• Canta
  • SOS Unimed
  • Fagner
  • Trilha das emoções
  • Novo app Jornal O Dia
No Mirante

O Cliente BOMBA!

Como o atendimento cria um cliente "explosivo"

06/05/2016 15:10h - Atualizado em 02/01/2017 15:40h

Estive refletindo sobre algumas situações vividas recentemente em uma empresa de transporte rodoviário de passageiros, em uma padaria e aí me veio a mente uma série de "experiências" negativas e aí como diz o meme "E aí pah"... veio a luz deste artigo.

Estive numa padaria X, é a única da região que possui um suco Y que eu gosto muito, trata-se de um suco em lata, abri o freezer com toda paixão do mundo quando vejo uma lata suja, outra suja, e mais outra, outra, outra, outra, resumo: Retirei 16 latas do freezer e entreguei a balconista e discretamente apontei para a sujeira! Você acha que ela me agradeceu? Negativo, primeiro perguntou se eu ia levar as 16 latas, quando soube que não, respondeu que bastava eu avisar que estava sujo sem precisar dar o trabalho a ela. MEU DEUS DO CÉU... o cliente não explode uma bomba no estabelecimento dela (isso daria uma bela visita da ANVISA...) e ela faz o que? Arma uma bomba... e sabe quem é a bomba? EU! O cliente insatisfeito, que poupou o nome da padaria, mas já contou essa história para umas 10 pessoas desde o dia do fato!

Já a empresa de transporte de passageiros foi algo muito sinistro, não foi uma relação cliente vs fornecedor, mas a forma como fui tratado, hummm... a grosseria dedicada, bom, tenho falado tanto neste assunto que quem conversou comigo pessoalmente vai lembrar da história quando ver um veículo deles na rua!

Há quase 2 anos estive no Centro de Artesanato de Teresina, o que rendeu um artigo aqui mesmo NO MIRANTE, a respeito da comédia stand-up de uma loja lá que mente ao cliente ao dizer que a máquina do cartão de crédito tem limite mínimo, risos... eu não nasci ontem, pelo contrário já tem um bom tempinho... mais uma BOMBA ARMADA... eu que conto essa história amplamente! O cliente que reclama volta, o cliente que sai calado, hummmm, esqueça, ele não voltará e contará para muita gente sua brilhante experiência naquele local. Infelizmente alguns lugares só funcionam sobre pressão, em uma ocasião fiz uma reclamação em uma empresa Teresinense e a responsável pelo setor não estava dando muita bola, até que eu disse "eu tenho um blog no O DIA" caramba, a solução saiu em 3 minutos! 

Parem de fazer o cliente de besta, de bobo, ao tomar essa ação você está armando uma bomba! Eu poderia contar uma história triste minha recentemente em Teresina, mas por questões de ética irei preservar a história por enquanto, mas enfim...

Como costumo dizer em palestras de Postura Profissional e Atendimento ao Cliente: O cliente pode ser sua oportunidade, para crescer ou afundar, você escolhe!


Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas