• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia
Mochileiros do Piauí

Mochilando pela Ámerica do Sul

Nossa aventura começa pela cidade de Lima, capital do Peru

16/06/2014 22:58h - Atualizado em 20/06/2014 10:19h

Textos e Fotos : Samuel Brandão e Clébert Clark

Mochilando pela América do Sul

Viajar é desvendar a vida; Lugares, pessoas, paisagens, horizontes, paraísos - você. Viajar é sempre um bom modo de conhecer o mundo, não só o externo que se remonta diante dos nossos olhos, mas também conhecer aquele que fica dentro de nossa fronteira ocular, pois no momento que experienciamos essas emoções, elas se agregam, de alguma forma, ao nosso espírito, renovando o nosso modo de olhar. Viajar é saber que tudo que cabe na mochila é o necessário e que o coração, é onde mais coisas vai guardar. É andar por lugares no horizonte onde o sol já descansou. Viajar é não pensar na vida e sim viver já, viajar! 

Com exatos dois anos planejando e arquitetando todos os detalhes para uma viagem espetacular pelas planícies mais misteriosas e incríveis da América Latina, o grupo do Mochileiros do Piauí, mostra verdadeiros relatos e belas imagens desses lugares que atraem a atenção de pessoas de todo o mundo pelos seus encantos. Inserindo-se nesse contexto global, o Piauí também se torna presente, através desses aventureiros de primeira viagem, que irão compartilhar suas vivências e relatar passo a passo suas aventuras.

Primeiro Destino, Lima – Peru

Piauí - Peru, Teresina – Lima. Nossa viagem ou “ Trip”, segundo o dicionário mochileiro, começa por essa cidade que é a capital do Peru e que possui diversos contrastes naturais com o estado do Piauí. O primeiro deles, e mais evidente, é o clima, quando aqui chegamos nossa primeira impressão era a de que a cidade estava passando por um tempo nublado, mas logo percebemos que não veríamos o sol pelos próximos três dias, período que ficamos por lá. Lima está localizada às margens do Oceano Pacífico e possui uma temperatura média anual de 18°C. O sol não aparece na maior parte do ano.

O outro contraste que existe em relação ao nosso estado, é que, por conta do tempo nublado, as cores da cidade entram em um jogo monocromático que revela sempre o cinza, diferentemente das cores vivas de Teresina.

A capital do Peru é uma cidade que mescla, quase que organicamente, em sua arquitetura, o moderno com a tradição inca e colonial espanhola. Por toda a cidade podemos ver prédios com um estilo sofisticado,além de casas, igrejas, prédios públicos e monumentos com influência espanhola. A tradição Inca também é muito evidente, podendo ser presenciada em diversos símbolos, desenhos, grafites, na publicidade e em obras de arte de uma maneira geral. Apesar da dominação espanhola, a cultura inca conseguiu se perpetuar ao longo do tempo e Lima é o reflexo fascinante dessa amálgama cultural.

Com essa boa recepção que Lima nos ofereceu, vimos que o Peru tem uma cultura e história exuberantes e o melhor é que, o país possui uma ótima estrutura para receber turistas de todo o mundo sendo sua capital o ponto de partida para as outras maravilhas que o país tem a ofertar. 

O que visitar

Bairro de Miraflores:

Se você não está hospedado em Miraflores, uma boa dica é visitar esse bairro que possui  inúmeras opções de diversão como bares, restaurantes, comércios e pubs. Uma simples caminhada pelo bairro já é um belo programa, podendo esticar até o centro comercial Larcomar que fica em frente ao oceano Pacífico. Outra dica é que nesse bairro se encontra o Museu Arqueológico Huaca Pucllana, que contém muralhas do período inca.

Centro Histórico

Uma peculiaridade marcante em Lima é a frota de ônibus velhos que, apesar do desenvolvimento da cidade, cruzam suas avenidas com cobradores pendurados em suas portas gritando o destino para os transeuntes. Dependendo da escolha de como ir ao centro, essa é bem interessante.

Ao visitar o centro histórico, existe um circuito já programado, que pode ser encontrado em qualquer guichê turístico, começando pela Plaza de Armas que possui alguns dos principais prédios do governo.  Dentro desse circuito está a igreja de São Francisco que possui um grande acervo de obras de arte produzidas por monges franciscanos e o que é mais fascinante, são as suas catacumbas subterrâneas, que guardam milhares de ossos, cerca de 25 mil esqueletos, de pessoas que acreditavam que enterrados ali conseguiriam a salvação.  Outro prédio interessante é o da inquisição que guarda parte da história de Lima e alguns materiais de tortura.

A praça das Fontes

No centro da capital Peruana encontra-se um verdadeiro espetáculo das águas, a famosa praça das fontes. O que antes era um reduto de viciados e criminalidade, foi restaurada pelo governo e se tornou um dos principais pontos turísticos da cidade.

Próxima parada dos Mochileiros do Piauí: Cuzco, o umbigo do mundo.

Relatos de quem já foi

http://www.mochileiros.com/lima-e-huaraz-7-dias-dez-13-t92823.html 

http://www.mochileiros.com/10-dias-por-lima-cuzco-e-mp-t97138.html 

Fonte: Mochileiros do Piauí
Edição: Samuel Brandão
Por: Samuel Brandão

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas