• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia
Redenção do Gurguéia

Confira a final da Copa em Redenção do Gurguéia

Juventus se classifica para enfrentar o Estrela na Final da Copa Cidade

03/08/2015 14:17h

Juventus e Vila Real repetiram a semifinal do último campeonato e mais uma vez, Juventus se prevalece da inexperiência do Vila Real em jogos decisivos.

O jogo

  Até a parada técnica aos 22 minutos, um jogo equilibrado sem nenhuma jogada de gol para os dois lados.

  Pelo Juventus, Iorlan se deslocando bastante na frente, mas faltava conjunto por parte do seu meio campo, principalmente através de Ilário Jr. de quem sempre se espera uma jogada diferenciada.

  No Vila Real, Sandro buscava mais o gol com chutes de longa distância.

  Aos 37 minutos, Ilário Jr. domina bola e bate colocado. Denílson faz ótima defesa, a bola bate na trave, na sequência Marlos faz pênalti em Iorlan. Na cobrança da penalidade, Joel acerta a trave perdendo a oportunidade de abrir o placar. Nesse momento, Juventus tem melhor domínio da partida.

  Aos 42 minutos Abdenilton, atacante do Vila perdeu uma chance mais clara do que o pênalti de Joel. Ele “furou” a um metro da trave com goleiro batido.

  Aos 47 Kleber não aproveita cruzamento e perde outra chance para o Vila abrir o placar. Pressão do Vila nos últimos minutos do primeiro tempo que termina assim, tudo igual.

  Na segunda etapa o Vila volta mais determinado, logo aos 3 minutos após boa triangulação de passe, Sandro serve a Marcos Vinicius que isola por cima do travessão.

  Aos 5 minutos o bom zagueiro do Juventus, André bota a mão na bola dentro da área e o árbitro marca pênalti que foi convertido por Marcus Vinicius abrindo o placar, Vila 1x0.

  A partir daí o jogo ganha muito mais emoção principalmente com a mudança feita pelo Juventus, entrando Millas  no lugar de Ilário Jr., Juventus pressionando e o Vila saindo nos contra-ataques.

  O Juventus pressionando bastante, porém pelo alto onde o zagueiro Geneilton mostra soberania, rechaçando todas as investidas.

  Aos 28 minutos após vacilo do goleiro Denilson, Iorlan isola por cima do travessão perdendo a chance de empatar a partida.

  Aos 38 minutos Kleber domina fora da área e acerta bom chute obrigando Josiel a fazer boa defesa.

  Aos 41 minutos em bola despretensiosa, Denilson faz defesa parcial e a bola sobra pra Milas que toca pro fundo das redes empatando o marcador.

  Aos 46 minutos Wildeberg substitui o goleiro Josiel por Geilson visando as cobranças de pênaltis. Devido a pressão do Vila, sobrou pra Geilson as maiores defesas em apenas 3 minutos de partida segurando o resultado para as penalidades máximas.

  Nas cobranças de pênaltis regulamentares tudo igual com Marcos Vinicius acertando a trave pelo Vila e Marquinhos perdendo com defesa de Denilson.

A partir daí pênaltis alternados com conversão pra ambos os lados em um total de 11, até Geilson defender a cobrança de Wesley e decretar a classificação do Juventus que enfrentará o Estrela na final.

Edição: Geysa Silva

Deixe seu comentário

Tags: copa, redencao,


Notícias Relacionadas