• Canta
  • SOS Unimed
  • Fagner
  • Trilha das emoções
  • Novo app Jornal O Dia

Notícias São João do Piauí

23 de julho de 2013

Licenciados no curso superior destinado a reforma agrária já podem atuar

Em São João do Piauí

A noite de sexta-feira (19) foi histórica para a reforma agrária no Piauí. Pela primeira vez, uma turma de estudantes exclusivamente ligada ao meio rural se formou em nível superior no Estado. âà uma grande vitória da classe trabalhadora, em especial, dos movimentos que lutam pela reforma agrária. Nossa formatura é um passo importante para avançarmos em outras conquistas. Agora chegou a vez de voltarmos para as escolas, nos assentamentos, para contribuirmos com a formação de nossas comunidadesâ, afirma Francisco Juliano de Carvalho, 27 anos, um dos 36 egressos do curso de Licenciatura em Artes da Universidade Federal do Piauí (Ufpi). Tico, como é mais conhecido, faz parte do assentamento Marrecas, em São João do Piauí.

A solenidade de colação de grau da turma âAugusto Boalâ aconteceu no auditório Noé Mendes, no Centro de Ciências da Educação (CCE), da Ufpi. O curso foi financiado pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária - Incra (através do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária â Pronera), em parceria com a Ufpi e com o Movimento Sem-Terra (MST). A coordenadora pedagógica do curso, Evelaine Martines Brennand, do MST, destaca que o curso foi pioneiro no Brasil. âà a primeira turma de Arte Educação, em todo o país, formada através do Pronera. São arte-educadores formados dentro de uma perspectiva crítica, comprometidos com as necessidades do povo e de transformação socialâ, diz. A turma deveria ter se formado ainda em 2012. âProblemas burocráticos levaram à demora na formação da turma, mas mesmo assim foi uma grande conquistaâ, completa.

Um dos mais experientes na turma âAugusto Boalâ é o assentado Francisco das Chagas Silva, de 50 anos. âQuando cheguei ao assentamento, há 15 anos, sabia que a nossa luta não era só por terra, e por isso nunca deixei de lutar para que também fosse possível chegar a formação de nível superior. Com esse 'canudo', nossa luta pelo direito à educação pública se torna mais forteâ, comemora Francisco, do assentamento Caprisa, em Assunção do Piauí.

O superintendente do Incra/PI, Francisco Limma, participou da mesa de honra na solenidade de formatura da turma âAugusto Boalâ. Para ele, âcom essa experiência positiva, sai fortalecido o programa nacional de Reforma Agrária que, além de possibilitar acesso à terra, para produção de alimento e sustento das famílias, também atua no sentido de garantir o direito à educação, em todos os níveis, aos assentados. Foi a primeira experiência do Incra no Piauí com a oferta de um curso de nível superior. Está sendo sendo estudada a promoção de novos cursos de nível superior pelo Pronera, com novos parceiros, como a Universidade Estadual do Piauí (Uespi), Instituto Federal do Piauí (Ifpi) e Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf)â.


19 de junho de 2013

Governo autoriza construção de estrada entre São João e Canto do Buriti

Estrada esburacada era o terror dos motoristas da região

O governador Wilson Martins autorizou ao Departamento Estadual de Estradas de Rodagem -DER a construção da estrada São João do Piauí/Brejo do Piauí/Canto do Buriti, no sul do Estado. A informação foi repassada à deputada Rejane Dias, PT, pelo diretor-geral do órgão, Severo Eulálio.Wilson Martins autorizou para São João do Piauí, a 460km da capital, recursos para alargamento da Avenida Cândido Coelho e para troca da tubulação no município.


A conservação e recuperação dos 77 km devem ser concluídas em 180 dias meses e os R$ 9.525,686, 06 já estão assegurados pelo governo do Estado, segundo informou Severo Eulálio à deputada Rejane Dias que reivindica a construção da estrada como uma forma de melhorar o acesso entre os três municípios da região sul. Severo Eulálio informou ainda que as máquinas já foram enviadas para iniciar a obra, cuja ordem de serviço será assinada pelo governador Wilson Martins no próximo dia 22, durante visita a São João do PI.

No final de semana a deputada Rejane Dias se reuniu com o prefeito Gil Carlos, o presidente do Diretório Municipal do PT, vereador Vilmar Leite, secretários municipais e lideranças do município para repassar as informações do resultado da audiência com o governador Wilson Martins na semana passada. O chefe do Executivo autorizou a liberação de emenda no valor de R$ 3 milhões para alargamento e pavimentação asfáltica de 2.648,52 m da Avenida Cândido Coelho.

Rejane Dias informou que será feita a troca da tubulação e para isso já foi autorizada a licitação para obra que irá substituir os canos de amianto por pvc. Os recursos para a obra serão de emendas da deputada no valor de R$ 200 mil, o município destinará R$ 100 mil e o restante será repassado pelo governo do Estado.O valor da substituição dos 7km de tubulação está orçado em R$ 521 mil.

A deputada Rejane Dias contou que na audiência foi solicitado ao governador agilidade na reforma do Hospital Regional Teresinha Nunes de Barros, a construção de uma nova maternidade, apoio ao programa Mais Educação e aos festejos do município que prosseguem até a próxima semana.

17 de maio de 2013

Prefeitura realiza lançamento de festejos na ALEPI. Fotos!

O prefeito Gil Carlos citou a programação dos festejos da cidade

Os festejos da cidade de São João do Piauí foram lançados na manhã de ontem (16) em solenidade oficial realizada no Salão Nobre da Assembleia Legislativa do Piauí. A cidade, que fica no sudeste piauiense, a mais de quinhentos quilômetros de distância da capital Teresina, registra durante as festividades do padroeiro São João Batista, um dos maiores eventos do Estado. 

De acordo com o prefeito Gil Carlos Modesto Alves (PT), as festividades representam o quanto a cidade é importante no quesito das festas populares. âEm São João as festas juninas, já tradicionais no Estado, ganham novo destaque, uma vez que coincidem com o festejo do padroeiro. à um momento de realizarmos uma grande festaâ, afirma. 

A festa junina na cidade é marcada, além da presença de renomadas bandas de forró tradicional, do concurso de quadrilhas. Segundo a secretaria de cultura do município, há pelo menos vinte quadrilhas de danças juninas em toda a região. 

No lançamento oficial dos festejos, que deverão acontecer entre os dias 15 e 24 de junho, haverá uma apresentação da Orquestra Sinfônica do Piauí, que apresentará o concerto Cantata Gonzaguiana em frente à igreja matriz. Outro evento que marcará o início da festa será a implantação oficial da Orquestra de Sanfonas da Cidade de São João do Piauí. 

Dentre as novidades dos festejos deste ano está a implantação do dia da criança, que contará com festa de banda exclusiva para o público na Praça Honório Santos, considerada a maior de todo o Nordeste brasileiro. Um dia inteiro de forró também será uma das inovações este ano. 

Amiste promove evento de investimento em festejo 

A Associação de Migrantes Sanjoanenses Residentes em Teresina (Amiste) estará realizando no próximo sábado (18) o 14° Encontro com São João Batista em Teresina. O evento acontece na AABB, a partir das 19h, com celebração religiosa.

Para Nonato Amorim, membro da Amiste e um dos organizadores do evento, a festa tem como objetivo contribuir para a realização do festejo e ajudar pessoas que precisam de cadeiras de rodas. âNesse nosso décimo quarto encontro esperamos uma visita de pelo menos três mil pessoas. Haverá uma celebração religiosa, leilão e comidas típicas. Além disto, a partir da meia noite, uma festa dançante animará os participantesâ, afirma. 

O grande encontro com São João Batista em Teresina teve início em maio de 1999, com o objetivo de angariar recursos para a paróquia de São João Batista, em São João do Piauí.

Hoje o evento é considerado a maior confraternização de sanjoanenses fora de seu domicílio e talvez um dos maiores eventos de interior realizados em Teresina. Segundo a Associação, os recursos arrecadados serão divididos em 50% para a Paróquia de São João Batista e 50% para a aquisição de cadeiras de rodas. Em 2012 o evento arrecadou 27 mil reais. Mais de 400 cadeiras de rodas já foram distribuídas pelos organizadores com os fundos da realização. 

FOTOS:


13 de maio de 2013

Aneel leiloou duas novas linhas de transmissão em São João

As instalações de transmissão deverão entrar em operação comercial no prazo de 36 meses

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) leiloou na última sexta-feira (10), em São Paulo, seis dos 10 lotes disponíveis para contratação de serviços de transmissão de energia elétrica. Entre os lotes leiloados, dois previam a construção de duas novas linhas de transmissão para a subestação da Chesf em São João do Piauí.

No leilão, é declarada vencedora de cada lote a proponente que ofertar o menor valor da âReceita Anual Permitida-RAPâ para exploração da concessão do serviço público de transmissão. A RAP é a remuneração que as transmissoras recebem para disponibilizar o sistema ao Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) e prestar o serviço público de transmissão aos usuários.

A primeira linha de transmissão (Lote A) será no trecho entre Gilbués e São João do Piauí, com extensão aproximada de 408 km, e com previsão de investimentos da ordem de R$ 408,5 milhões de reais. O lote A foi arrematado pelo consórcio Gilbués (Engeglobal Construções Ltda e Bimetal Indústria Metalúrgica Ltda), que ofertou proposta de Receita Anual Permitida de R$ 34,5 milhões, 23,1% abaixo do valor máximo previsto, que era de R$ 44,9 milhões. 

Já a segunda linha de transmissão (Lote B) será no trecho São João do Piauí-Milagres(CE)-Luiz Gonzaga(PE), com aproximadamente 630 km de extensão, e com previsão de investimentos de R$ 531 milhões de reais. O Lote B foi arrematado pela empresa Abengoa Concessões Brasil Holding S/A, por R$ 49,03 milhões, 16,5% a menos que o valor previsto inicialmente, de R$ 58,7 milhões. 

As instalações de transmissão deverão entrar em operação comercial no prazo de 36 meses a partir da data de assinatura dos respectivos contratos de concessão. As empresas ou consórcios vencedores do leilão terão o direito de exploração da linha de transmissão por um período de 30 anos.

08 de março de 2013

São João do PI pode ter suspensa verba para merenda escolar

Os novos prefeitos que ainda não têm senha do sistema devem entrar em contato com a Central

Até esta quinta-feira(07), a Prefeitura de São João do Piauí ainda não havia prestado contas dos recursos repassados pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) em 2011. Em todo o país, 3.307 municípios e 21 estados não prestaram contas. Os gestores devem encaminhar os dados pelo portal eletrônico do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O prazo termina no próximo sábado, dia 9.

Na região, além de São João do Piauí, ainda não prestaram contas os municípios de Campo Alegre do Fidalgo, Nova Santa Rita, Capitão Gervásio Oliveira e João Costa.

Quem não cumprir o prazo pode ficar sem os recursos do governo federal para a alimentação escolar enquanto não regularizar a situação. O orçamento do PNAE para este ano é de R$ 3,5 bilhões, para beneficiar mais de 44 milhões de alunos da educação básica, incluindo o ensino de jovens e adultos.

Após o final do prazo, os conselheiros da alimentação escolar, responsáveis pela análise inicial das contas, devem emitir seu parecer, aprovando ou não as contas, também por meio do sistema. Esse parecer deve ser enviado ao FNDE, que vai então analisar as informações.

Os novos prefeitos que ainda não têm senha do sistema devem entrar em contato com a Central de Atendimento pelo telefone 0800616161. O Ministério da Educação adverte que, conforme a Súmula n° 230, do Tribunal de Contas da União, os prefeitos que assumiram mandato no último mês de devem apresentar as contas referentes aos recursos federais recebidos por seu antecessor, quando este não o tiver feito ou, na impossibilidade de fazê-lo, adotar as medidas legais visando ao resguardo do patrimônio público com a instauração da competente Tomada de Contas Especial, sob pena de co-responsabilidade.

05 de março de 2013

Câmara inicia ano legislativo com mensagem do prefeito

Câmara inicia ano legislativo com mensagem do prefeito

sessão na câmara

Após três meses de um longo recesso, ocorreu na manhã desta segunda-feira(04) a sessão de abertura dos trabalhos da Câmara Municipal de São João do Piauí. Como regulamentado pela Lei Orgânica do Município, a primeira sessão do ano é destinada à leitura de mensagem do Prefeito Municipal.

O início da sessão foi marcado pela indicação das lideranças de governo e oposição. O prefeito Gil Carlos(PT) indicou o vereador Elias Laurentino(PT) como Líder do Governo na Câmara Municipal. Já os vereadores Gilmar do Henrique(PSB), Marcilene Lavôr(PTB), Marcelino Fernandes(PSB), Vitório Henrique(PSD), Raimundo Araújo(PP) e Gervásio Oliveira(PSD) subscreveram indicação nomeando o vereador Gervásio como Líder da Oposição.

Críticas
Em sua mensagem, o prefeito Gil Carlos inicialmente fez críticas à gestão anterior da Prefeitura Municipal: "herdamos em São João do Piauí: um município desgovernado, um executivo entregue à própria sorte. Irregularidades de cunho administrativo, pessoal e financeiro. Por todas as áreas da administração, deparamo-nos com uma situação gravíssima, mas que se escondia aos olhos dos cidadãos de bem. Diagnóstico este que já apontamos na transição de governos e, cujo relatório final, em breve, será devidamente documentado e protocolado nesta casa e no Ministério Público."

Mais adiante, o prefeito destaca: "Não temos como voltar no tempo e apagar os malfeitos de anos, mas estamos juntos, prefeito e os cidadãos de bem, traçando um novo horizonte, cuja expectativa de vitórias e conquistas é bem próxima."

Em outro trecho, o prefeito disse: "Para enfrentarmos a ausência de gestão administrativa, de pessoal e de finanças herdada, obrigamo-nos a decretar regime de emergência, sob pena de se instalar o caos."

Visita à zona rural
O Prefeito destacou ainda a visita que fez à comunidade Riacho do Alselmo, na zona rural do município: "Quem poderia imaginar que um prefeito e todo secretariado fossem, no início do mandato, a uma comunidade longínqua, esquecida no tempo e com tímida presença ações públicas? Nós estivemos lá".

Para constar, no início de seu primeiro mandato, o ex-prefeito Roberth Paulo Paes Landim também havia adotado um programa denominado "Prefeitura Itinerante", em caravanas de secretários e auxiliares que se dirigiam à zona rural do município. Após as visitas feitas a algumas localidades, a iniciativa se mostrou com resultados muito abaixo da propaganda feita à época.

Saúde
O prefeito reafirmou que São João terá uma saúde pública eficiente, com médicos especialistas na cidade. O prefeito disse que já se encontra em fase de projeto, uma clínica de atendimento gratuito em várias especialidades médicas, bem como um núcleo de atenção a saúde da mulher.

O prefeito revelou ainda a intenção de municipalizar o Hospital Regional Teresinha Nunes de Barros, para que ele passe a ser administrado pela Prefeitura, e disse que está "planejando uma maternidade mais adequada", alimentando rumores de que a maternidade poderá ser transferida para o Hospital Regional.

Educação
O prefeito destacou a reforma da escola Mãe Mirô e de uma casa cedida pelo empresário João Claudino como as principais ações de seu governo na área neste início de mandato. Gil Carlos afirmou que "vai proporcionar, da creche ao nono ano do ensino fundamental, uma escola de qualidade."