• Piauí Férias de Norte a Sul
  • SOS Unimed
  • Ecotur 2019
  • Novo app Jornal O Dia

Notícias Pimenteiras

06 de agosto de 2015

Pimenteiras ganhará praça de eventos

Pimenteiras ganhará praça de eventos

A população pimenteirense ainda comemora os 61 anos de emancipação política do município realizado nos dias 24 e 25 de julho. A festa foi a maior já realizada no município que segundo a policia militar ultrapassou as 11 mil pessoas.

O secretário da defesa civil e deputado estadual Helio Isaias e o deputado federal Paes Landim, além de prefeitos da região participaram da festa animada pelos cantores Dorgival Dantas, Frank Aguiar, Vicente Nery e Frank Camasso.

No sábado a festa teve continuidade com a apresentação da Banda Sinfônica 16 de agosto de Teresina e o cantor gospel Berg Lima.

O prefeito Venicio do Ó acompanhado da 1ª Carmelina Castro e da vice-prefeita Lucia Lacerda anunciou varias obras para o município, entre elas a nova praça de eventos (foto), que construída na Praça do Abrigo, fruto de uma parceria com o governo do estado. A reforma do hospital, estádio e a pavimentação asfaltica de toda a entrada da cidade também foi anunciada pelo gestor.

Retorno aos trabalhos

Os vereadores pimenteirenses retornaram nesta segunda-feira (03) após o recesso de julho. A primeira sessão do segundo período legislativo foi realizado sob a presidência do vereador João Bosco na manha desta segunda-feira. Para o presidente, o primeiro período foi bastante produtivo e para esse segundo a expectativa é que os vereadores pimenteirenses continuem apresentando projetos e requerimentos com as reivindicações da população.

04 de agosto de 2015

Pimenteiras ganhará praça de eventos

Pimenteiras ganhará praça de eventos

O local irá abrigar os eventos do municipio

A população pimenteirense ainda comemora os 61 anos de emancipação política do município realizado nos dias 24 e 25 de julho. A festa foi a maior já realizada no município que segundo a policia militar ultrapassou as 11 mil pessoas.

O secretário da defesa civil e deputado estadual Helio Isaias e o deputado federal Paes Landim, além de prefeitos da região participaram da festa animada pelos cantores Dorgival Dantas, Frank Aguiar, Vicente Nery e Frank Camasso.

No sábado a festa teve continuidade com a apresentação da Banda Sinfônica 16 de agosto de Teresina e o cantor gospel Berg Lima.

O prefeito Venicio do Ó acompanhado da 1ª Carmelina Castro e da vice-prefeita Lucia Lacerda anunciou varias obras para o município, entre elas a nova praça de eventos (foto), que construída na Praça do Abrigo, fruto de uma parceria com o governo do estado.

A reforma do hospital, estádio e a pavimentação asfaltica de toda a entrada da cidade também foi anunciada pelo gestor que claro era só alegria com o sucesso do evento e com as obras que de acordo com o mesmo irá superar a casa dos R$ 4 milhões.  

Retorno aos trabalhos

Os vereadores pimenteirenses retornaram nesta segunda-feira (03) após o recesso de julho. A primeira sessão do segundo período legislativo foi realizado sob a presidência do vereador João Bosco na manha desta segunda-feira. Para o presidente, o primeiro período foi bastante produtivo e para esse segundo a expectativa é que os vereadores pimenteirenses continuem apresentando projetos e requerimentos com as reivindicações da população.

Comunidade Baixio é beneficiada com banheiros

Preocupado em oferecer uma melhor qualidade de vida aos pimenteirenses o prefeito Venicio do Ó em parceria com a Fundação Nacional de Saúde (FUNASA) irão beneficiar 26 famílias da localidade Baixio com a construção de banheiros adequados as necessidades das famílias.

Na semana passada a FUNASA liberou a primeira parcela dos recursos que fazem parte do Programa de Aceleração do Crescimento o PAC 2. O secretário de governo Alex Lacerda comemorou o benéfico.

“O repasse deste recurso demonstra o compromisso do prefeito Venicio Do Ó com a população carente do município” disse. O prefeito Venicio do Ó afirmou que o projeto é muito importante e trás, sobretudo mais dignidade as famílias, além de contribuir diretamente com a saúde da comunidade

O prefeito anunciou ainda novas emendas divulgadas no relatório de propostas e planos de trabalho relativo aos parlamentares o deputado Paes Landim liberou R$ 800 mil reais. O senador Elmano Ferrer beneficiou o município com R$ 500 mil reais e o senador Ciro Nogueira com mais R$ 250 mil reais. Esses recursos são frutos de emendas individuais desses parlamentares.

30 de julho de 2015

Show gospel encerra aniversario de Pimenteiras

Show gospel encerra aniversario de Pimenteiras. Todas as fotos

O cantor gospel Berg Lima encerrou a programação de comemoração do aniversario de 61 anos de emancipação política de Pimenteiras na noite deste sábado, 25 de julho. O cantor ex-integrante de bandas de forró animou o publico na Praça do Abrigo, que recebeu evangélicos e católicos que antes acompanharam a apresentação da Banda Sinfônica 16 de agosto de Teresina que emocionou o publico com belas canções e fez a alegria do senhor Inácio Clarindo, que mantém em Pimenteiras a tradição de tocar violino em eventos culturais do município. Ele tocou Asa Branca de Luiz Gonzaga regido pelo maestro Antonio Linhares para a alegria dos conterrâneos.

Na parte da tarde aconteceram competições esportivas e culturais que recebeu muitas inscrições. A programação teve inicio na sexta-feira (24) com a realização de uma sessão solene e hasteamento das bandeiras na câmara de vereadores.

A noite a celebração de uma santa missa presidida pelo padre Bento abriu a programação noturna que teve a realização de quatro shows com os cantores Frank Aguiar, Dorgival Dantas, Vicente Nery e Frank Camasso, a festa levou cerca de 11 mil pessoas, segundo estimativa da Policia Militar.

O secretário da defesa civil e deputado estadual Hélio Isaias e o deputado federal Paes Landim participaram das comemorações, que teve ainda a participação de vários prefeitos da região valenciana.

O prefeito Venicio do Ó acompanhado da primeira dama Carmelina Castro, da vice-prefeita Lucia Lacerda, secretários e vereadores agradeceu a participação de todos na festa. Ele enumerou algumas ações anunciadas pela prefeitura em conjunto com o governo de estado como o asfalto da entrada da cidade, reforma do hospital e do estádio, construção da praça de eventos, entre outras ações garantidas pelo governador Wellington Dias durante audiência com o prefeito.

28 de julho de 2015

Confira detalhes das festividades do município de Pimenteiras

Aniversário foi comemorado com presença de autoridades

O prefeito Venicio do Ó acompanhado da primeira dama Carmelina Castro da vice-prefeita Lucia Lacerda, presidente da câmara João Bosco receberam nesta sexta-feira, 24 de julho uma nova viatura para GPM do município. A entrega feita pelo comandante da 2ª Companhia do 4º BPM capitão Antonio Santos foi em frente ao mercado publico. De acordo com o prefeito Venicio do Ó, a viatura servirá para a implantação de um novo projeto no município que consiste na presença da policia não só na sede do município, mais em todo o território. “Queremos a policia presente protegendo nossa população da sede e da zona rural” disse.

Ainda pela manha, o prefeito participou na câmara municipal de sessão solene em homenagem aos 61 do município. A sessão presidida pelo vereador João Bosco teve a participação dos vereadores Amisthânio Rodrigues, Patrício Rolim, Jander Nogueira, Gilberto Soares, Rogério Tomaz, Lourival Gabriel e ex-prefeito de Valença Francisco Alcântara, secretários municipais, servidores e populares.

Em suas falas, as autoridades parabenizaram o município pela data natalícia e aproveitaram para convidar os presentes para a programação desta sexta e sábado na Praça do Abrigo.

O prefeito Venicio do Ó fez uma espécie de prestação de contas enaltecendo a unidade da equipe administrativa e a determinação do governo em manter suas contas em dia apesar do período de recessão em que passa o Brasil. De acordo com o prefeito, a projeção para o próximo semestre é positiva e a gestão espera captar todos os recursos empenhados para a municipalidade que ultrapassa os 5 milhões em investimentos.

29 de setembro de 2014

Pimenteiras acaba com descaso ao murar cemitérios nas comunidades rurais

A medida visa acabar com o descaso de décadas na área

A Prefeitura Municipal de Pimenteiras, através do prefeito Vinício do Ã, realizou processo licitatório para a construção de muros, calçadas, portões e placas de identificação dos cemitérios já existentes da zona rural do Município. A medida visa acabar com o descaso de décadas na área e atenderá a mais de trinta localidades, em um dos maiores municípios do Piauí.

Segundo o secretário de governo de Pimenteiras, que também é presidente da Comissão Permanente de Licitação, Alex Lacerda, a iniciativa da Prefeitura ganhou repercussão em todo o Estado por uma interpretação equivocada da publicação do resumo da licitação.

âNão faremos a construção de novos cemitérios onde nada existe, mas sim, cuidaremos dos que estão ao relento, sem nenhuma proteção, atendendo o clamor da população dessas comunidades, que além de perderem seus entes queridos tinham que sepultá-los em locais ermos, sem nenhum zelo do poder público. Pretendemos acabar com issoâ, explica o secretário.

Observa-se que na zona rural de Pimenteiras, como na maioria dos municípios brasileiros, existem cemitérios sem nenhum tipo de estrutura física adequada. A medida além de atender aos pedidos da população, obedece às resoluções do CONAMA (Conselho Nacional de Meio Ambiente) nº 357/2005, nº 396/2008, nº 335/2003 e portaria da ANVISA e Ministério da Saúde nº 518/2004, que estabelecem critérios de adequação para se formar um cemitério e que deveriam ter sido cumpridas desde abril de 2003.

Alex Lacerda acrescenta que as reformas serão realizadas ainda no exercício de 2014, sendo que as obras serão realizadas de acordo com os recursos disponíveis no município. âApesar do Ministério Público ter pedido explicações sobre a licitação, esperamos dar continuidade as obras levando-se em conta a disponibilidade de recursos do Orçamento Municipal. Daremos todas as explicações solicitadas, pois sabemos que fizemos a coisa certa, se resolvêssemos fazer várias licitações o Tribunal de Contas do Estado poderia nos punir por fracionamento de licitação, e isso seria ruimâ, finaliza.

27 de abril de 2014

Próximo dia 30, UM ANO sem Ademyston, e nada de conclusão de inquerito

Próximo dia 30, UM ANO sem Ademyston, e nada de conclusão de inquerito

MENSAGEM DE UMA MÃE PARA SEU FILHO – SEU AMOR INCONDICIONAL

Em uma linda manhã do dia 07/07/1978, Deus com sua infinita bondade me presenteou a mim e a minha família com o nascimento de um lindo menino loiro, de sorriso cativante, um anjo abençoado pelo Senhor.

Sua infância foi tranquila, destacando-se no que se propunha a fazer, seja nas brincadeiras de criança como também na escola. Na infância fez amizades sinceras que continuam até hoje.

Aos 12 anos devido a sua capacidade de aprendizado, sua responsabilidade em saber o que é certo e errado, chega a hora de o mundo conhece-lo era chegada a hora de buscar novos horizontes, primeira aventura Valença o aguardava â Lá sua estrela continuou a brilhar foram somente 3 anos, porém já bastaram e Valença já não era mais um desafio.

Aos 16 anos Teresina celebra sua chegada do adolescente com maturidade de um grande homem, no seu colégio de coração o Anglo era conhecido como um fera, devido suas proezas de permanecer entre os melhores acho que já era da sua natureza somados a sua dedicação, meu campeão escolar e do futsal.

Aos 17 anos passou no vestibular para matemática na UFPI, começa seus destaques no mundo Universitário - 1ª conquista.

Aos 18 anos Ciência da Computação é sua 2ª conquista â chegou a cursar por 3 anos, nesse intervalo lecionou na escola do quartel, foi pesquisador do IPOP, estagiário na SEFAZ-PI, passou nos 2 concursos que prestou, STRANS e Banco do Brasil, chegou a cursar o curso de formação para agente da STRANS, porém veio a nomeação do Banco e com ela um novo desafio, próxima caminhada destino Itaueira-PI cidade acolhedora onde fez grandes e eternas amizades.

Um ano e meio depois, é ora de crescer profissionalmente Floriano a cidade bem vinda foram 5 anos , porém como diz o Raul Seixas: Tem gente que vive 100 anos em 10 e outros que vivem 10 anos em 100. Floriano a cidade na qual se fez história, lá conheceu seu amor, sua esposa, teve a felicidade do nascimento de sua 1ª filhinha, ou seja, início de uma linda família. Floriano também foi a escolhida para ser a cidade de sua 3ª conquista Universitária Bacharel em Ciências Contábeis sendo o 2º lugar no vestibular formou-se com mérito.

à hora de continuar sua peregrinação - Teresina, a Cidade Verde o esperava, lá estabeleceu seu verdadeiro lar, foi abençoado com o nascimento de seus 2º filho e da sua casula â a preocupação com o ensino das crianças, sua dedicação em ajudar no aprendizado de seus pequeninos, era sua meta. Devido ao sonho de uma vida melhor e confortável para sua família dedicou-se incansavelmente ao trabalho, surge então a oportunidade de ser Analista da Superintendência do Banco do Brasil, atingiu todas as expectativas proporcionadas, e devido ao seu potencial o Banco o encarrega de mais um desafio, gerenciar a agência de Miguel Alves, descartou a hipótese de levar sua família, temendo a segurança e o cuidado excessivo pelos estudos dos seus filhos.

Estava a 1 ano de idas e vindas entre Teresina seu lar e Miguel Alves seu trabalho.

Estava tão feliz, já tinha atingido todas as metas, ganho todos os prêmios agora em 2013 sendo reconhecido Fortaleza e Brasília. Faltava menos de 2 meses para sua casa em definitivo. Porém veio a fatalidade, não há explicação, ou respostas sobre o porque? Só sabemos que foram responsáveis gente má pelo ocorrido. Pararam a sua linda história terrena.

O que eu sinto além da dor de tanta saudade, e ter de aceitar sua ausência terrena, é o conforto em saber que certamente meu filho estará brilhando como sempre brilhou ao lado do Pai Celestial, guiando a nos sua família em sempre fazer o bem e ajudar o próximo como ele até nos últimos momentos de vida tentou ajudar.

Fica em Paz Meu Filho, receba a luz divina meu anjo, e aqui nesse momento não é um Adeus definitivo, somente um até breve, logo nos reencontraremos meu amor, agradeço a Deus pela benção linda de ter sido escolhida para ser sua Mãe. 

      Você terminou de ler a mensagem de uma Mãe desesperada pela perca do seu filho querido. Dona Santa, como chamamos carinhosamente, sabemos que como ela existem milhares por aí a fora, mas como conhecemos mais de perto a história desses pais, porque não dizer dessa linda família, que é Luís Martins com sua esposa e seus quatro filhos, ah esqueci, agora apenas três: TRÃS POR QUE? Por que o mundo que estamos vivendo hoje quem comanda são os bandidos, estão espalhados nos quatros cantos do nosso Brasil, não tem cor, nem raça e muito menos classe, estamos a mercê deles. Mas de quem é a culpa? Minha, sua? Talvez sim, por não sabermos ainda combater essa corrupção que assola esse país.

  Ademyston Rodrigues Alves, um jovem lutador, um bom filho, bom esposo e excelente pai, mas sua vida foi interrompida por uma perseguição policial em busca dos bandidos para recuperar o dinheiro assaltado na agencia bancária onde esse pai de família gerenciava depois de muita batalha, muitas noites sem dormir estudando para um dia alcançar esse desafio.   

  Na próxima quarta feira (30/04/2014), completará um ano sem Ademyston, e a família e toda sociedade pergunta: De onde saiu à bala que deu fim na vida de Ademyston? Quem deveria responder era a Policia, mas até agora nada. Nada de concluir o inquérito, a ultima promessa divulgada semana passada para a conclusão do inquérito foi para sexta feira passada, 25/04/2014, e NADA vezes NADA. Por que será? Incompetência sabemos que não é, porque a bala foi extraída do corpo de Ademyston, ficaram praticamente um mês com o corpo do rapaz, fizeram todos os exames cadavéricos necessários, e ainda não sabem de onde foi à bala? Por que será? Ele não apareceu morto como a Fernanda Lages, porque se tivesse iriam concluir dizendo que tinha sido um suicídio e pronto.

  Enquanto isso o sofrimento da Família continua, sabemos que a saudade será eterna, mas somos cidadãos, humanos merecemos mais respeito por parte das autoridades.

  Só nos resta a dizer: DESCANSE EMPAZ ADEMYSTON. 

20 de abril de 2014

18 de abril de 2014

5 Vereadores deram presente de páscoa para os Moradores

5 Vereadores deram presente de páscoa para os Moradores

Aprovaram aumento de 15% de energia pública e a Privatização do INSS

Na ultima segunda feira (14/04/2014), no segundo dia da Semana Santa, vejam o que aconteceu em nossa querida Pimenteiras, na Câmara de Vereadores, um absurdo, principalmente para a população carente deste Município, os legisladores, os homens que foram colocados naquela casa para defender os interesses da população, vejam o que fizeram a maioria: Projeto de Lei nº 05 / 2014 - que cria o Regime Próprio de Previdência Social do Município de Pimenteiras, Estado do Piauí, em conformidade com a Legislação Federal e adota outras providências.

A luz do nosso entendimento, o Projeto de Lei 05/2014 não vem a contribuir com melhorias para os Servidores Públicos Municipais, muito pelo contrário, no futuro bem próximo, poderá causar insegurança e incerteza em um dos momentos mais delicados da vida, que é a aposentadoria, bem como qualquer outro atropelo da vida do servidor.

 O Projeto de Previdência Privada é um atentado contra os Servidores de nossa cidade, sua criação poderá prejudicar e muito todas as categorias de profissionais do nosso município, profissionais estes, que devem ser respeitados e valorizados, não oprimidos e perseguidos por quem se acha superior as Leis.

 O Vereador Jander Nogueira fez o seguinte discurso: Como Presidente da Comissão de Constituição e Justiça, manifestei pela presença de todos nessa augusta casa do povo, como também, pela rejeição total e arquivamento do Projeto de Previdência Privada que diferentemente de nobres colegas aqui presentes, declararam apoio total, e que são a favor do projeto.

Votaram pela aprovação: João Bosco, Lourival, Gilberto, Toizinho e Rogério;

Votaram Contra: Jander Nogueira, Amistanhyo, Patricio e Ivoneide.

Segundo, Projeto de Lei Complementar nº 06 / 2014 â que institui no Município de Pimenteiras â PI a Contribuição para custeio da Iluminação Pública â COSIP prevista no artigo 149 â A da Constituição Federal:

Este projeto institui uma taxa, imposto que vai incidir sobre todos os consumidores de energia elétrica de Pimenteiras, atingirá as pessoas de condições financeiras privilegiadas como também os mais necessitados, ou seja, em uma linguagem simples, esse imposto será pago por ricos e pobres, enfim, por todos! Aliás, os mais prejudicados como sempre serão a classe menos privilegiada do nosso município, o povo, a massa que tem a força do voto para nos colocarmos nessa posição mais privilegiada. 

 Na prática, o Projeto de Lei 06 / 2014 objetiva criar um imposto, originalmente, o projeto estabelece uma alíquota de 15% (quinze por cento) incidente mensalmente sobre o valor total do consumo de energia de cada residência, seja dos mais carentes ou menos necessitados, portanto, de acordo com o esse Projeto do atual gestor, cada residência terá um aumento em sua conta de energia em 15% (quinze por cento), exemplificando, se uma conta de energia equivale hoje a R$ 100,00 (cem reais), com a aprovação dessa lei, a conta de energia passará a equivaler o valor de R$ 115,00 (cento e quinze reais).

A Emenda dos Vereadores João Bosco, Rogério e Gilberto, busca reduz o percentual de 15% (quinze por cento) para 10% (dez por cento) sobre o consumo.

O Vereador Jander continuou defendendo com a seguinte fala: A a nossa população não dispõe de condições favoráveis para arcar com esse aumento de energia, que pessoalmente considero abusivo a todos os consumidores. Já são tantos impostos, taxas e mensalidades que temos de pagar, e ainda mais, nos obrigar através desse projeto aumentar consideravelmente a conta de nossa energia elétrica, é ridículo! Enquanto o governo federal cria projetos como a energia rural, que amplia a eletrificação do nosso município nos dando a oportunidade de termos uma água gelada para bebermos, um ventilador para nos refrescarmos do calor, o gestor municipal cria projeto como esse, que vai interferir e muito na vida de nossa gente. 

Vereadores, Senhores e Senhoras. Pimenteiras, apresenta-se em estado de depressão, verdade, nossa população se encontra oprimida, cada vez mais necessitada e a cada dia diminui drasticamente a circulação de dinheiro no nosso município, prejudicando a todos.

 Por outro quadrante, o Sr. Prefeito, apoiado por alguns, continua a encaminhar projetos, com a finalidade de criar taxas/impostos para sair do nosso bolso, com o destino que cada um aqui presente nessa sessão legislativa sabe qual será. 

 Na função de Presidente da Comissão de Constituição e Justiça me manifestei totalmente contrário ao Projeto de Lei 06 / 2014, cujo objetivo, é criar um imposto sobre a energia elétrica.

Votaram pela aprovação: João Bosco, Lourival, Gilberto, Toizinho e Rogério;

Votaram Contra: Jander Nogueira, Amistanhyo, Patricio e Ivoneide.

5 Vereadores deram presente de páscoa para os Moradores

5 Vereadores deram presente de páscoa para os Moradores

Aprovaram aumento de 15% de energia pública e a Privatização do INSS

Na ultima segunda feira (14/04/2014), no segundo dia da Semana Santa, vejam o que aconteceu em nossa querida Pimenteiras, na Câmara de Vereadores, um absurdo, principalmente para a população carente deste Município, os legisladores, os homens que foram colocados naquela casa para defender os interesses da população, vejam o que fizeram a maioria: Projeto de Lei nº 05 / 2014 - que cria o Regime Próprio de Previdência Social do Município de Pimenteiras, Estado do Piauí, em conformidade com a Legislação Federal e adota outras providências.

A luz do nosso entendimento, o Projeto de Lei 05/2014 não vem a contribuir com melhorias para os Servidores Públicos Municipais, muito pelo contrário, no futuro bem próximo, poderá causar insegurança e incerteza em um dos momentos mais delicados da vida, que é a aposentadoria, bem como qualquer outro atropelo da vida do servidor.

 O Projeto de Previdência Privada é um atentado contra os Servidores de nossa cidade, sua criação poderá prejudicar e muito todas as categorias de profissionais do nosso município, profissionais estes, que devem ser respeitados e valorizados, não oprimidos e perseguidos por quem se acha superior as Leis.

 O Vereador Jander Nogueira fez o seguinte discurso: Como Presidente da Comissão de Constituição e Justiça, manifestei pela presença de todos nessa augusta casa do povo, como também, pela rejeição total e arquivamento do Projeto de Previdência Privada que diferentemente de nobres colegas aqui presentes, declararam apoio total, e que são a favor do projeto.

Votaram pela aprovação: João Bosco, Lourival, Gilberto, Toizinho e Rogério;

Votaram Contra: Jander Nogueira, Amistanhyo, Patricio e Ivoneide.

Segundo, Projeto de Lei Complementar nº 06 / 2014 â que institui no Município de Pimenteiras â PI a Contribuição para custeio da Iluminação Pública â COSIP prevista no artigo 149 â A da Constituição Federal:

Este projeto institui uma taxa, imposto que vai incidir sobre todos os consumidores de energia elétrica de Pimenteiras, atingirá as pessoas de condições financeiras privilegiadas como também os mais necessitados, ou seja, em uma linguagem simples, esse imposto será pago por ricos e pobres, enfim, por todos! Aliás, os mais prejudicados como sempre serão a classe menos privilegiada do nosso município, o povo, a massa que tem a força do voto para nos colocarmos nessa posição mais privilegiada. 

 Na prática, o Projeto de Lei 06 / 2014 objetiva criar um imposto, originalmente, o projeto estabelece uma alíquota de 15% (quinze por cento) incidente mensalmente sobre o valor total do consumo de energia de cada residência, seja dos mais carentes ou menos necessitados, portanto, de acordo com o esse Projeto do atual gestor, cada residência terá um aumento em sua conta de energia em 15% (quinze por cento), exemplificando, se uma conta de energia equivale hoje a R$ 100,00 (cem reais), com a aprovação dessa lei, a conta de energia passará a equivaler o valor de R$ 115,00 (cento e quinze reais).

A Emenda dos Vereadores João Bosco, Rogério e Gilberto, busca reduz o percentual de 15% (quinze por cento) para 10% (dez por cento) sobre o consumo.

O Vereador Jander continuou defendendo com a seguinte fala: A a nossa população não dispõe de condições favoráveis para arcar com esse aumento de energia, que pessoalmente considero abusivo a todos os consumidores. Já são tantos impostos, taxas e mensalidades que temos de pagar, e ainda mais, nos obrigar através desse projeto aumentar consideravelmente a conta de nossa energia elétrica, é ridículo! Enquanto o governo federal cria projetos como a energia rural, que amplia a eletrificação do nosso município nos dando a oportunidade de termos uma água gelada para bebermos, um ventilador para nos refrescarmos do calor, o gestor municipal cria projeto como esse, que vai interferir e muito na vida de nossa gente. 

Vereadores, Senhores e Senhoras. Pimenteiras, apresenta-se em estado de depressão, verdade, nossa população se encontra oprimida, cada vez mais necessitada e a cada dia diminui drasticamente a circulação de dinheiro no nosso município, prejudicando a todos.

 Por outro quadrante, o Sr. Prefeito, apoiado por alguns, continua a encaminhar projetos, com a finalidade de criar taxas/impostos para sair do nosso bolso, com o destino que cada um aqui presente nessa sessão legislativa sabe qual será. 

 Na função de Presidente da Comissão de Constituição e Justiça me manifestei totalmente contrário ao Projeto de Lei 06 / 2014, cujo objetivo, é criar um imposto sobre a energia elétrica.

Votaram pela aprovação: João Bosco, Lourival, Gilberto, Toizinho e Rogério;

Votaram Contra: Jander Nogueira, Amistanhyo, Patricio e Ivoneide.