• assinatura jornal

Notícias Itainópolis

21 de julho de 2017

Deputado Mainha fala do asfaltamento das ruas de Itainópolis

Nova licitação é feita para o asfalto que liga a cidade a Picos

Nesses últimos dias, foi divulgada na internet a notícia de que o governo estadual implementará recursos em asfaltamento de ruas e avenidas em 34 cidades do entorno de Picos. Entre essas cidades está Itainópolis.

O Portal O Dia conversou com o deputado federal Mainha (PP), que, direto de Brasília, prestou mais esclarecimentos acerca do assunto.

Mainha informou que se trata de um investimento o que a Secretaria Estadual de Transporte está fazendo em diversas cidades do Piauí, com recursos oriundos de um empréstimo feito pela Caixa Econômica Federal, banco cujo presidente nacional é Dr. Gilberto Occhi, indicado pelo Partido Progressista, mesmo partido que indicou o Secretário de Transportes do Piauí, Dr. Guilhermano, com quem Mainha se reuniu ontem (20) para pedir a priorização do serviço nas ruas de Itainópolis, visto que, nessa primeira etapa, não será possível concluir a obra em todas as cidades contempladas. Para o deputado, o fato de o secretário ser seu correligionário ajuda na aquisição imediata do benefício.

Foram anunciados três quilômetros de pavimentação asfáltica para Itainópolis, medida que é apenas um parâmetro. A metragem exata só se terá depois de feita a licitação, a qual deve ocorrer já em agosto – explica o deputado –, que solicitou uma quantidade maior de asfaltamento para sua cidade. Os trabalhos devem ocorrer cerca de sessenta dias após a referida licitação.

As obras nem se iniciaram, e já surgiram questionamentos sobre a falta de rede de esgoto, dos serviços da Agespisa e também da urgência na reforma da pista que liga Itainópolis a Picos. Interpelado sobre isso, Mainha levanta algumas vantagens de se ter ruas e avenidas asfaltadas, tais como a valorização dos imóveis e a qualidade do tráfego de veículos.

Levantada a questão, Mainha analisa a possibilidade de se fazer rede de esgoto em Itainópolis. Ele disse o seguinte: “É claro que o saneamento básico é importante! E nós vamos poder, futuramente, fazê-lo em Itainópolis. É uma obra cara, que o município não pode fazer. É uma obra que o Governo Federal precisa fazer. Mas para isso, precisa de uma ação parceira. Eu, como deputado federal, posso, através da Codevasf ou da própria Funasa, tentar colocar no orçamento o saneamento básico da cidade de Itainópolis. Mas isso requer, no mínimo, uma comunicação com o município, para que haja elaboração de projeto e todo um procedimento necessário para que se realize a obra”.

O deputado federal considerou ainda que existem possibilidades de trazer mais recursos para sua cidade, desde que haja uma sintonia com o prefeito. “Nós temos condição de fazer muito investimento em Itainópolis, mas é preciso a boa vontade e a parceria do município, porque se o prefeito disser até que não quer a obra, ele pode impugnar o serviço. Mas além de querer, ele precisa também fazer projeto, que é competência do município. (...) Agora, nenhuma cidade do Piauí recusou asfalto. Eu não creio que Itainópolis seria a primeira a recusar.” Declarou Mainha em relação aos questionamentos da população.

Com relação à restauração da PI 245, o legislador afirma que essa obra é mais urgente do que qualquer outra em Itainópolis. O deputado esteve em Teresina esta semana e foi até o Departamento de Estradas e Rodagens, para cobrar, mais uma vez, ao diretor do órgão a execução do serviço. “Fui ao DER e tive uma reunião demorada com o Castro Neto. As pessoas estão aflitas, e com razão. Todos os movimentos, todas as reivindicações, todas as críticas que estão sendo feitas, estão sendo feitas com razão, porque já esperamos muito essa estrada. Mas eu tenho conversado sempre com o governador. Estive em Floriano há vinte e um dias, e o próprio senador Ciro Nogueira também cobrou do governador essa questão do asfalto.” Ponderou o deputado.

A outra medida tomada pelo governador do Estado foi fazer uma nova licitação, segundo nos informou Mainha. “Fato novo é que, em reunião que tive com Castro Neto, falei com Paulo, que é o empreiteiro dono da Hidros, e ele resolveu aceitar fazer a obra. Está apenas aguardando uma licença ambiental, que é necessária para a aquisição da indústria de asfalto, que ele vai montar na região de Picos.”

Mainha evita falar em prazo, para se eximir da responsabilidade, caso as datas apresentadas não sejam cumpridas. Ele, porém, garante que nunca deixou de cobrar a construção do asfaltamento até Picos. Cobrança que, segundo ele, é feita tanto ao governador quanto ao DER, como também às construtoras licitadas. O deputado diz que agora está no encalço da Construtora Hidros, para que ela, de fato, realize a obra. “O que me alegra com isso é saber que a Hidros é uma construtora de grande porte e que ele [Paulo, dono da construtora] vai poder pegar a obra e fazer rápido. Não é uma construtora que fica dependendo de pagamento de governo, podendo correr o risco de parar a obra. Ele tem capital e tem capacidade de, de uma vez só, começar e terminar de fazer. (...) Eu, pessoalmente, acredito que essa obra é finalizada ainda este ano”, conclui.

09 de julho de 2017

Caso Samuel – corrente do bem envolve o mundo dos esportes

Católicos e evangélicos abraçam a mesma causa: ajudar 2 portadores de doenças graves

Há algumas semanas, o jovem Samuel Rodrigues foi diagnosticado com uma rara doença em um dos olhos. O tratamento é caro e talvez exija um transplante de córnea. Para cobrir as despesas com as viagens para Teresina e com medicamentos caros, Samuel tem contado com a ajuda dos amigos, da população em geral e dos irmãos da igreja da qual faz parte. Os fiéis da IESC – Igreja Evangélica Salvos em Cristo – fizeram, inclusive, um show gospel beneficente há uma semana.

O caso se Samuel comoveu também os desportistas itainopolenses, que realizaram, na noite de ontem (08), no ginásio poliesportivo, um quadrangular de futsal em prol do pai de família, que se encontra desempregado, e também de uma moradora da Nova Descoberta, que vem lutando contra uma séria doença na cabeça.

A iniciativa de realizar essa atividade desportiva beneficente partiu dos jovens Danielton Rocha e Ítalo Paiva. Ítalo conta que mobilizou o CMJ – Conselho Municipal da Juventude – para que, juntos, levassem à frente a ideia, a qual envolveria também as igrejas da cidade.

“Temos sempre o intuito de fazer algo pela juventude. Um evento que já iríamos fazer, nós utilizamos para beneficiar o jovem Samuel. Só que nesses últimos dias surgiu uma senhora diagnosticada com dois nódulos na cabeça. Rita, da Nova Descoberta. Então resolvemos contribuir com ela também”, afirma Ítalo Paiva, idealizador do quadrangular.

Foram convidadas quatro igrejas cristãs de Itainópolis, dentre as quais, apenas a Igreja Católica e a evangélica Salvos em Cristo abraçaram a causa. Essas duas igrejas se sensibilizaram com os casos de Samuel e de Rita e exerceram o espírito da cristandade pregado em seus templos.

No primeiro jogo, o Sub 14 venceram os Professores pelo placar de 4 a 1. Já no segundo, o time da IESC venceu por 7 a 5 o CMJ. O terceiro jogo foi disputado pelo Sub 14 e pelo PFC, da Igreja Católica. Nessa disputa, os católicos levaram a melhor, vencendo por 10 a 2. A quarta e última disputa também teve como vencedor o PFC, que enfrentariao time da IESC, mas acabou ganhando por WO. Com esses resultados, a competição teve como campeão o PFC, e como vice, o time da IESC. Ambos receberam troféus e medalhas.

Mas os placares só importaram mesmo por uma mera questão de formalidade, pois o que prevaleceu ali foi o espírito de solidariedade dos jovens que, independentemente de suas afinidades religiosas, políticas ou de qualquer outra natureza, estavam entre as quatro linhas abraçando a mesma causa: ajudar o próximo. A rivalidade que costuma existir em quadra deu espaço ao amor pelo semelhante, o que é inerente à doutrina cristã.

Serão divididos entre Samuel e Rita os donativos e valores em espécie arrecadados através de patrocínios, que tiveram como colaboradores o prefeito Paulo Lopes, os secretários Matias Lopes e Francisco Ferreira, entre outros.

Os interessados em contribuir com o tratamento de Samuel podem entrar em contato com sua esposa, Fernanda Silva Mourão, através do WhatsApp 89 99400-8836. Ou, se preferir, depositar qualquer quantia na conta dela:

Banco: Caixa Econômica Federal. Agência: 0639. Operação: 023. Conta: 62099-1.


02 de julho de 2017

Caso Samuel: Banda D3 realiza show beneficente em prol do jovem

Situação de pai de família mobiliza igreja evangélica para tratamento caro

Solidarizados com o problema de Samuel Rodrigues – diagnosticado com uma rara doença num olho – os jovens da Igreja Evangélica Salvos em Cristo realizaram na noite deste sábado (01) um evento beneficente, a fim de angariar recursos para o tratamento do pai de família que o Portal O Dia já havia reportado.

Samuel luta contra uma doença que pode ocasionar um transplante de córnea. Confira o link: http://www.portalodia.com/municipios/itainopolis/pai-de-familia-e-diagnosticado-com-uma-rara-doenca-no-olho-300609.html

Foi no colégio Alayde Rodrigues que a Banda D3 – vinculada à IESC – fez um show gospel, um momento de louvor no qual houve também dramatização, feita por jovens da referida igreja, e pregação, dirigida pelo pastor Marciel Carvalho, pela jovem Thamyres Carvalho e pelo próprio Samuel.

Vários comerciantes e algumas pessoas anônimas patrocinaram o evento, no qual se fizeram presentes pessoas de diferentes denominações religiosas, tanto católicos quanto evangélicos, engajados numa só causa: ajudar um pai de família desempregado na luta pela permanência da visão.

Perguntado sobre o porquê do envolvimento na causa, o Pr. Marciel respondeu: “Quando um irmão sofre, todos nós sofremos juntos, compartilhando a mesma dor. Nesse momento também a igreja está junta, porque não somos uma religião, mas sim uma família. E o que pudermos fazer para amenizar o sofrimento de nosso irmão nós faremos”, afirma o líder da IESC.

Os interessados em contribuir com o tratamento de Samuel podem entrar em contato com sua esposa, Fernanda Silva Mourão, através do WhatsApp 89 99400-8836. Ou, se preferir, depositar qualquer quantia na conta dela:

Banco: Caixa Econômica Federal. Agência: 0639. Operação: 023. Conta: 62099-1.

21 de junho de 2017

Comitiva de itainopolenses vai à capital reivindicar asfalto

Burocracia na tramitação jurídica é a explicação para demora no início da obra

Uma comitiva liderada pelo prefeito Paulo Lopes foi ontem (20) a Teresina saber de Castro Neto, diretor geral do Departamento de Estradas e Rodagens, por que o asfaltamento da PI 245 ainda não foi executado. Os membros da comitiva também pediram ao diretor celeridade na iniciação da obra.

Junto com Dr. Paulo, compunham o grupo de reivindicantes o vice-prefeito, Valderson Dantas; o vereador João Batista; o proprietário de van Neto Crispim; o deputado Francis Lopes; o ex-prefeito de Simplício Mendes Zé Lopes e também o advogado Pedro Luís, irmão de Valderson.

O que todos queriam saber, a princípio, era por que a reforma da pista, até agora, não foi iniciada, apesar de o governador já ter autorizado. O impasse – segundo Castro Neto – começou com o atraso da realização da obra, pois no período em que foram iniciar, as condições em que se encontrava a pista já era diferente de quando o projeto foi feito. “Quando o projeto de uma estrada é feito, ela tem que ser feita na hora. Não foi o que aconteceu em Itainópolis. Quando foram fazer a obra, já estava diferente da realidade do projeto”, explica Castro Neto.

Perguntado por que a obra não foi realizada logo que o projeto foi feito, Castro Neto disse apenas que não sabe, pois, na época, não era ele o diretor do DER.

Zé Lopes pediu a Castro Neto um prazo para a questão ser resolvida, mas este só garantiu que até a primeira quinzena de julho vai apresentar o nome na construtora que deverá executar a obra. E esclareceu como se dá a burocracia entre os licitantes num caso desses. “Tem um tempo de perguntar, tem um prazo para a resposta, tem um prazo para a contestação... Tem tudo isso”. Apesar disso, o diretor do DER garantiu que vai priorizar o orçamento do órgão para o asfalto de Itainópolis.

Ele foi informado de que, na parte de engenharia, já está tudo pronto. Porém é preciso esperar vencer o prazo da tramitação jurídica dos processos de licitação. Castro acredita que isso não venha a ser um problema, mas disse também que a segunda colocada ainda não foi contactada, pois era justamente ontem que a rescisão do contrato da primeira estava acontecendo.

Castro Neto afastou a possibilidade de questões político-partidárias fazerem parte do empecilho. Para ele, só a cidade de Itainópolis é o que importa. E ressalta sua relação com políticos de ambos os lados. “Sou amigo do Francis Lopes, conheço o Mainha de infância, conheço o Tadeu, conheço o Frank Aguiar. Já fui lá na cidade várias vezes e sei também da importância e da necessidade da estrada. A política está fora disso.”

O diretor do DER elenca cinco prioridades dele à frente do órgão e coloca entre elas o asfalto de Itainópolis. Para isso, ele diz estar tendo todo o cuidado de obedecer aos aspectos jurídicos e técnicos, para que tudo ocorra bem e a obra saia com qualidade. Ele também reconhece as péssimas condições em que se encontra a pista em questão. “Fui a Picos, Queimada Nova, Fronteiras, Floresta, São João do Piauí, Lagoa do Barro, Nova Santa Rita, Paes Landim, João Costa, Oeiras, Simplício Mendes, Isaías Coelho... e de todas as estradas que eu já passei, até agora, a de Itainópolis é, simplesmente, a pior delas. Então, é uma estrada muito importante, é prioridade e tem que ser feita”. Conclui.

Neto Crispim externou sua preocupação com a qualidade do asfalto e pediu que o diretor fique atento a isso. Neto também agradeceu a recepção que teve e a presença das lideranças políticas na reunião.

João Batista ressaltou que a população de Itainópolis já está incrédula quanto à feitura da pista. “As pessoas até alegam esse descaso que tem havido com Itainópolis”, disse o vereador. Ele ainda revelou os questionamentos dos itainopolenses: 'Será se vão fazer só no ano da eleição?' Mas Castro Neto retrucou: “Essa estrada começa este ano. Não tem sentido começar em ano de eleição, não”.

Valderson pediu que, dentre as cinco prioridades que o diretor citou, Itainópolis seja a primeira a ser solucionada.

Pedro Luís também fez uso da palavra e reiterou as falas dos demais e acrescentou: “Em nome da população de Itainópolis, que seja uma atenção mais conceituada por parte de Vossa Excelência, porque, com certeza, isso vai ser benefício para todo o município.”

Os integrantes da comitiva avaliaram como positiva a reunião com o diretor do DER. Para Paulo Lopes, houve uma sensibilização. "Ele nos deu uma boa notícia, a de que nossa estrada está entre as prioridades do governo", declarou o prefeito itainopolense, que já vinha tendo outras tratativas com o governador acerca do caso. Neto Crispim ficou otimista porque, apesar de o diretor não ter definido data, sinalizou para a metade de julho o início da obra. O vice prefeito Valderson também se mostrou confiante: “Ficamos com uma esperança enorme de logo logo a obra dessa estrada recomeçar. E estamos aqui não como partidários, mas sim em nome da sociedade de Itainópolis. Vamos saindo daqui com o pé direito”. Finalizou.

18 de junho de 2017

Pai de família é diagnosticado com uma rara doença no olho

Amigos fazem campanha a fim de arrecadar dinheiro para o tratamento

O jovem itainopolense Samuel Rodrigues Elói, de 28 anos, foi diagnosticado com um sério problema que afetou sua visão. Segundo um oftalmologista de Teresina, Samuel tem úlcera de córnea, uma doença grave causada por uma espécie de fungo.

O problema começou com uma pequena irritação, foi se agravando e agora Samuel corre risco de perder a visão, ou ainda ter que amputar o olho esquerdo. Situação que é mais difícil ainda para quem está desempregado. Ele fazia bicos para sustentar a esposa e um filho ainda bebê. Mas agora o pai de família está impossibilitado de trabalhar.

Toda semana Samuel tem que ir a Picos fazer a consulta com Dr. Eduardo, que está cuidando do caso. É nessas consultas que o oftalmologista tem acompanhado o desenvolvimento da infecção e a evolução do tratamento, feito com um colírio vindo de São Paulo, encontrado apenas em uma farmácia de Teresina e que custa R$ 150,00 mais o valor do frete.

Nesta semana, Samuel terá que ir novamente à capital piauiense, a fim de passar em um especialista nesse tipo de caso, para saber se será preciso um transplante de córnea ou somente uma lavagem para continuar o tratamento que vem fazendo em Picos.

Com as muitas despesas trazidas pelo uso de medicamentos caros e pelas viagens de ida aos médicos, ao jovem pai de família só restou contar com a solidariedade de amigos, que fizeram uma campanha nas redes sociais com a finalidade de angariar recursos para o custeio de seu tratamento.

Sensibilizadas com o caso, muitas pessoas têm contribuído com quantias diversas. “Agradeço a Deus por essas vidas, porque, se não fossem elas, não teria de onde vir dinheiro para poder prosseguir o meu tratamento”, afirma Samuel. Para ele, essa ajuda tem sido suficiente, mas só por enquanto, pois o caso é delicado, tem exigido dinheiro que a família não possui e não se sabe até quando o tratamento vai durar.

Os interessados em ajudar no tratamento de Samuel poderão entrar em contato com a esposa dele através do WhatsApp 89 99400-8836, ou depositar qualquer quantia na conta dela:

Banco: Caixa Econômica Federal. Agência: 0639. Operação: 023. Conta: 62099-1. Beneficiária: Fernanda Silva Mourão.

Link relacionado: http://www.portalodia.com/municipios/itainopolis/caso-samuel-banda-d3-realiza-show-beneficente-em-prol-do-jovem-301391.html

02 de junho de 2017

Itainópolis comemora 63 anos de emancipação política

Igrejas Católica e Evangélica mostram que podem conviver harmoniosamente

A abertura oficial das festividades do aniversário de Itainópolis ocorreu na manhã de terça-feira, dia 30 de maio, quando, no pátio da prefeitura, houve o Ato Cívico, ocasião em que foram hasteadas bandeiras e executado o Hino Nacional e o do hino do município.

Crianças da rede municipal de ensino participaram desse momento, no qual o prefeito Paulo Lopes deu as boas-vindas a todos os presentes, falou da importância das festividades do aniversário de Itainópolis e destacou a conquista do Selo Unicef.

Após o momento cívico, a Secretaria Municipal de Educação promoveu atividades de recreação para as crianças das escolas municipais, montando um parque de lazer, no ginásio poliesportivo. Duraram o dia todo essas atividades, das quais participaram quase duas mil crianças (segundo informou o prefeito), monitoradas pelos professores e colaboradores.

Enquanto isso, a população itainopolense recebia serviços de assistência social e cidadania. Uma estrutura foi montada no colégio Alayde Rodrigues, onde foram oferecidos os seguintes serviços: cortes de cabelos masculinos; manicure e pedicure; limpeza de pele; atividades lúdicas e informativas para idosos; oficinas de artesanato-decoração; expedição de Carteira de Identidade; aferição da pressão arterial; orientação nutricional; identificação do tipo sanguíneo; aplicação de flúor e preservação de doenças bucais; prevenção do colo do útero e ginecológico; entre outros.

Na noite desse mesmo dia, aconteceu o Show Gospel na praça do Alayde. Ali houve um momento de pregação, oração e louvor. Participaram do evento pastores, cantores e bandas das seguintes igrejas: Assembleia de Deus Missão, Assembleia de Deus Palmeiras de Goiás, Igreja Evangélica Salvos em Cristo e Igreja Católica.

Apresentaram-se para um público numeroso os cantores: Jociel, Clarissa, Marcos Vinicius, Rauenne Sousa e Laryssa Sousa (da Assembleia de Deus Palmeiras de Goiás); e também: Banda Ainos (da Assembleia de Deus Missão); Banda D3 da Igreja Evangélica Salvos em Cristo, que inclusive dramatizaram uma peça teatral); e Banda Shalom (da Igreja Católica).

Um dos fatos que mais chamou a atenção do público foi a pregação da jovem Thamires Carvalho, da Salvos em Cristo. Outro momento igualmente marcante foi quando os jovens da IESC encerraram sua apresentação e permaneceram junto aos jovens católicos, não apenas prestigiando a apresentação destes, mas também participando do louvor, dando, com isso, o exemplo do amor que pregam em seus templos e a prova de que é perfeitamente possível católicos e evangélicos conviverem harmoniosamente.

Na quarta-feira, dia 31 de maio, segundo dia de atividades, houve pela manhã corridas de pedestres, ciclistas, carrinho de mão, saco, revezamento 4 por 4 e de jegue.

À noite, aconteceu o Momento Cultural, com desfiles e apresentações artísticas e folclóricas das escolas do município, na praça do Alayde. Foi nesse evento que as escolas de Ensino Fundamental I disputaram um festival de quadrilha, cujo título de campeã foi dado pelo júri à escola Elias Bezerra, do Sítio Riachinho.

Em seguida, teve shows com Luizão do Amor, Toinho dos Teclados, Benício Pimentel, Agenor de Quinca, Francis Dom, Garotos da Pizada, Rafael e Rafela.

Na quinta-feira, 01 de junho, às 16h00, aconteceu a final do Campeonato Municipal de Futebol, disputada por Juventude e Tamboril. A partida foi jogada no Estádio Municipal Luís Monteiro, e teve como vencedor o Juventude, que ganhou nos pênaltis depois de empatar a partida em 0 a 0 no tempo regulamentar.

À noite, foi celebrada na Igreja Sagrado Coração de Jesus uma missa em ação de graças pelo aniversário da cidade. E para encerrar as festividades, na praça Eng. Domingos Sávio, os cantores Marciel Forrozeiro, Fafá Santana e Luan Estilizado fizeram o tradicional show do aniversário da cidade, do qual participaram centenas de pessoas, vindas de cidades vizinhas.

Apesar de rumores sobre uma briga durante a festa, a única ocorrência registrada foi o furto de uma moto preta modelo Bros. Houve também um acidente de moto no qual um casal se envolveu já no início da manhã de sexta-feira, na saída da cidade, próximo ao portal. Quando a polícia chegou ao local, as vítimas já estavam sendo socorridas por uma ambulância.

Fotos: Anderson Monteiro, Benício Pimentel, Lusivaldo Elizene Moura, Liziene, Leylyanne Alves, DJ Telelê e Eduarda Carvalho

01 de junho de 2017

Aniversário de Itainópolis é marcado por protesto em prol de asfalto

Manifestantes são aplaudidos por usuários da pista durante a manifestação

Os proprietários de transportes alternativos de Itainópolis, Vera Mendes e Isaías Coelho mais uma vez paralisaram suas frotas em protesto contra as péssimas condições da PI 245, no trecho que liga Itainópolis a Picos. Na manhã desta quinta-feira, 01 de junho, aniversário de Itainópolis, em vez de irem a Picos, os perueiros seguiram em carreata do Mercado Público Municipal até o Tamburil II, onde realizaram um ato no qual reivindicavam ao governador Wellington Dias, do PT, a recuperação da rodovia.

O proprietário de vans Neto Crispim lamentou ter que sacrificar um dia de trabalho para fazer reivindicação, sendo que o transporte de passageiro é a sua fonte de renda. “Senhor governador, não é fácil parar um dia de serviço. E duas viagens por dia numa buraqueira dessa, não dá para suportar. Os carros se quebram. (...) O meu apelo ao senhor governador é que ele faça essa estrada o mais rápido possível.” Neto ainda diz que nem era para eles estar fazendo essas reivindicações, pois isso é uma atribuição do prefeito e de outros políticos, que representam o povo. “Estamos aqui fazendo o papel que vocês deveriam estar fazendo”, conclui Neto, dirigindo-se aos políticos itainopolenses.

O cobrador Edvan também fez uso da palavra. “Nós tínhamos promessa para nossa cidade, tínhamos promessa para nossa estrada, mas até agora não aconteceu. Sabe por quê? Porque o compromisso está faltando, a responsabilidade está faltando. Todos os dias a gente anda nessa estrada esburacada, correndo risco de sofrer uma colisão com outro carro. (...) Uma estrada dessa daqui é caminho de morte, de colisão, de acidente, de carro quebrado.”

Presidente da Associação de Agricultores – MPA, Afonso Galvão disse que quase não anda em Itainópolis, mas quando precisou vir, teve prejuízo. “Nas duas vezes que vim, o carro quebrou. E fico imaginando vocês, que rodam diariamente.”

Também se associaram aos donos das vans comerciantes, populares e representantes do Poder Legislativo, tanto da situação quanto da oposição, apesar de que a manifestação não era partidária.

A comerciante Estelita Aguiar disse que não é fácil para ela ir duas vezes por semana a Picos numa estrada tão esburacada. “Precisamos urgentemente de uma melhoria para nosso município nesse asfalto. Então, vai aqui o meu apelo ao governador Wellington Dias: seja nosso amigo, Wellington Dias; veja os nossos problemas, o nosso sacrifício.”

Gerente de uma loja de móveis em Itainópolis, Edileusa Borges também fez seu desabafo: “Não é fácil a gente se deslocar em duas horas, praticamente, para chegar a Picos. Na situação que está essa estrada, eu tenho certeza que o nosso governador vem para Itainópolis é de helicóptero.” Edilusa conta que, por várias vezes, teve que desistir de ir a Picos por conta do asfalto ruim. Ela disse ainda que quem antes saía de Itainópolis às 5h30 agora está tendo que sair às 4h00 da madrugada.

O vereador Sandegy também cobrou melhorias a Wellington Dias e pediu que o governador feche compromisso com uma empreiteira que tenha responsabilidade, para que seja feito um asfalto de qualidade. O legislador lembrou ainda a importância da rodovia, que dá acesso ao sul do estado. “Com o apoio também da prefeitura de Itainópolis, fica muito mais fácil o senhor [governador] ajudar esses cidadãos.”

Para o vereador Erivan Osmundo, não há o que comemorar no aniversário da cidade. “Enquanto tem gente inaugurando obras irregulares, nós estamos aqui lutando por benfeitorias”, disse o vereador. E continua: “É uma vergonha para nosso governador. Quantas e quantas vezes ele já assinou aquela ordem, que todos os dias estão mostrando em redes sociais?” Erivan também lembrou que o asfalto de Santana do Piauí já foi iniciado e lamenta que o de Itainópolis, apesar de ter tido a licitação feita antes, ainda não tenha se iniciado. O vereador encerrou suas falas fazendo um apelo ajoelhado.

Oriundos de diversos lugares, os motoristas que passavam pelo local do protesto aplaudiam e parabenizavam a iniciativa dos manifestantes. Estes, ordeiramente, fizeram suas reivindicações discursando, levantando cartazes, soltando fogos e soprando apitos.

Vindo de Nova Olinda, Ceará, com destino a São João do Piauí, o motorista Carlinhos se queixa desse trecho de seu itinerário. “A rodovia mais ruim que eu vi foi essa. A gente estraga amortecedor e tudo no carro, e ainda arrisca a vida.”

Fábio Jean trabalha numa editora em Teresina. Ele saiu da capital piauiense, também com destino a São João do Piauí, e passou pelo Tamburil no momento da manifestação. Fábio disse que o carro o qual dirige é da empresa, mas ele sente dó de colocar o veículo para trafegar em uma pista em tal estado de conservação, segundo ele, o único trecho ruim de sua viagem.

Alisson Henrique vinha transportando minério de Corumbá, Mato Grosso do Sul, para Fortaleza, Ceará. Ele disse que a pista é ruim, e que trafegar por ela maltrata tanto o veículo quanto o motorista.

A manifestação se encerrou no Calçadão da Juventude, pontualmente às 10h00, conforme previa o acordo firmado na Justiça pelo prefeito e pelos organizadores do evento. Os que passavam pelo local paravam para ouvir os discursos dos manifestantes.

Estudante universitário em Picos, o jovem Nicael Lima também manifestou sua indignação. “Tentaram tirar a legitimidade do nosso protesto. (...) O povo unido é capaz de mudar essa história. O povo unido vai conseguir esse asfalto. (...) Quem está aqui é o pai de família, que precisa sustentar a sua família com o seu suor. Quem está aqui é o estudante, que precisa dessa estrada todo dia para se formar na universidade. Quem está aqui é o povo, que precisa de respeito, que precisa ser ouvido. Por isso, Wellington Dias, seja capaz, seja homem. Mande as máquinas para essa cidade.”

31 de maio de 2017

Perueiros e prefeito firmam acordo sobre manifestação em prol da pista

Sem interdição total da rodovia, os protestos vão durar só até as 10h00 da manhã

Na tarde desta quarta-feira (31), o prefeito Paulo Lopes e representantes dos transportes alternativos e do Movimento de Agricultor (MPA) estiveram na sala de audiência do Fórum de Justiça, onde se reuniram com a Dr.ª Mariana Machado, Juíza de Direito, titular da Comarca de Itainópolis, e com a Dr.ª Romana Vieira, Promotora de Justiça. Também estava presente o tenente Sidney, que responde como delegado de polícia na mesma cidade.

O motivo da reunião foi firmar um acordo entre os perueiros e o prefeito, acerca da manifestação em prol da recuperação da rodovia que liga Itainópolis a Picos, de modo a não ser violado o direito de ir e vir dos cidadãos e não serem afetadas as atividades em comemoração do aniversário da cidade.

Antes, a manifestação estava prevista para começar às 5h00 da manhã do dia 01 de junho e terminar depois de transcorridas 24 horas ou até o governador Wellington Dias, do PT, se pronunciar sobre o caso. Também estava prevista interdição total da pista. Agora, a manifestação vai durar apenas quatro horas e meia – das 5h30 às 10h00 do mesmo dia – e só haverá ocupação de um lado da rodovia.

Os termos firmados entre prefeito e proprietários de vans foram os seguintes:

1) A manifestação será pacífica e será assegurado o direito de ir e vir dos usuários da rodovia. Por isso, não serão fechadas as duas vias da pista e não haverá queima de pneus nem uso de armas de nenhum tipo.

2) Os organizadores da manifestação sairão em carreata às 5h30 da manhã do Mercado Público Municipal até a localidade Tamburil II, onde acontecerá o ato do protesto até às 10h00, quando todos deverão se dispersar do local, para não comprometer os festejos da cidade.

3) Ninguém será obrigado a participar da manifestação. E, a partir das 10h00, os proprietários de vans poderão retomar suas atividades triviais, transportando passageiros para Picos, se assim desejarem.

4) O prefeito Paulo Lopes se comprometeu a levar representantes do serviço de transporte alternativo a uma reunião com o governador Wellington Dias, em Teresina, na semana do dia 19 de junho, para tratar do problema em questão. (Dr. Paulo e Neto Crispim se reunirão para decidir quem vai à reunião.)

5) Ambas as partes se comprometeram a fazer ampla divulgação do acordo firmado, utilizando-se, para isso, das diversas mídias eletrônicas disponíveis.

6) Caso haja descumprimento dos termos acordados na Justiça, a polícia poderá intervir para garantir a manutenção da boa ordem.

7) Quem descumprir o acordo sofrerá multa e será responsabilizado através das vias judiciais.

A juíza considera a manifestação legítima e necessária, dada a precariedade em que se encontra o asfalto de Itainópolis a Picos. Mas não permitirá que os direitos legais dos cidadãos sejam violados.

O Portal O Dia reportará ainda amanhã os protestos dos perueiros e também fará ampla cobertura de todos os eventos promovidos pela prefeitura em comemoração ao aniversário de Itainópolis. Essa cobertura irá ao ar logo na manhã do dia 02.

29 de maio de 2017

Colégio Álvaro Rodrigues realiza torneio em duas modalidades esportivas

1º A e 2º A são os campeões em queimados e futsal, respectivamente

A U. E. Álvaro Rodrigues realizou durante quatro dias não consecutivos jogos de queimados, para as alunas, e de futsal, para os alunos. As disputas foram entre as turmas da própria escola e envolveram estudantes dos turnos tarde e noite.

Os jogos aconteceram no ginásio poliesportivo, onde primeiro as meninas disputavam queimados e, depois, os meninos se enfrentavam no futsal.

Na sexta-feira (26), aconteceram as semifinais, em que se classificaram nos jogos de queimados o 1º ano A e o 2º ano B. Já no futsal, os times que levaram a melhor foram o 2º ano A e o ano 3º B.

As finais foram decididas nesta segunda-feira (29). Nos jogos de queimados, as meninas do 1º A venceram o 2º B, tornando-se, assim, as vitoriosas da competição. Já no futsal, quem levantou o troféu foi o 2º A, que venceu o 3º B com o placar de 3 a 2. Gols de Ricardo Jr., que marcou um, e de Gregório, que balançou a rede duas vezes.

Na modalidade feminina, quem se destacou foi Maria Aparecida, do 1º A, como melhor jogadora; e Maria Vitória, do 2º B. Já o artilheiro da competição masculina foi Ricardo Jr., do 2º A, que atingiu a marca dos sete gols; o melhor jogador foi José Wille, do 3º B; e a medalha de goleiro destaque foi para Francisco Ryã, do 1º B.

Para o diretor Valdecleide Geraldo, uma gestão participativa é aquela que dá oportunidades para os alunos praticarem atividades também fora da escola. Valdecleide analisa que esses jogos proporcionam aos alunos aquilo que eles gostam de fazer, que é praticar esportes. “Esse campeonato serviu para eles praticarem atividades físicas. E ficamos muito felizes em lhes dar essa oportunidade”. Valdo acrescenta ainda que o torneio fica mais disputado a cada ano que passa e avalia como satisfatória a edição 2017.

28 de maio de 2017

Ensino Médio de Vera Mendes realiza feira cultural

Show de Cristiano Pipow encerra as apresentações

Os alunos da U. E. João Antônio Vera, onde funciona o ensino médio de Vera Mendes, realizaram nesta quinta-feira (25) uma feira cultura que mobilizou toda a comunidade escolar.

Com o tema “Resgatar e valorizar a cultura local e piauiense”, os estudantes expuseram no ginásio poliesportivo da cidade estandes nos quais apresentavam comidas típicas, artesanato e artefatos antigos piauienses em geral.

As falas do diretor João Antônio de Sousa abriram a mostra cultural, cuja primeira apresentação foi a encenação de um casamento caipira. Em seguida, houve a tradicional quadrilha, dança típica da região Nordeste, que se realiza em comemoração ao mês de junho, o mês de São João.

Uma pausa nas apresentações foi dada, para que a plateia pudesse degustar as iguarias típicas da culinária local, expostas nos estandes. Depois houve dança de forró, apresentada pelo casal Ricardo e Luana, e show musical com os artistas locais: Dedé e Banda, Elves dos Teclados, Didi, Airton, Regivan, Jerson e Jailson.

A festa continuou com o show do cantor Cristiano Pipow, que entrou na madrugada.

O evento teve como objetivo incentivar o folclore e a cultura piauienses, como forma de preservar a identidade das pessoas desse estado.

O evento foi planejado a partir de ações agregadas a um projeto do MEC conhecido como PROEMI (Projeto Ensino Médio Inovador) e levou em conta a necessidade de disseminar as principais tradições culturais da localidade.

Compareceram ao evento representantes da 9ª GRE, autoridades políticas locais, professores e estudantes de Itainópolis, entre outros.



Fotos: Anderson Monteiro e Fabrícia Rodrigues

25 de maio de 2017

Proprietários de vans anunciam protesto reivindicando recuperação de asfalto

No dia de seu aniversário, Itainópolis ficará sem transporte alternativo

Depois de a construtora Jurema ter abandonado a obra de recuperação da PI 245, os proprietários das vans que passam pelo trecho de Itainópolis a Picos prometem que vão paralisar sua frota quinta-feira próxima, dia 01 de junho, mesmo dia do aniversário da cidade. Em vez de fazerem linha para Picos nessa data, eles vão fazer um novo protesto, como o que fizeram em outubro do ano passado. Só que desta vez, está prevista uma interdição da rodovia.

O objetivo da manifestação, segundo nos informou o perueiro Neto Crispim, é fazer chegar ao governador Wellington Dias (PT) a insatisfação de todos aqueles que precisam se deslocar frequentemente para Picos. Para Neto, o começo e imediato abandono da obra só piorou a situação para os usuários da pista. “Agora, além dos buracos, a poeira”, reclama o proprietário de micro-ônibus.

Os perueiros de Vera Mendes também já aderiram ao ato. E Neto Crispim, que falaria hoje com os de Isaías Coelho, garante que contará também com eles novamente para a reivindicação deste ano, que será por tempo indeterminado. A previsão é que termine depois de passadas 24 horas ou até que o governador se pronuncie a respeito da construção de um asfalto de qualidade.

A primeira manifestação, como já dissemos, foi feita em outubro de 2016. Depois de a notícia ter repercutido, o governador Wellington Dias publicou vídeo prometendo mais uma vez a recuperação do asfalto. Porém, até agora, a abra não foi executada.