• Natal
  • Policlinica
  • Motociclista
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia
Garrincha

Dia de Finados traz lembranças de grandes nomes do futebol piauiense

Confira o texto publicado na coluna Prego na Chuteira no Jornal O Dia.

01/11/2019 09:06h

Amanhã... finados

Meus amigos, a vida passa como uma partida de  futebol.  O jogo de bola tem o seu tempo regulamentar que é de hora e meia com descanso de dez minutos para beber água e discutir o jogo. Agora, nos intervalos tem-se visto é jogadores dedilhando o telefone celular. Online. Mas o mundo é cheio de mudanças e rola como uma bola mesmo porque nosso mundo vasto mundo é uma esfera gigantesca, a maior bola que nós  conhecemos na cara da terra. Muita gente escreve “face da terra” mas  eu prefiro usar cara. E  com a cara  e a  coragem vou levando esta vida que Deus me deu e que o Diabo não toma e chegando perto do final do jogo, na chamada “trajetória dos noventa” como diz o Dídimo de Castro na Rádio Pioneira. E tenho bons exemplos como Pedro Ribeiro,Carlos Said,Fernando Mendes e o inesquecível Moraes Filho, da Rádio Difusora que já nos deixou.Nesse dia  emblemático, lembramos a recente perda  do presidente  desta entidade federacionista, FPF, o Cesarino Oliveira e queremos homenagear um nome importante na vida da imprensa falada esportiva, o Manoel Moraes Filho a quem a plebe rude e ignara chamava de “Milenar”.Eu fui sem companheiro na Rádio Difusora de Teresina, éramos comentaristas e ele foi meu tesoureiro na Associação dos Cronistas  e era fiel nas contas. Lembro que certa vez, ele estava comentando no intervalo de meio tempo uma partida de futebol, quando um  colega de profissão passou e ba-teu na sua cabeça, dizendo “tá mentindo aí, né, Neguim?” Ele não parou e retrucou: - Vai bater na cabeça de tua mãe  filho de uma égua ! Ah amigos, amanhã é dia de finados,os que se foram na nossa frente e no nosso futebol foi muita gente e vai mais ainda porque a fila não para  e vai até juiz não importa qual a vara.  Dia de lembrar  os finados Belchor, Zé Palitó e Tamundó. Dia de rezar para os que deram suas vidas pelo nosso futebol, o Rodrigues Filho, o Tote, o Pedão, o coronel Jofre, o Guilherme Bucho de Panelada,  Napoleão Santos, Valdimir Silva, Alfredo Nunes, Gereba, Afrânio Nunes, Reinaldo Ferreira, Matintim,  Belchior Barros, Bibio e dona Maria  do Buchão   que perguntava: Sou chata sou, falo demais, falo? E assim, gentes boas, a vida passa e tudo chega ao seu fim e o nosso é o Fi...nados. E enquanto não somos eliminados neste campeonato da vida, ergamos a taça sem beber o que está dentro. Pode ser fel. No lugar do mel.

O Milenar

A foto de hoje é do falecido  Manoel de Moraes Filho, recuperada pelo Assis Paraíba, saiu na Cidade Verde, retrato do Everardo Torres. Um dos “ícones”  da imprensa  esportiva piauiense. Tesoureiro da APCDEP.

Val do Bacabal

O Galo contratou o jogador Val do Bacabal que até rimou mas vamos ver se ele é bom no couro mesmo. Ele é rodado, já passou pelo Ferrim de Fortaleza, Atlético de lá e  Fluminense de Feira de Santana. Ele já assinou contrato com onze times, um time de times e agora é o seu décimo-segundo contrato. Já estão até o chamando de Val doze... contratos. O casamento civil entre a gente devia ser assim como contrato de jogador de futebol. Não deu certo, não serviu ,rescisão de contrato civil e vai para a ponte  que caiu. Bolas prá frente que atrás vem gente e olho no óleo que fila anda....

Começa em Janeiro

O certame  profissional, primeira divisão  do futebol “cabeça de cuia” começa no dia 19 de janeiro, véspera de  dia  de São Sebastião. E vai ser o primeiro jogo no Albertão para mostrar que pancada grande é que mata a cobra. Com tudo a quem tem direito.Foguetes, banda de música e o presidente Brouw Carcará de cinto novo por causa do aumento  da barriga. Os clubes todos de roupas novas e com mascotes femininas e bonitinhas. Vai ter até balé com aqueles rodas grandes e as meninas esticando suas pernas no vento da Redenção. A televisões mandando para o mundo as imagens.


Deixe seu comentário