• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia
M³

Creme dental nos cabelos

Na verdade, essa mistura é resultado pura e simplesmente da loucura que nos acomete

12/09/2013 09:35h

Por favor, não façam isso. Até onde sabemos, nenhuma pesquisa científica foi capaz de comprovar eventuais benefícios do creme dental sobre os cabelos. Na verdade, essa mistura é resultado pura e simplesmente da loucura que nos acomete.

Dia desses, uma de nós, na pressa para sair correndo de casa para resolver meio mundo (ou mundo e meio) de coisas, ia cometendo esse desastre.  Claro que antes de deslizar as mãos sobre a cabeça, percebeu o feito e caiu na risada, afinal, é preciso saber rir até mesmo da vida atabalhoada que temos.

Mas hoje trazemos este fato simples, corriqueiro, para mostrar como o ritmo que optamos impor em nossos dias pode transformar o cotidiano em tsunamis diários. Isso não é ruim para quem gosta de viver intensamente como nós, mas reconhecemos que, além de fatos como esse que geram risadas, pode ser bem complicado em longo prazo.

Se pensarmos que estamos sempre fazendo alguma coisa desde a hora que acordamos até a hora de dormir e que, quando não temos um compromisso urgente ou com hora marcada sentimos um vazio imensurável, como se estivéssemos perdendo tempo produtivo, percebemos como o caminho até o céu (ou até as férias dos sonhos) é longo e árduo.

Trabalhamos com afinco e com o desejo diário de fazer melhor. Fazemos o que gostamos, por que gostamos e, claro, também por que precisamos pagar as contas, afinal, não vivemos de fotossíntese. Mas tem horas em que é impossível não pensar que desacelerar seria bom.

Se talvez tivéssemos um pouco mais de tempo para deglutir as informações, para processar os dados, nosso HD provavelmente travaria menos nos horários de pico, ou seja, quando mais precisamos dele. O tempo de maturação das decisões, das escolhas e até mesmo das derrotas são necessários para que possamos compreender melhor os fatos e suas razões.

Por: Elizângela Carvalho e Clarissa Carvalho

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas