• Eletrobás
  • VIP TAXI teresina
  • bbrock
  • assinatura jornal
Pelo Piauí

Projeto Boca da Noite chega a Corrente e Bom Jesus

Projeto Boca da Noite chega a Corrente e Bom Jesus

25/05/2017 10:13h

O projeto Boca da Noite, que completa 20 anos em Teresina, agora chega a mais nove cidades piauienses. Nesta sexta-feira (26), é a vez da cidade de Corrente receber o projeto, que será aberto, a partir das 20h, com show do cantor Hermes Tuxaua, em frente ao Centro Cultural Coronel Benjamim José Nogueira. No sábado (27), o Boca da Noite estreia em Bom Jesus, com show de “Valadão Sertanejo”, a partir das 20h, no Espaço Cultural Mestre Joaquim Carlota.

Hermes Tuxaua se denomina um cantor regional que se apresenta especialmente em palcos alternativos, com canções autorais. Nas composições, ele fala da cultura local e do meio ambiente. Em março de 2013, Hermes lançou o CD “Baú de Cantoria”, que traz onze faixas, acompanhadas de viola e violão, com destaque para as músicas: Os gnomos, H2O, O barba ruiva, O tacho do tempo e Rokião. Além disso, Hermes Tuxaua também lançou o álbum “Alquimia”.

Já, à frente da banda “Valadão Sertanejo” está o músico Valadares Veras dos Santos, natural do Pará. Depois de tocar em várias bandas da região, o cantor decidiu iniciar uma carreira solo no Piauí, com a criação da Valadão Sertanejo. A música entrou na vida do cantor quando ele tinha ainda 14 anos de idade. Depois disso, Valadares ingressou numa escola de música e logo foi selecionado para tocar em bandas regionais, entre elas, a banda Sedução do Calypso. Durante a passagem pela banda “Alterados do forró”, ele teve a oportunidade de viajar para vários estados, como Maranhão, Tocantins e Mato Grosso.

Depois de um tempo longe dos palcos, ele decidiu, junto com os músicos que fazem parte da banda, iniciar uma carreira solo e hoje se apresenta na cidade de Bom Jesus e região. No repertório que irá apresentar no show do projeto Boca da Noite, músicas de autoria do cantor, além de sucessos da música sertaneja, como “Flor e o beija flor”, de Henrique e Juliano, e “Aí já era”, de Jorge e Mateus.

O projeto Boca da Noite já é realizado em Teresina há 20 anos e em 2017 se expandiu para outras cidades como Parnaíba, Piripiri, União, Floriano, Oeiras, Picos, São Raimundo Nonato, Bom Jesus e Corrente. Os shows são realizados todas as quartas-feiras em Teresina, e uma vez por mês nas demais cidades do interior.

O Boca da Noite é uma realização do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult). Cada banda ou artista selecionado recebe o equivalente a R$ 2 mil pelo show. Entre os critérios avaliados, está a presença, no repertório, de 60% de músicas autorais ou de compositores piauienses.

Fonte: Ccom

Deixe seu comentário