletas do Piauí e alguns chegaram a deixar o campo com cãibras e dores musculares. A equipe volta campo no próximo domingo (27), às 17h, quando encara o Parnahyba, no estádio Pedro Alelaf. 

23 de agosto de 2017

Após derrota, Naylson tece criticas aos companheiros; “Se entregaram”

O Parnahyba perdeu para o CSA (AL) por 4 a 0 e deu adeus a chance de disputar Copa do Nordeste 2018

A noite de ontem (23) andou longe da ideal para a equipe do Parnahyba. No jogo de volta pela preliminar da Copa do Nordeste o time piauiense deu adeus à chance de participar da competição nordestina em 2018, e para piorar a situação o Tubarão foi goleado na casa do adversário. Jogando contra o CSA (AL), no estádio Rei Pelé, em Maceió, o Tubarão sofreu uma derrota por 4 a 0. O time piauiense fez um jogo apático e no placar agregado o time alagoano saiu do confronto com uma vitória por 5 a 0.

Ao término do jogo, o goleiro Naylson, se demonstrou aborrecido não somente com a eliminação, mas também pela postura dos seus companheiros em campo. “Teve gente que se entregou antes mesmo de terminar o jogo e futebol não pode ser assim, você tem que acreditar até o final”, ressaltou o Camisa 1.

Goleiro Naylson lamentou resultado elástico (FOTO Ailton Cruz)

O Parnahyba fez um jogo apático e se mostrava frágil em campo. No primeiro tempo a única oportunidade clara surgiu em cabeçada de Renan. Na etapa complementar, o Tubarão ainda esboçou uma reação nos primeiros 15 minutos e teve algumas chances com Gênesis e Fabinho, mas esbarrava nas falhas de finalização e no pouco poder ofensivo.

Ainda à beira do gramado, Naylson falou também sobre a derrota dentro de casa por 1 a 0, que pesou no segundo jogo. “Não conseguimos fazer o dever de casa e jogando fora fomos cobrados por isso”, acrescentou.

Com o resultado, o Parnahyba tem no calendário para temporada 2018 disputa da Copa do Brasil, além do Campeonato Piauiense. O time ainda luta para garantir vaga na Série D do Brasileiro 2018 através da Copa Piauí Sub 21, que está em andamento.  

Parnahyba é goleado por CSA e dá adeus a vaga na Copa do Nordeste 2018

O time Azulino perdeu a partida no estádio Rei Pelé por 4 a 0.

Na noite de hoje (22) a equipe do Parnahyba deu adeus a possível participação na Copa do Nordeste 2018. A derrota por 4 a 0 diante o CSA, de Alagoas, no jogo de volta no estádio Rei Pelé, em Maceió encerrou a participação do time do Litoral na preliminar do Nordestão dando vaga aos alagoanos. Na placar agregado, 5 a 0 para o CSA, que também havia vencido o primeiro jogo, no Pedro Alelaf por 1 a 0.

Parnahyba foi goleado jogando fora de casa (FOTO: Globoesporte/Alagoas) 

Um desfecho trágico para equipe Azulina dentro da competição. O time de Nivaldo Lancuna foi massacrado em campo e não mostrou nenhum poder de reação. Até os 39 minutos do primeiro tempo à partida se mostrava equilibrada até falta cobrada por Daniel Costa que teve endereço certo, as redes de Naylson. Aos 42, Edinho aparece livre na pequena área e não desperdiça ampliando a vantagem para o CSA.

Inicio de segundo tempo, à equipe do piauiense tenta ensaiar uma reação na casa do adversário e mesmo sem um setor de criação eficiente tem algumas boas bolas chegando até o atacante Gênesis que acaba desperdiçando. Com e necessidade de marcar o Azulino acabou deixando mais espaços em campo e tinha do outro lado um adversário que soube usar isso a seu favor. Assim como no primeiro tempo, os dois gols que fecharam a goleada foram marcados nos minutos finais. Daniel Costa marcou de pênalti aos 41 e três minutos depois foi a vez de Ângulo.

A equipe do CSA garantiu a classificação até a Copa do Nordeste 2018 e também junto a classificação um valor de R$ 750 mil reais nos cofres para temporada. O Parnahyba ganha R$ 250 mil reais pela participação na Pré-Copa do Nordeste. O elenco do Parnahyba embarca nesta quarta-feira (23), às 17h e deve chegar ao litoral à meia noite. 

Acidente com Lancuna

No decorrer do segundo tempo o treinador do Parnahyba, Nivaldo Lancuna, sofreu um acidente e precisou ser atendido na ambulância. Em divisão, o lateral-esquerdo, Barata acaba trombando no treinador que leva uma queda feia. Depois disso, o time piauiense ficou sendo comandado pelo preparador físico, André Otaviano, e Lancuna ficou em observação na ambulância do estádio Rei Pelé, com suspeita de rompimento no ligamento do joelho. 

Treinador Nivaldo Lancuna levou uma trombado no decorrer do jogo (FOTO: Globoesporte/Alagoas)

20 de agosto de 2017

Técnico do River lamenta empate e afirma; “A cobrança é por mais capricho"

O River ficou no empate por 2 a 2 contra o Piauí no último sábado (19). O time segue líder da competição com quatro pontos

O empate por 2 a 2 entre River e Piauí pela segunda rodada da Copa Piauí sub 21 serviu para que o treinador do Galo, Lucas Andrade, percebesse o poder de reação do seu elenco e também a forma de agir dentro de padrões diferentes de jogo. Apesar do empate, que não estava no programado, o time segue líder da competição com quatro pontos somados em dois jogos e agora vai ter uma boa folga na tabela, pois só entra em campo dia 3 de setembro quando encara o Parnahyba, às 17h, no Pedro Alelaf, em Parnaíba.

Gláucio marcou o gol de empate do River na partida (FOTO: Victor Costa/RiverAc)

A partida foi bastante movimentada. Aos quatro minutos o River abriu o marcador com o volante Dudu, de cabeça, aproveitando batida de escanteio de Marcílio. O Piauí respondeu cinco minutos depois com o atacante Romário. Ainda no primeiro tempo depois de uma discussão generalizada em campo o juiz expulsa Sanny, do River e o goleiro Matheus Ferreira, do Piauí, e as duas equipes ficam com um a menos.

“A cobrança é que falta um pouco mais de capricho. A ansiedade da estreia já passou e hoje você prepara uma situação, logo aos cinco minutos você faz um gol então você tem um domínio e minutos depois toma o gol de empate e percebemos que sentiram um pouco. É uma infelicidade tomamos outro gol e isso sim é o diferente do jogo aquilo que não esperávamos”, explicou Lucas.  

Lucas Andrade técnico do River (FOTO: Victor Costa/RiverAc)

No decorrer do jogo, Lucas Andrade optou por colocar o meia Gláucio para jogar na lateral direita e mesmo não sendo sua função de origem o atleta esteve bem em campo e foi coroado com um belo gol de falta no final da partida. “A gente trabalha forte para isso e graças as Deus eu estou sendo feliz nas finalizações e vou continuar treinando bastante isso para quando tiver oportunidade fazer mais gols”, afirmou Gláucio.

A equipe do River se reapresenta as atividades amanhã (21). O time volta a campo pela Copa Piauí no dia 3 de setembro quando enfrenta o Parnahyba, ás 17h, no Pedro Alelaf. 

16 de agosto de 2017

Após derrota, técnico do Flamengo critica diretoria; “Faltou competência”

Flamengo perdeu o clássico na Copa Piauí por 3 a 1. O time teve somente oito atletas regularizados e precisou usar jogadores do sub 19

A equipe do Flamengo conseguiu regularizar somente oito jogadores, de 26 contratados para a estreia diante o River na Copa Piauí Sub 21. Por conta disso, o time precisou completar os relacionados com jogadores que disputaram o Campeonato Piauiense Sub 19 pela equipe Rubro-Negra. O time saiu de campo com uma derrota por 3 a 1 e o treinador Péricles Veloso não economizou nas críticas aos diretores do Flamengo.

Péricles Veloso fez duras críticas a diretoria do Flamengo após derrota na Copa Piauí (FOTO; Elias Fontenele/O Dia)

“A nossa parte nós fizemos. Infelizmente tivemos contratempos de documentação. Eu acredito que em time grande como o Flamengo isso não pode acontecer, as coisas têm que ser setorizadas, são diretores que estão dentro do clube que hoje atrapalham. Coloquei jogadores em campo que nem estavam treinando aqui comigo. O próprio presidente assinou os contratos e tem pessoas prejudicando por incompetência eu acredito que se você não sabe fazer o trabalho tem que sair imediatamente”, disse Péricles após a derrota diante o River.

O Flamengo iniciou as atividades pensando na Copa Piauí há quase um mês, mas as vésperas na partida de estreia contra o River o treinador descobriu que a maioria dos seus atletas não estavam regularizados junto a CBF no Boletim Informativo Diário (BID). A situação pegou o treinador Péricles Veloso de surpresa e ele precisou modificar praticamente todo o time para partida. Apesar disso, elogiou a postura dos atletas. “Nossos atletas não tem culpa e foram guerreiros hoje”, disse.

Desfalcado, o Flamengo foi derrotado pelo River por 3 a 1 (FOTO: Elias Fontenele/O Dia)

Nervoso após o termino da partida, o treinador do Rubro-Negro ainda afirmou que houve uma discussão com o diretor de futebol Dilson ao descobrir o problema. “Houve esse bate-boca exatamente por conta da não regularização dos atletas, fizemos todo o malabarismo para poder regularizar os atletas e na hora deu nisso. Então eu peço ao presidente Tiago (Vasconcelos) que resolva porque o Flamengo é maior do que diretor que está dentro da equipe com arrogância”, finalizou Péricles.

O Flamengo agora se prepara para enfrentar o 4 de Julho em jogo válido pela 2º rodada da Copa Piauí que acontece no dia 26 de agosto, no Lindolfo

Campo Largo se apresenta pensando na disputa da Liga Nordeste de Futsal

A equipe comandada por Clemilton Miranda participa da 1ª fase da competição nos dias 26 a 30 de agosto, no Ceará.

A equipe do Campo Largo se apresentou na última segunda-feira (15) pensando na Liga Nordeste de Futsal e também na disputa do Campeonato Piauiense da modalidade. O time foi campeão do Campeonato Metropolitano no primeiro turno e agora vira a chave pensando na competição nacional, que acontece entre os dias 26 e 30 de agosto, em Horizonte, no Ceará.

Entre as novidades, o comando de Clemilton Miranda, ex-Crensa e outros nomes bastante conhecidos no futsal do estado pelas campanhas no Cajuína e Parma. Além disso, o time é de Campo Largo, cidade que fica a 175kg de Teresina, também contratou mais dois atletas do maranhão e pretende contratar mais nomes oriundos do Ceará. De início, o foco são as atividades voltadas para a parte física dos atletas.

A equipe foca na parte física nesse início de trabalho (FOTO: Jailson Soares/O Dia)

“É necessário fazer um trabalho de prevenção, pois alguns deles estavam em atividade e outros não. Estamos fazendo um trabalho de fortalecimento até mesmo pelo nível da competição que eles irão participar.  O Clemilton (treinador) pediu para focar nesse trabalho físico, pois querendo ou não a parte física tem parcela importante no trabalho final”, frisou Lenno, preparador físico da equipe.

No elenco nomes como Japonês, Carlos Recife, Richardson, todos com bastante experiência quando o assunto é quadra e bem entrosados, pois vêm de várias temporadas juntos independente da equipe. “Fizemos um bom primeiro semestre e nos preparamos bem e conquistamos o nosso objetivo que era ser campeão do metropolitano e acredito que fomos mais além, pois fomos campeões invictos. Agora segundo semestre bem mais difícil e nos reforçamos bem”, disse Japonês.

Campo Larga vai representar o Piauí na Liga Nordeste de Futsal (FOTO: Jailson Soares/O Dia)

Richardson também acredita que o time tem tudo para conseguir melhores resultados nas competições nacionais, no caso, a Liga Nordeste. “Estamos trabalhando firme para conseguir um bom resultado para cidade de Campo Largo e o estado do Piauí. Temos experiência na competição e em 2016 não avançamos por detalhes, agora, é conseguir avançar e conseguir nossos objetivos”,comentou Richardson jogador.

Além do Campo Largo, a equipe do JES também irá representar o Piauí na Liga Nordeste de Futsal. 

14 de agosto de 2017

Norte-Nordeste de jiu jitsu reúne mais de 600 atletas em Teresina

A competição aconteceu neste fim de semana em Teresina e teve atletas de 10 estados brigando por pódio

Teresina foi sede da segunda etapa do Campeonato Norte Nordeste de Jiu-jitsu. A competição reuniu mais de 600 atletas de dez estados brigando por pódio. Na disputa por equipes, o primeiro lugar ficou com a Delta Gold Team, seguida pelo QG da Luta, ambos do Piauí. O Zenith, do Maranhão, garantiu o terceiro lugar no pódio. O Norte-Nordeste é dividido em três etapas. O campeão de cada categoria conquista vaga no Mundial Europeu.

“Todos se fizeram presentes e um evento como esse faz com que os próprios atletas se conheçam melhor e esse é um dos objetivos do Norte-Nordeste. Além disso, premiar os atletas, pois é uma forma de reconhecimento”, frisou o presidente da Federação Piauiense de Jiu-jitsu e organizador do evento, Gabriel Souto Maior.

Entre as equipes que tiveram uma boa quantidade de inscritos e de atletas no pódio, estava o Quartel General da Luta, com 80 competidores. Um dos destaques foi a lutadora Ana Luiza Oliveira, que subiu ao pódio duas vezes e fez sua estreia na faixa roxa. “Foi gratificante porque fiz minha estreia na faixa roxa e estava bastante nervosa e ansiosa, até mesmo porque eu era uma das mais graduadas e fui literalmente caçada no tatame”, comentou Ana Luiza. 

Ana Luiza Oliveira foi um dos destaques entre as mulheres (FOTO: Elias Fontenele)

Alguns visitantes acabaram se dando muito bem na competição, caso do Maranhense Alef Britto, que conquistou seis medalhas de ouro em seis categorias; absoluto leve, absoluto pesado, absoluto sem pano, categoria leve, categoria médio e até 75kg sem pano.

Outro nome que também se sobressaiu foi o faixa preta Hérico Hesley, de Sobral, que representou a Nova União (CE) e foi campeão categoria pesadíssimo e absoluto. “O nível muito forte, desde a primeira etapa lá em Fortaleza. Fiz três lutas em cada categoria e venho fazendo um trabalho muito forte que está dando resultados e o objetivo principal é garantir a vaga no Europeu”, disse Hérico.

CSA faz treino no Albertão, ás vésperas de partida contra o Parnahyba

O time alagoano visita o Parnahyba pelo primeiro jogo da Pré-Copa do Nordeste que acontece amanhã (15), às 21h.

A equipe do CSA (AL) já está no Piauí para a primeira partida contra o Parnahyba pela Pré-Copa do Nordeste que acontece amanhã (15), às 21h, no estádio Pedro Alelaf. As duas equipes brigam por uma vaga na Copa do Nordeste 2018 e fazem dois jogos. O primeiro amanhã e o jogo de volta será no dia 22 de agosto, no estádio Rei Pelé, em Maceió. O CSA optou por treinar no estádio Albertão na manhã de hoje (14) e chega em Parnaíba somente para partida. 

No histórico, o CSA leva a melhor em cima das equipes piauienses. Em 2016, eliminou o próprio Parnahyba e também o Altos do Campeonato Brasileiro Série D. Apesar do retrospecto positivo, os alagoanos não aceitam o favoritismo e o treinador Ney da Matta faz questão de frisar que isso não entra em campo. 

"Cada jogo tem sua história, a gente sabe que isso aí é passado. Estatistica fica para quem gosta de guardar e eu não guardo isso, eu trabalho cada dia e sei das dificuldades que é. Temos agora um outro Parnahyba pela frente, com outros jogadores e teremos uma dificuldade enorme", disse Ney da Matta. 

Entre os jogadores o discurso também é bastante cauteloso. A CSA optou por treinar no estádio Albertão, em Teresina e chegando em Parnaíba a equipe não vai fazer reconheciemnto de gramado, mas o lateral-esquerdo Raul sabe que vai encontrar um campo bem diferente do que treinaram hoje (14). " Sabemos o quanto é dificil jogar aqui por conta da temperatura. Fizemos esse treino aqui (no Albertão) mais com o intuito de movimentar um pouco mais, pois viemos de uma viagem longa, mas a gente sabe que o palco do jogo é bem diferente", conta Raul, lateral-esquerdo. 

O treinador Ney da Matta acredita que se o time do CSA seguir a obediência tática que vem colocando em campo na disputa da Série C do Brasileiro, em que a equipe é líder do seu grupo com 27 pontos vai sair do estádio Pedro Alelaf com uma boa vantagem para o segundo jogo. "Se a gente conseguir ser responsável taticamente temos tudo para fazer um grande jogo", finalizou o técnico. 

O jogo entre Parnahyba e CSA (AL) acontece amanhã (15), às 21h, no estádio Pedro Alelaf, em Parnaíba. O jogo de volta será no dia 22 de agosto, no Rei Pelé, em Maceió. 

13 de agosto de 2017

Ex-Seleção é contratado para comandar time piauiense na Liga Nordeste

Clemilton Miranda será o treinador do Campo Largo na disputa da Liga Nordeste de futsal

O treinador Clemilton Miranda, que estava na equipe do Landim Futsal, será o novo técnico do Campo Largo Futsal. A equipe vai se apresenta nesta segunda-feira (14), a partir das 18h, no Ginásio de Esportes da UFPI, a equipe recentemente se sagrou campeã metropolitana, quando garantiu vaga na Liga Nordeste, que acontece nos dias 26 a 30 de agosto em Horizonte, no Ceará.

Clemilton Miranda vai comandar o Campo Largo durante a Liga Nordeste (FOTO: Jailson Soares)

O Campo Largo apostou em uma formação com atletas bastante conhecidos da região e com passagens por clubes do estado. Alguns nomes fizeram uma boa temporada 2016 pelo Parma, equipe que foi desmanchada em 2017. Além disso, o comando será de Clemilton Miranda, que tem no currículo titulo de tricampeão paulista, campeão gaúcho, bicampeão sul-americano com a seleção brasileira como jogador e nos últimos anos vem conquistando títulos importantes no futsal do estado.

O Campo Largo Futsal No mesmo ano de sua fundação tornou-se campeão do 1º turno do Campeonato Piauiense, atingindo o primeiro objetivo de se tornar reconhecido no meio esportivo na capital e em todo estado, desde então vem atingindo seus objetivos e sempre ficando entre os finalistas e conquistando títulos importantes como Vice-campeão Piauiense 2015, Campeão do circuito Piauí/Maranhão 2015, e atualmente o Campeão do Campeonato Metropolitano 2017,onde conquistou o direito pra representar o Piauí na liga nordeste e copa do Brasil de futsal em 2017.

O Campeonato Piauiense esta previsto para iniciar em setembro e a liga nordeste será no período de 26 a 30 de setembro na cidade de Horizonte (CE). Além do Campo Largo, o Piauí também vai ter o JES como representante nas disputas, após a desistência do Sampaio Corrêa. 

08 de agosto de 2017

Manoel e zagueiro Bafana do Altos podem reforçar time da Série B

Os dois atletas devem reforçar o Boa Esporte (MG) na disputa da Série B. Os jogadores tem contrato com o Altos até final de 2018.

Após a eliminação no Campeonato Brasileiro Série D a maioria dos jogadores do Altos estão de férias aguardando a temporada 2018. Mas alguns nomes do elenco podem ganhar nova casa durante esses últimos meses do ano. É o caso do atacante Manoel e do zagueiro Vitor Bafana, que tem contrato com o Jacaré até dezembro de 2018 e podem reforçar o Boa Esporte na disputa do Brasileiro Série B.

Camisa 9 Manoel deve ir para o Boa Esporte (MG) por emprestimo (FOTO: Jailson Soares)

"O Vítor já se apresenta hoje ao Boa, no caso, do Manoel estamos ajustando os últimos detalhes e tem grande possibilidade de que ele também se apresenta ao time. Para todos acaba sendo um bom negócio já que os meninos estão parados em casa", explicou o Supervisor de Futebol Ricardo Pereira.  

Os dois atletas foram titulares absolutos na temporada e peças fundamentais na campanha do time altoense, que esse ano conquistou o titulo de Campeão Piauiense 2017 e tem no calendário do ano que vem vaga garantida nas principais competições nacionais que o estado pode oferecer; Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série D do Brasileiro 2018. De acordo com Ricardo Pereira todos os atletas vão por empréstimo. 

Zagueiro Vitor Bafana se apresenta hoje (8) ao time mineiro (FOTO: Jailson Soares)

"Os dois nomes vão com a possibilidade de compra caso eles paguem a multa rescisória dos atletas. Mas de inicio o objetivo é movimentar os atletas que temos e assim fazer negocio dando lucro também para o time", frisa Ricardo.

Além de Bafana e Manoel, o volante Wagner e o atacante Eduardo também tem contrato com o Altos até o final de 2018 e caso surjam boas propostas os atletas podem ser negociados. Os dois atletas serão emprestados para a equipe mineira com a possibilidade de compra. O Boa Esporte atualmente ocupa a oitava colocação na tabela da Série B, com 28 pontos somados. 

Manoel e Bafana do Altos devem ser emprestados para time da Série B

Os dois atletas devem reforçar o Boa Esporte (MG) até o final desse ano por empréstimo

Após a eliminação no Campeonato Brasileiro Série D a maioria dos jogadores do Altos estão de férias aguardando a temporada 2018. Mas alguns nomes do elenco podem ganhar nova casa durante esses últimos meses do ano. É o caso do atacante Manoel e do zagueiro Vitor Bafana, que tem contrato com o Jacaré até dezembro de 2018 e podem reforçar o Boa Esporte na disputa do Brasileiro Série B. 

"O Vítor (Bafana) se apresenta ainda hoje ao Boa, no caso do Manoel eles têm interesse também no atleta e até amanhã resolvemos esses detalhes e pode ser que seja fechado. Para o Altos é interessante, pois os atletas estão em casa e ficando em movimentação chegam melhor para pré temporada.  Todos os dois nomes vão com possibilidade de de venda se o clube estiver disposto a pagar a multa rescisória", explica o Supervisor de futebol do Altos Ricardo Pereira. 

Os dois atletas foram titulares absolutos na temporada e peças fundamentais na campanha do time altoense, que esse ano conquistou o titulo de Campeão Piauiense 2017 e tem no calendário do ano que vem vaga garantida nas principais competições nacionais que o estado pode oferecer; Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série D do Brasileiro 2018. 

Além de Manoel, Vítor Bafana os jogadores Eduardo, Wagner e Alex Mineiro que está emprestado ao Parnahyba tem contrato com o Altos até dezembro de 2018 e segundo Ricardo Pereira tem a possibilidade de empréstimo caso existam clubes interessados. "É bom para o clube e é um dos objetivos do Altos conseguir ter lucro com a venda e negociação de atletas, mas até então todos esses nomes que vão é com empréstimos te o final desse ano somente é depois eles voltam para equipe", frisa. 

Os dois atletas serão emprestados para a equipe mineira com a possibilidade de compra. O Boa Esporte atualmente ocupa a oitava colocação na tabela da Série B, com 28 pontos somados. 

Manoel e Bafana do Altos devem ser emprestados para time da Série B

Os dois atletas devem reforçar o Boa Esporte (MG) até o final desse ano por empréstimo

Após a eliminação no Campeonato Brasileiro Série D a maioria dos jogadores do Altos estão de férias aguardando a temporada 2018. Mas alguns nomes do elenco podem ganhar nova casa durante esses últimos meses do ano. É o caso do atacante Manoel e do zagueiro Vitor Bafana, que tem contrato com o Jacaré até dezembro de 2018 e podem reforçar o Boa Esporte na disputa do Brasileiro Série B. 

"O Vítor (Bafana) se apresenta ainda hoje ao Boa, no caso do Manoel eles têm interesse também no atleta e até amanhã resolvemos esses detalhes e pode ser que seja fechado. Para o Altos é interessante, pois os atletas estão em casa e ficando em movimentação chegam melhor para pré temporada.  Todos os dois nomes vão com possibilidade de de venda se o clube estiver disposto a pagar a multa rescisória", explica o Supervisor de futebol do Altos Ricardo Pereira. 

Os dois atletas foram titulares absolutos na temporada e peças fundamentais na campanha do time altoense, que esse ano conquistou o titulo de Campeão Piauiense 2017 e tem no calendário do ano que vem vaga garantida nas principais competições nacionais que o estado pode oferecer; Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série D do Brasileiro 2018. 

Além de Manoel, Vítor Bafana os jogadores Eduardo, Wagner e Alex Mineiro que está emprestado ao Parnahyba tem contrato com o Altos até dezembro de 2018 e segundo Ricardo Pereira tem a possibilidade de empréstimo caso existam clubes interessados. "É bom para o clube e é um dos objetivos do Altos conseguir ter lucro com a venda e negociação de atletas, mas até então todos esses nomes que vão é com empréstimos te o final desse ano somente é depois eles voltam para equipe", frisa. 

Os dois atletas serão emprestados para a equipe mineira com a possibilidade de compra. O Boa Esporte atualmente ocupa a oitava colocação na tabela da Série B, com 28 pontos somados. 

Manoel e Bafana do Altos devem ser emprestados para time da Série B

Os dois atletas devem reforçar o Boa Esporte (MG) até o final desse ano por empréstimo

Após a eliminação no Campeonato Brasileiro Série D a maioria dos jogadores do Altos estão de férias aguardando a temporada 2018. Mas alguns nomes do elenco podem ganhar nova casa durante esses últimos meses do ano. É o caso do atacante Manoel e do zagueiro Vitor Bafana, que tem contrato com o Jacaré até dezembro de 2018 e podem reforçar o Boa Esporte na disputa do Brasileiro Série B. 

"O Vítor (Bafana) se apresenta ainda hoje ao Boa, no caso do Manoel eles têm interesse também no atleta e até amanhã resolvemos esses detalhes e pode ser que seja fechado. Para o Altos é interessante, pois os atletas estão em casa e ficando em movimentação chegam melhor para pré temporada.  Todos os dois nomes vão com possibilidade de de venda se o clube estiver disposto a pagar a multa rescisória", explica o Supervisor de futebol do Altos Ricardo Pereira. 

Os dois atletas foram titulares absolutos na temporada e peças fundamentais na campanha do time altoense, que esse ano conquistou o titulo de Campeão Piauiense 2017 e tem no calendário do ano que vem vaga garantida nas principais competições nacionais que o estado pode oferecer; Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série D do Brasileiro 2018. 

Além de Manoel, Vítor Bafana os jogadores Eduardo, Wagner e Alex Mineiro que está emprestado ao Parnahyba tem contrato com o Altos até dezembro de 2018 e segundo Ricardo Pereira tem a possibilidade de empréstimo caso existam clubes interessados. "É bom para o clube e é um dos objetivos do Altos conseguir ter lucro com a venda e negociação de atletas, mas até então todos esses nomes que vão é com empréstimos te o final desse ano somente é depois eles voltam para equipe", frisa. 

Os dois atletas serão emprestados para a equipe mineira com a possibilidade de compra. O Boa Esporte atualmente ocupa a oitava colocação na tabela da Série B, com 28 pontos somados. 

31 de julho de 2017

Manoel fala em permanência no Altos para 2018, artilharia e mais títulos

O atacante afirma que a eliminação na Série D do Brasileiro acabou sendo a maior frustração do ano

Com a camisa do Altos, Manoel tem 25 gols marcados (FOTO: Jailson Soares)

Cinquenta e seis jogos e 25 gols marcados. Esse é o saldo do atacante Manoel em duas temporadas com a camisa do Altos. O camisa 9 do Jacaré faz parte da história do clube que surgiu oficialmente em 2015 quando começou a disputar o Campeonato Piauiense. Um ano após conquistar o acesso para elite do futebol piauiense, o time estava na Série D do Campeonato Brasileiro. E lá estava Manoel, que na temporada 2017 fez parte do elenco que conquistou o Piauiense e foi eliminado precocemente da quarta divisão. A eliminação, aliás, é um dos dissabores.  “Acabou sendo maior frustração do ano”, disse em entrevista ao Jornal O DIA. 

De Goiânia, onde mata a saudade da família – em especial da filha Maria Eduarda de 1 ano e seis meses –, Manoel faz um balanço da temporada 2017, fala sobre o futuro e diz que espera, em 2018, fazer uma temporada tão boa quanto a de 2016, quando foi artilheiro do Jacaré na Série D do Brasileiro. Confira: 

Saldo da temporada 2017 com a camisa do Altos? 

Para mim, não foi tão bom. Já para o clube foi bom, mas poderia ter sido ainda melhor com a conquista do acesso até a Série C. Conquistamos o titulo de Campeão Piauiense 2017, o primeiro titulo na primeira divisão do time. Conseguimos passar de fase na Copa do Brasil e fomos eliminados na segunda fase nos pênaltis. Fomos eliminados na fase de grupos da Copa do Nordeste, mas sofremos apenas uma derrota. Acredito que a Série D acabou sendo maior frustração do ano, mas isso faz parte é coisa do futebol. 

Uma terceira temporada no Altos ou novas possibilidades? 

Vou permanecer na equipe. Eu tenho contrato até o final de 2018 e minha intenção é cumprir o contrato por completo. 

O Altos, mesmo sem grandes conquistas, cresceu bastante nesses nos últimos dois anos. Você se sente um pouco responsável por isso? 

Sim, eu me sinto um pouco responsável. É um clube que eu me identifico bastante e aprendi a gostar. Warton (Lacerda, presidente) me deu a oportunidade de mostrar meu trabalho e, aos poucos, o time vem crescendo bastante e eu estou ajudando a construir essa historia de alguma forma. Vim para o Piauí em 2016, depois do convite do treinador Nivaldo Lancuna, que conheceu meu futebol no Grêmio Anápolis (de Goiás). Ele me deu uma primeira oportunidade. De lá para cá, as coisas estão dando certo. 

Se arrepende de não ter saído do Altos em 2016? 

Não, não me arrependo. 

Ainda restam alguns meses, quais os planos?

Surgiram algumas oportunidades e propostas, mas por enquanto a intenção é ficar em casa, descansar um pouco e passar mais tempo com meus familiares e principalmente minha filha já que passei muitos meses sem ver ela. 

Desafios pessoais ou metas para 2018? 

Eu assumo que, para mim, esse ano não foi dos melhores. Tive uma lesão na coxa e algumas outras musculares que atrapalharam bastante. Mas me espelho no ano de 2016 em que fui artilheiro do Campeonato Brasileiro Série D, com 10 gols, e principalmente fazendo boas atuações. Foi um ano muito bom para mim pessoalmente tanto que me rendeu muitas propostas e visibilidade. Quero voltar a ter essa regularidade em campo para 2018 e buscar artilharia em todos os campeonatos que participar vestindo a camisa do Altos na temporada. Esse é o objetivo e, por consequência, isso vai ajudar o time com vitórias. 

Algum jogo ou gol preferido com a camisa do Altos? 

Este ano teve um gol que acabou marcando bastante para mim que foi contra o 4 de Julho. Eu estava voltando de uma lesão e há muitos jogos sem marcar, algo que não é comum para mim - e eu acabo me cobrando bastante quanto a isso. Existia uma pressão. Marquei o gol da vitória do Altos contra o 4 de Julho, sai do jejum de gols e o time ainda garantiu vaga na final do segundo turno do Campeonato Piauiense, foi um momento importante. Agora jogo eu prefiro o contra o CRB (de Alagoas) em que a gente conseguiu passar de fase na Copa do Brasil. Foi marcante e falo pelo todo, pois foi uma grande partida do grupo.