• Banner Cultura Governo do PI
  • Obras no Litoral Cultura
  • Clínica Shirley Holanda
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia
Garrincha

Felipe Melo é suspenso por cinco partidas

Confira o texto publicado na coluna Prego na Chuteira no Jornal O Dia.

07/11/2019 09:34h

Os “possuídoS”

Meus amigos, futebol além de ser coisa séria é coisa que merece e requer recato e comportamento ético. Um jogador de bola profissional não deve se exceder em suas manifestações de revolta ou descontentamento com o seu público mostrando ao povo algo que é seu e o boi não lambe. Agora, mesmo, o atleta de futebol de bons predicados técnicos, como o Felipe Melo, foi suspenso de suas atividades profissionais por cinco partidas pelo fato de haver balançado e mostrado os seus “possuídos” para a plateia que assista ao jogo Santos e Palmeiras, em plena Vila Belmiro, reduto santista. Vamos e venhamos que balançar os “melindrosos” para uma torcida adversária é ser muito macho e quanto mais sendo no campo do antagonista. Conversei com Servo de Deus e ele me disse com sua alta experiencia no ramo que o cara queria ser “desovado”, só pode... Como é que um jogador profissional comete tamanho despautério, seu Climério? Está certo que você dê a devida sacudida logo após o ato mictório porque é da tradição e já gregos e troianos sacudiam seus bagos conforme eu li nas Catilinárias de Cicero. Mas deixa isto para lá porque o homem sempre foi sacudidor e alguns são “saco de dor” e a bola rola, este amigos de vocês não enrola e saco pequeno é sacola. E eis que me chega aqui, na redação, o sempre ligado Celso Carvalho com seu mais novo livro. O título é “Albertão- Um sonho realizado. Ele mostra toda saga  que envolveu o Albertão desde que era só chão e hoje é o palácio do esporte.E assim sendo, João  Rosendo, passo a falar não dos “possuídos” mas do trabalho de nosso renitente Celso Carvalho, um coroa agoniado, faltando bem pouquinho pra ser doido. E ele é um dos últimos dos “moicanos” que não moe cana mas trabalha pela memória do nosso esporte hoje tão pouco praticado e menos falado. Pois este coroa é um batalhador  da memória  do esporte piauiense e com ele não tem “prego na chuteira “nem pedra na baladeira. E ele nos convida para o lançamento o do seu livro – Albertão- um sonho realizado.” E que neste lançamento terá a figura emblemática de Simão Teles Bacelar. O nosso ídolo Sima, como o melhor atleta nos 46 anos de Albertão. Sei que muita gente vai dizer que é babação para o Sima porque ele nem dava em cima do adversário, só ficava na garapa para fazer os gols que recebia dos armadores. Porque a vida é mesmo assim, desde que se descobriu o Brasil e hoje ainda tem gente que não louva Cabral nem Colombo, aquele que era músico do Sambrasa. E assim a bola rola e eu já estou na “trajectória dos noventa” como diz o Pequeno Polegar narrando jogo na Pioneira de Teresina. O tempo passa...

Gilmar com Jota A

O nosso eterno goleiro Gilmar que foi campeão na Suécia em 1968 e que o nosso Jornal fez um calendário e o botou num belo trabalho do Jota A. Foi o primeiro título brasileiro em coa do mundo vasto mundo se eu me chamasse Raimundo Pão era de Piripiri.

Torneio dois advogados

Os homens da lei também são desportistas e o futebol é a maior modalidade de prática no dia a dia. Agora mesmo estão abertas as inscrições para o torneio de advogados do Piauí e com várias categorias como sejam: masculino, feminino, master, supermaster e mesclado. Eu fiquei meio  lá e meio cá com esta categoria “mesclado”... Será o que eu estou pensando ? – “Você é advogado? – Sou. Qual a sua categoria? – Mesclado. Rapaz, o mundo está muito avançado e tem categoria “mesclado”. Eu não digo nada porque os meus colegas de Direito são doutores, professores e de muitas cores. Mas este negócio de “mesclado” não me cheira bem. Enfim, eles que são doutores da lei que  classifiquem que é ou não “mesclado”. Eu mesmo, sou até formado em Direito, mas não sou mesclado. Sou é macho.

Mostrou os melindrosos

O jogador profissional do Palmeiras, o Felipe Melo recebeu uma punição muito grande pelo fato de haver mostrado seus documentos sexuais para a plateia adversária. No caso, a torcida do Santos de Pelé, em jogo pelo certame paulista, no campo da Vila Belmiro. A punição revoltou o Palmeiras, achando que cinco jogos de suspensão é demais para um rapaz que só mostrou uma vez e os ditos cujos estavam até vestidos, cobertos.Ele mostrou apenas o volume dos órgãos da Geni, os  genitais. Isto vem causando uma polêmica muito  grande e me faz lembrar aquela passagem histórica quando  Cristovão Colombo pôs  um ovo em pé e até hoje nenhum outro homem pôs ovo nem deitado. Mas o Felipe foi punido e o seu clube,de Palmeira  verde ficou revoltado.


Deixe seu comentário