• VIP TAXI teresina
  • bbrock
  • assinatura jornal

Notícias Gilbués

23 de junho de 2017

AVEP realizou o V Encontro de Presidentes de Câmaras e Vereadores

O encontro foi realizado no auditório da câmara municipal da cidade de Bom Jesus-PI na manhã desta quinta-feira (22).

Foi realizado na manhã de hoje (22) no auditório da câmara municipal da cidade de Bom Jesus-PI, o quinto encontro de Presidentes de Câmaras e Vereadores (As), Tesoureiros e Controlador das Câmaras.

O encontro que contou com a presença do Dr. Ronnivom Sousa Lima – Presidente da Avep, Dr. Vilmar Barros Miranda – Auditor Fiscal de Controle Externo do TCE, Dr. Alisson Felipe de Araújo – Conselheiro substituto do TCE-PI, DR. TIAGO SÁ – Advogado da AVEP.

Temas importantes foram discutidos no encontro, orçamento impositivo, legalidade das diárias e 13º subsídio dos vereadores, principais falhas na prestação de contas, responsabilidade administrativa e penal do ordenador de despesa.

Vereadores de Bom Jesus e da Região do Vale do Gurguéia participaram e disseram que o encontro foi muito proveitoso. A Vereadora Ronilda Leal de Redenção do Gurguéia disse que o legislativo estava precisando dessas orientações, e que é de grande importância essa ideia da Câmara itinerante e com isso deixa a câmara mais próxima dos problemas da comunidade.

O prefeito de Bom Jesus Marcos Elvas marcou presença no encontro e falou da importância da realização do evento.


“O principal órgão de controle e mais qualificado para fiscalizar é a câmara municipal, apesar de encontrar dificuldades na fiscalização.” Disse Marcos Elvas. O prefeito ainda citou a grande evolução dos órgãos de controle do Tribunal de Contas.

V Encontro de Presidentes de Câmaras e Vereadores (As) 

22 de junho de 2017

Ordem Maçônica N°21 e Vereadores de Gilbués apoiam a mobilização SOSBR-135

BR-135

A câmara de vereadores de Gilbués, na sessão desta terça feira (21/06), apoiou o movimento popular #SOSBR135 e a paralização da rodovia dia 1º de julho. Com a presença de 06 vereadores, o presidente da casa, Ubiratan Veleda, apresentou o ofício de solicitação de apoio, obtendo apoio unanime. 

Todos os vereadores presentes manifestaram apoio ao movimento:

- Ubiratan Veleda (PSD) lembrou que certamente só o apoio da Câmara Municipal de Gilbués não será suficiente, mas que com certeza somaria ao movimento. Encerrou seu discurso colocando-se à disposição para buscar soluções juntos aos governantes.

- Henrique Guerra (PTC) Salientou a importância da manifestação, ressaltou seu apoio e convidou os presentes e toda a população de Gilbués a participarem do ato no dia 1º de julho. Sublinhou que as mortes somente nos sul do estado já somam 35.

O Vereador Júnior da Boa Vista (PRTB) por motivo de força maior não pôde comparecer à sessão, porém sublinhou que o movimento é importante é que ele se encontra disponível à contribuir com a causa. 

No mesmo dia a Ordem Maçônica União e Justiça N° 21, também abraçou a causa é garantiu o apoio ao movimento. 
'De ordem do nosso Venerável Mestre Ademar Carvalho Rocha, informo que a esse grupo que a Ordem Maçônica União e Justiça n° 21, adere integralmente ao movimento desse grupo, e, irá ajudar com apoio presencial.'
Afirmou o advogado e membro da Ordem Maçônica União e Justiça N° 21, Hikol Holemberg.

Situação:

Revoltados com a situação da BR-135, onde nesta semana 16 mortes foram registradas em dois graves acidentes, moradores do extremo sul do Estado lançaram na web um abaixo-assinado cobrando melhorias nas condições da via.

"Nosso cemitério está cheio de famílias, jovens e crianças, enterrados vítimas de acidentes nessa rodovia", diz trecho da petição a ser entregue ao governador Wellington Dias.

http://peticaopopular.com.br/mobile/view.aspx?pi=BR82575

20 de junho de 2017

Igreja fará missas simultâneas às margens da BR-135 por mortes no Sul do PI

Em Gilbués será em frente a Rodoviária



As missas ocorrerão nesta quinta-feira (22) às margens da BR que tem provocado a morte de mais de 30 pessoas desde o início do ano até hoje. 

A convocação da igreja é para os fiéis irem para as margens da rodovia para acompanhar a celebração. Os fiéis prometem levar cruzes em lembrança aos mortos.

Será um ato que acontecerá simultaneamente no mesmo dia e horário às 17h em todas as paróquias. 

É um ato de mobilização e cidadania alertando as autoridades para que adote providências urgentes, já que a população está indignada com o descaso com a rodovia.

As missas vão acontecer nas cidades de Cristalândia, Corrente, Monte Alegre, Gilbués,  Redenção do Gurgueia,  Bom Jesus, Cristino Castro ,Santa Luz e Alvorada do Gurguéia. Em todas as regiões, a BR-135 passam dentro dessas referidas cidades.

O bispo de Bom Jesus Marcos Antonio Tavoni divulgou nota de apoio as ações dos padres.

Veja na íntegra: 

Devemos vivenciar com ardor a dimensão profética do nosso ministério, em solidariedade ao povo que, por Deus, nos foi confiado. 

Embora distante (em viagem para Roma e Israel), sinto-me profundamente unido ao meu Clero e a todas as famílias enlutadas do Sul do Piauí, vítimas do descaso do poder público na manutenção da BR-135, definida como "Rodovia da Morte". 

Unidos nas intenções e orações apresento-lhes meu pleno insentivo à iniciativa, deixo meu abraço, fraterno, solidário e de paz às famílias, e minha bênção a todos.

NSra. das Mercês interceda por seus filhos aflitos.

Marcos Antonio Tavoni,

Bispo Diocesano de Bom Jesus do Gurguéia

17 de junho de 2017

Mortes deste sábado geram revolta de população do extremo-sul do Piauí

População do extremo-sul do Piauí inicia abaixo-assinado por melhorias na BR 135

As 10 mortes ocorridas na manhã deste sábado (17) na BR 135, em Redenção do Gurgueia, geraram revolta e indignação na população do extremo-sul do Piauí. Apelidada de Rodovia da Morte, a rodovia apresenta uma série de irregularidades ao longo do trecho entre Cristalândia do Piauí e Eliseu Martins, cerca de 600 km, como pista estreita e altura irregular da pista, chegando em alguns trechos a 35 cm de altura, graças ao recapeamento constante, chamado pelo Estado de manutenção. O acostamento também é inexistente na maioria do trecho - ou seja, se por infelicidade o motorista sair da estreita pista, vai se deparar com um desnível de 35 centímetros de altura, que, se não desgovernar o veículo, o fará descer no mato, pois não há acostamento.

Para o superintendente Wellendal Tenório, da PRF, parte do resultado das ocorrências registradas decorre das péssimas condições de segurança da via."Temos de Elizeu Martins a Cristalândia um problema grande com falha na rodovia. São 18 km na BR-135 sem vias duplicadas, falta acostamento, com desvio do pavimento estrutural da via e outros fatores ausentes. A largura normal de uma rodovia federal é de 7 metros e ali temos 5,8 metros, o que impõe várias situações de riscos para quem passa por ali", revelou ao G1 neste sábado.

Indignados com a falta de previsão para uma solução a curto prazo, internautas utilizaram as redes sociais e deram início a um abaixo-assinado, dirigido ao governador Wellington Dias que tome as devidas providências. Em poucos minutos a petição pública já atingiu a marca de 400 assinaturas.

Para particpar, basta acessar este link, fazer o login, que pode ser feito através do Facebook ou preechendo os dados, e assinar. O internauta também pode ajudar a divulgar a petição, convidando amigos e divulgando o link no Facebook ou Whatsapp.

Veja o conteúdo da petição:

SOS BR 135 -RODOVIA DA MORTE

Para: Exmo. Senhor Governador Wellington Dias

Nós Piauienses, solicitamos de Vossa Excelência, a viabilidade do projeto de execução de melhorias na Rodovia BR 135. Conforme laudo da PRF de Sergipe emitido em março de 2017, logo após acidente com vítimas fatais próximo a cidade de Cristalândia: a rodovia apresenta condição classificada como “Ruim”, e a geometria da via foi considerada “péssima”. Com base no relatório da PRF listamos as benfeitorias e obras que devem ser realizados na BR-135:
Alargamento da pista para 7 metros nos pontos tem apenas 5,2 metros;
Eliminação do efeito degrau (que chega a medir 35 cm em vários trechos da rodovia);
Implantação do acostamento, inexistente em boa parte da via;
Revitalização da sinalização vertical (placas) e horizontal (pintura da pista);
Drenagem das águas pluviais;
Recuperação do asfalto;
Implantação de radares para reduzir velocidade;
Em especial do trecho que de Elizeu Martins à Cristalândia, que só esse ano já registrou o dobro de acidentes de todo o ano de 2016.
A Rodovia acima mencionada apresenta um grande fluxo de veículos de passeio e carga pesada. O tráfego na rodovia há anos é intenso, mas o número de acidentes graves e com mortes se tornou absurdo e intolerável.
Pedimos essa obra com urgência, pois nosso cemitério está cheio de famílias, jovens e crianças, enterrados vítimas de acidentes nessa rodovia.
Esperamos que Vossa Excelência nos atenda com a urgência que o caso requer.

Grave acidente na BR-135 na manhã deste sábado (17) com vítimas fatais

GRAVE ACIDENTE NA BR 135

Mais um grave acidente pra conta da BR 135 (BR da Morte), as primeiras informações é que um ônibus teria virado próximo a cidade de Redenção do Gurguéia, até o momento chega a informação de (09) nove vítimas fatal e dezenas de feridos, o ônibus envolvido é da empresa Gêneses.

A vereadora Ronilda Leal Vogado de Redenção do Gurguéia passa as primeiras informações. A vereadora disse estar no local do acidente e a situação é muito difícil em mais um grave acidente na BR 135, em menos de uma semana da tragédia que tirou a vida de cinco pessoas da mesma família próximo a cidade de Bom Jesus.

Até o momento 10 pessoas deram entrada no Hospital de Redenção, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência das cidades de Monte Alegre e Gilbués também foram acionadas, acredita-se que as vítimas em estado mais grave estão sendo levadas para o Hospital Regional de Bom Jesus.

As vítimas socorridas para o Hospital de Redenção estão sendo atendidas pelo Prefeito Municipal (Dr Macaxeira) que também é médico cirurgião, enquanto Dr. Ferdinan seguiu para o local do acidente na Ambulância do SAMU.

O ônibus é da empresa Gênesis e saiu do Ceará com destino a São Paulo, embarcou três passageiros em Bom Jesus. O ônibus virou em uma curva muito perigosa próximo a localidade Paus do município de Monte Alegre-PI. A equipe do SAMU foi acionada e os feridos estão sendo levados para o Hospital de Bom Jesus.


16 de junho de 2017

Universidade Aberta do Piauí vai oferecer 3 mil vagas para ensino superior

erão oferecidas 3 mil vagas de ensino superior para o curso de Bacharelado em Administração, distribuídas em 60 municípios do Piauí.

Está disponível o edital para o vestibular da Universidade Aberta do Piauí - UAPI. Ao todo, serão oferecidas 3 mil vagas de ensino superior para o curso de Bacharelado em Administração, que serão distribuídas em 60 municípios de todas as regiões do estado do Piauí. Clique aqui e acesse o edital.

A UAPI, criada através de decreto n 16.933 de 16 de dezembro de 2016, é um programa de ensino voltado para o desenvolvimento da modalidade de educação a distância com a finalidade de expandir e interiorizar a oferta de cursos e programas de educação superior no Estado do Piauí, por meio de estratégias de inovação tecnológica.

O programa vai atuar na oferta de cursos superiores, tecnológicos, de graduação e de pós-graduação, todos apoiados em metodologias que utilizem as tecnologias de informação e comunicação.

A instituição está integrada ao Sistema de Universidade Aberta do Brasil – UAB e já possui autorização da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior – CAPES para funcionamento dos novos polos.

Cronograma

As inscrições para o primeiro vestibular da UAPI ocorrerão entre os dias 26 de junho a 07 de julho no site do Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos da UESPI – NUCEPE; as provas serão realizadas no dia 06 de agosto e as aulas iniciarão ainda no segundo semestre deste ano.

Cinquenta por cento das vagas serão destinadas a candidatos que cursaram o ensino fundamental e médio em escola pública. As inscrições serão gratuitas para os candidatos oriundos da rede pública de ensino no Estado do Piauí ou bolsistas de escolas privadas e para aqueles que comprovarem insuficiência de recursos financeiros amparados pela Lei Ordinária nº 5622 de 2006. Para os demais candidatos será cobrada a taxa de 30 reais.

Datas

  • Lançamento do edital – 14.06.17
  • Inscrições – 26.06 a 07.07.17
  • Última data para pagamento da taxa de inscrição – 10.07.17
  • Prazo final (data de postagem) para envio de documentação dos candidatos que pleiteiam isenção da taxa de inscrição e Sistema de Reserva de Cotas – 10.07.17
  • Resultado das inscrições deferidas para candidatos que pleitearam isenção da taxa de inscrição – 17.07.17
  • Pagamento da taxa de inscrição para candidatos que pleitearam isenção de taxa de inscrição e tiveram suas inscrições indeferidas – 18.07.17
  • Homologação das inscrições de candidatos cotistas – 24.07.17
  • Disponibilização do cartão de informação na internet – 25.07.17
  • Realização da prova escrita objetiva- 06.08.17
  • Divulgação do gabarito preliminar – 07.08.17
  • Recursos contra questões da prova escrita objetiva – 08 e 09.08.17
  • Resultado dos recursos contra questões da prova escrita objetiva – Até 15.08.17
  • Divulgação do resultado final – Até 30.08.17

13 de junho de 2017

08 de junho de 2017

218 municípios piauienses responderam questionários do IEGM

IEGM

Duzentos e dezoito dos 224 municípios piauienses responderam os sete questionários do Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEGM) referente ao exercício de 2016. O prazo de entrega das respostas se encerrou no último dia 31 de maio. Até esta quinta-feira (8), apenas seis municípios não tinham entregues todos os questionários.

O IEGM foi instituído pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) para medir a qualidade e a eficácia das políticas públicas e ações implementadas nos municípios. A comissão do TCE-PI que coordena o programa considerou bastante satisfatória a adesão. “Quase a totalidade dos municípios entregaram todas as respostas, o que vai nos permitir fazer um bom diagnóstico das políticas públicas implantadas pelas prefeituras”, diz Lucine Batista, auditora de Controle Externo e responsável pelo Planejamento Estratégico do TCE-PI.

Ela informa que auditores de Controle Externo irão aos municípios para fazer a verificação e validação das respostas. “Essa validação é necessária para conferirmos se as informações colocadas nos questionários conferem com a realidade dos municípios”, explicou ela. Os municípios que não entregaram as respostas completas foram Floriano, Fartura do Piauí, Pajeú do Piauí, Prata do Piauí, Socorro do Piauí e Uruçuí.

Os prefeitos – todos os seis em início de mandato – justificaram que tiveram dificuldades em dar as respostas, já que dependem das informações dos gestores anteriores. O IEGM começou a ser aplicado no Piauí em 2016, em fase experimental. A partir deste ano, o envio do questionário passou a ser obrigatório, conforme a Resolução TCE-PI nº 27/2016, que dispõe sobre o prazo e a forma de envio da prestação de contas da administração pública municipal.

SOBRE O IEGM

O IEGM é composto pela combinação dos dados governamentais, da prestação de contas e informações levantadas a partir de questionários preenchidos pelas prefeituras municipais. Esses dados permitirão avaliar a qualidade de gastos e a efetividade das políticas públicas e atividades municipais na educação, saúde, planejamento, gestão fiscal, meio ambiente, cidades protegidas e governança em tecnologia da informação.

Os objetivos do índice são compor a consolidação do IEGM Brasil relativo ao exercício de 2016, permitir aos gestores a correção de rumos, reavaliação de prioridades e consolidação do seu planejamento, contribuir para a transparência e aprimoramento da gestão pública, melhorar a sistemática de acompanhamento e avaliação das políticas públicas, alcançar eficácia e efetividade nas ações de controle externo e fortalecer o controle social.

05 de junho de 2017

Dia do Meio Ambiente: Lixões estão presentes nos 224 municípios do Piauí

Atualmente em Teresina são recolhidos 17 mil toneladas de lixo por mês, com um gasto de R$6,5 milhões.

Nesta segunda-feira (5) é comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente, mas infelizmente, não há muitos motivos para celebrar esta data no Piauí, já que de acordo com a promotora do Meio Ambiente Maria Eugênia Bastos, este é um dos estados em que a realidade dos lixões é muito evidente.

“De uma forma geral, a relação dos nossos 224 municípios é longa e em todos existem lixões, poucos detém o aterro controlado em situação diferenciada ou melhor que as outras, mas a nossa situação é realmente gravíssima porque os lixões são uma realidade do nosso estado até hoje”, contou.

Com o aumento da população, há também um aumento na quantidade de lixo urbano nas grandes cidades e descarte dos resíduos sólidos acaba sendo feita de maneira inadequada. Para dar fim a esta realidade, foi criado em 2010 a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS).

Esta medida foi um marco no setor ambiental porque exige dos municípios um cuidado eficiente com o lixo que pode ser retornável ou reciclável e com os rejeitos dos materiais que não podem ser retornáveis. No Brasil, 60% dos municípios brasileiros não cumprem os requisitos impostos pela lei e Teresina encontra-se nessa estatística.

Na capital piauiense apenas uma empresa limpa, recolhe e trata o lixo da capital, logística essa que a Prefeitura tenta mudar. Há 30 dias foi fechada a licitação do consórcio que vai dividir esses trabalhos entre três empresas. Atualmente são recolhidos 17 mil toneladas de lixo por mês, com um gasto de R$6,5 milhões.

O secretário executivo de Desenvolvimento Urbano Vicente Moreira explicou que no aterro de Teresina há o cuidado com diversos controles, mas que ainda assim existe uma preocupação pelo local não ter sido construído da forma correta.

“Nós temos uma grande massa de resíduos ainda colocados em áreas que ainda não tem impermeabilização com a manta. O nosso aterro é o que a gente chama de aterro controlado, onde a gente tem todos os tipos de controle, mas infelizmente esse aterro foi iniciado sem ter a impermeabilização do solo e não dá para fazer isso agora. Então mesmo que sejamos remanejados, ainda teremos que ficar operando esse aterro por muito tempo por conta da massa de resíduos que existe aqui ainda”, falou.

Para a comemoração do Dia Mundial do Meio Ambiente, crianças da rede pública de municipal participaram de uma aula ao ar livre no Parque Lagoas do Norte. De acordo com a coordenadora do local Viviane Bandeira, praticar é uma forma simples e eficaz de ensinar.

“Nós estamos plantando cidadania, porque nessa idade as crianças estão ainda numa fase muito concreta, então não adianta você apenas falar, elas precisam vivenciar para poder internalizar e aprender, levando para a vida e reproduzindo na família de forma que a gente crie uma geração de cidadãos mais conscientes”, disse.

04 de junho de 2017

No Piauí, Enem tem queda de 32% no número de inscritos em 2017

Número de inscritos no estado é o menor desde 2012, quando 128.901 estavam aptas a realizar o Enem.

O número de inscritos confirmados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 no Piauí diminuiu 32%, em comparação com o ano anterior. Dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) mostram que o número enconlheu de 198.234 inscritos em 2016 para 134.234, em 2017.

A queda acompanha o país, já que a edição 2017 do Enem terá o menor número de inscrições confirmadas desde 2013. No Piauí, o número de inscritos é o menor desde 2012, quando 128.901 pessoas estavam aptas a fazer a prova.

Com relação a diminuição de inscritos em todo o Brasil, o Inep enfrentou críticas porque o valor da taxa de inscrição do exame subiu de R$ 68 para R$ 82, um reajuste de 20,5%. Além disso, o instituto extinguiu a concessão de gratuidade da taxa por meio de autodeclaração, como ocorria até 2016.

Segundo o Inep, foi introduzido o cruzamento de dados com a base do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário e do Censo Escolar porque em 2016, o Enem teve um prejuízo de R$ 226 milhões com abstenções. O objetivo da mudança é garantir a isenção aos que realmente necessitam.

O Inep divulgou ainda o perfil do candidato inscrito em 2017. A maioria dos inscritos confirmados para o Enem 2017 já concluiu o Ensino Médio. Esse grupo de participantes representa 59,3% do total. Os concluintes em 2017 representam 31,9% dos inscritos e aqueles que concluirão o Ensino Médio depois de 2017 são 7,8% do total. Apenas 0,9% não está cursando e não concluiu o Ensino Médio. Em relação a 2016, aumentou o número de participantes concluintes, que passou de 20,4% para 31,9%; e diminuiu o número de participantes que fazem a prova em busca de uma autoavaliação, comumente chamados de treineiros. Eles eram 15,7% do total de participantes de 2016.

31 de maio de 2017

TCE-PI divulga lista de municípios que enviaram questionário do IEGM

PIAUÍ

O prazo final para envio das respostas dos questionários do IEGM (Índice de Efetividade da Gestão Municipal), referente ao exercício de 2016, termina nesta quarta-feira (31) e os cidadãos já podem conferir a lista de municípios que enviaram o questionário até o momento. O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) está alertando os prefeitos que os municípios que não responderem os questionários no prazo terão as contas bloqueadas, dentre outras penalidades.

O prazo de entrega dos questionários já foi prorrogado uma vez (a entrega inicial se encerrava em 30 de abril). Até a manhã desta terça-feira, apenas 138 das 224 prefeituras piauienses enviaram as respostas completa, ou seja, são 86 municípios inadimplentes.

O IEGM foi instituído no ano passado como um esforço do TCE-PI para medir a qualidade e a eficácia das políticas públicas e ações implementadas pelos municípios. Por meio dos questionários, os gestores informam os dados das iniciativas desenvolvidas nas áreas de educação, saúde, planejamento, gestão fiscal, meio ambiente, cidades protegidas e governança em tecnologia da informação.

Essas informações serão analisadas e avaliadas e podem servir de base para a correção de rumos nos casos em que as ações não atendam às demandas e necessidades da comunidade. Os sete questionários, cada um correspondendo a uma área analisada, estão disponíveis no site do TCE-PI (www.tce.pi.gov.br) desde o início de março. Segundo a Resolução TCE 27/16, só se considera adimplente com o TCE os gestores que enviaram os sete questionários.

A mesma resolução diz que os municípios são obrigados a responder e enviar os questionários ao TCE-PI. As prefeituras que não o fizerem no prazo estabelecido sofrerão as sanções previstas no artigo 49, combinado com o artigo 55 – entre elas o bloqueio de contas, aplicação de multas aos gestores e realização de auditorias e inspeções nos municípios.

SOBRE O IEGM

O IEGM é composto pela combinação dos dados governamentais, da prestação de contas e informações levantadas a partir de questionários preenchidos pelas prefeituras municipais. Esses dados permitirão avaliar a qualidade de gastos e a efetividade das políticas públicas e atividades municipais na educação, saúde, planejamento, gestão fiscal, meio ambiente, cidades protegidas e governança em tecnologia da informação.

Os objetivos do índice são compor a consolidação do IEGM Brasil relativo ao exercício de 2016, permitir aos gestores a correção de rumos, reavaliação de prioridades e consolidação do seu planejamento, contribuir para a transparência e aprimoramento da gestão pública, melhorar a sistemática de acompanhamento e avaliação das políticas públicas, alcançar eficácia e efetividade nas ações de controle externo e fortalecer o controle social.

30 de maio de 2017

PRF registra sete mortes nas rodovias federais do Piauí durante o fim de semana

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, fim de semana foi bastante violento nas estradas com registro de 19 acidentes.

O fim de semana foi marcado por uma estatística dramática nas rodovias federais que cortam o Piauí. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), foram registrados 19 acidentes, onde 23 pessoas ficaram feridas e sete morreram. O caso mais recente ocorreu na noite de domingo (28), por volta de 22h40, na BR-316, km 16, em Teresina, quando um carro conduzido por um homem embriagado colidiu frontalmente com uma moto matando o motociclista.

Segundo informações da PRF, o motorista do carro apresentou sinais visíveis de embriaguez e foi submetido ao teste do etilômetro, onde obteve o resultado de 0,386 dc/l. O homem foi autuado por embriaguez ao volante e encaminhado à Central de Flagrantes.

O inspetor Jonas Matta, da Polícia Rodoviária Federal, destacou ao Bom Dia Piauí que algumas destas situações poderiam ser evitadas. "Depende da conscientização dos motoristas", disse o inspetor. Ele reiterou que as multas não educam e que o trabalho de educação no trânsito é o melhor caminho para evitar essas fatalidades.

Conforme o relatório da PRF, durante o sábado (27) e o domingo (28) foram realizados 345 testes de alcoolemia e 220 abordagens educativas. No total, foram 896 veículos e 951 pessoas fiscalizados. Dentre estes, 360 condutores foram notificados, sendo 14 por dirigirem alcoolizados, 34 por conduzir sem capacete e 20 por ultrapassagens irregulares.

Outros acidentes

Na madrugada de domingo, às 3h40, um motociclista morreu ao colidir com a traseira de um carro na ponte Tancredo Neves. A motorista sofreu ferimentos graves.

Um homem veio a óbito no sábado (27) em Cristalândia, a 130 km de Teresina, após perder o controle do carro que conduzia. O motorista foi arremessado para fora do veículo, que pegou fogo em seguida.

No mesmo dia, em Teresina, por volta das 14h40, pai e filho morreram após a moto onde estavam ser atropelada por um ônibus. A mulher do condutor e mãe do menino também estava na motocicleta e sobreviveu ao pular do veículo. Ela sofreu escoriações e foi socorrida pelo Samu.

Em outro acidente no sábado (27), um homem de 52 anos morreu após capotar o carro na BR-343, em São Gonçalo do Piauí. A vítima estava sozinha no veículo, ficou presa às ferragens e morreu no local.

Um pedestre teve a cabeça esmagada por um caminhão na BR-230, em Floriano, no início do sábado (27). O veículo foi identificado com placa do município de Nova Olinda, em Tocantins.

Em comparação ao último feriado do Dia do Trabalho, 1º de Maio, os números são ainda mais alarmantes, já que durante o feriado foram oito acidentes e apenas uma morte.

UFPI oferta 2.498 vagas para segunda edição do Sisu 2017

As oportunidades são para os campi de Teresina, Parnaíba, Picos, Floriano e Bom Jesus.

As oportunidades são para os campi de Teresina, Parnaíba, Picos, Floriano e Bom Jesus.

As inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do meio do ano começaram nesta segunda-feira (29). No estado, apenas a Universidade Federal do Piauí (UFPI) abriu edital para o ingresso no segundo semestre, com 2.498 vagas para 57 cursos na modalidade presencial.

As oportunidades são para os campi de Teresina (1.288), Parnaíba (440), Picos (360), Floriano (160) e Bom Jesus (250). Podem participar os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no ano passado e não tenham zerado a redação.

Os candidatos podem escolher até duas opções de cursos. O sistema seleciona os aprovados segundo a nota do Enem, considerando os pesos específicos de cada vaga. O período de inscrições segue até o dia 1º de junho, exclusivamente pelo site (http://sisu.mec.gov.br/) do Ministério da Educação (MEC).

Calendário do Sisu 2017.2

Inscrições: 29 de maio a 1º de junho

Chamada regular: 5 de junho

Prazo para entrar na lista de espera: 5 de junho a 19 de junho

Matrícula da chamada regular: 9 de junho a 13 de junho

Convocação dos candidatos da lista de espera: a partir de 26 de junho

Cresce o número de golpes aplicados em vendas pela internet no Piauí

'Quando alguém for fazer transações no ambiente virtual, deve-se ter uma atenção redobrada', diz delegado.

A penas nos últimos quatro meses deste ano a Delegacia Especializada na Repressão aos Crimes de Alta Tecnologia (Dercat) recebeu mais de 80 ocorrências de crimes virtuais. De acordo com o delegado Daniel Pires, os criminosos geralmente são de outros estados, o que dificulta o trabalho da polícia.

“Infelizmente o local de crimes está deixando de ser físico, para ser virtual. Crimes que antes eram aplicados pessoalmente, atualmente estão acontecendo através da internet, do ambiente virtual, porque o criminoso sabe da dificuldade que se tem em uma investigação como essa e também sabe da dificuldade que tem de se encontrar seu paradeiro. Aqui em Teresina, esse crime de estelionato virtual está assolando a população”, disse.

Um homem que não quis se identificar colocou o carro a venda em uma loja virtual, horas depois, duas pessoas entraram em contato e fecharam negocio. Sem perceber que era uma armadilha, a vítima recebeu um cheque sem fundo no valor de R$ 9.500,00, mas só percebeu que se tratava de um golpe, dias depois.

“Eles olharam o carro e tudo. Fomos juntos para ver se eles tinham depositado o dinheiro na minha conta, eu imprimi um saldo e olhei rapidamente e achei que tinha visto o dinheiro lá. Ao chegar na minha casa entreguei o carro com o documento e eles ficaram de vir no dia seguinte para passar o carro para o nome deles. Quando eles não apareceram, fui novamente ao banco e me dei conta que eles não tinham depositado. Fiquei desesperado”, contou.

Ainda de acordo com o delegado da Dercat, para não cair nos golpes virtuais é preciso ficar atento e tomar alguns cuidados. “Quando alguém for fazer transações no ambiente virtual, deve-se ter uma atenção redobrada, que ela primeiro desconfie do valor ofertado, evitem fazer pagamento antes de o produto ser recebido”, falou.

As vendas e compras online cresceram 60% do que no ano passado, para não cair nos golpes virtuais, é fundamental fechar negócios somente em páginas e sites registrados e que oferecem ferramentas de segurança.

Giuliano Miranda é coordenador de uma página de compra e venda pela internet, onde quase 100 mil pessoas estão cadastradas e negociam todo tipo de produto. “Usamos uma gestão compartilhada para exatamente que as pessoas se envolva na forma de como essas transações são feitas, que se interessem em fazer os seus relatos de suas experiências de consumo e que a partir disso é que temos como retornar e até barrar essas questões de crimes pela internet”, disse.