• Banner boticário Malbec Magnetic
  • TV O DIA - fullbanner w3b
  • TV O Dia - fullbanner

Notícias Picos

04 de outubro de 2018

Projeto auxilia profissionais na prevenção ao suicídio

Projeto de extensão também é voltado para a comunidade

Mantendo a consciência de que a prevenção ao suicídio é uma prática que deve acontecer todos os dias e não somente em um mês, sobretudo pela importância do acolhimento e do diálogo, o projeto de extensão 'O que sabemos, o que estamos fazendo e o que ainda podemos fazer', idealizado pela conselheira Juliana Dias, vem promovendo uma série de ações em parceria com o CRP 21ª região, a Uespi de Picos e a Coordenação de Saúde Mental de Picos.

No último mês, em alusão ao setembro amarelo, foi realizada uma caminhada e uma rodada de palestras no município, contemplando os profissionais da psicologia e a comunidade em geral. As ações organizadas pela conselheira Juliana Dias auxiliam na difusão do conhecimento e dos meios de acolhimento para a sociedade. Agora, a iniciativa se amplia com a concretização de uma parceria com a Coordenação Estadual de Saúde, focando na capacitação dos profissionais da rede; o trabalho orquestrado em toda a região de Picos será primordial para um atendimento de excelência na Rede de Atenção Psicossocial (RAPS). "Nós vamos capacitar junto as coordenações de saúde mental do Piauí, todos os dispositivos da rede, já que o Piauí é o quarto Estado do Brasil com maior incidência suicídio, serão três regiões contempladas no Estado: Picos, Parnaíba e Teresina. Em Picos, a Uespi junto ao CRP vai estar fazendo uma parceria para RAPS", indicou a psicóloga Juliana Dias.

A importância das ações no Piauí também se difunde pelo fato de que no fim do ano passado, o Governo Federal instituiu incentivo para desenvolvimento de projetos de promoção da saúde, vigilância e atenção integral à saúde direcionados para prevenção do suicídio no âmbito da Rede de Atenção Psicossocial do Sistema Único de Saúde (SUS), onde num primeiro momento foram selecionados os 08 estados com maiores taxas de mortalidade por suicídio, dentre os quais o Piauí.

Nesse sentido, projetos de extensão como 'O que sabemos, o que estamos fazendo e o que ainda podemos fazer' podem, inclusive, servir como modelo para o Ministério da Saúde na construção do Plano Nacional de Prevenção do Suicídio.

08 de agosto de 2018

Novo empreendimento do Sesc será inaugurado nesta sexta

Novo empreendimento do Sesc em Picos será inaugurado nesta sexta

A cidade de Picos vai ganhar um Centro de Atividades do Sesc. A inauguração será na noite desta sexta-feira (10), com a participação de várias personalidades do Piauí, dentre eles o presidente do Sistema Fecomércio Sesc/Senac no Piauí, Valdeci Cavalcante.

O novo empreendimento do Sesc foi construído numa área de 10 mil m², contendo dois blocos onde vão funcionar uma clínica odontológica, centro educacional, central do programa Mesa Brasil Sesc além de biblioteca, auditório para 120 pessoas, central de atendimentos, sala multiuso, salão de festas, laboratório de informática, refeitório e dois pátios cobertos.

“Esses espaços correspondem a primeira etapa das obras do Sesc em Picos e será entregue à sociedade nesta sexta-feira. A grande Picos passa a contar com os serviços do Sesc nas áreas de educação, saúde, esporte, lazer, cultura e assistência”, reforça Valdeci Cavalcante. Foram investidos R$ 17,6 milhões na construção da obra.

Empreendimento do Sesc em Picos

Como é praxe, os estabelecimentos do Sesc no Piauí homenageiam empreendedores da região. Em Picos serão homenageados com a denominação de espaços sociais no Sesc, os empresários Rosalvo Leal e Cláudio Galeno de Araújo, o fundador do primeiro hospital particular da cidade, médico Oscar Eulálio, o médico e ex-prefeito de Picos, Osvaldo Costa, além do cantor e deputado estadual Francis Lopes.

O Sesc homenageará, ainda, a ex-vereadora e fundadora da Academia de Letras de Picos, Olívia Borges, a jornalista, professora e chef de cozinha Socorro Costa, o odontólogo José Martins Barros e o professor Inácio Barros.

O prédio do Sesc foi construído com o que há de mais moderno na construção civil e será equipado com circuito de TV, iluminação inteligente e equipamentos multimídia de última geração. Será uma das maiores obras do Sistema “S” na cidade.

Na segunda etapa, o Sesc Picos também vai contar com campo de futebol, ginásio poliesportivo, parque aquático, academia, salão de jogos e central do Programa Mesa Brasil Sesc – maior programa de combate ao desperdício de alimentos do país.

05 de julho de 2018

Programa tenta diminuir casos de violência doméstica em Picos

Programa tenta diminuir casos de violência doméstica em Picos

O Ministério Público do Piauí (MP-PI) e a Comarca de Picos – Tribunal de Justiça do Piauí, firmaram termo de cooperação técnica para execução do programa “Reeducar: o homem no enfrentamento à violência doméstica e familiar contra a mulher”.

Criado e desenvolvido em Teresina pela 10ª Promotoria de Justiça – integrante do Núcleo de Promotorias de Justiça de Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar (Nupevid) -, o programa trabalha com homens que respondem judicialmente pelo crime de violência doméstica e, ao longo de nove módulos (um por mês), promove encontros com palestras e discussões que levem à desconstrução da cultura machista.

Para execução em Picos, a promotora de Justiça e coordenadora do Reeducar, Amparo Paz, juntamente com a psicóloga do programa, Cynara Veras, ministraram capacitação técnica à equipe multidisciplinar do Fórum.

“Para nós, que idealizamos e executamos o projeto, é muito gratificante ver a expansão dessa ideia de desconstrução do machismo, através da reeducação e conscientização dos homens. Muitas vezes, por mais que sejam condenados em processos da Lei Maria da Penha, os homens não compreendem o que fizeram de errado e continuam com a postura machista e agressiva. O Reeducar foi pensado justamente para mudar essa realidade, fazendo com que os homens tenham a oportunidade de refletir sobre sua conduta e a necessidade da igualdade de gênero”, explica Amparo Paz.

Segundo José Francisco do Nascimento, assistente social do Tribunal de Justiça em Picos, o desejo de levar o projeto para o município surgiu de diálogo junto ao juiz Sérgio Luís de Carvalho Fortes, titular da 4ª Vara da Comarca de Picos, em que constataram a necessidade de se trabalhar uma mudança de comportamento com os homens envolvidos em contexto de violência doméstica.

“Nós sempre observamos a ausência de ações voltadas para os homens que respondem por esses crimes. Percebemos que o número de processos de violência doméstica e familiar contra a mulher tem aumentado nos últimos tempos e buscamos uma forma de trazer esse projeto para Picos. A gente vê como algo muito importante para evitarmos que casos de violência se repitam, muitas vezes, por aquele mesmo homem”, afirma o assistente social.

Atualmente tramitam no Fórum de Picos cerca de 600 processos de violência doméstica e familiar. Apenas neste ano já foram registrados 80 casos. A primeira edição do programa Reeducar na cidade deve começar em agosto, com a participação de 15 homens.

14 de maio de 2018

Mutuários recebem visitas domiciliares e ofícios de liberação de hipotecas

Mutuários de Picos recebem visitas domiciliares e ofícios de liberação de hipotecas

Equipes técnicas da Empresa de Gestão de Recursos do Piauí (Emgerpi), de Teresina e do escritório regional da empresa em Picos, continuam realizando atendimento especial para os mutuários do município, que residem nos conjuntos habitacionais São João (Iapep), Petrônio Portela, Aerolância, Pedrinhas e Waldemar de Moura Santos (Pantanal). Diversos mutuários já foram atendidos durante esta segunda ação itinerante do Programa Minha Casa Legal na cidade em 2018 para orientar e ajudar os picoenses que moram nos imóveis, construídos pela Companhia de Habitação do Piauí (Cohab) e do Instituto de Assistência e Previdência do Estado do Piauí (Iapep).

O atendimento especial seguirá até as 17h, desta sexta (11), no Escritório Regional da Emgerpi em Picos, situada no Conjunto Petrônio Portela, bairro Ribeirinha. Visitas domiciliares estão sendo feitas durante a ação itinerante do Programa Minha Casa Legal, que a Empresa de Gestão de Recursos do Piauí (Emgerpi) está realizando, nos dias 10 e 11 de maio, no município de Picos. Aqueles mutuários que estão aptos para receber os ofícios de liberação de hipotecas dos seus imóveis estão recebendo a visita da equipe de serviço social da Diretoria de Processos Imobiliários (DPI), que é coordenada pela assistente social, Josenice Pires.

O objetivo das visitas domiciliares é repassar aos mutuários da extinta Companhia de Habitação do Piauí (Cohab) e do Instituto de Assistência e Previdência do Estado do Piauí (Iapep), às informações preliminares de como eles devem proceder para adquirir os ofícios, que são os documentos que possibilitam que o mutuário adquira a escritura definitiva da sua unidade habitacional.

Muitos 20 mutuários de Picos receberam ofícios de liberação de hipotecas. Entre eles, o senhor Antônio Alves Filho, que comprou seu imóvel recentemente. “Comprei minha casa agora no conjunto Pedrinhas, mas como ela já era quitada achei melhor vir regularizá-la para poder receber este documento. Estou muito feliz de ter recebido o meu ofício de hipoteca antes do prazo que a Emgerpi me deu no último atendimento. Estou satisfeito com  atendimento deste programa”, disse o professor.

“Há seis anos que quitei minha dívida e agora um conjunto foi regularizado, mas estava faltando documento para poder fazer o inventário, pois esta casa que mora era de uma pessoa que já faleceu, mas estou com a declaração púbica que os filhos do antigo morador me passou. Estou aqui porque quero agora registrar meu nome no documento da casa”, falou o vendedor, José Francisco da Silva, que mora no conjunto Waldemar de Moura Santos há 17 anos.

Para a mutuária, Augusta Maria de Sousa, de 76 anos, poder receber a liberação de hipoteca da casa foi muito bom. "Há mais de 25 anos moro no conjunto Pantanal e a gente precisa provar que é dona da casa”, falou a aposentada.

A gerente do Escritório Regional da Emgerpi de Picos, Irene Ferreira, explica que o atendimento para todos esses mutuários continuarão sendo feitos no escritório regional, inclusive para aqueles mutuários que moram em imóveis construídos pelo Programa de Financiamento da Construção, Aquisição ou Melhoria de Habitação de Interesse Social (Ficam).

27 de abril de 2018

Agentes de Picos e Oeiras participam de curso de armamento e tiro

Agentes de Picos e Oeiras participam de curso de armamento e tiro

Agentes penitenciários que trabalham nas unidades de Picos e Oeiras participam de curso básico de armamento e tiro nos dias 26, 27 e 28 de abril. A capacitação de horas-aula é pré-requisito para a aquisição das 500 pistolas que estão sendo concedidas aos agentes pela Secretaria de Justiça. 

Desde o final do ano passado, os cursos já contemplaram cerca de 300 agentes penitenciários das unidade de Teresina, Parnaíba, Esperantina e São Raimundo Nonato. Ministradas por profissionais habilitados, registrados por instituições credenciadas, as capacitações contam com instrutores da polícias Civil e Militar e agentes penitenciários especializados na área. 

Instrutor da Acadepen do Piauí e professor convidado a ministrar treinamentos em outros estados, o agente penitenciário Delfran Rodrigues faz a capacitação dos profissionais que passam por etapas de avaliação para portar o armamento. “O curso habilita o agente a portar arma de fogo. Primeiro o agente passa por um exame psicotécnico e depois o curso técnico de tiro, que avalia se ele tem capacidade ou não de usar a arma de fogo que está sendo adquirida pela Secretaria de Justiça”, assegurou. 

Na primeira etapa de cursos realizados em unidades do norte do Estado, foram investidos cerca de R$ 85 mil. Na segunda etapa, além do curso previsto para Picos, duas capacitações ainda deverão ser feitas este ano nos municípios de Bom Jesus e Floriano. 

“Contamos também com recursos do Estado para logística e deslocamento e já estamos com R$ 100 mil oriundos do Funpen para concluirmos o trabalho em todo o interior do Piauí, onde houver penitenciárias e estandes de tiro reconhecidas pelo setor competente no município”, explicou o diretor da Academia Penitenciária do Piauí (Acadepen).

28 de março de 2018

Governador entrega regularização fundiária e inaugura Espaço da Cidadania

Governador entrega regularização fundiária e inaugura novo Espaço da Cidadania de Picos

O governador Wellington Dias e o diretor-presidente da Empresa de Gestão de Recursos do Piauí (Emgerpi), Ricardo Pontes, entregaram, nessa terça-feira (27), na cidade de Picos, a regularização fundiária do Conjunto Habitacional Waldemar de Moura Santos (Pantanal), que tem 293 imóveis, cujas áreas foram averbadas pela Emgerpi, por meio do Programa Minha Casa Legal.

O programa, criado em 2015 pelo governo estadual, tem como objetivo fazer a regularização fundiária urbana e financeira dos conjuntos habitacionais edificados pela extinta Cohab-PI, do Instituto de Assistência e Previdência do Estado do Piauí (Iapep) e do Banco do Estado do Piauí (BEP).

Para Wellington Dias, é uma satisfação participar da entrega dos títulos. "Nós estamos trabalhando para regularizar terras urbanas e rurais do Estado. Há cerca de 15 dias atrás, nós entregamos títulos de propriedades para oito mil e duzentas famílias. Nós já regularizamos 2 milhões e 400 mil hectares só na área na área rural, além de diversas propriedades na área urbana. Então, essas pessoas que adquiriram a casa ainda no tempo da Cohab, algumas estavam com dificuldades de quitação, nós fizemos o programa dando desconto que chegou até a 90% para que pudessem regularizar a situação das propriedades. Aqui, hoje, são 105 pessoas recebendo um documento do Governo do Estado e poderão agora ir ao cartório ter a regularização total do imóvel em seu nome. Eu fico muito feliz e comemoro aqui com todos hoje", disse o governador.

Mais de 70 ofícios de liberação de hipotecas foram entregues para os mutuários do conjunto Waldemar de Moura Santos (Pantanal). Após o registro e averbação da área do conjunto, todos os mutuários que já quitaram os imóveis ou que já receberam os ofícios de hipotecas, poderão solicitar no Cartório do 2º Ofício de Registro de Imóveis de Picos, as escrituras das unidades habitacionais.

O presidente da Empresa de Gestão e Recursos do Estado do Piauí, Ricardo Pontes, falou sobre a entrega dos títulos. "Hoje, com muita alegria, estamos fazendo a regularização do conjunto Valdemar Santos, aqui em Picos. São 293 propriedades e famílias que estão sendo beneficiadas agora com essa regularização que é importantíssima para essas pessoas. Esse conjunto foi inaugurado em 1980 e só o Estado está conseguindo fazer essa regularização, garantindo a segurança jurídica a essas pessoas que podem, a partir de agora, dizer que a casa realmente é sua", destacou o gestor.

Maria Teodora Conceição recebeu o título de regularização fundiária das mãos do governador Wellington Dias e ressaltou sua felicidade. "Minha felicidade hoje não se mede, foram muitos anos esperando essa regularização. Agora, com esse papel, vou ter a segurança de que agora a casa é minha, que poderia deixar meu patrimônio também para meus filhos e netos", explica a moradora.

Espaço da Cidadania de Picos

O Espaço da Cidadania de Picos, que reúne postos de atendimento de vários órgãos, como Secretaria da Segurança, Junta Comercial, Sine, Detran, Movera, Coren e tem uma área reservada para Eletrobras e Agespisa, passa a funcionar, a partir dessa terça-feira (27), no Picos Plaza Shopping.

O governador falou sobre a inauguração do espaço. "É uma satisfação muito grande poder voltar a Picos e a gente poder inaugurar esse espaço onde as pessoas podem agilizar diversos serviços, com maior conforto podendo, aqui, juntar o útil ao agradável, resolvendo suas pendências e também poder passear pelo shopping com a família", disse Wellington Dias.

O secretário de Estado da Administração, Franzé Silva, falou da importância da instalação do espaço no shopping Picos Plaza. "Estamos buscando parcerias com setor privado para a instalação desses espaços e hoje é o que estamos entregando aqui em Picos, no shopping Picos Plaza. Esse tipo de parceria que já usamos em Teresina reduz custos e produz eficiência. A instalação do Espaço da Cidadania aqui no shopping tem por objetivo trazer conforto, bom atendimento e segurança para a população de Picos e para toda a microrregião", disse o gestor.

Acompanharam o governador na inauguração do espaço, a vice-governadora Margarete Coelho; o secretário de Governo, Merlong Solano; o secretário da Administração, Franzé Silva; o presidente da Empresa de Gestão e Recursos do Piauí, Ricardo Pontes; deputado estadual Severo Eulálio; o vice-reitor da Uespi, Evandro Sousa, e o coordenador de Urgência e Emergência da Sesapi, Telmo Mesquita.

24 de janeiro de 2018

Confira a programação do Carnaval de Picos 2018

Confira a programação do Carnaval de Picos 2018

Em entrevista coletiva à imprensa, na tarde desta segunda-feira (22), a Prefeitura de Picos, através da Secretaria de Cultura, divulgou a programação oficial do Carnaval 2018. O anúncio foi pela secretária de Cultura, Marília Bezerra, na Sala de Reuniões do Palácio Rodrigues.

O anúncio oficial da programação contou com a presença de secretários da administração municipal, vereadores e a imprensa picoense.

Assim como no ano passado, o carnaval 2018 será realizado na Avenida Beira Rio, que irá receber uma grande estrutura com barracas, som, iluminação e palco para os foliões se divertirem durante as noites de festas.

Com o tema “Amor e Alegria no corredor da folia”, o carnaval picoense irá iniciar no sábado, dia 10 de fevereiro, com a realização do tradicional Corso e segue com as três noites de festas na Beira Rio.

A secretária Marília Bezerra informou que os recursos do carnaval são oriundos de emendas dos deputados estaduais Severo Eulálio (PMDB) e Georgiano Neto (PSD) e de patrocinadores da iniciativa privada. “São pessoas que acreditam, sabem a importância do carnaval para a nossa cidade e entendem as dificuldades que estamos passando”, destacou.

O presidente da Câmara Municipal de Picos, Hugo Victor, que representou o prefeito Padre Walmir no lançamento do Carnaval 2018, afirmou que apesar de todas as dificuldades a administração municipal se empenhou para realizar a festa de momo na cidade. “A gente está aqui para falar, que com responsabilidade e respeito à população, iremos fazer uma festa de carnaval e esperamos todos na avenida para que a gente possa brincar os quatro dias com muita alegria”, disse.

10 de janeiro de 2018

Órgãos estudam instalação de centro de pesquisa em Picos

Representantes da Fapepi e Sedet estiveram reunidos com o presidente da Emgerpi, Ricardo Pontes

O diretor-presidente da Empresa de Gestão de Recursos do Piauí (Emgerpi), Ricardo Pontes, recebeu a visita do presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi), Francisco Guedes, e de representes da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico (Sedet), na manhã desta terça-feira (9). O objetivo do encontro foi pedir ajuda da Emgerpi para regularizar um contrato de sessão do Centro de Tecnologia Apícola do Piauí (Centapi), cuja cessão deverá ser repassada para a Sedet.

Ao final da reunião, Pontes afirmou que dará todo o suporte necessário para a Sedet e Fapepi, no que se refere a regularizar o contrato de sessão solicitado. Francisco Guedes falou que o objetivo da Fapepi, ao apoiar a instalação desse novo centro de pesquisa, é colocar para funcionar um equipamento público, que é o Centro Tecnológico de Apicultura de Picos, que será instalo em um prédio belíssimo com salas de aula, laboratórios, salas de incubação. "Esse trabalho será fundamental para alavancar as cadeias de produtivas da cidade de Picos”, reiterou.

“Estamos hoje pedindo apoio do presidente da Emgerpi, Ricardo Pontes, que, juntamente com a equipe da Sedet, nos ajudará a criar um contrato de gestão com uma OS da Tecnologia da Informação e comunicação daquela setorial, tudo isso para que possamos dar apoio às cadeiras produtivas da região, especialmente nos setores de apicultura, cajucultura  e energias renováveis”, acrescentou Guedes.

O presidente da Fapepi destacou, ainda, que, através desta ação, o governo estará evitando que os produtores dessas regiões deixem de fazer análises de materiais fora do Estado do Piauí. "Uma vez criado esse contrato de gestão, a Fapepi pretende lançar três editais voltados pesquisadores ligados as cadeias produtivas: apicultura, cajucultura e energias renováveis. Para isso, também faremos pesquisas juntos aos empresários da região sobre quais as demandas que eles precisam em relação a profissionais da pesquisa”, pontou.

O superintendente de Ciência e Tecnologia da Sedet, Thiago Carvalho, também falou sobre as boas perspectivas para o trabalho entre os três órgãos. “A nossa visita, hoje, na Emgerpi, teve como finalidade pedir ajuda para regularizar um contrato de sessão do Centapi, cuja sessão deverá ser repassada para a Sedet. Queremos cancelar o contrato, que está vigente com a federação apícola, e fazer outro com a Sedet”, disse. Ele explica que o prédio onde funcionará o novo centro tecnológico terá função importante. “A Sedet quer criar um pólo de tecnologia na cidade de Picos e, com isso, aliar empresas para dar apoio à produção de mel”, disse o superintendente que, na ocasião, representou o secretário da Sedet, José Icemar Lavôr Néri (Nerinho).

29 de dezembro de 2017





Enquete

Um jovem morreu ao sofrer descarga elétrica colocando celular para carregar. Quais cuidados você toma em relação a isso?

ver resultado