• ecotur 2018
  • TV O Dia - fullbanner

Notícias Roda Viva

19 de julho de 2018

A estratégia comentada

Na realidade, segundo as especulações, Wellington estaria, sim, disposto a aceitar um emedebista como seu vice, mantendo Regina na disputa pelo Senado.

Em meio às intensas discussões entre os emedebistas para decidir quais os próximos passos o partido deve tomar, começaram a circular rumores de que o governador Wellington Dias (PT) estaria buscando ganhar tempo, quando informou ao deputado Themístocles Filho (MDB), na última terça-feira, que pretende indicar a senadora Regina Sousa (PT) para ser sua vice nas eleições deste ano. Na realidade, segundo as especulações, Wellington estaria, sim, disposto a aceitar um emedebista como seu vice, mantendo Regina na disputa pelo Senado. No entanto, o petista prefere Marcelo Castro ocupando a vaga de vice. Fala-se que o governador não confia o suficiente em Themístocles para entregar a caneta a ele daqui a quatro anos, quando terá que renunciar ao Governo para disputar uma vaga no Senado Federal, como fez em 2010.

O diretório estadual do PSL está articulando a vinda do deputado federal Jair Bolsonaro (PLS) ao estado no início do mês de agosto. De acordo com o publicitário e empresário Fábio Sérvio, pré-candidato ao Governo do Estado pela sigla, à intenção é que o presidenciável esteja em Teresina na data da convenção do partido, que deve ocorrer no dia 3 de agosto, uma sexta-feira.

Sem pagamento

O Sindicato dos Hospitais, Clínicas, Casas de Saúde e Laboratórios de Pesquisas e Análises Clínicas do Estado do Piauí (Sindhospi) divulgou uma nota em que informa que os pagamentos à rede credenciada referentes ao mês de abril ainda não foram efetuados pelo Governo do Estado. De acordo com a entidade, "na última quarta-feira o sistema foi aberto para encaminhamento das faturas, de forma incompleta, diga-se de passagem, pois deixou de fora as faturas referentes a urgência e emergência".

Suspensão mantida

O Sindhospi afirma que a suspensão dos atendimentos permanecerá até que haja a regularização dos pagamentos. De acordo com a entidade, o prazo contratual a ser levado em conta é o D + 60, ou seja, dia da apresentação da fatura mais 60 dias, "prazo extenso e que permite ao Governo do Estado ter tempo suficiente para pagar os prestadores". Porém, ainda de acordo com o sindicato, muitos dos prestadores possuem contrato firmado com o Governo com prazo de apenas 30 dias para pagamento.

Atendimento garantido

O sindicato também esclarece que não está sendo negado atendimento de urgência/emergência a nenhum usuário do Plamta, pois isso implicaria em risco à saúde e à vida do paciente. "Essa é uma orientação do sindicato e todos os filiados se comprometeram a cumprir a regra. Estão suspensos apenas as consultas, cirurgias e atendimentos eletivos, os quais serão retomados tão logo os pagamentos sejam regularizados pelo Governo. Portanto, não é admissível que o IASPI notifique os filiados a cumprirem o contrato, se o próprio órgão não o cumpre", conclui a nota.

Contas aprovadas

A prestação de contas da Secretaria Estadual de Turismo referentes ao ano de 2016 foram aprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado. No período, estava à frente do órgão o deputado estadual Flávio Nogueira Júnior (PDT). Ele comemorou a aprovação. "Sempre tivemos essa preocupação na aplicação dos recursos públicos. Essa nossa preocupação e responsabilidade ficam ainda mais evidentes com essa aprovação das contas de nossa gestão", pontuou.

Economia 

As licitações realizadas de janeiro a junho deste ano em Teresina já geraram economia de R$ 40.097.254,04 aos cofres da Prefeitura do Município. O balanço, divulgado pela Central Permanente de Licitações (CPL) da Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos (Sema), é baseado na diferença entre o valor médio de mercado para a contratação da obra, serviço ou compra de materiais e o valor que efetivamente foi licitado.

13 de julho de 2018

Saúde acorrentada

Esse cenário dramática, em parte, é provocado pela desvalorização dos profissionais que atuam na saúde.

As diretoras do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde no Piauí tomaram uma medida extrema nesta sexta-feira, ao acorrentarem-se a cadeiras no Palácio de Karnak, em protesto contra o não pagamento do reajuste de 2,95% acordado entre o Governo e a categoria. A entidade sindical diz que vem cobrando o aumento há semanas, sem sucesso. A Secretaria de Governo teria informado que a mensagem com o percentual de reajuste já teria sido enviada para a Assembleia. Agora, resta aos profissionais aguardar. Mas até lá, vale ressaltar que o ato das sindicalistas é simbólico, e representa muito bom a situação da saúde pública no estado, que parece estar acorrentada, com ambulâncias sucateadas, unidades de saúde sem equipamentos importantes e com carência de pessoal, o que faz com que boa parte da população dos mais de 200 municípios continuem recorrendo a redes de saúde pública e privada da capital piauiense. Esse cenário dramática, em parte, é provocado pela desvalorização dos profissionais que atuam na saúde.

“Mentiram e enganaram a categoria da saúde. Disseram que a mensagem de reajuste já tinha sido assinada pelo governador e enviada para Assembleia, mas não foi. Os servidores de todo o estado já tinham sido informados do reajuste conquistado após seguidos protestos. Agora vemos esse desrespeito, por isso estamos acorrentadas aqui no Karnak e só sairemos quando tivermos uma resposta e a garantia do reajuste para os servidores da Saúde” - Edna Martins, presidente do Sindespi, uma das que se acorrentou a cadeiras na sede do Governo. 

Evangelina Rosa

A Secretaria de Saúde do Piauí afirma que, só esta semana, já transferiu aproximadamente R$ 2,2 milhões para a Maternidade Dona Evangelina (MDER), recursos que devem auxiliar no custeio da instituição, além de R$ 1 milhão para a implantação de novos equipamentos de média e alta complexidade. “Estamos trabalhando conjuntamente para melhoria dessa casa”, destacou o secretário Florentino Neto.

Os equipamentos

"Os diversos equipamentos vão contribuir de forma significativa no atendimento aos pacientes da unidade hospitalar. A aquisição de cinco focos cirúrgicos (equipamento médico que auxilia o profissional durante a realização dos procedimentos cirúrgicos), duas mesas cirúrgicas, duas autoclaves de 400 litros (aparelho que utiliza vapor de água sob pressão para esterilizar instrumentos.) e cinco camas PPP (utilizadas em pré-parto, parto e pós-parto).

Incômodo

Durante pronunciamento na Câmara Municipal de Teresina, o vereador Aluísio Sampaio (Progressistas) destacou a situação que os moradores do bairro Ilhotas estão enfrentando com a instalação do Albergue Casa do Caminho, que recebe pessoas em situação de rua. Segundo o parlamentar, "houve um aumento no fluxo de transeuntes e, consequentemente, da violência". Aluísio Sampaio disse que já solicitou para a Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) que o projeto seja transferido para uma área "menos residencial".

O senador licenciado Elmano Férrer, pré-candidato ao Governo do Piauí, cumpriu agenda na cidade de Picos. Prestigiou a entrega de um título de cidadania na Câmara Municipal para o coronel Wagner Torres e visitou as obras de alargamento de um trecho da BR 316, entre a cidade de Picos e o povoado Gaturiano. A intervenção em mais de 3 km resultará em um novo recapeamento asfáltico e mais duas faixas no sentido Picos a Teresina. A obra é fruto da sua articulação com o Governo Federal enquanto senador.

11 de julho de 2018

Corrida pela impunidade

Leia a coluna Roda Viva também na edição impressa do jornal O DIA.

A presidenciável Marina Silva (Rede) saiu em defesa do juiz Sergio Moro nesta quarta-feira, durante entrevista à imprensa em Belo Horizonte, onde lançou a pré-candidatura do missionário Kaká Menezes (Rede) ao Senado. Referindo-se ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso em Curitiba após ser condenado na Operação Lava Jato, a ex-senadora afirmou que os grandes partidos querem atacar Moro para garantir impunidade a todos. "Os que criaram o problema querem uma chance de aprofundar o problema, por isso que estão fazendo de tudo para desmoralizar o juiz Sergio Moro. Se tiver vitória pra um, será vitória para todos. Se um que cometeu erro ficar impune, será impunidade para todos", avaliou a presidenciável. De fato, o que se tem visto nas últimas semanas no Judiciário brasileiro, inclusive no Supremo Tribunal Federal, é uma corrida frenética de advogados com honorários milionários para tentar livrar, a qualquer custo, a pele dos seus clientes milionários. Para isso, essas figuras enquadradas na operação Lava Jato estão tendo uma importante ajuda de três ministros da Segunda Turma do STF - Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski. Nesse cenário, é imprescindível que os presidenciáveis apresentem posições firmes contra quaisquer medidas destinadas a perpetuar a impunidade de corruptos no país.

O vereador Dr. Lázaro usou a tribuna da Câmara para denunciar a situação de uma rua do bairro São Pedro, na zona sul da capital, que ele classificou como "calamitosa". De acordo com o parlamentar, basta ter uma pequena chuva na cidade para que a Rua Buriti fique alagada. "A água, que transborda de uma pseudo-galeria, é pútrida, assim como o ar que fica impraticável na região. Pude flagrar crianças caminhando sobre essa água que, inclusive, adentra nas residências”, denunciou Dr. Lázaro. E se o vereador andar um pouco mais por Teresina vai constatar que, assim como a Rua Buriti, diversas outras vias da cidade passam pelo mesmo problema.

Todo apoio é bem-vindo

O deputado estadual Luciano Nunes (PSDB) saiu animado da Câmara Municipal de Teresina nesta quarta-feira, depois de ter conversado com vários vereadores. O tucano foi à sede do Poder Legislativo da capital para pedir o apoio dos parlamentares, e dialogou até mesmo com alguns dos que são filiados a partidos que fazem parte da base do governador Wellington Dias (PT) na Assembleia. Luciano lembrou que Teresina possui quase um quarto do eleitorado piauiense, e ressaltou que a Câmara é "uma caixa de ressonância importante" dos sentimentos da população. 

Até petistas?!

"Eu tenho recebido muitas manifestações de apoio, inclusive de membros do próprio Partido dos Trabalhadores. Então, não existe aqui uma homogeneidade. Dificilmente um partido tomará uma posição unânime. Sempre vai ter dissidências. E nós vamos buscar todos aqueles que se contrapõem, que discordam, que se indignam com o atual governo e que querem uma mudança", afirmou o pré-candidato ao Palácio de Karnak.

Modernização urbana

O Senado aprovou a contratação de crédito externo de até US$ 45 milhões pela cidade de Teresina. A matéria entrou na pauta do plenário da Casa após o senador Ciro Nogueira (PP) apresentar requerimento solicitando urgência na tramitação do processo. Com a aprovação, fica autorizada a operação entre a prefeitura da capital piauiense e a Corporação Andina de Fomento – CAF, com a garantia da União, para financiamento parcial do Programa de Desenvolvimento Urbano Integrado - Teresina Sustentável.

“Esse reajuste é um benefício que abrange outras categorias do Estado, não apenas a Saúde. Outras pautas estão sendo negociadas e o Sindespi, com a união e apoio dos servidores da capital e dos municípios, tem alcançado vitórias em prol da categoria” - Edna Martins, presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde do Estado do Piauí, celebrando o reajuste no valor do vale-transporte, que estava congelado desde 2012, de acordo com a entidade de classe.

09 de julho de 2018

Fogo amigo

Leia a coluna Roda Viva também no jornal O DIA.

A coluna teve acesso a um áudio que está circulando nos aplicativos de mensagens instantâneas e que deve estar gerando um grande dissabor entre dois petista ilustres no estado - a deputada Flora Izabel e o suplente de deputado João de Deus. Na gravação, o parlamentar comenta uma pesquisa de intenções de votos feita no município de José de Freitas. João de Deus fala que Flora teria sido favorecida eleitoralmente graças a benefícios que foram distribuídos para os moradores que precisaram deixar suas casas por conta do risco de rompimento da Barragem do Bezerro, em abril deste ano. O deputado suplente cita a secretária de Assistência Social e Cidadania de José de Freitas, Fátima Pinto, e fala que ela é uma das principais apoiadoras de Flora no município. Pela avaliação de João de Deus, o trabalho de assistência às famílias que vivem nas imediações da barragem acabou impulsionando Flora, graças á sua ligação com a secretária.

A loja da Newland em Teresina conquistou pelo terceiro ano o prêmio de Melhor Concessionária Toyota do país - um feito inédito entre os concessionários do grupo cearense: é a única a conquistar três vezes o título. A avaliação é feita pelo Programa de Qualidade da Toyota – o Dealer Evaluation, que leva em conta o desempenho e o comprometimento da rede em oferecer aos clientes a melhor experiência de compra e posse de um veículo Toyota. Com 26 anos de representação da marca Toyota no Nordeste, o grupo cearense Newland conta com 12 concessionárias da montadora espalhadas pela região - todas elas receberam certificação “A” no Dealer Evaluation. O presidente do grupo, Luiz Teixeira, recebeu o prêmio das mãos do presidente da Toyota do Brasil, Rafael Chang, na última convenção da Toyota, em São Paulo. “O prêmio renova nosso compromisso com a excelência, a qualidade, a melhoria contínua e a satisfação dos clientes'', disse ele.

Mais fogo...

"A Fátima Pinto, secretária de Assistência Social do município, que é o principal apoio da Flora, ela teve agora, como secretária, vários benefícios que foram distribuídos para a população, desde cestas básicas, colchões, tudo... Em função daquele episódio da Barragem do Bezerro. E vocês sabem que foi decretada situação de emergência. Então, a prefeitura recebeu muita coisa. Não foi pouca. E a Fátima foi quem fez essa distribuição, inclusive com o filho dela, que é vereador, o que é um absurdo, mas tudo bem!", afirma o deputado num trecho da gravação.

'Começar pra valer'...

No áudio, João de Deus repete várias vezes que não está preocupado com o fato de Flora ter aparecido à frente dele na pesquisa, e chega a afirmar que ele próprio será beneficiado eleitoralmente no município de José de Freitas com o início da obra de pavimentação asfáltica da estrada vicinal que liga a cidade até o povoado Ema. "Nós não começamos ainda pra valer. Vai começar pra valer a partir de agora, com o início do asfaltamento da estrada da Ema, que é também para nós uma outra coisa que vai nos dar grande visibilidade", afirma João de Deus, tranquilizando seus apoiadores.

Vazou, deputado!

O áudio, aparentemente, foi enviado pelo próprio João de Deus num grupo de aplicativo de mensagens, mas acabou vazando. E nesta segunda-feira o deputado de oposição Robert Rios (DEM) expôs o conteúdo da gravação em plena sessão plenária. Os trechos mais comprometedores do áudio foram transmitidos ao vivo para os espectadores da TV e da rádio Assembleia. Em seguida, Robert anunciou que enviará uma representação ao Ministério Público Eleitoral, para que João de Deus e Flora Izabel sejam investigados.

Aquele 1%

O deputado federal Júlio César (PSD) anunciou que os prefeitos receberam mais 1% nas contas do FPM nesta segunda-feira (9). Esse percentual equivale a R$ 110 milhões para todos os municípios piauienses, sendo que os menores, com cota 0.6 de FPM, receberão R$ 300 mil a mais, cada. Enquanto a capital, Teresina, que tem a maior cota, recebeu R$ 22 milhões a mais no repasse. Segundo informações do deputado, esse 1% repassado no mês de julho representa  mais de R$ 4 bilhões para todos os municípios brasileiros.

06 de julho de 2018

Faça um gol em outubro

Leia a coluna Roda Viva deste fim de semana.

A Copa da Rússia acabou para a seleção brasileira de forma melancólica nesta sexta-feira (6), após uma derrota para o time sensação da Bélgica, que está entre os favoritos para ser o campeão e levantar a taça do mundial pela primeira vez. Mas, mesmo que isso não aconteça, o povo belga já tem muito o que comemorar. Ostentando um IDH de 0,896, o 22º maior do mundo, e com um PIB per capita que beira os US$ 50 mil dólares, os cerca de 11 milhões de torcedores dos "diabos vermelhos", como é conhecida a seleção do país, têm uma qualidade de vida que supera à dos brasileiros de goleada. Aqui, o IDH é de apenas 0,754 (a escala vai de 0 a 1), o que coloca o Brasil em 79º no ranking mundial de desenvolvimento, atrás não apenas da Bélgica, mas de todos os outros países europeus, e mesmo de nações latino-americanas, como o México, Argentina, Costa Rica, Uruguai e Panamá - citando apenas os outros países que estiveram na Copa. Mas a eliminação desta sexta e esse placar desfavorável no Relatório de Desenvolvimento Humano (RDH) não devem ser encarados apenas pelo aspecto negativo. Pelo contrário. Devem servir como importantes estímulos para que os cerca de 150 milhões de eleitores brasileiros façam um gol de placa em outubro, quando forem às urnas. Será uma ótima oportunidade para eliminar do poder figuras que há várias Copas vêm fazendo péssimas jogadas no campo da política. O brasileiro precisa escalar um time honesto, preparado e comprometido em fazer com que o país da seleção canarinho passe a vencer também em outras modalidades, como a educação, a saúde e a segurança pública. Na eleição, seja um craque. Não entregue o jogo para o inimigo.

O advogado e Diretor-presidente da Empresa de Gestão de Recursos do Piauí (EMGERPI), Décio Solano Nogueira foi homenageado, nessa quinta(5), na Sessão Solene do "Prêmio Mérito Legislativo" , realizada na Câmara Municipal de Teresina. Décio Solano, natural de Valença do Piauí, recebeu medalha e diploma pelos relevantes trabalhos prestados para o desenvolvimento de Teresina. A honraria é de proposição do vereador Venâncio Cardoso.

Marketing de oportunidade

Os políticos piauienses não perdem a oportunidade para tentar tirar proveito do clima de empolgação dos brasileiros em relação a Copa do Mundo. O prefeito de Teresina, Firmino, não perde a chance de falar uma brincadeira com seu homônomo jogador; Wilson Martins tentou copiar o russo “feiticeiro” e Ciro Nogueira todo jogo se apresenta com um personagem “famoso” das redes sociais.

Investimentos em saúde

Nesta sexta-feira (06), José de Freitas foi mais um município beneficiado com a entrega de novos equipamentos hospitalares. Durante o mandato, o deputado federal Fábio Abreu destinou recursos na ordem de R$ 600 mil para serem investimentos na estrutura do Hospital Nossa Senhora do Livramento. Desse total, aproximadamente R$ 270 mil já foram liberados para a modernização do parque tecnológico da unidade. 

Restituição

A partir de segunda-feira (9), estará disponível para consulta o lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física, contemplando também as restituições residuais, referentes aos exercícios de 2008 a 2017. Para saber se teve a restituição liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet ou ligar para o Receita, fone 146. 

Julgamento

O Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) reprovou as contas de governo da ex-prefeita de Pedro II, Neuma Café, referentes ao ano de 2016. As contas de 2014 da ex-gestora também já haviam sido reprovadas, por unanimidade, pelo Tribunal. De acordo com a decisão da relatora processo, conselheira Lilian Martins, no tocante às contas do exercício de 2016, foram encontradas irregularidades, como a ausência e inconsistência de peças do planejamento governamental, além de outras pendências.

Visitas

As obras da unidade de referência em alta complexidade materno-infantil, a Nova Maternidade do Piauí, já tiveram início e governador do Estado do Piauí, Welington Dias, acompanhado do secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, visitaram o canteiro de obras na última sexta—feira (6). A obra, orçada em aproximadamente R$ 83milhões, com recursos de emenda dos deputados federais Assis Carvalho e Iracema Portella, e ainda do Tesouro Estadual, terá impacto significativo na melhoria da assistência à mulher e o bebê. 

05 de julho de 2018

Entreguismo ou um bom negócio?

Duas empresas negociavam desde dezembro do ano passado, mas a operação ainda dependerá de aval do governo brasileiro e de órgãos de defesa da concorrência.

As ações da Embraer tiveram uma expressiva queda nesta quinta-feira (5), após o anúncio de que a Boeing comprará 80% da divisão de jatos comerciais da companhia. As duas empresas negociavam desde dezembro do ano passado, mas a operação ainda dependerá de aval do governo brasileiro e de órgãos de defesa da concorrência. Imediatamente após o anúncio do acordo entre as duas empresas, o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região comunicou que pedirá ao Governo Federal e ao Congresso o veto à venda de parte entre Embraer. De acordo com a entidade de classe, a empresa brasileira tem demitido trabalhadores nos últimos meses, e, se o negócio for confirmado, o setor aeronáutico deve fechar milhares de postos. Além disso, o sindicato considera que a operação coloca em risco a soberania nacional. Já o comandante da Aeronáutica, brigadeiro Nivaldo Luiz Rossato, garantiu que a criação da joint venture (a nova empresa), a partir da associação entre a Embraer e a Boeing, permitirá o acesso da fabricante de aeronaves brasileira a novos mercados, possibilitando a manutenção de empregos. O militar assegurou, ainda, que o conhecimento estratégico do país não será entregue à multinacional norte-americana. Mas mesmo o comandante dando sua palavra, em se tratando de Brasil e de negócios que envolvam a aprovação de políticos brasileiros, nunca é exagero ter uma pulga atrás da orelha. O Governo, o Congresso e a Embraer precisam aprofundar e dar maior transparência ao debate em torno desta operação.

"Eu não estou inventando a greve dos professores. Ela existe. Eu não estou inventando que o transporte escolar não está funcionando. Ele não está funcionando. O governo há seis meses não paga o transporte escolar. O filho do pobre não está podendo ir pra escolar, porque o ônibus não está passando na porta da casa dele. Quem precisa de saúde pública no interior do estado, e vai para o hospital estadual, não está sendo atendido. Eu não estou criando isso. Basta ir pra porta do hospital que você vai verificar. A segurança pública está sucateada. É comum vermos policiais militares empurrando viaturas quebradas" - o deputado Luciano Nunes, pré-candidato ao Governo do Estado pelo PSDB, que voltou a fazer duras críticas ao governo de Wellington Dias (PT).

Modelo ultrapassado

Para Luciano, Wellington representa um "modelo antigo, ultrapassado e cansado, que impõe uma máquina pesada e que loteia o Governo do Estado para os seus aliados e para os políticos que estão alinhados nesse projeto de perpetuação no poder, que está penalizando a população". Procurado pela coluna, o Governo afirmou que não vai comentar as declarações de Luciano.

Erramos

Na edição de quinta-feira, dia 5 de julho, erramos ao afirmar que seriam entregues 150 unidades habitacionais em Floriano, conforme matéria publicada na página 05 do Caderno EM DIA. Naquela cidade, foi realizado, nos dias 3 e 4 de julho, o mutirão itinerante do programa "Minha Casa Legal". O objetivo era entregar os documentos de regularização fundiária das 150 unidades habitacionais.

Greve suspensa

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Teresina (Sindserm) anunciou a suspensão da greve na saúde municipal, que iniciaria nesta quinta-feira, em virtude do agendamento de uma negociação com a Fundação Municipal de Saúde para a próxima semana. Mas a entidade sindical esclarece que, durante o período de negociação, segue mantido o estado de greve (categoria de sobreaviso), e o movimento paredista pode ser deflagrado a qualquer momento.

O PROS e o PSL realizam neste fim de semana, em Teresina, um seminário de formação política denominado "Líderes da Renovação. O evento, que acontece no sábado e domingo a partir das 8 horas, deve reunir lideranças das duas siglas e especialistas em temas relacionados à formação política. O seminário será realizado na sede da Fiepi (Federação das Indústrias do Estado do Piauí). As duas siglas apoiam as pré-candidaturas do deputado Jair Bolsonaro e do publicitário Fábio Sérvio, que vão disputar a Presidência e o Governo do Estado, respectivamente. Na foto, Sérvio e o major Diego (presidente do PROS no Piauí), ao lado de apoiadores.

04 de julho de 2018

Nova alta

A mesma medida, no entanto, não foi tomada para impedir a disparada da gasolina e do gás de cozinha, produtos que são consumidos pela imensa maioria da população brasileira.

A Petrobras reajustou nesta quarta-feira o preço do gás de cozinha (GLP) em 4,4%. No acumulado do ano, o GLP apresenta aumento de 5,2%, se comparado ao preço praticado em dezembro do ano passado. A estatal informou que o reajuste ocorre devido à desvalorização do real frente ao dólar, que apenas entre março a junho chegou a 16%, bem como ao reajuste de 22,9% do preço do GLP no mercado internacional no mesmo período. Depois de sofrer uma forte pressão com a greve dos caminhoneiros, há pouco mais de um mês, o Governo decidiu recuar a estabeleceu novas regras para controlar o preço do diesel nas bombas dos postos. A mesma medida, no entanto, não foi tomada para impedir a disparada da gasolina e do gás de cozinha, produtos que são consumidos pela imensa maioria da população brasileira. No caso do GLP, os efeitos das sucessivas altas são ainda mais nocivos, tendo em vista que ele é essencial até para as famílias mais humildes, que já não estão tendo como arcar com os valores abusivos cobrados pelo produto. A consequência disso é que muitas pessoas estão sendo forçadas a recorrer novamente ao fogão a lenha para garantir a alimentação da família. E os casos de queimaduras nos hospitais do país só têm aumentado. Mais uma vez, os governantes brasileiros priorizam os interesses de grandes acionistas e do capital estrangeiro, em detrimento das classes mais pobres, e não apenas delas, mas de todos os brasileiros.

O deputado Heráclito Fortes (DEM) cumpre agenda em municípios da região sul do estado neste final de semana. Além de se reunir com suas bases, o parlamentar participará de uma solenidade de entrega de tratores agrícolas e visitará eventos locais. Heráclito estará acompanhado do presidente da Codevasf, Avelino Neiva. Eles visitarão a Barragem de Vereda da Cruz, em Curimatá, considerada o principal reservatório d'água da cidade, que recentemente passou por um longo período de seca. 

Tratores

A entrega dos tratores agrícolas será realizada em Corrente, uma das 12 cidades contempladas com os veículos, cuja aquisição foi feita pelo Ministério da Integração, por meio da Codevasf. Os outros municípios beneficiados são Currais, Santa Luz, Redenção do Gurguéia, Avelino Lopes, Marcos Parente, Riacho Frio, Jurema, Anísio de Abreu, Passagem Franca, Betânia e Curimatá.

Educador Nota 10

A lista dos 50 finalistas do Prêmio Educador Nota 10, revelada esta semana, conta com um projeto do professor Ítalo Rômulo Costa da Silva, da Escola Municipal Lunalva Costa, situada no bairro Itararé, zona sudeste de Teresina. Mais de quatro mil projetos foram inscritos no concurso, que está em sua 21ª edição, e todos passaram pelo olhar criterioso dos selecionadores ao longo do último mês.

O prêmio

Criado em 1998, o Prêmio Educador Nota 10 reconhece professores da educação infantil ao ensino médio e também coordenadores pedagógicos e gestores escolares de escolas públicas e privadas de todo o país. Desde 2014, a iniciativa, uma realização da Fundação Victor Civita, é apresentada pela editora Abril e pela TV Globo, em parceria com a Fundação Roberto Marinho. Conta com o apoio da Nova Escola e o patrocínio da Fundação Lemann e da Somos Educação. Nas 20 edições realizadas, foram premiados 221 educadores, entre professores e gestores escolares, que receberam aproximadamente R$ 2,58 milhões.

Comodidade

A Caixa de Assistência dos Advogados do Piauí (Caapi) da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Piauí (OAB-PI) anunciou a aquisição de um novo veículo para realizar o transporte de advogados do Shopping Rio Poty até o Centro Cívico da capital, onde estão localizados os prédios do Tribunal de Justiça, do Tribunal Regional Eleitoral, do Fórum Cível e Criminal Desembargador Joaquim de Sousa Neto e da própria sede da OAB-PI. A entidade de classe mantém uma parceria com o shopping, para que os advogados possam deixar seus veículos estacionados gratuitamente no centro de compras. De acordo com a Caapi, a ideia de oferecer o serviço aos advogados surgiu por conta do problema da indisponibilidade de vagas para estacionar na região do Centro Cívico. 

03 de julho de 2018

A desigualdade salta aos olhos

Para a presidente do CJF, seria incongruente admitir o pagamento de meia diária em valor superior a R$ 350 quando o valor da diária tem limite legal fixado em R$ 700.

O Colegiado do Conselho da Justiça Federal (CJF) referendou a Instrução Normativa nº 2, de 2017, que regulamentou o valor máximo de R$ 350 da meia diária (isolada ou somada ao adicional de deslocamento) a ser paga a magistrados e servidores em viagens nacionais. A instrução normativa foi editada pela presidente do CJF, ministra Laurita Vaz, em março deste ano, após tomar conhecimento de decisão do Conselho de Administração do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que admitiu ser prudente aplicar o mesmo entendimento do Tribunal de Contas da União (TCU) de remunerar a meia diária observando o teto da Lei de Diretrizes Orçamentárias. Para a presidente do CJF, seria incongruente admitir o pagamento de meia diária em valor superior a R$ 350 quando o valor da diária tem limite legal fixado em R$ 700. Pode-se afirmar que a decisão da cúpula do Judiciário é um avanço, tendo em vista os casos reincidentes de pagamento de diárias com valores absurdos no país, inclusive entre os magistrados brasileiros. Esse valor - R$ 700 -, contudo, ainda é absurdamente elevado, tendo em vista que a metade da população brasileira com menores rendimentos ganhava em 2017, em média, R$ 747, conforme levantamento divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Presidente do Partido Republicano da Ordem Social (PROS) no Piauí, o major Diego Melo, que é pré-candidato a deputado federal, esteve em Brasília participando de uma reunião com dirigentes nacionais e regionais da sigla para tratar sobre as estratégias que irão adotar nas eleições deste ano. Na oportunidade, major Diego ratificou a decisão do diretório estadual do Pros de apoiar o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) e o publicitário Fábio Sérvio (PSL), pré-candidatos à Presidência da República e ao Governo do Estado, respectivamente. No Piauí, o PSL já definiu três nomes para a chapa majoritária. Além de Fábio, devem disputar as duas vagas ao Senado outros dois nomes da sigla de Bolsonaro: o ex-deputado Elizeu Aguiar e o ex-vereador Antônio José Lira. 

Se essa rua fosse minha

O concurso “Se essa rua fosse minha”, lançado anualmente para batizar vias de Teresina que ainda não foram nomeadas, está com as inscrições abertas para a edição de 2018. O objetivo é colocar nomes de pessoas que fizeram parte da história das comunidades em logradouros e ruas da capital. valorizando pessoas que, às vezes anonimamente, contribuíram para o crescimento da cidade em determinada região.

Shopping nas mãos

Um estudo feito em todas as capitais pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) descobriu que os smartphones já são a principal ferramenta de compra para 33% dos internautas que costumam adquirir produtos pela internet. O uso do dispositivo móvel para compras é ainda maior entre o público jovem (48%), pessoas das classes C, D e E (38%) e mulheres (37%). O computador, seja um desktop ou um notebook, ainda é o instrumento mais usado na hora de adquirir produtos na internet, com 66% de preferência.

Uma escola por dia

O governador Flávio Dino (PCdoB), do Maranhão, tem anunciado com orgulho uma marca alcançada por seu governo na educação em junho. Foram inauguradas 31 escolas da rede estadual durante o mês que encerrou no último sábado. Uma média de mais de uma escola por dia. A última escola da lista foi a do município de Presidente Sarney. Com 21 anos de fundação, a cidade ganhou, em 2018, a primeira escola de ensino médio.

O senador Elmano Férrer (Podemos) disse ter recebido uma ligação do deputado federal Paulinho da Força, presidente nacional do partido Solidariedade, que teria reafirmado o desejo da sigla de ratificar a aliança com o Podemos no Piauí, por meio da indicação do deputado estadual Dr. Pessoa (SD) para disputar uma das vagas no Senado pela chapa encabeçada pelo ex-prefeito de Teresina. "Isso é muito importante. Ele realmente reafirmou esse desejo [de aliança]. Também falei com o Dr. Pessoa, que quer um encontro comigo tão logo eu chegue em Teresina. Ou seja, nós podemos garantir, sob todos os aspectos, essa aliança nossa", afirmou Elmano. O pré-candidato ao Governo disse, ainda, que o Podemos segue dialogando "sem pressa" com alguns partidos para definir os nomes que ocuparão as duas vagas restantes na chapa majoritária - a de vice e a outra de senador.

02 de julho de 2018

O preço da violência

Tem havido um crescimento expressivo nos gastos com segurança privada e com seguros.

Em 2017, a falta de segurança custou R$ 365 bilhões para o Brasil. O montante equivale a 5,5% do PIB, ou a um imposto anual de R$ 1,8 mil recolhido de cada brasileiro. A cifra está presente num levantamento realizado pela Confederação Nacional da Indústria, e dá uma dimensão do peso da violência na vida do cidadão, demonstrando suas consequências sociais e econômicas para o país. A CNI ressalta que há uma relação direta entre os índices de violência e a competitividade na economia brasileira. O aumento dos casos de roubos de cargas, por exemplo, tem impacto direto no bolso do consumidor, uma vez que as perdas das empresas com mercadorias é repassada para o preço final de bens e serviços. Além disso, tem havido um crescimento expressivo nos gastos com segurança privada e com seguros. Estes últimos, em alguns casos, chegam a custar 30% do valor da mercadoria. No final das contas, claro, quem paga o preço é a população, que além sofrer com uma das cargas de impostos mais pesadas do planeta, ainda precisa bancar os prejuízos gerados pela violência.

Acompanhado de parlamentares e de gestores do estado, o governador Wellington Dias (PT) visitou nesta segunda-feira a obra de duplicação da rodovia estadual PI 112, num trecho que liga Teresina a União. Com um custo de R$ 3,8 milhões, aproximadamente, serão duplicados cerca de 2 km da rodovia. O empreendimento é executado pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER-PI) e financiado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Fomento

O Banco do Nordeste aplicou R$ 12,3 bilhões na economia da região no primeiro semestre deste ano com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), que completa 30 anos de criação em 2018. O valor é o dobro do registrado no mesmo período do ano anterior, quando a instituição contratou R$ 6,1 bilhões do FNE com empreendedores dos nove estados nordestinos, bem como do norte de Minas Gerais e do Espírito Santo.

2,2 milhões de operações

Somadas outras fontes, especialmente destinadas aos programas de microfinanças, o BNB aplicou, no total, mais de R$ 16,6 bilhões nos seis primeiros meses de 2018, distribuídos em mais de 2,2 milhões de operações para investimento e capital de giro, além de microcrédito e pessoa física, este último especialmente por meio do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Cheque especial

Uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em todo o país revela que 17% dos consumidores recorreram ao cheque especial nos últimos 12 meses ? sobretudo as classes A e B (29%) ?, sendo que quase a metade (46%) possui o hábito de entrar todos os meses no chamado limite, e 20% a cada dois ou três meses. 

Cheque especial II

Seu uso teve como principais finalidades cobrir imprevistos com doenças e medicamentos (34%), quitar dívidas em atraso (23%) e realizar manutenção de automóveis ou motos (18%). 

O presidente da Caixa Econômica Federal, Nelson Antônio de Souza, estará em Teresina nesta terça-feira para anunciar novos investimentos do programa "Minha Casa, Minha Vida" no Piauí. Ele também assinará um contrato de financiamento para a Prefeitura de Teresina no valor de R$ 52 milhões. De acordo com o senador Ciro Nogueira (PP), mais de 70 cidades devem ser contempladas com projetos selecionados do Programa Avançar Cidades, na categoria mobilidade urbana.

29 de junho de 2018

Contradições

Não precisa ser um cientista político para constatar a extrema contradição na manobra de Ciro em busca da aliança com o DEM.

Faltando pouco mais de três meses para o primeiro turno das eleições deste ano, o pré-candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT) tem atirado para todos os lados em busca de apoio. Esta semana, por exemplo, ele afirmou que está disposto a pedir desculpas por ofensas que possa ter feito a partidários do DEM. Dias antes, o ex-governador do Ceará havia chamado o vereador Fernando Holiday (DEM) de "capitãozinho do mato". Em resposta, o parlamentar paulista disse que pretende processar Ciro. Posteriormente, o presidenciável admitiu ter pedido a Antônio Carlos Magalhães Neto, prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM, uma lista de lideranças da sigla para as quais ele deveria ligar em busca do aval para o apoio à sua candidatura. Não precisa ser um cientista político para constatar a extrema contradição na manobra de Ciro em busca da aliança com o DEM, uma sigla de direita que sempre fez oposição ao ex-presidente Lula, que volta e meia é defendido publicamente pelo ex-governador - só nos momentos mais oportunos, claro. Na tentativa de agradar a gregos e troianos, Ciro expõe seu contraditório método de fazer política.

O presidente do PDT no Piauí, Flávio Nogueira, tem intensificado as visitas a municípios piauienses já de olho na disputa por uma vaga na Câmara Federal. O pedetista tem dito a aliados que pretende redobrar os esforços no pleito deste ano para garantir uma titularidade na Casa legislativa, já que na última eleição, mesmo obtendo a oitava maior votação, ficou apenas como suplente, por conta da alta competitividade de sua coligação à época. Palmeiras, Coronel José Dias e São Raimundo Nonato foram algumas das cidades visitadas por Nogueira nos últimos dias.

Golpe baixo

O prefeito Firmino Filho (PSDB) tem se queixado dos ataques que vem sofrendo de adversários políticos. Chegou ao Palácio da Cidade a informação de que opositores do tucano estariam encomendando campanhas difamatórias ao prefeito até para administradores de páginas de Facebook que divulgam notícias de bairros. 

Novo terminal

O governador Wellington Dias e o secretário dos Transportes, Guilhermano Pires, inauguram neste sábado (30), o Terminal Rodoviário da cidade de Água Branca, na microrregião do Médio Parnaíba. A solenidade de inauguração acontece no prédio do terminal, localizado na BR-343, a partir das 16 horas, e deve reunir vários políticos da região. O novo terminal conta com uma área de 1.400 metros quadrados, e custou aproximadamente R$ 1,5 milhão aos cofres públicos. A obra foi realizada pela Secretaria dos Transportes, através de um convênio firmado com a Prefeitura Municipal de Água Branca.

Pastores ressabiados

A recomendação feita pelo Ministério Público Federal às igrejas Assembleias de Deus matou vários coelhos com uma cajadada só. Fontes da coluna relataram que pastores de outras denominações evangélicas e mesmo líderes de outras religiões ficaram ressabiados com o alerta feito pelo procurador da República Alexandre Assunção. Parece que agora os religiosos vão pensar duas vezes antes de tentar guiar os votos das suas ovelhas.

A obra de pavimentação asfáltica da rodovia PI 215 que liga Campo Maior a Coivaras do Piauí será iniciada na próxima quinta-feira (5). O anuncio foi feito na manhã desta sexta-feira (29) pelo deputado Aluísio Martins (PT). A obra é reivindicada há bastante tempo pelos moradores da região. 

27 de junho de 2018

Com o Supremo, com tudo...

A decisão da Segunda Turma é mais uma que contraria o entendimento do próprio Supremo segundo o qual as penas restritivas de liberdade podem ser cumpridas já após a condenação em segunda instância.


A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), por maioria de votos, concedeu medida cautelar para suspender a execução das penas de João Cláudio Genu, ex-assessor do Partido Progressista, e do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu. Após pedido de vista do ministro Edson Fachin, o ministro Dias Toffoli, relator dos dois processos, propôs a concessão da medida até a conclusão do julgamento pelo colegiado. Em seu voto, Toffoli apontou a "existência de plausibilidade jurídica nos argumentos defensivos a respeito da dosimetria da pena imposta pelas instâncias ordinárias" - que no caso foi o Tribunal Regional Federal da 4ª Região. Para o ministro, há chances de as penas serem reduzidas pelo Superior Tribunal de Justiça, o que justifica a suspensão do cumprimento provisório (antes de esgotados os recursos). Tal entendimento foi seguido por Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski. E somente Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo, divergiu. A decisão da Segunda Turma é mais uma que contraria o entendimento do próprio Supremo segundo o qual as penas restritivas de liberdade podem ser cumpridas já após a condenação em segunda instância. A concessão da medida cautelar a Dirceu e Genu subverte os conceitos básicos de imparcialidade do Judiciário, e demonstra que, quando se trata de réus ricos e poderosos, tudo vale como desculpa para livrar a pele dos sentenciados.

O deputado Marden Menezes (PSDB) denunciou esta semana que uma lei de autoria do Governo que está em tramitação na Assembleia Legislativa ameaça reduzir em mais de 40% o efetivo do Corpo de Bombeiros do Piauí. Segundo o parlamentar, atualmente a lei prevê que a corporação pode ser integrada por até 1.400 homens e mulheres, aproximadamente. Porém, na prática, o efetivo que se encontra na ativa gire em torno de 300 bombeiros, de acordo com Marden. E agora, acrescenta o tucano, a intenção do governo petista é reduzir a previsão legal de efetivo para pouco mais de 800 militares.

Sem redução, rebate Governo

O Governo do Estado do Piauí divulgou uma nota por meio da qual informa que as mensagens de nº 31 e 32 não reduzirão o número de funcionários efetivos do Corpo de Bombeiros do Piauí. "Estas propostas foram enviadas à Assembleia Legislativa com o intuito de reorganizar a corporação para crescimento equilibrado e planejado.  A corporação permanecerá com a mesma quantidade de bombeiros. O que ocorrerá é uma reestruturação de cargos existentes e não ocupados, como forma de adequar os números à realidade do Corpo de Bombeiros. Será organizada a base da estrutura da corporação e também serão proporcionadas promoções de oficiais e praças. Atualmente a corporação possui um quadro de 307 bombeiros, e esse número não sofrerá redução. Tanto que serão convocados 64 novos aprovados no concurso em breve, aumentando o quadro de efetivos" diz a nota.

Pesquisa

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulga nesta quinta-feira, 28 de junho, às 10 horas, a pesquisa CNI-Ibope do segundo trimestre. Além da popularidade do governo Temer, essa edição da pesquisa traz a intenção de voto dos brasileiros para o primeiro turno das eleições presidenciais de outubro.

Pesquisa II

A pesquisa, feita de 21 a 24 de junho, ouviu 2 mil pessoas em 128 municípios. O instituto também pesquisou o nível de aprovação do governo em nove áreas de atuação, entre elas: saúde, educação, segurança pública e combate à fome e ao desemprego.

“Não fui eu que escolhi o Piauí, mas o Piauí que me adotou. É aqui que me sinto em casa desde 1972, quando aqui cheguei para estudar e fazer a minha vida. Uma vida só se constrói através da educação” - o juiz Dioclécio de Sousa da Silva, ao receber o título de cidadania piauiense, em sessão solene realizada nesta quarta-feira (27).

26 de junho de 2018

Vai largar o posto!

Desde 2005, quando foi eleito pela primeira vez presidente da Casa, o emedebista teve seu posto ameaçado apenas em uma ocasião, no ano de 2015.


Com a desistência do PP de lutar pela permanência de Margarete Coelho como vice-governadora na chapa de Wellington Dias (PT) ao Governo do Estado, o caminho está livre para o deputado estadual Themístocles Filho (MDB), que nos últimos 13 anos conseguiu se perpetuar na Presidência da Assembleia Legislativa. Desde 2005, quando foi eleito pela primeira vez presidente da Casa, o emedebista teve seu posto ameaçado apenas em uma ocasião, no ano de 2015, quando o petista Fábio Novo disputou o comando do Legislativo, mas acabou sendo superado por Themístocles com uma diferença apertada de votos: 16 a 14. Agora, enfim, o emedebista deve largar o posto, e não por pressão dos colegas, que sempre assistiram com letargia às sucessivas reeleições do comandante maior da Alepi. Themístocles deixa a cadeira mais importante do Parlamento piauiense por vontade própria, de olho em 2022, quando será o provável candidato governista - possivelmente a reeleição, caso Wellington renuncie para disputar o Senado, como fez em 2010. Depois de quase três décadas ocupando uma cadeira no Palácio Petrônio Portella, enfim Themístocles deixará seu gabinete, e com muita satisfação. Para o sucessor, ele entrega uma lista de grandes realizações na Casa, como a instalação da rádio e da TV Assembleia, a reforma e ampliação do prédio onde funciona a Alepi, a construção de outro edifício para a emissora, no bairro Monte Castelo, a construção do Cine Teatro da Assembleia e a expansão da Escola do Legislativo. 

O ex-secretário estadual de Fazenda, Rafael Fonteles, foi submetido a um procedimento médico na última segunda-feira (25), no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, para tratamento de uma hérnia de disco. De acordo com o boletim médico, o procedimento foi bem-sucedido, mas o ex-secretário precisa fazer tratamento clínico complementar e ficar em repouso pelos próximos 75 dias. 

O procedimento

O laudo é assinado pelo neurocirurgião Francisco Sampaio Júnior, do Sírio-Libanês. Rafael Fonteles viajou a São Paulo na semana passada para fazer exames e se submeter ao tratamento. Por conta da possibilidade de precisar de um período mais prolongado de repouso, preferiu pedir exoneração do cargo de secretário. O procedimento a que foi submetido é denominado de bloqueio foraminal (infiltração) guiado por tomografia. 

Doença degenerativa

Segundo o boletim médico, Rafael é portador de espondilodiscopatia degenerativa (desgaste da coluna cervical), também conhecida como “doença degenerativa do disco”, com volumosa hérnia discal, atingindo as vértebras C5 e C6.

Direito Eleitoral

A advogada e Procuradora-Geral do Município de Teresina, Geórgia Nunes, participará do VI Congresso Catarinense de Direito Eleitoral, que acontecerá nos dias 28 e 29 de junho, em Florianópolis (SC). Destaque na área eleitoral, ela fará parte de debate no painel "Propaganda Eleitoral e Polifonia Democrática: entre o excesso de regulação e a necessidade de refrear abusos".

Critérios...

"Eu sempre disse que o critério político não é um critério objetivo. A política não é objetiva. A política é subjetiva no Brasil. Todos nós temos que reconhecer que o nome do candidato, a personalidade do candidato é bem mais representativa do que o critério meramente partidário, principalmente se tratando de chapa majoritária. Mas este foi o critério que o governador escolheu [partidário]" - declaração da vice-governadora Margarete Coelho (PP), insinuando que tem mais aceitação popular que o deputado Themístocles Filho (MDB), em entrevista após seu partido anunciar a desistência da disputa pelo posto de vice na chapa governista. 

25 de junho de 2018

Efeitos da greve

Quem faz a avaliação é a Confederação Nacional da Indústria (CNI).

A greve dos caminhoneiros deixou um saldo negativo na indústria: queda na produção, aumento da ociosidade e acúmulo de estoques indesejados. Quem faz a avaliação é a Confederação Nacional da Indústria (CNI). De acordo com o levantamento Sondagem Industrial, realizado pela entidade, a produção do setor caiu para 41,6 pontos em maio, ficando muito abaixo da linha divisória dos 50 pontos, que separa o aumento da queda no indicador. Já a utilização da capacidade instalada recuou para 63%, o que significa que a ociosidade subiu para 37%. A pesquisa da CNI, divulgada nesta segunda-feira, mostra ainda que o indicador de evolução dos estoques efetivos em relação ao planejado subiu para 53,3 pontos em maio (numa escala de zero a cem). Quando fica acima de 50 pontos, o índice mostra que os estoques estão acima do planejado. Além de tudo, a CNI alerta que o emprego também recuou no mês passado no setor industrial, ficando em 48,3 pontos, afastando-se da linha divisória dos 50 pontos, o que mostra queda do indicador. “A paralisação dos transportes de carga atingiu a atividade industrial, que já estava com dificuldades de se recuperar”, avalia o economista da CNI Marcelo Azevedo. Pesada a possível parcialidade em alguns dos dados divulgados pela CNI, o levantamento é mais uma demonstração da importância dos caminhoneiros para o país, e do poder que, consequentemente, a categoria detém sobre a economia nacional. A greve deflagrada em maio serviu como um alerta aos governantes, para que eles passem a escutar com mais respeito esta e tantas outras categorias profissionais que carregam o país nas costas.

"Além de a gente ter tirado um pouco o peso sobre estado do Piauí, de ter que oferecer educação pública para os alunos maranhenses, nós estamos também recebendo os alunos de Teresina de braços abertos, fortalecendo essa simbiose, por meio da qual o Piauí já ofereceu muito para o Maranhão. Acho que a gente conseguiu avançar e quebrar essa tendência [de só maranhenses virem estudar no Piauí]. Eu, por exemplo, estudei boa parte da minha vida em Teresina, fiz faculdade na Universidade Federal do Piauí. Agora, nós estamos avançando para que a gente possa ser auto-suficiente e também possa ofertar mais vagas para os jovens de Teresina" - o deputado estadual Rafael Leitoa (PDT-MA), ao comentar o crescimento do número de matrículas de jovens teresinenses em unidades de ensino situadas em Timon, como o Colégio Militar Tiradentes, cuja obra de ampliação será inaugurada nesta terça-feira pelo governador Flávio Dino (PCdoB).

Lagoas do Norte

Uma comitiva de cerca de 40 pessoas formada por representantes do Banco Mundial e do governo de três países da África e da Ásia veio a Teresina para conhecer de perto o Programa Lagoas do Norte. Eles puderam ver como funciona a iniciativa aplicada na capital, e adquirir o conhecimento necessário para que o programa possa ser reproduzido nos seus respectivos países, sobretudo no que se refere ao gerenciamento de recursos hídricos. Os visitantes estiveram em diversos bairros da zona norte, e assistiram a uma apresentação sobre o histórico do programa e os detalhes da sua implantação.

Sem férias

Após várias reclamações, a direção do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde no Estado do Piauí (Sindespi) denunciou o descumprimento do direito a férias dos prestadores de serviço do setor no estado. Segundo a entidade, na capital e em vários municípios "os gestores ignoram esse direito e muitos trabalhadores estão há vários anos sem tirar férias". Além disso, vários outros diretos estariam sendo descumpridos.

Sem férias II

"Todo profissional prestador de serviço da área de saúde que possui contracheque do estado e contribui para o INSS tem direito a 30 dias de férias por ano, além de adicional noturno, insalubridade e pagamento por plantão extra, quando houver, que são direitos básicos garantidos por lei", salienta o sindicato.

“Após essa denúncia do Sindespi, a Secretaria de Saúde do Piauí informou que irá fiscalizar as irregularidades e solicitar aos gestores dos hospitais que estejam descumprindo esses direitos que seja feito um cronograma de férias. E que os trabalhadores prejudicados em seus direitos poderão tirar até duas férias por ano”, informou Edna Martins, presidente do Sindespi.

22 de junho de 2018

Fechando o cerco

A pena para os infratores que forem flagrados cometendo esse delito varia de um a quatro anos de reclusão, mais multa, e as ações destinadas a identificar esses criminosos são importantíssimas.

A prisão de três pessoas em Teresina suspeitas de integrar uma quadrilha especializada em fraudar concursos públicos no país foi mais uma demonstração de que a Polícia Civil do Piauí está determinada a acabar de uma vez por todas com a prática desse crime no estado. A pena para os infratores que forem flagrados cometendo esse delito varia de um a quatro anos de reclusão, mais multa, e as ações destinadas a identificar esses criminosos são importantíssimas. O ingresso de servidores em órgãos públicos por meio de esquemas ilícitos traz uma série de consequências gravíssimas, e que não devem ser permitidas em nenhuma hipótese. Além de prejudicar os candidatos que de fato estudaram para os certames, as fraudes realizadas por essas quadrilhas permitem a entrada de pessoas corruptas e incompetentes no funcionalismo público, justamente os dois defeitos mais inaceitáveis para as pessoas que atuam em órgãos públicos.

Fabio Rodrigues Pozzebom / AgênciaBrasil

O ex-deputado Elizeu Aguiar, pré-candidato ao Senado pelo PSL, avalia que a visita do deputado federal Jair Bolsonaro ao Piauí, agendada para o próximo mês, deve impulsionar sua pré-candidatura à Presidência da República no estado. "Será mais uma oportunidade para que o nosso povo conheça suas propostas de forma mais profunda. O índice de aprovação de Bolsonaro entre os piauienses já é altíssimo, e a tendência é crescer ainda mais, à medida que a população for conhecendo suas ideias e o seu caráter", afirma Elizeu.

Erramos

Na edição de sexta-feira (22), publicamos na página 2, a manchete "Para fortalecer coligações, PSC retira pré-candidatura de Collor", houve um erro de digitação na manchete. Ao invés de PSC, o partido é o PTC.

Sufoco

Os indicadores econômicos mostram que a recessão ficou para trás, mas os consumidores ainda sentem dificuldades financeiras no dia a dia. Exemplo disso é que muitos não estão conseguindo chegar ao fim do mês com sobras de recursos. Dados apurados pelo Indicador de Reserva Financeira do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostram que no último mês de abril apenas 16% dos brasileiros conseguiram poupar parte da renda, incluindo salários, pensões, entre outros rendimentos. 

Sufoco II

O dado é numericamente inferior ao observado em março, que ficou em 20%. No geral, 72% dos consumidores brasileiros não foram capazes de guardar alguma quantia em abril. Para os consumidores que não guardaram recursos no período analisado, a principal justificativa é a baixa renda, razão dada por pouco mais de um terço (36%) dos entrevistados. Em seguida, aparecem os imprevistos, lembrados por 20%. A falta de disciplina (17%) e a falta de renda no momento (16%) completam a lista dos principais empecilhos.

Adiadas

A audiência pública para deliberação do Plano Diretor de Ordenamento Territorial, que estava prevista para acontecer na próxima quinta-feira (28), e a eleição do Conselho Municipal da Cidade de Teresina, que estava marcada para o dia 29, foram adiadas. De acordo com a Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação (Seplan), o adiamento foi necessário "devido à grande relevância do tema, que envolve diversos setores da sociedade civil em mudanças estruturais para o melhor desenvolvimento da cidade".

O vereador Luís André (PSL) anunciou o início do projeto São João dos Bairros, que vai promover festas com a temática junina em diversas regiões da cidade. O projeto foi idealizado pelo próprio parlamentar, e está em seu primeiro ano. Neste sábado, haverá uma festa destinada aos moradores da Piçarreira e da Vila Madre Teresa. 

21 de junho de 2018

Circo no Palácio

Tanto da parte dos que defenderam as demandas dos servidores quanto daqueles que foram contrários, seguindo orientação do Palácio de Karnak, o que se viu foi um espetáculo tenebroso

A sucessão de cenas deploráveis observadas esta semana na Assembleia Legislativa do Piauí são uma demonstração inequívoca de que não há limite para o fundo do poço moral quando se trata de política - e de políticos. Tanto da parte dos que defenderam as demandas dos servidores quanto daqueles que foram contrários, seguindo orientação do Palácio de Karnak, o que se viu foi um espetáculo tenebroso, protagonizado por parlamentares desesperados pela reeleição no pleito de outubro, e, no caso de alguns, por alçar voos mais altos, numa possível eleição para um cargo majoritário. Mais uma vez, faltou sensatez entre aqueles que foram eleitos pelos piauienses para conduzir o estado por um caminho de desenvolvimento. O interesse público foi preterido em prol de interesses políticos. Ao votar contra ou a favor dos projetos de reajuste, ficou nítido que boa parte dos deputados não estavam pensando nos servidores, tampouco se preocuparam com a legalidade da concessão dos aumentos nos meses que antecedem a eleição. A maioria dos parlamentares só pensava mesmo era em como conseguir o máximo de proveito com as encenações dantescas no picadeiro do Legislativo.

A ministra Cármen Lúcia, presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF), disse que o Brasil vive uma crise de democracia representativa, relacionada ao excesso de partidos políticos. A afirmação foi feita nesta quinta-feira (21), no 2º Congresso de Direito Eleitoral de Brasília. “Precisamos ter partidos políticos programáticos, como é no mundo todo, e não pragmáticos, como são muitas vezes as ações dos partidos no Brasil. Os programas das organizações partidárias brasileiras não têm muita diferença do que oferecem, seus objetivos e principais compromissos”, afirmou a ministra.

PIS/Pasep

O Piauí tem 5.293 trabalhadores com direito a receber o Abono Salarial do PIS/Pasep ano-base 2016 que ainda não foram sacar o benefício. O prazo para retirar o dinheiro, que pode chegar a um salário mínimo (R$ 954), termina no próximo dia 29. Somado, o montante disponível no estado é de R$ 4 milhões. Os recursos não sacados retornam ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

R$ 16,4 bilhões sacados

O Abono Salarial ano-base 2016 começou a ser pago em 27 de julho de 2017. Desde então, 22,2 milhões de trabalhadores foram pagos em todo o Brasil, de acordo com a última atualização. Os valores sacados atingiram R$ 16,4 bilhões. Ainda há R$ 1,6 bilhão à disposição dos trabalhadores.

Quem tem direito

Para ter direito ao Abono Salarial do PIS/Pasep é necessário ter trabalhado formalmente por pelo menos um mês em 2016 com remuneração média de até dois salários mínimos. Além disso, o trabalhador tinha de estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais). A quantia que cada trabalhador tem para receber é proporcional ao número de meses trabalhados formalmente no ano-base e varia de R$ 80 a R$ 954.

R$ 500 mil emergenciais

O Governo do Estado anunciou que a direção da Maternidade Dona Evangelina Rosa e a Superintendência de Assuntos Hospitalares da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) estão trabalhando para sanar as dificuldades relacionadas ao baixo estoque de alguns itens na unidade hospitalar. A ação será facilitada, segundo o Governo, com a verba de R$ 500 mil disponibilizada de forma emergencial para a maternidade. Só na semana passada três mulheres morreram na MDER.





Enquete

Um jovem morreu ao sofrer descarga elétrica colocando celular para carregar. Quais cuidados você toma em relação a isso?

ver resultado