• assinatura jornal

Após conversa com Galiotte, Zé Roberto não jogará pela Lusa

O time do Canindé perdeu a final nos pênaltis para a Portuguesa do Rio de Janeiro no último domingo (7)

10/01/2018 10:01h - Atualizado em 10/01/2018 10:03h

O sonho da Portuguesa de ter Zé Roberto como jogador para a disputa da Série A2 do Campeonato Paulista (equivalente à segunda divisão do Estadual) não vai se concretizar. O ex-atleta, que neste ano assumiu o cargo de assessor técnico do Palmeiras, conversou com o presidente Maurício Galiotte e definiu que vai se dedicar exclusivamente à nova função na equipe alviverde.

Aos 43 anos, Zé Roberto anunciou oficialmente a aposentadoria no final de 2017. Ele aceitou jogar pela Lusa, clube que o revelou, na Copa Rubro-Verde, torneio amistoso envolvendo quatro times de origens portuguesas. O time do Canindé perdeu a final nos pênaltis para a Portuguesa do Rio de Janeiro no último domingo (7).

Após a partida, o presidente da Portuguesa, Alexandre Barros, confirmou o convite para Zé Roberto jogar a A2. A ideia era que ele dividisse o cargo no Palmeiras com a função de jogador na Lusa, atuando apenas em jogos realizados na capital paulista e treinando com o time quando possível.

O próprio ex-jogador afirmou que conversaria com o Palmeiras sobre a possibilidade, mas ressaltou que já havia se comprometido com o clube antes de aparecer a proposta da Portuguesa.

Como assessor técnico do Palmeiras, Zé Roberto terá a função de atuar mais próximo da comissão técnica e dos jogadores. Além dele, o clube conta com Cícero Souza como gerente de futebol e Alexandre Mattos como diretor de futebol.

Fonte: Folhapress

Deixe seu comentário