• Anuário 2017
  • Unimed
  • assinatura jornal

Notícias Pelo Piauí

05 de janeiro de 2017

Após encontrar prédios sucateados, prefeito decreta emergência

Decreto prevê 90 dias para início dos trabalhos

DEU NO JORNAL O DIA DESTA QUINTA-FEIRA - Página Piauí.

Passadas as eleições, a posse, é hora de encarar a responsabilidade de gerir o município, esta é a realidade dos mais de 5 mil gestores eleitos em todo o Brasil. No Piauí, vários prefeitos, em especial os que estão assumindo o poder público pela primeira vez tem reclamado da situação em que estão recebendo o município.

Contas vazias, desaparecimento de móveis, objetos, documentos e frotas sucateadas... Estas são as principais queixas dos novos gestores piauienses, que agora, precisam “colocar a casa em ordem” antes de começarem a trabalhar realmente.

No município de São Pedro do Piauí, (localizado à 106 km de Teresina) o prefeito eleito e empossado José Maria de Aquino, popularmente conhecido como Júnior Bill, se viu obrigado a decretar estado de emergência no município logo no segundo dia de gestão.

Em documento publicado no Diário Oficial dos Municípios no dia 02 deste mês, o gestor alega que é impossível gerir com a situação em que encontrou a prefeitura e demais órgãos municipais. Ele cita que todos os órgãos estariam desaparelhados, as repartições públicas estariam sem as instalações necessárias, sem falar dos prédios públicos (escolas, postos de saúde, hospital, sede da prefeitura e outros) que estariam necessitando de reformas e reparos imediatos.

Júnior Bill citou ainda no decreto o péssimo estado de conservação da frota de veículos do município, a ausência de serviços de informática e processamento de dados municipais. Com isso os gestores da administração de São Pedro estariam impossibilitados de trabalhar, uma vez que o banco de dados relativos às áreas de administração, finanças, saúde e educação municipais não existem, dificultando decisões gerenciais e o planejamento de ações administrativas. 

O gestor e toda a população ficaram atônitos com a forma que foi entregue o município. “O hospital e os postos de saúde estão sem funcionar há mais de três meses pois falta tudo, medicamentos, equipamento e até alimentação. A coleta de lixo também está parada, o que resultou em um acúmulo insuportável de lixo pelas ruas da cidade”, destaca Júnior Bill. Para o prefeito de São Pedro e sua equipe, o objetivo agora certamente é tentar, em pouco tempo organizar toda a bagunça.

Imagem da sede do Cras no município de São Pedro

O decreto assinado pelo prefeito tem o prazo de 90 dias e vale para todo o território municipal. Nossa reportagem tentou contato (via telefone) com o ex-prefeito Raimundo Ferreira para falar sobre o assunto, porém as tentativas até o fechamento desta matéria foram sem sucesso. 

04 de janeiro de 2017

Caju Bossa promove encontro do design com a gastronomia e a música

Caju Bossa promove encontro do design com a gastronomia e a música em Barra Grande

Uma mistura de aldeia de pescadores com as delícias dos novos tempos. Assim podemos resumir os atrativos da praia de Barra Grande, localizada no município de Cajueiro da Praia. Além das belezas naturais, o local atrai turistas de todo o mundo pelas suas pousadas e restaurantes, que além do caráter rústico, proporcionam beleza, tranquilidade e condições especiais para esportes como o kitesurf e o ecoturismo.

Festival promove experiência gastronômica Slow Food( Foto: Ascom Secult)

E será neste paraíso que o Governo do Estado e a Prefeitura de Cajueiro da Praia irão realizar o Caju Bossa, de 19 a 21 de janeiro de 2017, na praça da igreja de Barra Grande. O evento promoverá o encontro do design com as novidades da gastronomia mundial e o melhor da música piauiense. Entre as atrações musicais irão se apresentar Soraya Castello Branco, Joyce Moreno, Carol Costa & Jazz no Fole, além de danças típicas do município de Cajueiro da Praia.

“O Caju Bossa será um momento em que moradores e visitantes poderão apreciar a cultura local, bem como as tendências mundiais em torno da arquitetura e da gastronomia”, pontua o arquiteto Júlio Medeiros, um dos idealizadores do evento.

O Caju Bossa é uma realização de Interaudio & Piauí Cultural; com patrocínio da Secretaria Estadual da Cultura (Secult), via Sistema Estadual de Incentivo à Cultura (Siec) e Prefeitura de Cajueiro da Praia; com apoio do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Piauí (Sebrae), Anjos do Sertão e Cachaça Lira.

“Barra Grande, hoje, é um grande polo turístico do nosso estado e nós temos que incentivar cada vez mais essa expansão por meio da cultura aliada também a outras áreas”, afirma o secretário estadual da Cultura, Fábio Novo.

Gastronomia Slow Food

A Chef Ellen Galego vai ministrar uma Master Class de Gastronomia durante o evento, tendo como foco o slow food, que se opõe à tendência de padronização do alimento no mundo, além de defender a necessidade de que os consumidores estejam bem informados, se tornando co-produtores.

Caju Bossa promove encontro do design com a gastronomia e a música em Barra Grande( Foto: Ascom Secult)

Ellen faz parte do movimento mundial Slow Food, que tem como princípio básico o direito ao prazer da alimentação, utilizando produtos artesanais de qualidade especial, produzidos de forma que respeite tanto o meio ambiente quanto as pessoas responsáveis pela produção. Seus componentes realizam palestras, oficinas e cursos ao redor do mundo e Barra Grande será o próximo destino do movimento.

Programação

19 de janeiro
20h – Palestra "Design & Paisagem", com Tothe Ibiapina & Luiz Vieira

20 de janeiro
10h - Master Class de Gastronomia com a Chef Ellen Galego
19h30 - Danças típicas de Cajueiro
21h - Soraya Castello Branco
22h30 - Joyce Moreno

21 de janeiro
10h - Master Class de Gastronomia na Pousada Manati
19h30 - Danças típicas de Cajueiro da Praia
21h - Carol Costa & Jazz no Fole
22h30 - Ferdinand Melo & Tiago Almeida

03 de janeiro de 2017

Municípios são contemplados com sinalização viária

Municípios são contemplados com sinalização viária

O Departamento Estadual de Trânsito do Piauí (Detran-PI) implantou a sinalização viária em quatro municípios do estado em 2016. Água Branca, Castelo, Valença e Corrente receberam o serviço, que tem objetivo de padronizar e organizar o trânsito das cidades, orientando e permitindo melhor trafegabilidade nas vias urbanas, proporcionando, assim, mais segurança aos pedestres e motoristas.

“A sinalização traz uma série de vantagens, pois ajuda no dia a dia dos cidadãos, garante mais segurança, uma melhor orientação. Além de contribuir para a valorização à vida, prevenindo acidentes de trânsito. Estamos planejando a implantação desse serviço em todo o Piauí”, explica o diretor-geral do órgão, Arão Lobão.

As obras de sinalização são planejadas e executadas de acordo com o Manual Brasileiro de Sinalização de Trânsito do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), com demarcações nas vias, instalação de novas placas de trânsito em diversas ruas, pintura de faixas, dentre outros serviços.

As cidades ondes os serviços foram entregues, receberam placas nas vias, pintura de faixas de pedestre, de estacionamento e advertências implantadas. "A sinalização adequada, somada às ações educativas que são realizadas constantemente nas cidades, traz desenvolvimento, conforto e qualidade de vida à população, além de contribuir para a diminuição de acidentes”, ressalta o diretor.
Outros municípios já contemplados pela sinalização viária foram: Pedro II, Luís Correia e Oeiras.

Reformas

Além da implantação de sinalização viária, o Detran já mostrou outros bons resultados, como por exemplo, implementação de serviços nas unidades do órgão nas cidades de Floriano, Uruçuí, Guadalupe, Simplício Mendes e a instalação do posto de atendimento no Espaço da Cidadania no Shopping Rio Poty.

Além da reforma da 10ª Ciretran do município de Corrente, onde foram adquiridos novos equipamentos de informática e o mobiliário foi todo renovado, a fim de proporcionar uma melhor condição de trabalho aos servidores e qualidade no atendimento aos usuários.

O prédio David Solano, local onde são realizadas as provas práticas para obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) em Teresina, também está passando por reforma. Lá, está sendo feita a pavimentação do espaço de provas, implantação de lombadas e delimitação para estacionamento, além da sinalização vertical e horizontal.