• Natal
  • Policlinica
  • Motociclista
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Notícias Boqueirão

03 de outubro de 2013

24 de julho de 2013

Morre Candeeiro, último cangaceiro de Lampião

Comerciante tinha 97 anos e faleceu em hospital

Morreu nesta quarta-feira o último cangaceiro do bando de Lampião, Manoel Dantas Loiola, de 97 anos, mais conhecido como Candeeiro. Ele faleceu na madrugada de hoje no Hospital Memorial de Arcoverde, em Pernambuco, onde estava internado desde a semana passada, após sofrer um derrame. O sepultamento está marcado para as 16h, no cemitério da cidade de Buíque.

Pernambucano de Buíque (a 258 quilômetros do Recife), Manoel ingressou no bando de Lampião em 1937, mas afirmava que foi por acidente. Trabalhava em uma fazenda em Alagoas quando um grupo de homens ligados ao famoso bandido chegou ao local. Pouco tempo depois, a propriedade ficou cercada por uma volante e ele preferiu seguir com os bandidos para não ser morto.

No final da vida, atuava como comerciante aposentado na vila São Domingos, distrito de sua cidade natal. Atendia pelo nome de batismo, Manoel Dantas Loyola, ou por outro apelido: seu Né. No primeiro combate com os âmacacosâ, quando era chamado de Candeeiro, foi ferido na coxa. O buraco de bala foi fechado com farinha peneirada e pimenta.

Teve o primeiro encontro com o chefe na beira do Rio São Francisco, no lado sergipano. âLampião não gostava de estar no meio dos cangaceiros, ficava isolado. E ele já sabia que estava baleado. Quando soube que eu era de Buíque, comentou, em entrevista concedida ao Diario: âsua cidade me deu um homem valente, Jararacaââ.

Candeeiro dizia que, nos quase dois anos que ficou no bando, tinha a função de entregar as cartas escritas por Lampião exigindo dinheiro de grandes fazendeiros e comerciantes. Sempre retornava com o pedido atendido. Ele destacou que teve acesso direto ao chefe, chegando a despertar ciúme de Maria Bonita. Em Angicos, comentou que o local não era seguro. Lampião, segundo ele, reuniria os grupos para comunicar que deixaria o cangaço. Estava cansado e preocupado com o fato de que as volantes se deslocavam mais rápido, por causa das estradas, e tinham armamento pesado.

No dia do ataque, já estava acordado e se preparava para urinar quando começou o tiroteio. âDesci atirando, foi bala como o diaboâ. Mesmo ferido no braço direito, conseguiu escapar do cerco. Dias depois, com a promessa de ser não ser morto, entregou-se em Jeremoabo, na Bahia, com o braço na tipóia. Com ele, mais 16 cangaceiros. Cumprindo dois anos na prisão, o Candeeiro dava novamente lugar ao cidadão Manoel Dantas Loyola. Sobre a época do cangaço, costumava dizer que foi âhistória de sofrimentoâ.

06 de julho de 2012

Boqueirão fez adesão ao plano Viver Sem Limites

Projeto visa melhoria de vida de portadores de deficiência

Quarenta prefeituras piauienses já aderiram ao Plano Viver Sem Limites, iniciativa do Governo Federal que visa estimular e defender os direitos das pessoas com deficiência através de quatro eixos de atuação: acesso à educação, atenção à saúde, inclusão social e acessibilidade.

Durante a abertura da III Conferência Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, ocorrida na quinta-feira da semana passada (28), quando a ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário Nunes, veio ao Piauí fazer o lançamento do Plano Viver Sem Limites, 29 prefeitos municipais assinaram o termo de adesão ao plano. Na ocasião, o governador Wilson Martins e a ministra Maria do Rosário também firmaram a adesão do Estado do Piauí, ao plano que vai investir cerca de R$ 7,6 bilhões em acessibilidade, saúde, assistência social e educação, voltados às pessoas com deficiência.

Uma semana após a realização da Conferência Estadual, o número de municípios que aderiram ao Plano Viver sem Limite já chegou a 40, ou seja, 11 municípios procuram a secretaria estadual para Inclusão da Pessoa com Deficiência (Seid), para fazer parte desse plano que vai mudar as políticas públicas em prol da pessoa com deficiência, no Brasil.

Na manhã desta sexta-feira (6), os prefeitos de Domingos Mourão, Domingos José Rodrigues, e de Boqueirão do Piauí, Raimundo de Mesquita, vieram até a sede da secretaria para firmar a adesão de seus municípios ao Plano Viver Sem Limite.

O secretário estadual para Inclusão da Pessoa com Deficiência, Helder Jacobina, informou que muitos municípios estão procurando a Seid em busca de assinar a adesão ao Plano Viver Sem Limite. "Só o fato de os prefeitos virem até aqui em busca de informações sobre o plano já mostra o compromisso deles com as pessoas com deficiência. O município é quem está mais próximo às pessoas, por isso a preocupação dos prefeitos é muito importante para que as pessoas com deficiência possam ter mais oportunidades", explica.

O prefeito Domingos José conta que as políticas de inclusão às pessoas com deficiência são essenciais. "São essas pessoas as que mais precisam de atenção dos poderes públicos. Os governantes têm que ter muita atenção a esse público", relata. Já o prefeito Raimundo de Mesquita revela que em seu município há muitas pessoas com deficiência, e que o trabalho na área de assistência social está sendo ampliado. "Estamos dando muita atenção à assistência social nessa área da pessoa com deficiência e queremos ampliar ainda mais com a adesão ao Plano Viver Sem Limite", conclui.

22 de junho de 2012

22 de maio de 2012

Diferente do passado, Boqueirão é atualmente exemplo de boa gestão municipal

Prefeito Raimundo Pinto tem feito investimentos em todos os setores

O município de Boqueirão do Piauí mudou da "água para o vinho" quando se compara a gestão dos primeiros anos de emancipação com a gestão atual.

No passado, enquanto muitos municípios vizinhos mantinham boas administrações, a população de Boqueirão sofria com o descaso das autoridades. Os professores viviam em greve por falta de salários, que por vezes chegava a vários meses sem os devidos pagamentos dos funcionários; o comércio local sofria com os poucos recursos que circulavam na economia local; os recursos que vinham para obras importantes eram desviados em benefício próprio - como exemplo cito um recurso para a construção de uma ponte sobre o Rio Longá que nunca saiu.

Era recorrente também de alguns estabelecimentos que eram comprados com recursos públicos, colocados em nome de laranjas e depois alugados para a prefeitura. Como foi o caso de um ônibus alugado para transporte escolar; um espaço alugado para funcionamento de uma creche; um prédio alugado para funcionamento de um posto no Povoado Rua Dez, entre outros.

Outro problema era as constantes falta de prestação de contas junto ao TCE ou quando se prestava contas, ocorria de forma irregular o que provocava a volta para a Câmara Municipal. Para se ter uma idéia o TCE nunca aprovou se quer uma prestação de conta dos oito primeiros anos de gestão municipal.

HOJE MUITA COISA MUDOU - Enquanto outros municípios da região sofrem com problemas crônicos, em Boqueirão do Piauí todos os funcionários têm seus vencimentos pagos rigorosamente em dia; o comércio local comemora a maior circulação de recursos - tanto que foram abertos ou ampliados mais de 30 novos estabelecimentos nos últimos três anos.

As contas do município foram renegociadas, tirando o município da condição de inadimplente, o que já deu seus primeiros frutos como a entrada de recursos para a compra de um ônibus escolar - que já foi executado - além de empenho de recursos federais para obras como uma ciclovia, calçamentos, praça de eventos e outros.

OBRAS ESTÃO SENDO CONSTRUÍDAS - Só nestes pouco mais de três anos foram construídas mais de 20 obras com recursos próprios que melhoraram a vida da população como: duas escolas municipais; mais de 20 km de estradas vicinais; 12 sistemas de abastecimento d'águas; conclusão de dois postos de saúde na zona rural; construção de uma praça; reforma de uma quadra de esporte; reforma das escolas da sede, entre outras. Além disso, podemos destacar também a aquisição de quatro automóveis 0km; manutenção de duas ambulâncias na zona rural do município, e muito mais.

Todas essas ações ganha ainda mais importância quando se pensa que foram realizados mesmo com as crises de 2009 e 2010 que atingiu todos os municípios do Brasil.

Hoje as prestações de contas são enviadas ao TCE rigorosamente em dia. Para isso o prefeito Raimundo Pinto montou uma equipe com técnicos mantidos na cidade e que tem o apoio de um escritório de contabilidade competente.

É possível perceber também as mudanças dando uma rápida olhada num site de pesquisa e comparando as notícias que saiam no passado com as notícias atuais.

02 de maio de 2012

29 de abril de 2012

Eliminatória Festa do Trabalhador 2012 em Boqueirão do Piauí

Eliminatória Festa do Trabalhador 2012 em Boqueirão do Piauí

Aconteceram neste final de semana as eliminatórias de alguns jogos que serão finalizados na Festa do Trabalhador no dia 1 de Maio 2012 em Boqueirão do Piauí.
O objetivo das eliminatórias é para que todo município tenha a oportunidade de participar de alguma atividade.
O prefeito de Boqueirão do Piauí determinou para sua equipe para que nenhuma pessoa ficasse de fora do evento e visitou todas as sedes regionais onde estavam acontecendo as eliminatórias, no Sábado foi na Cidade de Boqueirão, Barro, Dez de Janeiro e Floresta, no Domingo foi à Sambaiba, Olho D'água, lajes e Rua Dez; na Segunda Feira será na Localidade Contente.
O Prefeito falou que ficou muito feliz com a participação da comunidade onde mais de 200 pessoas participaram das preliminares.
Na Terça Feira dia do Trabalhador o evento tem inicio as 7:00hs com missa em ação de graça, logo após terá a largada da corrida de ciclismo e pedestre seguindo das finais do Dominó, Baralho, sinuca, corrida de saco, pau de sebo, vídeo game brincadeiras para as crianças e varias outras atrações e no final do dia final do torneio de futsal, no inicio da noite sorteio de valiosos brindes e o grande momento tão esperado forró com a Banda Mastruz com Leite e tocando até o dia amanhecer Banda Desejo Musical.
E aqui fica nosso convite participe da festa com a gente e venha para Boqueirão do Piauí.
Aqueles que estão longe, estamos preparando com uma equipe de apoio aos portais de boqueirão para transmissão em tempo real com imagens e fotos.