• the shopping
  • Tirulipa
  • novembro azul 2018
  • show gustavo lima
  • Estreia programa Italo Motta
  • TV O DIA - fullbanner w3b
  • TV O Dia - fullbanner

Notícias Roda Viva

12 de novembro de 2018

Natal feliz no varejo

Leia a coluna Roda Viva desta segunda-feira.

Natal feliz no varejo

Uma pesquisa realizada em todas as capitais pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) indica que, apesar da lenta recuperação da economia no país e do ambiente de incertezas, a maior parte dos brasileiros pretende manter a tradição e ir às compras neste Natal, movimento que promete aquecer as vendas do varejo em 2018. As projeções permanecem no mesmo patamar do último ano e indicam uma injeção de aproximadamente R$ 53,5 bilhões na economia. Este ano, mais de 110 milhões de brasileiros devem ir às compras e desembolsar, em média, R$ 116 por presente, conforme a expectativa do setor. Lojas de departamento, internet e shopping center são os principais locais de compra. Mais da metade dos consumidores devem pagar à vista.

Mesmo com o cenário de perdas de R$ 1,5 bilhão em recursos federais acumulados nos últimos três anos, o Maranhão conseguiu fechar a conta das receitas e despesas, e ainda realizou investimentos em diversas áreas, como saúde, educação e lazer. Conforme o levantamento divulgado esta semana pelo Tesouro Nacional, o estado governado por Flávio Dino (PCdoB) está entre os que têm conseguido respeitar os limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) para gastos com pessoal. 

Ajuste Fiscal

Entre as medidas, a primeira adotada foi o ajuste fiscal. De acordo com o secretário, a política de isenção beneficiava empresas específicas. Algumas recebiam descontos de impostos com um percentual muito elevado, enquanto outras do mesmo setor não contavam com qualquer incentivo.

HC de Lula 

O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, marcou para o dia 6 de dezembro a oitiva dos quatros magistrados envolvidos no episódio do habeas corpus concedido ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

HC de Lula II

O juiz federal Sérgio Moro e os desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) Rogério Favreto, João Pedro Gebran Neto e Thompson Flores Lenz serão ouvidos pelo ministro corregedor em audiências separadas, mas todas realizadas no mesmo dia.

HC de Lula III

As representações recebidas pelo CNJ contra os magistrados foram apensadas em um único Pedido de Providências. O procedimento segue em segredo de justiça.

10 de novembro de 2018

Conciliação é o caminho

Leia a coluna Roda Viva deste fim de semana.

Conciliação é o caminho

Mais de R$ 1 bilhão em valores homologados foram movimentados nos cinco dias da XIII edição da Semana Nacional da Conciliação, que ocorreu no Poder Judiciário brasileiro. Os dados, ainda parciais, foram divulgados pelo Portal do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) nesta sexta-feira (9/11), último dia do mutirão. De acordo com o Conciliômetro, painel que mostra em tempo real o desempenho dos tribunais durante a campanha, foram realizadas mais de 190 mil audiências até as 18h45 desta sexta. Os dados da conciliação no país revelam consistência na aplicação da Política Nacional de Tratamento Adequado de Conflitos, que foi implantada em 2006. Em sua primeira edição foram agendadas 83.900 audiências e efetuados 46.493 acordos. Em 2017, mais de 225 mil processos que estavam em tramitação foram solucionados de forma consensual. Foram realizadas 318.902 audiências, das quais 70% resultaram em acordo. O valor dos acordos atingiu o montante de R$ 1,57 bilhão.

O Ministério Público do Piauí (MP-PI), por meio do Núcleo de Promotorias de Justiça de Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar (Nupevid), realiza o projeto “Compreender e Acolher”, com o objetivo de melhorar a integração e a atuação dos órgãos e entidades formadores da Rede de Atendimento à Mulher. O projeto promove reuniões de instrução dos profissionais diretamente envolvidos com a questão - na área da saúde, educação, assistência social -, bem como profissionais das Polícias Civil e Militar, do Judiciário, do Ministério Público, da Defensoria Pública, dentre outras entidades.

Compreender para acolher

“Nós partimos do pressuposto de que para oferecer um melhor atendimento e acolhimento é necessário, antes, compreender o fenômeno da violência doméstica e estar ciente das atribuições de cada parte", comenta a promotora Amparo Paz, coordenadora do Nupevid. 

Briga no Progressistas 

Os deputados Wilson Brandão e Júlio Arcoverde, ambos do Progressistas, estão protagonizando uma ferrenha briga interna pela indicação para disputar a Presidência da Assembleia Legislativa do Piauí. Esse impasse pode atrapalhar o partido na disputa pelo comando do Legislativo. Depois que a peleja interna for resolvida, os progressistas terão ainda que travar uma queda de braços com o PT pela indicação consensual de um nome com o apoio das duas siglas. Só então o grupo poderá, enfim, focar no enfrentamento a Themístocles Filho (MDB). Até lá, o emedebista já pode ter conquistado a maioria que precisa para conseguir sua oitava reeleição. 

O deputado federal e senador eleito Marcelo Castro (MDB) recebeu a medalha da Ordem Estadual Centenário Alberto Tavares Silva. O evento foi na última quinta-feira (8), no auditório Serra da Capivara, no prédio do Tribunal Regional do Trabalho, em Teresina. Outras personalidades piauienses também receberam a homenagem das mãos do governador Wellington Dias (PT).

09 de novembro de 2018

Prioridades da Justiça

Leia a coluna Roda Viva desta sexta-feira.

Prioridades da Justiça

Na primeira reunião com os presidentes de Tribunais de Justiça (TJs) desde que assumiu a Presidência do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Dias Toffoli apresentou as prioridades do seu mandato, que termina em 2020. O enfrentamento à violência doméstica, a implantação do Processo Judicial Eletrônico (PJe) e a política nacional de incentivo à mediação e à conciliação foram os assuntos que dominaram as duas horas e meia de reunião, em que todos os representantes dos tribunais puderam se manifestar. O ministro Dias Toffoli iniciou a reunião ressaltando a importância de se renovar o enfrentamento à violência doméstica como objeto de uma meta nacional a ser perseguida por toda a Justiça Estadual. “A sociedade tem-nos demandado o combate à impunidade dos autores desse tipo de violência, principalmente tendo em contato o crescimento do número de feminicídios. Esse é um dos pontos prioritários de nossa gestão”, afirmou. 

O deputado estadual Marden Menezes (PSDB) afirmou que a oposição vai cobrar mudanças na quarta gestão do governador Wellington Dias (PT), principalmente por conta da expectativa de que o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) vá governar com austeridade. Segundo o parlamentar tucano, passados 16 anos de gestão do PT e de um então aliado do partido, o atual governo já não pode mais "culpar os anos anteriores pelos problemas financeiros atuais".

Aumento de impostos

A declaração de Marden foi feita nesta quinta-feira, quando o secretário de Fazenda Rafael Fonteles foi à Assembleia Legislativa para apresentar o balanço financeiro da gestão estadual. O deputado afirmou, ainda, que de nada adiantou o governo aumentar os impostos - como o ICMS sobre os combustíveis -, porque não fez o essencial, que é o corte de despesas.

Ramo farmacêutico em alta

Dados da Junta Comercial do Estado do Piauí apontam que de 2015 até meados de 2018 mais de 150 farmácias foram abertas na capital piauiense, o que demonstra uma tendência de crescimento do ramo farmacêutico no estado. Observando este cenário, a Fundação Wall Ferraz passou a ofertar desde o último mês de abril o curso de balconista de farmácia. Desde então já foram abertas 120 vagas para o curso, que tem grande potencial para fomentar a contratação de mais profissionais capacitados para atuar no setor. Neste segundo semestre, o curso está em andamento nos centros de capacitação dos bairros Matadouro e Piçarreira, qualificando 60 pessoas.

Fake news

O advogado Lucas Villa, candidato à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil Secção Piauí (OAB-PI), e todos os integrantes da "OAB Aberta" estão encabeçando uma campanha para pedir ética no período de campanha para as eleições da instituição. Villa e alguns integrantes do grupo dizem ter sido alvo de fake news, com vídeos e mensagens que circularam por grupos de Whatsapp e foram publicados em redes sociais. Até mesmo a candidata à vice-presidência em uma das chapas adversárias declarou seu apoio à campanha, e disse também ter sido envolvida em notícias falsas. A um dos membros da chapa 1, ela enviou uma mensagem se solidarizando com as pessoas atacadas por meio das fake news.

Anuidade

Em visita à cidade de Picos, a advogada Geórgia Nunes, que encabeça a chapa oposicionista "Reage, OAB", criticou a "falta de controle e transparência em relação aos gastos", que, segundo ela, é uma característica da atual gestão. A advogada citou como exemplo o fato de ter sido aplicado um reajuste de 13% na anuidade da seccional, sem haver uma consulta prévia à categoria, tampouco ao conselho da instituição.

08 de novembro de 2018

Ataque ao trabalhador

Leia a coluna Roda Viva desta quinta-feira.

Ataque ao trabalhador

A fiscalização do Ministério do Trabalho recolheu, nos três primeiros trimestres de 2018, mais de R$ 4,1 bilhões para o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) por meio de autuações realizadas pela Secretaria de Inspeção do Trabalho (SIT). O resultado é 19% superior ao alcançado no mesmo período de 2017 – que totalizou R$ 3,43 bilhões de FGTS e de contribuição social – e 53 % superior ao valor de R$ 2,67 bilhões, arrecadado no mesmo período em 2016. “Só de valores arrecadados em ação fiscal, ou seja, valores atrasados depositados pelos empregadores após o início da fiscalização, foram recuperados R$ 242 milhões em 2018”, ressalta o auditor-fiscal do Trabalho Jefferson de Morais Toledo. Ele informa que, a partir de novembro de 2019, por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), a prescrição do FGTS passará a ser de cinco anos, em vez dos 30 anos atuais. Por esse motivo, o Ministério do Trabalho vem realizando esforços para a modernização dos sistemas informatizados de fiscalização e para a capacitação dos seus auditores, o que refletiu positivamente nos resultados alcançados. A partir de 2019, com o fim do ministério, essas ações em defesa dos trabalhadores não serão mais realizadas. Mas este é apenas um dos aspectos (existem inúmeros) que demonstram o quão grave é a decisão do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) de acabar com a pasta, que existe justamente para proteger direitos fundamentais dos trabalhadores, como o FGTS.  

O ex-vereador Edvaldo Marques, presidente da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos de Teresina (Arsete) parece não estar muito confortável no PSB. Ontem, na sala de reuniões da Presidência da Câmara, ao ser questionado sobre como estava o clima no partido, Edvaldo não hesitou em responder: "Só não saio de lá para não perder a suplência. Mas quando eu me candidatar a outro cargo eletivo certamente não será mais pelo PSB", desabafou.

Greve na enfermagem

O Sindicato dos Enfermeiros, Auxiliares e Técnicos em Enfermagem do Estado do Piauí (Senatepi) ameaça entrar em greve por tempo indeterminado antes do fim do ano. A categoria está insatisfeita com o Governo do Estado por conta do não cumprimento de um acordo firmado em 2016 com a categoria, o qual previa o pagamento de adicional de insalubridade e o enquadramento de profissionais. 

Greve na enfermagem II

Segundo o Senatepi, a legislação prevê que o profissional de enfermagem, depois de três anos atuando, seja enquadrado e receba benefícios de dois em dois anos. A categoria afirma que há casos de enfermeiros atuando há sete anos no estado, mas que ainda não foram devidamente enquadrados pelo poder público para ter direito a promoções e outros benefícios. 

Caixas desabastecidos

O deputado Dr. Hélio Oliveira (PR) apresentou requerimento solicitando ao superintendente regional do Banco do Brasil no Piauí, Pio Gomes, que realize um planejamento para garantir que os caixas eletrônicos da instituição localizados no litoral do estado não fiquem desabastecidos de dinheiro. Na sessão desta quarta-feira, o parlamentar disse que muitas pessoas têm reclamado constantemente da falta de dinheiro nos caixas eletrônicos em cidades do litoral piauiense, principalmente em Luís Correia. Dr. Hélio assinalou que o problema atinge não somente os moradores locais, mas o grande número de pessoas que visitam a região litorânea.

Poupança

Depois de sete meses seguidos de resultado positivo, os saques na caderneta de poupança superaram os depósitos, gerando retirada líquida de R$ 2,532 bilhões em outubro. Segundo relatório divulgado pelo Banco Central (BC), foram depositados, ao longo do mês passado, R$ 194,435 bilhões, e sacados R$ 196,968 bilhões.

Poupança II

No acumulado dos 10 meses deste ano, os depósitos na poupança superaram as retiradas em R$ 22,968 bilhões. Em outubro, os rendimentos chegaram a R$ 2,950 bilhões. O saldo atualmente depositado em cadernetas ficou em R$ 776,192 bilhões.

07 de novembro de 2018

O fantasma ainda assusta

Leia a coluna Roda Viva desta quarta-feira.

O fantasma ainda assusta

Dados apurados pelo Indicador de Confiança do Consumidor da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostram que 29% dos trabalhadores têm receio alto ou médio de serem demitidos. Segundo o levantamento, 36% dos entrevistados avaliam como ‘baixa’ a probabilidade de demissão, enquanto 35% acham que não há esse risco. Embora esteja em patamar considerável, o percentual de trabalhadores que temem ficar sem emprego observado em outubro é inferior aos dos últimos três meses, quando registrou 30% de risco alto ou médio em julho, 36% em agosto e 33% em setembro. De modo geral, 45% dos entrevistados declararam ter ao menos uma pessoa desempregada em sua residência, sendo que em 17% dos casos há duas ou mais pessoas nessa situação. Mesmo com a inflação baixa, um razoável otimismo de parte do mercado e os primeiros sinais de recuperação da economia brasileira, após cerca de quatro anos de recessão ou crescimento quase nulo, o novo governo tem um imenso desafio pela frente: garantir emprego a pelo menos uma boa parte dos cerca de 13 milhões de desempregados que existem hoje no país. Com uma equipe econômica que defende a aprovação de medidas impopulares, e algumas até consideradas verdadeiros retrocessos para a classe trabalhadora, o iminente governo terá que, ainda nos primeiros meses, garantir a retomada da geração de empregos, pois é justamente esta a justificativa para se colocar em práticas tais medidas. 

O senador Ciro Nogueira (Progressistas) e o prefeito de Floriano, Joel Rodrigues, estiveram reunidos nesta terça-feira (6) com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, em busca de recursos para obras de urbanização da orla Beira Rio, ponto turístico da cidade, localizada no sudoeste piauiense. Eles solicitaram a liberação de R$ 5 milhões a para realização das obras. Ciro lembrou que o ministro já visitou Floriano e teve a oportunidade de conhecer o local, que fica às margens do Rio Parnaíba. 

Título de cidadania

Os deputados estaduais piauienses aprovaram um projeto de Decreto Legislativo, de autoria do deputado Fábio Xavier (PR), que concede o título de cidadão piauiense a Benedito Gonçalves, ministro do Superior Tribunal de Justiça. A votação foi nominal e secreta, e teve 18 votos a favor. 

Afogamentos

Também na sessão desta terça-feira foi aprovado um requerimento, de autoria do deputado Dr. Hélio Oliveira (PR), que solicita do Corpo de Bombeiros um reforço na vigilância das praias do litoral do Piauí, em especial nas praias do Arrombado, Coqueiro, Macapá, Pedra do Sal, Atalaia e Barra Grande. Segundo o documento, vários afogamentos têm ocorrido nas praias do estado, sobretudo nos finais de semana.

Ventania

A ventania registrada em Teresina na noite de segunda-feira (5) deixou parte da população em estado de atenção por conta do risco de queda de árvores na capital. A Defesa Civil Municipal indica algumas medidas que as pessoas devem tomar para evitar acidentes ou até tragédias. É preciso manter a copa das árvores numa altura mínima, para que não encostem em residências ou na fiação elétrica, e também observar a estrutura dessas árvores com frequência, para verificar se elas estão frágeis e se, portanto, representam algum risco.

Marcos Piangers foi a grande atração da solenidade de abertura oficial da Semana Global do Empreendedorismo, que aconteceu na noite da última segunda-feira (5), em Teresina. O autor do best seller "O Papai é Pop" ministrou a palestra "Inovação e Criatividade: Uma Espiada no Futuro", falando sobre tecnologia, oportunidades digitais e como a inovação acontece. Piangers tem mais de 3,5 milhões de fãs no Facebook e traz em seu currículo palestras em grandes eventos, como a TED, a maior conferência de ideias do mundo. “Entre as características do futuro estão criatividade, pensamento crítico e saber trabalhar em equipe. Estimular pensamentos divergentes se faz necessário, pois a postura convergente é limitadora. A autonomia é mais interessante para processos criativos”, disse Piangers.

06 de novembro de 2018

Enfrentamento ao trabalho escravo

Leia a coluna Roda Viva desta terça-feira.

Enfrentamento ao trabalho escravo

O ministro Dias Toffoli, presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF), restabeleceu, por meio da Portaria n.135, de 24 de outubro, o Comitê Nacional Judicial de Enfrentamento à Exploração do Trabalho em Condição Análoga à de Escravo e ao Tráfico de Pessoas, que será presidido pelo conselheiro do CNJ Luciano Frota. Entre as principais ações a serem efetivadas pelo comitê estão o monitoramento das ações judiciais em curso que tratem do tema e ações de prevenção desses crimes junto a entidades da sociedade civil. O Brasil assinou as Convenções 105 e 29 da Organização Internacional do Trabalho (OIT) comprometendo-se a abolir toda forma de trabalho forçado ou obrigatório. De acordo com dados oficiais do Ministério do Trabalho e Emprego, desde 1995, mais de 53 mil trabalhadores foram resgatados dessas condições pelo Estado brasileiro.

A presidente nacional do Podemos, deputada federal Renata Abreu (Podemos/SP), esteve em Teresina nesta segunda-feira (5), a convite do senador Elmano Férrer, para tratar sobre a possibilidade de incorporação partidária e também de migração de parlamentares do PTC, do PRP, da Rede e do PHS - quatro das 14 siglas que não atingiram a cláusula de barreira e, por isso, não terão direito aos recursos do fundo partidário e a horário de propaganda na TV e no rádio.

Articulação

“A convite do senador Elmano, que está ingressando na executiva nacional do Podemos, e que está me ajudando nessa articulação nacional dos partidos, viemos ao Piauí fazer algumas conversas com os presidentes do PRP e PHS. E nos reunimos com o PTC, partido de grandes lideranças. O PTC e Podemos têm projetos que convergem. Discutimos a política local e nacional para tratar dessas uniões que têm a agregar ao Piauí”, afirmou a presidente. O debate local, porém, de nada adiantará se não houver consenso entre os comandos nacionais das siglas. 

Título de cidadania

A Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) concedeu título de cidadão piauiense ao empresário Marcelino Lopes Neto, natural de Recife, Pernambuco, e que já vive no Piauí há quase 30 anos. Ele atua no Estado, dentre outros setores, no ramo da gastronomia e turismo, além de ter ficado anos à frente do Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut). O título de cidadão piauiense foi proposto pelo deputado Marden Menezes e aprovado por unanimidade no plenário da Alepi.

Black Friday

A Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) estima que a Black Friday 2018 movimentará R$ 2,87 bilhões no comércio on-line brasileiro, apenas nos dias 22 e 23 de novembro. Esse montante representaria um crescimento de 16% em relação aos dados apresentados pelo setor no mesmo evento em 2017.

Black Friday II

Diante deste dado, a Black Friday continua sua consolidação como a segunda principal data para o varejo nacional, ficando atrás apenas do Natal. No total, a expectativa é que as lojas virtuais brasileiras recebam mais de 8,8 milhões de pedidos, com tíquete médio de R$ 326. As categorias mais buscadas devem ser informática, celulares, eletrônicos, moda e acessórios e casa e decoração.

04 de novembro de 2018

Saneamento ameaçado

Leia a coluna Roda Viva desta segunda-feira.

Saneamento ameaçado

Entidades de todo o país estão se mobilizando contra a aprovação da Medida Provisória 844/2018, que altera o marco legal do saneamento, a lei 11.445/2007 e da lei 9.984/00. A MP foi aprovada na comissão mista e tem votação agendada para a próxima terça-feira (6) nos plenários da Câmara e Senado Federal. Manifestaram-se contra a MP: a Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes), a Associação das Empresas de Saneamento Básico Estaduais (Aesbe), a Associação Brasileira de Agências de Regulação (Abar), a Federação Nacional dos Urbanitários (FNU), dentre outras entidades da sociedade civil que atuam no setor. No Piauí, o movimento é encabeçado pelo Sindicato dos Engenheiros do Piauí (Senge-PI), que encaminhou uma carta aos parlamentares federais piauienses alertando para o perigo que a MP representa, e solicitando empenho contra a sua aprovação, em especial ao artigo 10 do texto. As entidades alegam que as mudanças propostas pelo Governo Federal vão desestruturar o sistema de saneamento, que se baseia atualmente na lógica dos ganhos de escala e do subsídio cruzado, por meio do qual a alta arrecadação de municípios superavitários compensa a baixa arrecadação de municípios deficitários. De acordo com o engenheiro Antonio Florentino Filho, presidente do Senge-PI, quebrar essa regra significa quebrar o sistema e inviabilizar o saneamento nos municípios deficitários. Como consequência, a situação do saneamento deve ficar ainda pior nos municípios mais pobres, condenando boa parte da população brasileira a continuar vivendo sem acesso a água potável, à coleta e ao tratamento de esgoto e à limpeza urbana. 

Sérgio Moro (Foto: Pedro de Oliveira / Assembleia Legislativa do Paraná)

A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) divulgou uma nota em que parabeniza publicamente o juiz federal Sérgio Moro pela indicação para assumir o novo Ministério da Justiça e da Segurança Pública. A entidade, que representa os mais de 14 mil policiais federais em todo o Brasil, acredita que o magistrado valorizará a agenda anticorrupção dentro dos três Poderes. A pasta que será comandada por Moro a partir de janeiro é a responsável por decisões importantes na maior operação de combate à corrupção da história do país, a Lava Jato, na qual ele atuava como juiz.


Célere e competente

"Sérgio Moro tem as qualificações necessárias para assumir o novo ministério, visto que conduziu os julgamentos em primeira instância da operação Lava Jato com celeridade e competência. Por isso, acreditamos que, em sua nova função, consolidará os benefícios que toda a população teve no combate ao crime organizado", diz a nota divulgada pela Federação Nacional dos Policiais Federais.

Ambulantes não!

A Prefeitura de Teresina passou a divulgar nos últimos dias, por meio de sua assessoria de imprensa, a Lei Municipal de nº 3.610/2007, que proíbe o exercício da atividade de ambulantes no interior dos terminais de integração do sistema de transporte urbano da capital.  "A medida tem como objetivo garantir a segurança tanto dos ambulantes como das pessoas que circulam nos terminais", informa a prefeitura.

Antes tarde do que nunca...

A Prefeitura de Teresina abriu 16 vagas em concurso realizado em 2016 para a Empresa Teresinense de Processamento de Dados (Prodater), responsável pelo setor de tecnologia da administração pública municipal. De lá para cá, onze aprovados foram nomeados, dos quais cinco no último mês de outubro. 

01 de novembro de 2018

Saúde vai mal

Leia a coluna Roda Viva desta quinta-feira.

Saúde vai mal

Os pacientes que precisam receber atendimentos eletivos na rede pública de saúde da capital estão tendo que esperar por semanas ou até meses para conseguirem consultas ou exames. Chegaram ao conhecimento da coluna alguns casos de pacientes que sofreram fraturas pelo corpo e, depois de receberem os atendimentos inciais em UPAs ou em hospitais da capital e do interior, precisaram aguardar um bom tempo para terem as consultas de acompanhamento e os exames de raio-X agendados. Uma idosa precisou esperar cerca de duas semanas para conseguir uma consulta num hospital público de Teresina, e uma mulher que vive num município do interior aguardou quase dois meses para ser atendida na capital. Como se não bastasse o sacrifício dos pacientes do interior, que precisam se deslocar centenas de milhares de quilômetros em busca de atendimento, até mesmo alguns pacientes que residem em Teresina têm que enfrentar obstáculos. Para não ter que esperar por várias semanas, alguns pacientes aceitam que suas consultas sejam marcadas para hospitais que ficam a vários quilômetros de distância de suas casas, mesmo quando há um hospital no bairro em que moram. Ainda assim, há uma demora injustificável. O problema é antigo, mas, justamente por isso, é inaceitável que em pleno 2018 ele ainda seja comum.

As chapas para a disputa pela presidência e dos demais cargos da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Piauí já foram registradas. E nesta quarta-feira aconteceu o lançamento oficial da chapa 4. O advogado Lucas Gomes de Macêdo, que é especialista em direito previdenciário, compõe a chapa, que é encabeçada pelo advogado Celso Barros Neto.

Dissidente 

Alguns integrantes da chapa de situação nas eleições da OAB-PI estão chateados com Celso Barros Neto, que é conselheiro federal na atual gestão, mas decidiu abandonar o grupo para lançar uma chapa de oposição. Alguns desses membros afirmam que Celso Barros só não seguiu apoiando o grupo comandado pelo atual presidente Chico Lucas porque não foi o escolhido para encabeçar a chapa 1. 

Fusão nociva

A vereadora Teresa Britto, presidente estadual do Partido Verde no Piauí, criticou a possível fusão dos ministérios do Meio Ambiente e da Agricultura no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). De acordo com a deputada eleita, caso aplique a medida, o Governo Federal reunirá sob um mesmo comando interesses opostos no que diz respeito à preservação do meio ambiente.

Na reunião da bancada piauiense para definir o orçamento geral da União para 2019, a deputada federal Iracema Portella (Progressistas) fez a indicação da destinação de R$ 15 milhões para ampliação e reforma do Hospital Infantil Lucídio Portela. No ano passado, a brinquedoteca do hospital foi reformada a partir de uma parceria da deputada com o grupo "Mais Solidário". 

31 de outubro de 2018

Igualdade no mercado

Leia a coluna Roda Viva desta quarta-feira.

Igualdade no mercado

A Relação Anual de Informações Sociais (Rais) do Ministério do Trabalho apontou que, em 2017, houve um avanço na contratação de pretos e pardos no país em comparação a 2016. O destaque ficou com o nível superior (completo e incompleto), no qual a participação cresceu 8,6% e 2,9%, respectivamente. Na mesma faixa de escolaridade ocorreu um aumento de 0,1% da mão de obra branca. Segundo o ministro do Trabalho, Caio Vieira de Mello, os dados apontam para um avanço na diminuição da desigualdade racial nos postos de trabalho. “Estamos trabalhando para que esse tema seja prioritário em nossa pasta. É fundamental que a mão de obra brasileira seja qualificada e tenha oportunidade de atuação, independentemente dos critérios de raça e cor”, afirmou. De fato, o resultado positivo deve ser comemorado, mas o país ainda precisa avançar bastante na promoção da igualdade de condições e de oportunidades no mercado de trabalho, com uma maior inclusão e valorização de negros, mulheres, pessoas com deficiência, comunidade LGBT+ dentre outras minorias.

A vereadora Teresa Britto (PV), deputada estadual eleita, fez uma visita à Assembleia Legislativa do Piauí nesta terça-feira (30), oportunidade em que se reuniu com outros dois parlamentares que devem compor a oposição ao governo Wellington Dias (PT) - Marden Menezes (PSDB) e Gustavo Neiva (PSB). "Já estou conciliando as atividades de vereadora com o planejamento das atividades como deputada estadual". Com os futuros colegas, Teresa tratou sobre o orçamento do estado para 2019: "Precisamos priorizar as políticas públicas de saúde, educação, segurança, meio ambiente, assistência social e juventude", afirmou a parlamentar.

Equatorial comenta decisão

Sobre a decisão da Justiça do Trabalho que proibiu a demissão de empregados pela Equatorial, vencedora do leilão do setor de distribuição de energia no Piauí, a empresa "entende que não há que se falar em demissões em massa e, portanto, em qualquer descumprimento". A companhia disse ainda que sua assessoria jurídica adotará as medidas cabíveis que o caso requer.

Terapia online

O Conselho Federal de Psicologia (CFP) publicou uma resolução que atualiza as regras para a realização de atendimento psicológico online e de demais serviços realizados por psicólogos através de meios tecnológicos de comunicação a distância. A nova norma amplia as possibilidades de oferta de serviços de psicologia mediados por tecnologias da informação e comunicação, mantendo as exigências previstas na profissão e vinculando o serviço a um cadastro individual, devendo sempre haver a orientação do profissional junto ao conselho. 

Black Friday

Falta menos de um mês para o maior evento de e-commerce do Brasil: a "Black Friday", que acontecerá no dia 23 de novembro. De acordo com a ABComm (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico), estima-se que o brasileiro gaste cerca de R$ 2,87 bilhões em compras online durante o dia de liquidações. Para este ano, o otimismo do setor está elevado, sobretudo diante da análise de dados do Google Trends, que apontam um crescimento de 27% nas buscas pelo termo "Black Friday" entre os anos de 2015 e 2017. 

Black Friday II

Inicialmente restrita às lojas online, nos últimos anos a grande "sexta de liquidações" passou a ser promovida também por diversos estabelecimentos locais, dos mais variados setores. É só pesquisar e fazer a festa!

30 de outubro de 2018

Empresas também devem

Leia a coluna Roda Viva desta terça-feira.

Empresas também devem

O número de empresas com contas em atraso e registradas nos cadastros de devedores acelerou no último mês de setembro e apresentou alta de 9,39% na comparação com o mesmo mês do ano passado. O avanço no volume de empresas devedoras foi puxado, principalmente, pela região sudeste, cujo crescimento foi de 17,16% na comparação anual. Nas demais regiões também houve alta na quantidade de empresas inadimplentes, mas em patamares menores:  4,60% no Sul; 4,38% no Centro-Oeste; 2,78% no Nordeste e 1,83% no Norte. Os dados são do Indicador de Inadimplência da Pessoa Jurídica apurados pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). Na comparação mensal, entre agosto e setembro de 2018, o indicador teve uma alta mais modesta, de 0,56%. Na avaliação do presidente da CNDL, José Cesar da Costa, as dificuldades econômicas persistem mesmo com o fim da recessão, e o cenário de desemprego elevado e de queda do faturamento das empresas continua afetando a capacidade de pagamento tanto das empresas quanto da população. “No início do ano, esperava-se uma recuperação mais forte da economia, mas isso não se concretizou. O desemprego ainda segue bastante elevado, o que limita o consumo e, em consequência, o faturamento das empresas e a própria capacidade de solvência das empresas”, explica o presidente.

Além de conservar sua forte ligação com o governo de Wellington Dias (PT), no Piauí, o senador Ciro Nogueira, como presidente nacional do Progressistas, também deve permanecer com forte influência em Brasília. Isto porque a bancada do seu partido manteve-se como a terceira maior na Câmara Federal, com 37 parlamentares eleitos para a próxima legislatura, atrás apenas do PT, com 56 deputados federais, e do PSL, com 52. Para conseguir aprovar emendas à Constituição e leis complementares, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) precisará, inevitavelmente, receber o apoio de siglas como o Progressistas, o MDB e o PSD. Isto se não quiser sair catando apoios isolados de parlamentares de outras legendas. 

5 senadores

No Senado a bancada do partido comandado por Ciro é bem menor, com cinco senadores. Porém, como a Casa possui apenas 81 membros, o apoio da sigla também pode ser decisivo em votações importantes para o governo Bolsonaro. Além disso, muitos parlamentares de partidos que não conseguiram atingir a cláusula de barreira criada pela reforma política já procuraram Ciro para discutir suas filiações ao Progressistas. 

Recuperação de crédito

Ainda segundo levantamento da CNDL e do SPC Brasil, o número de empresas que conseguiu recuperar crédito no acumulado de um ano apresentou alta de 3%. A alta foi puxada pela região Sudeste, onde o volume de quitação de dívidas das empresas cresceu 13,8% nos últimos 12 meses. Por outro lado, todas as demais regiões apresentaram quedas, como Nordeste (-7,9%), Norte (-5,7%), Sul (-5,7%) e Centro-Oeste (-0,3%). O levantamento aponta ainda que do total de empresas que saíram do cadastro de devedores mediante pagamento, a maior parte (45%) atua no setor de comércio. Outras 41% são do setor de serviços e 9% estão no ramo da Indústria.

Queda na indústria

Os indicadores de nível de atividade e de emprego na indústria da construção voltaram a cair em setembro, o que confirma a estagnação do setor. O índice de nível de atividade recuou para 45,7 pontos e o de emprego foi para 45,1 pontos em setembro, informa a Sondagem Indústria da Construção, divulgada nesta segunda-feira, 29 de outubro, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Os indicadores variam de zero a cem pontos. Quando estão abaixo dos 50 pontos, mostram redução da atividade e do emprego.

246 prisões

Um total de 246 pessoas foram presas no país por crimes eleitorais entre a última sexta-feira (26) e o domingo (28). E outras 43 foram conduzidas para prestar depoimento. Os números constam em levantamento divulgado pelo Ministério de Segurança Pública. Entre as prisões, a maioria são de eleitores e cabos eleitorais. Não houve prisão de candidatos.

29 de outubro de 2018

Respeito às minorias

Leia a coluna Esplanada desta segunda-feira.

Respeito às minorias

Logo após a confirmação da vitória do candidato Jair Bolsonaro (PSL) na disputa pela Presidência da República, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, fez um pronunciamento em que defendeu o estado democrático de direito e o respeito às minorias que compõem a sociedade, como os índios, os negros e as pessoas com deficiência. "A democracia orgulha todos os brasileiros, porque foi construída por todos. A democracia é o governo da maioria e o respeito à minoria", afirmou a chefe do Ministério Público Federal, acrescentando que a Constituição garante o respeito à dignidade da pessoa humana e a prevalência dos direitos humanos e da paz. "É responsabilidade legal do principal mandatário zelar pela Constituição, pelo livre exercício do Legislativo, do Judiciário, do Ministério Público", afirmou. Dodge declarou, ainda, que as instituições públicas são fortes e atuam de forma harmônica e livre, e garantiu que o MPF continuará a atuar a serviço da população no próximo governo. "O Ministério Público é independente e autônomo, e continuará a serviço do interesse público e da sociedade, honrando seu papel no próximo governo".

O publicitário Fábio Sérvio, presidente do PSL no Piauí, comentou que o presidente eleito Jair Bolsonaro não fará distinção entre o Nordeste e o restante do país, mesmo com o baixo desempenho que ele obteve nas urnas em todos os nove estados da região. "Jair Bolsonaro não vai prejudicar o Nordeste, nem o Piauí. Mas não deixaremos que Wellington Dias use a vitória da direita para justificar sua má administração. Se o 13º atrasar, a culpa é exclusivamente da gestão petista. Vamos fiscalizar toda a aplicação de recursos federais por parte do Estado e garantir que sejam atendidas as prioridades da população e não os desejos dos políticos. É um novo Brasil", afirmou Sérvio.

E 2020? 

"Temos um trabalho importante a realizar no Piauí. O Nordeste precisa ser libertado das amarras do PT. Teresina está sob influência direta da esquerda. Vamos trabalhar dia e noite para renovar a política do Piauí", limitou-se a comentar Sérvio sobre as eleições na capital daqui a dois anos.

Elizeu celebra Bolsonaro

O ex-deputado federal Elizeu Aguiar (PSL), que disputou uma vaga no Senado Federal e foi o candidato do PSL mais votado no estado, celebrou com entusiasmo a consagração do seu colega de partido nas urnas, com mais de 10 milhões de votos de vantagem. "A vitória de Bolsonaro representa a mudança no Brasil. A mudança de uma era. Uma era que teve a oportunidade de fazer e não fez por este país. Agora, nós vamos ter uma pessoa voltada para as necessidades básicas da população, que é saúde, educação, segurança e a geração de emprego. Não tenho dúvidas de que será o melhor para o país", comentou Elizeu.

Votação expressiva

Acerca de matéria intitulada "Deputados estaduais eleitos perdem em suas bases", publicada na edição de 23 de outubro deste veículo, a vereadora Teresa Britto, eleita deputada estadual, esclarece que a análise da matéria não condiz com a realidade do pleito eleitoral, uma vez que a parlamentar obteve 70% dos seus votos em Teresina, sendo a terceira candidata mais votada para a Assembleia Legislativa do Piauí na capital, e quase triplicando sua votação em relação a 2016, quando foi reeleita vereadora.

Votação expressiva II

Teresa Britto reitera, ainda, que a votação obtida é muito expressiva, uma vez que reflete o reconhecimento dos teresinenses ao seu trabalho, e que, mesmo sem a estrutura utilizada por outros candidatos, conquistou uma vaga na Assembleia Legislativa para seguir trabalhando em prol dos teresinenses e por todo o Piauí.

26 de outubro de 2018

Fake news decidirão

Leia a coluna Esplanada desta sexta-feira.

Fake news decidirão

O uso do aplicativo Whatsapp para a disseminação das chamadas fake news durante a campanha eleitoral no Brasil é um fenômeno “sem precedentes” no mundo. É o que observa Laura Chinchilla, presidente da missão de observadores da Organização de Estados Americanos (OEA) que acompanha as eleições brasileiras. Ela observa que, por se tratar de uma rede privada e protegida, o uso do aplicativo de mensagens dificulta o controle das autoridades em relação à disseminação de informações falsas. Para Laura Chinchilla, diante de tamanha complexidade do problema, a alternativa mais viável é investir na conscientização do eleitorado. “Continuaremos insistindo na necessidade que os cidadãos aprendam e façam um grande esforço para distinguir o que é certo e o que não é. Existem muitas iniciativas que estão tentando colocar isso na mesa. Iniciativas que estão se organizando na sociedade civil, nas universidades e nos meios de comunicação", avalia a representante da OEA. A recomendação, de fato, é bastante pertinente. Porém, a esta altura, o prejuízo provocado pela propagação das fake news já se tornou irreversível. Mesmo que em recente pesquisa Ibope boa parte dos entrevistados tenha dito que não recebeu fake news ou que não se deixou influenciar por elas ou, ainda, que buscou apurar a informação, antes de acreditar e compartilhar com outros contatos, ficou bem evidente que esta não é a realidade. O que mais se viu foram pessoas compartilhando informações claramente inverídicas. Muitas vezes, por ignorância, as pessoas acabaram acreditando nas mentiras. Mas em outras tantas ocasiões, por pura má-fé, os eleitores compartilhavam as notícias falsas sabendo que elas eram falsas, justamente com a intenção de favorecer o candidato de sua predileção, denegrindo a imagem do adversário. Um comportamento lamentável, e que deve ser exemplarmente punido pelas autoridades, para que não volte a se repetir nos próximos pleitos.

O senador Elmano Férrer (Podemos) recebeu nesta quinta-feira, dia 25, o diretor do campus da Universidade Federal de Parnaíba, professor Dr. Alex Marinho, um representante do ICMBio de Parnaíba, Fernando Gomes, e o professor da Uespi Paulo Henrique Pinheiro. No encontro, eles trataram sobre a criação da Universidade Federal do Delta do Parnaíba (UFDPar). “Os professores e o representante do ICMBio estiveram aqui para solicitar nosso apoio para manter orçamento para a nova universidade e por gestões junto ao MEC. Estaremos em Brasília fazendo gestão nesse assunto. A educação é muito importante para o desenvolvimento de um país e esta sempre foi uma de nossas bandeiras”, afirmou Elmano.

OAB Aberta

Já tem nome definido a chapa da situação que uniu pelo menos três grupos em torno das eleições da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Piauí (OAB-PI). "OAB Aberta" foi o nome escolhido para representar a continuidade do trabalho iniciado na atual gestão de Chico Lucas. O vice-presidente, Lucas Villa, é o líder da chapa.

Membros da chapa

Também compõem a chapa Naiara Moraes (vice-presidente), Rafael Orsano (secretário-geral), Diogo Caldas (secretário-adjunto), Thyago Batista (diretor-financeiro) e Talmy Tércio (presidente da Caixa de Assistência dos Advogados do Piauí - Caapi).

Eleição em novembro

A eleição ocorrerá no próximo dia 24 de novembro. Estão aptos a votar os advogados e advogadas regularmente inscritos na OAB-PI e adimplentes com as anuidades. Serão eleitos ainda os membros da Diretoria do Conselho Seccional, conselheiros seccionais, conselheiros federais, os integrantes da diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados, das Diretorias das Subseções e dos Conselhos de Subseções, para o próximo triênio 2019/2021.

25 de outubro de 2018

Herança para o sucessor de Temer

Leia a coluna Roda Viva desta quinta-feira.

Herança para o sucessor de Temer

O Tesouro Nacional pagou, em setembro, R$ 449,12 milhões em dívidas atrasadas de estados. Desse total, a maior parte, R$ 338,42 milhões, é relativa a atrasos de pagamento do estado do Rio de Janeiro. Mas o Piauí também está entre as unidades federativas beneficiadas, com R$ 71,47 milhões pagos pela União, que ainda quitou R$ 33,59 milhões de Goiás e R$ 5,64 milhões de RoraimaPresentes no Relatório de Garantias Honradas pela União em Operações de Crédito, divulgado pela Secretaria do Tesouro Nacional nesta quarta-feira (24), os dados contrapõem o discurso da gestão Wellington Dias (PT), que diz estar conseguindo fazer com que o Piauí seja um dos poucos estados a transpor as turbulências da economia sem grandes dificuldades. Como se vê, não é bem assim... A boa notícia é que o Piauí está entre os poucos estados que não estão ultrapassando o limite prudencial estipulado pela Lei de Responsabilidade Fiscal para gastos com pessoal. Nada menos que 16 estados não têm conseguido cumprir esta regra. Isso é um sinal grave de que as finanças públicas não andam bem, mesmo com o aparente abrandamento da crise econômica iniciada no país há cerca de cinco anos. As consequências desses indicadores negativos devem aparecer já nos meses iniciais da próxima gestão do Governo Federal. É um abacaxi dos grandes para ser descascado por Bolsonaro ou Haddad.

Quatro famílias foram encontradas em condições insalubres no lixão de Luís Correia, litoral piauiense, durante ações do MPT Itinerante. A 500 metros da praia de Atalaia, o local não tem controle de acesso e uma residência foi construída no terreno. Além disso, cinco crianças e adolescentes entre 10 e 17 anos foram flagrados trabalhando na catação de lixo. Uma adolescente de 15 anos afirmou que auxilia os pais nessa atividade desde os 7. No total, mais de 20 pessoas foram identificadas trabalhando no local.

Negligência do poder público

O procurador do Trabalho Edno Moura conta que o local está negligenciado pelo poder público. “Os lixões já deveriam ter sido, pelo menos, convertidos em aterros controlados. Esse local é completamente aberto e o município apenas recolhe os resíduos nas ruas e os despeja lá. Não há preocupação ambiental ou com as pessoas que tiram o seu sustento desse lugar. Um descaso do poder público com um tema que deveria ser prioritário para qualquer município: a questão da acomodação dos resíduos produzidos pela sociedade”, critica.

Líderes de Bolsonaro no Piauí

O publicitário Fábio Sérvio, presidente do PSL no Piauí, e o ex-deputado federal Elizeu Aguiar, que foi o candidato do partido mais votado no estado, devem ser dois dos nomes que comandarão órgãos federais no estado, caso a vitória cada vez mais provável de Jair Bolsonaro (PSL) se confirme no próximo domingo (28). Naturalmente, a atuação local como porta-vozes de Bolsonaro também deve impulsionar os nomes dos dois para potenciais candidaturas à Prefeitura de Teresina e à Câmara Municipal em 2020. Resta saber qual dos dois assumiria a missão de disputar o Palácio da Cidade, para tentar ser o sucessor de Firmino Filho (PSDB) e por fim à uma hegemonia tucana no estado que se arrasta desde a década de 1990, e só foi suspensa pela gestão do hoje senador Elmano Férrer, por menos de dois anos - entre 2010 e 2012.

O deputado estadual Francisco Limma (PT), líder do governo na Assembleia Legislativa do Piauí, reeleito para o mandato parlamentar, ainda está em campanha, mas agora focado em fortalecer o nome do seu correligionário e ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT). Os dois estiveram no município de Picos, durante o fim de semana, em comício. E nos próximos dias o deputado continua em visitas pela região do Território dos Cocais, buscando fortalecer o nome de Haddad.

23 de outubro de 2018

Inteligência artificial e a Justiça

Leia a coluna Roda Viva desta quarta-feira.

Inteligência artificial e a Justiça

O Supremo Tribunal Federal (STF) testa ferramenta de inteligência artificial para reduzir a quantidade de processos que aguardam julgamento nos tribunais brasileiros. O presidente do STF e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Dias Toffoli, afirmou nesta terça-feira (23), em Brasília, que o Projeto Victor, iniciado este ano, já é capaz de rastrear com precisão e rapidez ações com repercussão geral. Assim são chamados os recursos extraordinários apresentados ao Supremo que possuem relevância econômica, política, social ou jurídica, além de semelhanças com milhares de ações que tramitam em outros tribunais. Segundo o presidente do STF, caracterizar determinadas ações como tendo repercussão geral vai contribuir para desafogar o sistema de Justiça, pois quando um desses processos é julgado todos os demais processos semelhantes e a ele vinculados pelo instituto da repercussão geral pode ter o mesmo desfecho. “Isso facilita inclusive para o juiz do primeiro grau porque, podendo já identificar os processos com este ou aquele precedente, o magistrado decidirá com maior celeridade”, disse Dias Toffoli.

O movimento "Advocacia – Amor Pela Causa", que tem à frente a advogada Geórgia Nunes, pré-candidata à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Piauí (OAB-PI), promoverá todas as quartas-feiras o encontro "Papo em Ordem", que tem como objetivo reunir jovens lideranças da advocacia do estado para debater e construir propostas de campanha para os advogados e para a OAB. O lançamento do encontro acontece nesta quarta (24), às 19h30. De acordo com a pré-candidata Geórgia Nunes, será uma oportunidade para ouvir "as jovens lideranças não tiveram espaço durante a atual gestão da OAB-PI, o que, segundo ela, inviabilizou a renovação de ideias para o avanço da entidade".

Novo viaduto

Nos próximos dias, a Prefeitura de Teresina dará início à nova fase da construção do viaduto que liga as avenidas Barão de Gurgueia à Henry Wall de Carvalho, na zona sul da cidade. A construtora está trabalhando nos últimos ajustes das redes de energia do local, bem como preparando uma nova sinalização para reduzir os transtornos no trânsito da região, inclusive, com a implantação de semáforo.

Parceria

Cerca de 200 metros do canteiro central da avenida Frei Serafim, um dos mais bonitos cartões portais de Teresina, recebe serviços de revitalização do jardim, através de uma parceria entre a prefeitura e um hotel de alto padrão localizado na avenida. A cidade agradece! Mas a gratidão seria maior se o serviço fosse estendido para toda a avenida, não apenas para o trecho situado em frente ao hotel. 

O senador Ciro Nogueira (Progressistas) esteve reunido nesta terça-feira (23) com o ministro interino da Integração Nacional, Gustavo Canuto, e solicitou o apoio do ministério na retomada do envio de caminhões-pipa para auxiliar no abastecimento de água em 27 municípios do Piauí. “A retomada desta ação é muito importante para garantir o bom fornecimento de água às famílias afetadas pela seca em diversas regiões do nosso estado”, explicou Ciro. O ministro deu uma resposta positiva à solicitação. Ele informou que o fornecimento dos caminhões para alguns dos municípios já está autorizado, e que irá verificar mais a fundo a situação para atender outros municípios que estão desassistidos. 

Consumidor pessimista

Leia a coluna Roda Viva desta terça-feira.

Consumidor pessimista

Os reflexos da crise econômica e as incertezas do processo eleitoral sobre as medidas que o novo presidente deverá adotar para a economia voltar a crescer têm impactado o humor do consumidor brasileiro. Dados apurados pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostram que o Indicador de Confiança do Consumidor não apresentou evolução na passagem de agosto para setembro, período marcado pela campanha política no rádio e na TV. O índice ficou em apenas 41,9 pontos em setembro contra 42,4 pontos em agosto. A escala do indicador varia de zero a 100 - quanto maior o número, mais confiantes estão os consumidores. O Indicador de Confiança é composto por dois componentes: o Subindicador de Percepção do Cenário Atual - que ficou em apenas 29,6 pontos – e o Subindicador de Expectativas, que alcançou 54,2 pontos. De acordo com o levantamento, 82% dos brasileiros avaliam de forma negativa as condições da economia no atual momento, percentual que não apresentou alteração frente ao mesmo mês do ano passado, quando estava em 81% do total de entrevistados.

O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins (à direita, sentado), abriu oficialmente, nesta segunda-feira (22), os trabalhos de inspeção no Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI). Ele afirmou que o procedimento, acima de tudo, tem a finalidade de contribuir para o aprimoramento da prestação dos serviços jurisdicionais disponibilizados à população, possibilitando que a Corregedoria Nacional de Justiça obtenha informações in loco acerca do funcionamento do Poder Judiciário estadual. “O procedimento é ordinário e de rotina, uma vez que a busca pela melhoria na prestação dos serviços oferecidos ao cidadão é uma meta que continuamente deve ser perseguida por todos os gestores do Poder Judiciário”, disse Martins.

São Marcos pede socorro

A direção do Hospital São Marcos pediu ajuda à bancada federal do Piauí para continuar oferecendo tratamento de câncer pelo SUS no estado. Não é de hoje que o hospital enfrenta esses problemas e ontem convocou uma reunião com parlamentares para pedir socorro. Participaram do encontro Marcelo Castro (MDB), Átila Lira (PSB), Fábio Abreu (PTB), Assis Carvalho (PT), Flávio Nogueira (PDT) e Margarete Coelho (PP), além da senadora Regina Sousa (PT). Eles se comprometeram a destinar recursos para o custeio do hospital.

Parque solar

A subsidiária brasileira de energia renovável do Grupo Enel, Enel Green Power Brasil Participações Ltda. (EGPB), iniciou a construção do parque solar São Gonçalo, de 475 MW, em São Gonçalo do Gurguéia, no Estado do Piauí. São Gonçalo é a maior planta solar fotovoltaica atualmente em construção na América do Sul e deve entrar em operação em 2020. O Grupo Enel vai investir cerca de R$ 1,4 bilhão na construção da planta solar, o equivalente a aproximadamente 390 milhões de dólares. 

1.200 GWh por ano

Quando estiver em plena operação, a planta será capaz de gerar mais de 1.200 GWh por ano e evitará a emissão de mais de 600 mil toneladas de CO2 na atmosfera. Da capacidade instalada total de 475 MW, 388 MW foram conquistados pelo Grupo Enel no leilão brasileiro A-4, em dezembro de 2017, e estão apoiados por contratos de fornecimento de energia de 20 anos, para um pool de distribuidoras que operam no mercado regulado. Os 87 MW restantes vão gerar energia para o mercado livre. 

A um mês para a votação que vai eleger o novo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil - Secção Piauí (OAB-PI), a disputa promete ser uma das mais acirradas da história do estado. Ao menos quatro pré-candidatos já mostraram intenção de concorrer à presidência. Resta saber se vão continuar no páreo após esta quarta-feira (24) - prazo final para registro das chapas. Quem largou na frente e já é apontado como amplo favorito é o atual vice-presidente, Lucas Villa, que conta com o apoio do presidente Chico Lucas e da maioria da Jovem Advocacia.

22 de outubro de 2018

Trabalho escravo cresce

Leia a coluna Roda Viva desta segunda-feira.

Trabalho escravo cresce

Os auditores-fiscais do Ministério do Trabalho encontraram 1.246 pessoas em situações análogas às de escravo entre janeiro e a primeira quinzena de outubro de 2018. O número já é 93% maior do que o registrado em todo o ano passado (645). Minas Gerais foi o estado em que foi encontrado o maior número de trabalhadores em situação análoga à de escravidão (754), seguido do Pará (129) e Mato Grosso (128). As três atividades que mais registraram casos de trabalho escravo foram a criação de bovinos, o cultivo de café e a produção florestal (plantio de florestas). Durante as operações, realizadas em 159 estabelecimentos, foram formalizados 651 trabalhadores, emitidas 601 guias de seguro-desemprego e pagos R$ 1,7 milhão em verbas rescisórias aos resgatados. O meio urbano foi onde os fiscais mais encontraram situações de trabalhadores em situações degradantes (869); no rural foram 377 casos registrados.

O Hospital de Urgência de Teresina (HUT) registrou, no último mês de setembro, um aumento de 29,4% no número de atendimento de vítimas de acidentes de trânsito, se comparado com o mês de agosto. Segundo o diretor-geral do HUT, Gilberto Albuquerque, setembro registrou o maior número de atendimento de vítimas de acidentes de trânsito no ano de 2018. Para ele, o dado é preocupante, pois revela a crescente imprudência no trânsito, e boa parte dos pacientes chegam à unidade de saúde em estado grave.vidor

Reconhecimento

Um projeto desenvolvido pelo professor Leonardo Coelho, do campus do Instituto Federal do Piauí (IFPI) em Corrente, foi selecionado no Prêmio Professores do Brasil, na categoria temática "Esporte como estratégia de aprendizagem".  O resultado foi divulgado esta semana pelo Ministério da Educação, que é o organizador da premiação. O projeto selecionado trata sobre educação física adaptada.

Abuso I

A publicação científica Jama Internal Medicine, publicada no início de outubro nos Estados Unidos, mostrou que mulheres que sofreram agressão sexual ou abuso têm três vezes mais probabilidade de desenvolver depressão e duas vezes mais chances de apresentar ansiedade do que mulheres sem histórico de trauma sexual. Aquelas que sofreram ataques sexuais ou assédio ficaram duas vezes mais propensas a ter insônia.

Abuso II

O estudo incluiu 304 mulheres não fumantes com idade entre 40 e 60 anos. O levantamento apontou que 19% das mulheres relataram já ter sofrido assédio sexual, 22% afirmaram ter passado por agressão sexual em algum momento da vida e 10% disseram que passaram por ambas as situações.





Enquete

Um jovem morreu ao sofrer descarga elétrica colocando celular para carregar. Quais cuidados você toma em relação a isso?

ver resultado