• VIP TAXI teresina
  • bbrock
  • assinatura jornal

Tenista nascida no dia do 1º prêmio de Guga é campeã de Roland Garros

Jelena Ostapenko, da Letônia, desbanca favorita Simona Halep, e assim como Gustavo Kuerten em 1997 conquista seu primeiro título profissional no saibro francês

10/06/2017 13:40h

Ela nasceu no mesmo dia em que Gustavo Kuerten conquistou o primeiro título de Roland Garros, no dia 8 de junho de 1997. Vinte anos e dois dias depois, a letã Jelena Ostapenko supreendeu a favorita Simona Halep, e assim como Guga conquistou seu primeiro título profissional no saibro francês ao vencer por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 6/4 e 6/3 em 1h59.

Número 47 do mundo, Ostapenko tornou-se a primeira campeã de Roland Garros não cabeça de chave desde 1933. Ela teve pela frente a romena terceira favorita e número quatro do mundo, que já havia perdido a decisão do Aberto da França em 2014 para Maria Sharapova. Para Halep também estava em jogo o número 1 do ranking mundial, que alcançaria se chegasse ao título.

- Não posso acreditar que com apenas 20 anos sou campeã de Roland Garros! Amo jogar neste lugar! - disse a letã depois do jogo, antes de levantar o troféu meio desajeitada.

O jogo

Nova estrela do tênis, Ostapenko manteve o seu jogo agressivo. Alcançou 54 winners contra 8 de Halep. Como arriscou mais, cometeu muito mais erros não forçados: 54 contra 10 da romena, que teve que jogar na defensiva. Em um começo fulminante, a letã quebrou de 0 o saque da adversária. A romena explorou os erros da jovem para devolver a quebra na sequência. A letã chegou à nova quebra no quinto game caprichando nos winners, mas assim como no início do set teve a quebra devolvida pela romena logo em seguida, com Halep vencendo pontos mais longos. Ostapenko ficou perto de uma nova quebra, mas foi contida pela adversária. Bem na devolução, a romena chegou à vitória no set quebrando novamente a letã.

No início do segundo set, Halep saiu de um 0-40, forçou o saque, viu a adversária errar e evitou a desvantagem. Mais sólida e agressiva, a romena abriu 3/0. A letã ficou perto de perder mais um game, mas começou a reagir. Também agressiva, forçou o erro da adversária e subindo à rede virou o jogo para 4/3. Quando sacava para ampliar a vantagem, a letã errou mais e foi novamente quebrada. Ostapenko não desanimou. Pressionou a devolução da romena, quebrou o serviço e serviu para o set empatando o jogo com um winner de foreheand.

Halep devolveu bem o saque de Ostapenko e aproveitou os erros da adversária para quebrar o serviço e abrir 3/1 no terceiro set. A letã respondeu logo em seguida, caprichando no foreheand, buscando o empate. A sorte estava do lado de Ostapenko. Ela virou o placar para 4/3 com nova quebra em devolução que ia para fora, bateu na fita e caiu caprichosamente na quadra da romena. Ostapenko suportou bem a pressão na hora decisiva, voltou a devolver bem o saque da advesária e chegou ao título com nova quebra, para fechar em 6/3.

A campanha de Jelena Ostapenko em Roland Garros:

Primeira rodada: 4/6, 6/3 e 6/2 sobre Louisa Chirico (EUA, 128ª) 

Segunda rodada: 6/3 e 6/2 em Monica Puig (PUR, 41ª)

Terceira rodada: 6/1 e 6/4 sobre Lesia Tsurenko (UCR, 42ª)

Quarta rodada: 2/6, 6/2 e 6/4 sobre Samantha Stosur (AUS, 22ª)

Quartas de final: 4/6, 6/2 e 6/2 sobre Caroline Wozniacki (DIN, 12ª)

Semifinal: 7/6 (4), 3/6 e 6/3 sobre Timea Bacsinszky (SUI, 31ª)

Final: 4/6, 6/4 e 6/3 sobre Simona Halep (ROM, 4ª)

Fonte: Globoesporte.com

Deixe seu comentário