• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia
Brejo do Piauí

Pe Antônio Santos faz resumo de festividades a São José

Encerramento dos Festejos 2015

19/03/2015 14:29h - Atualizado em 20/03/2015 07:44h

No encerramento dos festejos em Brejo do Piauí, estivemos na residência do Pe Antonio Santos e o mesmo nos repassou um resumo dos novenários a São José.

“A festa de um modo geral atingiu o que desejávamos, a participação popular foi grande de forma que todas as noites na Praça São José tivemos um numero significante de pessoas, manifestando o sentimento de que faz parte da festa, não são apenas ouvintes. Na abertura dia 10 tivemos uma solene caminhada pela manhã e as 19:30h a abertura oficial, foi uma festa bonita, pois estamos agora todos envolvidos no projeto de reconstrução da Igreja Matriz que é um patrimônio da cidade. Hoje, 19 de março, já tivemos um momento celebrativo na igreja as 6:00h da manhã, à  tarde às 17h teremos então a procissão que junta realmente muita gente, recebemos pessoas de comunidades distantes da cidade e também de outros municípios. Após o andor com a imagem teremos a Santa Missa solene do dia de São José presidida pelo Bispo Diocesano de São Raimundo Nonato Dom João Santos Cardoso e em seguida prosseguiremos com a festa cultural da cidade que também faz parte da festa de São José.”

Questionado a respeito do trabalho que vem desenvolvendo no município o Pe Antônio Santos disse ser difícil relatar um alto elogio, porém não poderia deixar de expor a participação, o acordamento do povo católico: “Notei que viviam assim, adormecidos na fé, na participação e na prática religiosa, e hoje existe realmente uma participação muito grande e eu posso dizer que nós estamos construindo a igreja templo, mas ela é apenas o reflexo da construção da igreja povo que está sendo formada, está sendo construída em nossa cidade, estamos tendo uma ascensão, uma conscientização dos católicos que até então não se percebiam parte pertencentes à igreja, hoje se percebe isso. Eu não trabalho sozinho, trabalho com uma equipe, meu papel tem sido apenas de convocador, depois atribuo as funções e então os grupos, os casais, os jovens vão então realizando o seu trabalho atribuído.”

Edição: Erasmo Torres
Por: Erasmo Torres

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas