• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Notícias Jatobá do Piauí

27 de agosto de 2015

Alunos participam de debate sobre a prevenção ao uso de drogas

Alunos participam de debate sobre a prevenção ao uso de drogas

Atividade faz parte de uma série de oficinas oferecidas pela prefeitura municipal

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo (SCFV), da secretaria municipal de assistência social e prefeitura de Jatobá vem realizando uma série de atividades que visam a integração da sociedade com os serviços oferecidos pelo Centro de Referencia e Assistência Social (CRAS).

Nesta semana, crianças e adolescentes do SCFV estiveram em duas escolas – Francisco Luis e João Félix de Andrade – plantando arvores do “Projeto de Arborização do SCFV”. Ontem, o CRAS realizou palestra e debate com alunos do 3º ano do Ensino Médio da Unidade Escolar Professor Francisco Luis.

As oficinas começaram ainda na semana passada com debate sobre os riscos das drogas, oferecida as mães de alunos. Na terça-feira foi o trabalho em equipe e oficina esportiva esclarecendo os valores e a importância da relação, amizade, respeito e compromisso aos adolescentes e ontem o Psicólogo Herbert Façanha abordou “o perigo do uso de drogas por adolescentes e seus familiares".

A secretária de assistência social Maria Luiza disse que o momento é de preocupação com o crescente uso de entorpecentes. “Apesar de ser uma cidade pequena, do interior, Jatobá do Piauí não é imune a este problema e temos que fazer nossa parte de prevenção. Trabalhar o tema como os jovens e alertar dos perigos é o ponto de partida. As famílias também precisam estar conscientes e vigilantes” disse a secretária.

24 de agosto de 2015

Crianças  dão exemplo de educação ambiental em Jatobá do PI

Crianças dão exemplo de educação ambiental em Jatobá do PI

Projeto pretende recuperar áreas verdes das escalas da zona urbana

Alunos, professores e demais funcionários da escola Francisco Luis e João Félix de Andrade foram surpreendidos nesta segunda-feira por crianças do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCVF – que foram até as escolas colocar em prática o Projeto desenvolvido pelo Coordenador do SCFV Antonio Francisco dos Anjos Filho, com a colaboração da Orientadora Social Daniela Pereira Teixeira e do professor Francisco das Chagas Silva Filho “Nestes tempos em que a informação assume um papel cada vez mais relevante a educação para cidadania representa a possibilidade de sensibilizar e até mesmo motivar os alunos a serem corresponsáveis na real defesa da qualidade de vida. Dentro deste contexto é válido destacar que a educação ambiental assume cada dia mais uma função transformadora” dizem os idealizadores do projeto.

O projeto tem por objetivo arborizar áreas ligadas a educação do município, promovendo o conhecimento e compreensão dos alunos sobre a importância e o futuro da existência e preservação das áreas verdes nos espaços urbanos a partir do ambiente escolar. Além de estimular a mudança de prática de atitudes buscando garantir a preservação da natureza nas gerações presentes e futuras.

O PROGRAMA

No Serviço de Convivência de 7 a 14 anos, são atendidos 54 alunos, com oficinas, atividades lúdicas, como esporte, dança, palestras e discussões de temas como meio ambiente, cidadania e para este ano pode ter novas atividades como capoeira. “As atividades são de acordo com a demanda e orientação pedagógica. O objetivo é tirar o adolescente das ruas, da ociosidade e do risco do trabalho infantil” diz o Orientador Social Antonio Anjos. Tem também lanches com cardápio desenvolvido e acompanhado por nutricionistas do município.

Já os idosos são 65 pessoas cadastradas. Para esta faixa etária os serviços oferecidos são palestras, acompanhamento médicos de prevenção, atividades físicas e viagens sociais.

03 de agosto de 2015

Famílias de Jatobá do PI festejam a troca da lamparina por energia elétrica

Famílias de Jatobá do PI festejam a troca da lamparina por energia elétrica

Fiação de alta tensão passava sobre as casas, mas a baixa tensão era apenas um sonho, que se realizou agora

No domingo (02/08) à tarde, foi de festa para moradores da comunidade Tucanos II, na zona rural de jatobá do Piauí. Oito famílias tiveram a oportunidade de serem iluminadas por energia elétrica. A inauguração do sonho realizado foi com musica ao vivo e muita festa, literalmente.

O Em Foco este no local para saber o que os moradores, de fato, esperavam acontecer nas suas vidas com a chegada da novidade, que era bem conhecida de todos, menos sua ação afetiva. É que afiação elétrica de alta tensão passa por cima das casas e faz muitos anos.

O senhor João Batista, conhecido por Bibita, foi quem cedeu seu terreiro para a comemoração. Sua esposa, dona Francisca, tem 55 anos e pra ela o sonho parecia impossível. “Agente ficava aqui com os fios passando por cima da casa da gente, mas tava muito alta” diz ela, sorrindo pelo fato de não ter baixa tensão.

Outra moradora, dona Gardênia, disse que todo dia levava água em garrafas pet para a casa de um vizinho. Quando gelava colocava numa garrafa térmica e assim todo dia bebia água fria, mas não se compara a energia em sua própria casa.

Mocinha, outra moradora, também falou durante a inauguração e agradeceu ao prefeito do município Dalberto Rocha. “Ele disse que colocaria energia pra gente e hoje estamos aqui com ela. Agradeço também a água e uma passagem molhada que já havia sido feita antes” concluiu.

O prefeito disse que a responsabilidade de expansão de rede de energia é do governo federal que explora o serviço no país, mas reafirmou que a prefeitura, podendo, sempre estará fazendo este tipo de ação. “pra quem já tem energia e água em suas casas, isso aqui pode parecer insignificante, mas para estas famílias que viviam esquecidas destes dois benefícios tão essenciais é algo grandioso” disse o prefeito.

28 de julho de 2015

24 de julho de 2015

Embrapa detecta mal que prejudicou safra da melancia em Jatobá do Piauí

Embrapa detecta mal que prejudicou safra da melancia em Jatobá do Piauí

Diagnóstico foi apresentado na quarta-feira durante oficina com os plantadores de melancia

Uma equipe de Agrônomos esteve na última quarta-feira na cidade de Jatobá do Piauí (134 km ao norte de Teresina) para apresentarem um diagnostico sobre uma doença que vem prejudicando a cultura da melancia naquele município. O estudo foi realizado no início do mês de março deste ano para tentar detectar a doença que prejudicou a safra da melancia naquele município. Jatobá recebeu o titulo de capital da melancia. Nos últimos anos a produção vem caindo devido a uma doença que ataca a planta e impede a geração de frutos.

O relatório foi apresentado pelo agrônomo e pesquisador Cândido Athayde Sobrinho, durante oficina com os plantadores de melancia e representantes de poderes como, prefeitura, câmara de vereadores, EMATER, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Associações de plantadores e um representante e do Banco do Nordeste.

Uma série de fatores foram apontados como responsável pelas doenças, como Tripes, pulgão, Mosaico (virose) da melancia e seu vetor, Mancha de cercóspora (Cercospora citrullina), e Síndrome hídrica (fluxo irregular de água ao longo do desenvolvimento dos frutos).

O Chefe de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa, Flávio Blanco esteve presente e ressaltou a necessidade da união de forças para ajudar os produtores de melancia do município. O pesquisador Francisco Oliveira Kim, que é jatobaense, mediou os debates e disse que não se trata de uma aventura. “Não vamos chegar aqui e dizer que temos a receita pronta para amanhã ter resultados, mas queremos buscar resultados positivos com uma agenda sustentável para a produção de melancia” disse.

O prefeito Dalberto Rocha argumentou que o município inicia um passo importante para consolidar a cultura da melancia no município. “O inicio foi cada um fazendo o que seu vizinho fazia, sem orientação. Tivemos bons resultados, mas hoje pagamos um preço alto. Agora a união de órgãos como prefeitura, Emater e, principalmente, Embrapa, vai permitir um acompanhamento técnico e sei que os resultados serão os melhores possíveis” disse o gestor.

16 de julho de 2015

05 de julho de 2015

"Prefeitura Itinerante" faz atendimentos de Assistência Social no interior

Prefeitura de Jatobá do Piauí desenvolve projeto para levar serviços até a zona rural

A Secretaria de Assistência Social de Jatobá do Piauí deu prosseguimento ao projeto de Atendimentos Itinerantes iniciados no dia do trabalhador. Ontem, sábado, uma equipe do Centro de Referencia de Assistência Social (CRAS) esteve na comunidade Santa Alice fazendo atendimentos.

Foram realizados serviços de revisão cadastral do Bolsa Família, benéficos eventuais como passe livre, Kit para gestantes, Cestas Básicas, Palestras sobre o Programa Acessuas/Trabalho, Atendimentos de psicólogos e assistentes social e Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos de crianças, adolescentes, e idosos.

A secretária Maria Luiza disse que o objetivo do trabalho é levar os atendimentos a todos. “Fazemos isso semanalmente em nossa sede, mas pessoas mais de longe as vezes ficam sem o serviço por impossibilidade de se deslocar ou mesmo por falta de conhecimento. Além do benefícios, divulgamos o que fazemos em nossa secretaria” diz.

A secretaria diz que as criticas quando construtivas são excelentes e as pessoas só podem ajudar a melhorar os serviços se já conhecerem. “Por isso que todo evento nosso convidamos vereadores, instituições e a sociedade em geral. Para que todos conheçam os nossos serviços”, completa.

Durante os atendimentos foram certificados alunos de cursos do Pronatec/Senac. A secretária destaca que já foram 39 cursos técnicos oferecidos ao jatobaenses, beneficiando mais de 650 pessoas.