• Natal
  • Policlinica
  • Motociclista
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Notícias Piauí

14 de dezembro de 2019

Após vistoria, celas da delegacia de Luzilândia são interditadas

Após vistoria, celas da delegacia de Luzilândia são interditadas

A Secretaria de Segurança do Piauí tem prazo de 30 dias para realizar melhorias nas instalações da delegacia

O Ministério Público do Estado do Piauí (MPPI), por meio do Grupo de Atuação Especial de Controle Externo da Atividade Policial (GACEP) e da Promotoria de Justiça de Luzilândia, expediu a Recomendação Integrada para a interdição das celas da delegacia de Luzilândia.

A Promotoria de Luzilândia, durante a visita de inspeção semestral realizada no mês de maio de 2019, detectou a precariedade das instalações da Delegacia de Polícia, especialmente as celas, que se encontravam em estado de completa insalubridade.

Inicialmente, a Promotoria de Justiça, com o apoio do GACEP, realizou uma reunião com representantes da Delegacia Geral e da Secretaria de Segurança para buscar a solução dos problemas encontrados. Contudo, a situação da Delegacia de Polícia mudou pouco. A celas continuaram completamente insalubres.

"Constatou-se a ausência de planejamento anual por parte da Secretaria de Segurança do Estado do Piauí (SPP-PI) sobre a contratação de obras para construções e reformas das unidades policiais da polícia civil no Piauí, bem como para aquisição de recursos materiais, o que prejudica a otimização dos recursos materiais, humanos e financeiros das instituições policiais, portanto, não atendendo aos princípios da Política Nacional de Segurança Pública e Defesa Social", explica a coordenadora do GACEP, Fabrícia Barbosa de Oliveira.

Fotos: Divulgação MP-PI

Por este motivo, o MPPI recomendou ao Secretário de Segurança Pública do Estado do Piauí que realizasse adequado planejamento anual das contratações de obras para construções e reformas das unidades da polícia civil no estado do Piauí, devendo apresentar soluções de curto, médio e longo prazo em 30 dias. Além disso, deverá fornecer laudo técnico de engenharia apontando as mudanças estruturais necessárias para a manutenção e readequação do prédio onde está situada a Delegacia de Polícia de Luzilândia, incluindo a segurança e salubridade das celas. A Recomendação prevê, ainda, que o Secretário providencie a reforma das celas, considerando as condições de insegurança e insalubridade. 

Ao Delegado-Geral da Polícia Civil do Piauí, foi recomendado que interditasse as celas da Delegacia de Luzilândia em caráter emergencial, bem como fosse realizada sua reforma, disciplinando acerca do recebimento dos presos da Comarca de Luzilândia, enquanto não implementadas as condições mínimas de higiene e segurança nas celas. Por este motivo, recomendou-se, ainda, ao Delegado de Polícia de Luzilândia que nenhum detendo fosse custodiado nas celas, por não haver condições mínimas de segurança e higiene.

O Delegado de Polícia de Luzilândia, em observância à recomendação do MP, interditou as celas da Delegacia de Polícia, proibindo que os agentes de polícia recebessem qualquer preso, enquanto não forem reformadas as celas.

Igualdade de gênero ainda é um desafio no Dia da Mulher Advogada

Igualdade de gênero ainda é um desafio no Dia da Mulher Advogada

Advogada elenca questões que vão desde altos cargos ocupados por homens até conciliar filhos e trabalho

Neste domingo (15) é comemorado o Dia da Mulher Advogada. A data busca reafirmar a defesa e o fortalecimento dos direitos da mulher advogada, com foco no respeito e na igualdade de gênero, como explica a advogada administrativa Naiara Moraes.

“É um dia de comemorar mais também de fazer reflexões porque, na verdade, ainda existem muitos desafios em relação à advocacia feminina. São dilemas que ainda persistem e, por isso, temos que estar unidas para viabilizar melhores condições de trabalho, representatividade dentro da OAB e visibilidade na sociedade”, conta Naiara Moraes.

Advogada Naiana Moraes (Foto: Elias Fontenele/O Dia)

A advogada lembra ainda que os desafios vão desde altos cargos ocupados por homens até conciliar filhos e trabalho. Por isso, é preciso encorajar as mulheres a comporem cargos na área jurídica.

“Temos dificuldade de conseguir conciliar o dia a dia do escritório, viajar, família, filhos e pautas de audiência em várias cidades. Temos que nos desdobrar para cumprir todas as missões. No escritório, é não ter medo de conversar com autoridades, pois isso vai marcar o nosso espaço dentro do mercado de trabalho”, diz Naiara Moraes. 

As advogadas são referência na luta política pelo direito da mulher em todos os espaços. Porém, no Piauí, só atua uma desembargadora, Eulália Pinheiro. Ela foi a primeira mulher a ingressar na magistratura estadual piauiense, a primeira desembargadora do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI) e primeira presidente da Corte estadual e do Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Piauí (TRE-PI). Portanto, ainda há muito a ser conquistado


13 de dezembro de 2019

Curral Novo (PI) é o município do Brasil com maior crescimento no PIB

Curral Novo (PI) é o município do Brasil com maior crescimento no PIB

Os dados foram revelados pela pesquisa PIB dos Municípios 2017, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)

O município de Curral Novo, no interior do Piauí, apresentou o maior crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) entre todos os municípios brasileiros. Os dados foram revelados pela pesquisa PIB dos Municípios 2017, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), e divulgados nesta sexta-feira (13).

Curral Novo apresentava em 2015 um PIB per capita de R$ 29.979,66 milhões. No ano seguinte, subiu para R$ 33.583,87 milhões. Já entre 2016 e 2017, o PIB alcançou R$ 302.191,76 milhões. O crescimento significativo fez o município saltar 3.400 posições no ranking entre as cidades brasileiras.

A explicação do IBGE para esse grande crescimento está na indústria de energia eólica que começou ser instalada no município a partir de 2016. O Complexo Eólico Ventos do Piauí, da Votorantim Energia, está localizado na Serra do Inácio, em Curral Novo. Ao todo, são 7 parques eólicos formados por 98 aerogeradores.

Foto: Divulgação

Segundo a empresa, a instalação do Complexo “proporcionou a geração de cerca de 1.000 empregos, priorizando a mão de obra local ao longo de seu desenvolvimento. Há, também, a geração de renda para os arrendatários que possuem aerogeradores instalados em suas propriedades”. Com capacidade para 206 MW, a energia gerada no local tem capacidade para abastecer uma cidade de 400 mil habitantes.

Se comparado ao PIB per capita dos outros municípios do Piauí, entre 2016 e 2017, Curral Novo saiu da posição 156 para ocupar a 21º. Nos cinco melhores PIBs do Estado, o ranking teve alteração. Teresina (R$ 16382044,17), Parnaíba (1802107,88) e Picos (1253241,63) seguem nas três primeiras colocações. A novidade é a cidade de Uruçui (1093202,02), que ultrapassou Floriano (886035,82) e possui agora o 4º melhor PIB. 

Chuvas vão se intensificar a partir da segunda quinzena de dezembro

Chuvas vão se intensificar a partir da segunda quinzena de dezembro

Segundo climatologista, o céu de Teresina começa a se modificar para início do período o chuvoso. Há chances de mais precipitação no fim de semana.

Os teresinenses foram surpreendidos com uma forte chuva na tarde desta quinta-feira (11), que deixou o tempo mais ameno e agradável na Capital. Esta situação pode se tornar mais frequentes nos próximos dias. É que a previsão climatológica para Teresina prevê um final de dezembro chuvoso e essas precipitações devem se intensificar a partir da segunda quinzena do mês.

De acordo com o climatologista da Uespi, professor Werton Costa, a previsão do tempo a longo prazo para Teresina sinaliza para condições chuvosas que devem se estender até janeiro, quando inicia de fato o período chuvoso. “As chuvas devem se tornar mais fortes a partir da próxima semana, quando aquelas pancadas mais isoladas passam a ser mais consistentes, os volumes maiores. Os modelos matemáticos vêm confirmando essa tese”, explica.


Werton Costa, climatologista da Uespi - Elias Fontinele/O Dia

Ainda segundo o climatologista, o céu de dezembro já está começando a se modificar para dar início à época de chuva na Capital. Ontem, por exemplo, Teresina estava sob influência de um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN) que modificou a atmosfera nordestina, trazendo alguns pontos de instabilidade localizada, as famosas pancadas de chuva isolada. Por isso o tempo fechado e a forte precipitação durante a tarde.


Em outros pontos, este Vórtice Ciclônico mergulhou o Nordeste em uma condição chamada pela climatologia de veranico, popularmente conhecido como tempo firme. No momento, conforme aponta Werton, o céu nordestino passa por grandes transformações com a abertura de um novo canal de umidade que adentra pelo sul da Bahia e já influencia a região do MATOPIBA.


Foto: Elias Fontinele/O Dia

“O Oeste baiano, o sul maranhense, o sudoeste piauiense e a faixa tocantinense estão sob influência desse canal de umidade. Essas instabilidades vêm acompanhando o Vale do Parnaíba, atingindo, mais ao norte, a grande Teresina”, detalha o climatologista.

A previsão para Teresina feita pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) aponta temperatura mínima de 24 graus e máxima de 37 para esta sexta-feira, com a maior parte do dia tendo céu nublado e parcialmente nublado e chances de chuva isoladas. Já para o fim de semana, a previsão é de céu encoberto com muitas nuvens e altas chances de precipitação.

Ministério da Saúde amplia público para vacinas em 2020

Ministério da Saúde amplia público para vacinas em 2020

Ampliação abrange doses contra febre amarela e gripe a partir do próximo ano.

A partir de 2020, o Sistema Único de Saúde (SUS) passará a ofertar uma dose de reforço da vacina de febre amarela para crianças com 4 anos de idade. O Ministério da Saúde também ampliará, de forma gradativa, a vacinação contra febre amarela nos 1.101 municípios nordestinos que não faziam parte da área de recomendação de vacinação.


Leia também: Ministério descarta problemas com vacinas contra HPV 


“Dessa forma, todo o país passa a contar com a vacina contra a febre amarela na rotina dos serviços. As novas diretrizes sobre as Campanhas Nacionais de Vacinação foram enviadas pela pasta aos estados e aos municípios em novembro deste ano para que estejam preparados para as ações do próximo ano”, destaca o ministério.

A pasta informou também que a campanha contra a gripe, realizada todos os anos entre abril e maio, contará com um novo público, os adultos de 55 a 59 anos. A medida tem por objetivo ampliar a vacinação dos grupos mais vulneráveis.


Vacinação contra febre amarela vai chegar a mais 1.101 municípios nordestinos - Foto: Agência Brasil

“O público-alvo, portanto, representará aproximadamente 67,7 milhões de pessoas. A meta é vacinar, pelo menos, 90% dos grupos prioritários para a vacinação, que já conta com crianças, gestantes, puérperas, povos indígenas, pessoas com doenças crônicas, trabalhadores de saúde, idosos, entre outros.”

Segundo o ministério, as datas para início das campanhas serão definidas pelos estados, a partir do plano de implantação elaborado individualmente por eles. “O Ministério da Saúde conta com estoque suficiente para atender à demanda, a partir da solicitação de quantitativo dos estados, responsáveis por fazer a distribuição das doses aos municípios.”

'Burocracia não necessária', diz superintendente sobre registro profissional

'Burocracia não necessária', diz superintendente sobre registro profissional

A Superintendência Regional do Trabalho e Emprego já deixou de emitir o documento no Piauí, seguindo as determinações do governo federal.

Desde que a Medida Provisória (MP) 905/2019 foi editada pelo presidente Jair Bolsonaro, no dia 11 de novembro, a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego no Piauí deixou de emitir o registro profissional de diversas categorias, inclusive para jornalistas.

“A medida está restringindo algumas categorias, pois antigamente como não havia conselho regional dos jornalistas, eles precisavam ter uma forma de registro. Esse registro era feito no antigo Ministério do Trabalho, ‘ex’ Delegacia Regional do Trabalho, agora Superintendência Regional do Trabalho e Emprego. E a MP tira muitas categorias e colocam elas para se auto organizarem. Por isso, não estamos emitindo o registro profissional, porque estamos cumprindo a medida provisória”, informa Phillippe Salha, superintendente regional do Trabalho e Emprego no Piauí.

A MP 905/2019 acaba ainda com a exigência legal do diploma de jornalismo para o exercício de algumas funções e atinge outras profissões, como de agenciador de propaganda, arquivista, artista, atuário, guardador a lavador de veículo, publicitário, radialista, secretário, sociólogo, técnico em arquivo, técnico em espetáculo de diversões, técnico em segurança do trabalho e técnico em secretariado.


 Órgão expedia o registro profissional de diversas categorias, como de jornalistas - Foto: Arquivo O Dia

A medida é baseada na ideia de que tais categorias têm capacidade de se auto organizarem e criarem o próprio conselho e, assim, administrar sem precisar do Governo. “Vejo que será benéfico para essas categorias, estava se criando uma burocracia não necessária. Atualmente, 90% dos registros é de técnico, e a intenção é que se organizem também”, conclui Phillippe Salha.

Jornalistas se mobilizam contra medida

Os jornalistas estão se mobilizando junto aos sindicados e à Federação Nacional da categoria (Fenaj) para derrubar o item da MP que fala sobre os registros profissionais. Segundo o presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Piauí (Sindijor-PI), Luiz Carlos de Oliveira, a retirada do registro desvaloriza a categoria.

“Com a queda do registro, vai haver a precarização da profissão, a desvalorização do exercício profissional, porque qualquer pessoa sem técnica e ética vai sair produzindo conteúdo, um prejuízo para a sociedade brasileira que quer informação de qualidade. Qualquer um poderá se auto proclamar jornalista”, alerta Luiz Carlos de Oliveira.

Em todo o país, estão acontecendo assembleias, audiências públicas para chegar a medidas estratégicas e ter apoio dos políticos. Em 4 de dezembro, os jornalistas ‘se vestiram de preto’ como um ato público e mandaram fotos para os parlamentares e para a federação. Com essas ações, tenta-se derrubar a MP 905/2019 e manter a exigência do registro profissional.


 Profissionais se vestiram de preto para ato público contra MP - Foto: O Dia

Minirreforma Trabalhista

Além do efeito nos registros profissionais, a MP 905/2019 funciona como uma espécie de Minirreforma Trabalhista, porque possibilitou outras mudanças importantes para o mercado de trabalho, como explica o advogado especialista em direito e processo do trabalho e previdenciário, André Saraiva.

“As mudanças mais importantes creio que sejam a instauração da modalidade de contrato Carteira Verde e Amarelo; a não mais possibilidade de a Secretaria da Vara anotar a CTPS do empregado nos casos de reconhecimento judicial do vínculo de emprego; a autorização do trabalho aos domingos e feriados, tendo sido revogados os artigos 8º a 10 da Lei 605/49; bem como a autorização de trabalho aos sábados para bancários; e o fato de que não será mais necessária a intervenção do sindicato para a criação da participação nos lucros; o acidente de percurso deixar de ser considerado acidente de trabalho”, lista André Saraiva.

O Programa Verde e Amarelo, por exemplo, é um incentivo à contratação de jovens entre 18 e 29 anos, uma das faixas etárias com mais desempregados, de acordo com Instituição Fiscal Independente.


Foto: O Dia

“Isso ocorre porque se contrata quem tem mais experiência. Como esses jovens já vêm há muitos anos sem ter acesso ao mercado, foi se pensada uma maneira de incentivo com alguns limites, com contrato de até 2 anos entre 1° de janeiro de 2020 e 31 de dezembro de 2022, e até um salário e meio. São medidas protetivas para não tirar emprego de quem já está dentro. A empresa só pode fazer até 20% do seu quadro, passado os dois anos, o jovem já vai ter uma experiência registrada para quando surgir novas oportunidades”, descreve o superintendente regional do Trabalho e Emprego no Piauí, Phillippe Salha.

O advogado André Saraiva acrescenta ainda que a contribuição para o FGTS será de 2% e a indenização adicional do FGTS cai para 20%. Caso haja contratação de seguro, o adicional de periculosidade será de 5% sobre o salário-base do trabalhador e só será devido quando houver exposição permanente do trabalhador, isto é, por, no mínimo, 50% de sua jornada normal de trabalho.

12 de dezembro de 2019

Justiça nega pedido de prisão de PM suspeito de assassinar radiologista

Justiça nega pedido de prisão de PM suspeito de assassinar radiologista

Essa é a segunda decisão favorável ao PM proferida pelo juiz da Central De Inquéritos da Comarca de Teresina, Jorge Cley Martins Vieira.

A Justiça negou o pedido de prisão do Policial Militar Max Kellysson Marques Marreiros, suspeito de ser o autor do disparo de matou o técnico em radiologia Rudson Vieira Batista. Essa é a segunda decisão favorável ao PM proferida pelo juiz da Central De Inquéritos da Comarca de Teresina, Jorge Cley Martins Vieira.

Max Kellysson ganhou liberdade provisória na audiência de custódia realizada no dia 2 de dezembro. O juiz entendeu “que em liberdade, o autuado não coloca em risco a ordem pública ou a instrução processual penal” e aplicou medidas cautelares e suspendeu a posse de arma do militar.

Na decisão da última terça-feira (10), que manteve a liberdade de Max, o juiz alegou “ausência de legitimidade da parte recorrente no presente caso, haja vista que em tese atuaria como assistente de acusação” e manteve a decisão anteriormente proferida.

Nesta quinta-feira (12), familiares e amigos de Rudson Vieira promoveram uma manifestação para pedir Justiça no caso. Com faixas e carro de som, os participantes se concentraram na Assembleia Legislativa do Piauí, seguiram pela Avenida Marechal Castelo Branco e realizaram um ato na frente do Tribunal de Justiça do Piauí.

O caso

Rudson Vieira morreu no último sábado (7) depois que foi baleado na cabeça durante uma discussão no domingo, 1º de dezembro. Segundo testemunhas, a vitima e o PM Max Kellysson se desentenderam em uma casa de show localizada na Avenida Duque de Caxias, no bairro Buenos Aires. O policial militar foi preso em flagrante com uma pistola .40 municiada com 10 cartuchos. 

Profissionais do O DIA vencem Prêmio de Jornalismo do MP/PI

Profissionais do O DIA vencem Prêmio de Jornalismo do MP/PI

Jornalistas do sistema conquistaram o primeiro lugar na categoria impresso e o segundo no telejornalismo

Profissionais do Sistema O DIA de Comunicação foram premiados em duas categorias na quarta edição do “Prêmio de Jornalismo do Ministério Público do Piauí”, cujo resultado foi divulgado nessa quinta-feira (12). A repórter Isabela Lopes conquistou o primeiro lugar na categoria Jornal Impresso, e Jessica Sales e Lívio Galeno, da O DIA TV, ficaram em segundo lugar na categoria telejornalismo.


CONFIRA A MATÉRIA PREMIADA NA CATEGORIA JORNAL IMPRESSO:


Nome social: é direito, é humano 


 

Isabela Lopes fala da satisfação em ganhar o prêmio pela terceira vez, especialmente por sua reportagem deste ano ter abordado os diretos das pessoas trans no Piauí. “É muito bom trazer um tema relevante para discussão. Falar sobre o nome social, de direitos que as pessoas trans têm, como por exemplo o uso do nome social. Entre as histórias, contei a do Ícaro que, para conseguir a documentação, teve que passar por um longo processo. Para ser reconhecido pelo nome que se identifica, ele teve que procurar os órgãos que fazem esse tipo de serviço. Então, o prêmio é um reconhecimento porque mostra que o que você está fazendo, de certa forma, está sendo reconhecido”, disse.

Isabela Lopes. Foto: Assis Fernandes. 

A reportagem premiada da O DIA TV foi veiculada no dia 29 de novembro e contou a história de David, transexual que também lutou para ter o nome social e sua identidade de gênero reconhecida.

Jessica Sales. Foto: Assis Fernandes. 

“David foi o primeiro homem trans a trocar toda a documentação aqui no Piauí. Foi uma satisfação muito grande poder contar a história dele. Ficamos satisfeitos com o resultado, não apenas pelo prêmio, que foi consequência, mas por termos dado visibilidade à história do David, que é a realidade de milhares de outros trans que vivem no Piauí. Estamos muito honrados com essa conquista”, descreveu a produtora Jessica Sales. (Veja a matéria premiada da TV:)

Este foi o primeiro prêmio de jornalismo conquistado pela TV, que estrou há pouco mais de um ano no Estado.

Prejuízo que estelionatários deram a vítimas pode chegar a R$ 100 mil

Prejuízo que estelionatários deram a vítimas pode chegar a R$ 100 mil

Grupo era chefiado por Evitha Kelly da Silva Benício, que foi presa em novembro passado por praticar o mesmo tipo de crime em Teresina

A quadrilha que foi desarticulada pela Polícia Civil nesta quinta-feira (12) aplicando golpes por meio de aplicativos e sites de compra e venda podem ter dado um prejuízo de até R$ 100 mil às vítimas. Isto, porque o grupo criminoso não era formado somente pelas três pessoas hoje investigadas na Operação Péssimo Negócio

Elas fazem parte de uma organização maior chefiada por Evitha Kelly da Silva Benício, que foi presa em novembro passado por praticar o mesmo tipo de crime em Teresina . Somando-se o montante arrecadado pelo grupo com a ajuda de Evitha e os R$ 40 mil conseguidos após a prisão dela, com a continuidade dos golpes, os desvios podem chegar a R$ 100 mil.

Delegado Anchieta Nery fala sobre as prisões realizadas nesta quinta-feira (12). Foto: Elias Fontenele.

A informação foi repassada pelo delegado Anchieta Nery, titular da Delegacia de Repressão a Crimes de Informática. Foram presas hoje duas pessoas: uma mulher identificada como Daniele Sousa, e um motorista de aplicativo que não teve seu nome divulgado pela polícia , porque foi preso apenas em caráter temporário. Há uma terceira pessoa que está foragida, mas segundo o delegado, já está identificada e deve ser presa nas próximas horas.

O delegado Anchieta Nery explica o papel de cada um dos presos na organização criminosa. “A Evitha, presa em novembro, era a líder e mantinha contato com as vítimas. Ela se passava pelos compradores e criava a abordagem e as conversas se passando por pessoas conhecidas da sociedade piauiense. Já a Daniele era quem ficava de olho nos anúncios, escolhia as vítimas e forjava os documentos e comprovantes de pagamento. Já o motorista de aplicativo foi contratado um dia pra pegar um produtoe acabou entrando no esquema de forma recorrente, sabendo que se tratava de uma prática ilícita”, explica.

Daniele foi presa hoje em um condomínio na zona Norte de Teresina e o motorista de aplicativo na zona Sul. Os dois já foram encaminhados para o sistema prisional.

Psicóloga alerta para o uso correto de celular por crianças

Psicóloga alerta para o uso correto de celular por crianças

Especialista explica que contato precoce e excessivo pode causar danos ao desenvolvimento dos pequenos.

Em 2019, no Brasil, houve um crescimento de 7% no número de crianças proprietárias de celular em relação ao ano passado. Pesquisa recente mostrou que 30% das crianças do Brasil, que têm entre 4 e 6 anos, já possuem smarthphones. A pesquisa Panorama Mobilie Time aponta ainda que 3 em cada 10 crianças, entre 4 e 6 anos, já ganharam o próprio aparelho.

Os dados acenderam o alerta da Sociedade Brasileira de Pediatria, mas os danos ao desenvolvimento das crianças, que têm contato precoce com celulares ou tablets, são apontados também por psicólogos. De acordo com a psicóloga Irancarla Meneses, os pais precisam estar atentos ao uso do aparelho pelos filhos.

“Muitas vezes, o pai entrega o telefone porque tem que fazer as atividades de casa, já chega cansado à noite, e correto não é. Muitos reconhecem que entregam demais o celular para as crianças”, conta a psicóloga. Entre as recomendações da profissional para os pais está a delimitação de tempo para que a criança use o aparelho. “Eu oriento a não entregar de segunda a sexta, somente nos finais de semana”, acrescenta Irancarla. 


Irancarla Meneses diz que os pais precisam estar atentos ao uso do aparelho pelos filhos - Foto: Divulgação

A psicóloga explica que o acesso a celulares cada vez mais cedo tem atrapalhado o desenvolvimento motor e gerado crianças mais aceleradas. “Atrapalha o desenvolvimento da coordenação motora grossa e fina; a criança deixa de socializar, atrapalha na aprendizagem escolar porque ela não está brincando e desenvolvendo a imaginação e isso tem reflexo já na adolescência”, acrescenta.

Irancarla também chama atenção para o acesso à internet que existe nestes aparelhos. Segundo ela, se pai e mãe resolvem comprar um aparelho para as crianças, eles ainda terão que monitorar o que as crianças estão vendo no celular que receberam de presente. “Dar um aparelho para a criança não tira a obrigatoriedade do monitoramento. De toda forma, pai e mãe terão que estar atentos e acompanhar”, afirma.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou uma cartilha inédita com orientações para crianças com menos de 5 anos e o uso de aparelho celular. Entre as orientações está a de que crianças devem brincar em parquinhos, ter contatos com livros e rotina de horários para dormir e quase nenhum ou nenhum contato com smarthphones ou tablets.

Lojistas esperam aumento de até 10% nas vendas de final de ano

Lojistas esperam aumento de até 10% nas vendas de final de ano

Gerente revela que as vendas estão melhores desde o final de semana passado.

Com a chegada das festas de final de ano, os lojistas de Teresina esperam um aumento de até 10% nas vendas. Esse bom momento também tem favorecido a contratação de novos empregados temporários, reduzindo o número de desempregados.

Laécio da Silva Sousa, gerente de uma loja de variedades, pontua que as expectativas são as melhores possíveis e que a perspectiva é de boas vendas até o final do ano. Isto porque as vendas já têm apresentado uma melhora nessas primeiras semanas de dezembro e devem aumentar até as vésperas das festas de Natal e Ano Novo.


Leia também: Lojas do Centro e bairro funcionam até às 18h no fim de semana 


“Estamos em um ano um pouco atípico, mas que tem reagido nos últimos meses. Então, temos investido em equipe e mercadorias para oferecer o que há de melhor para os consumidores. O fluxo tem melhorado a cada dia e esperamos boas vendas. A nossa expectativa é de crescer, em média, 10% neste final de ano, o que seria ideal para conseguirmos nos sobressair”, destaca.

O gerente da loja enfatiza ainda que as vendas estão melhores desde o final de semana passado e que deve aumentar nos próximos dias, principalmente porque o Centro de Teresina irá funcionar em horário especial no sábado (14) e nos domingos, dias 15 e 22 de dezembro.


Movimentação no Centro da cidade deve aumentar ainda mais nos próximos dias - Foto: Assis Fernandes/O Dia

“Os consumidores já estão vindo olhar e comprar os produtos, e temos sentido uma melhora nas vendas. No último final de semana foi muito bom, a semana começou em alta e a tendência é que de melhore conforme vá se aproximando das festas de final de ano. Como o Centro vai funcionar no sábado e domingo até às 18h, então as lojas estarão abertas para aquele consumidor que não têm tempo de vir ao Centro durante a semana, mas também querer ter a oportunidade de comprar seus presentes”, salienta Laécio da Silva Sousa.

Contratações temporárias

O bom momento do comércio tem favorecido também para as contratações temporárias. Somente na loja em que Laécio trabalha, as contratações aumentaram em 20%. “Na loja, o quadro de funcionários aumentou 20%, somente com novas contratações. Esse aumento é um reflexo das boas expectativas que estamos tendo com as vendas para este final de ano, e as boas vendas também favorecem as contratações temporárias, que este ano começaram em outubro”, pontua.

11 de dezembro de 2019

Caso Styllos: casal é condenado a 12 anos e 8 meses de prisão por estelionato

Caso Styllos: casal é condenado a 12 anos e 8 meses de prisão por estelionato

Os sentenciados são casados e eram donos da empresa Styllos Empreendimentos, que na época foi denunciada por universitários.

Os réus Keila Regina Moreno de Sousa e Fabiano Silva Neves foram condenados, na terça-feira (10), a 12 anos e 8 meses de reclusão por oferecerem serviços de realização de festas de formatura e terem tentado fugir do Piauí no ano de 2011, no processo que ficou conhecido como “Caso Styllos” . Os sentenciados são casados e eram donos da empresa Styllos Empreendimentos, que na época foi denunciada por universitários. 

sentença  foi do juiz Fabrício Paulo Cysne de Novais, auxiliar da 4ª Vara de Picos. Na decisão consta ainda 120 dias-multa, valor unitário que será pago pelos condenados considerando um trigésimo do valor do salário-mínimo vigente à época dos fatos.

Casal é condenado. Foto: Arquivo O Dia.

À época o casal foi acusado pela prática de nove crimes de estelionato envolvendo turmas de formandos que mantinham contrato com empresa.

De acordo com o documento apresentado pela acusação, Keila e Fabiano “recebiam valores mensais dos contratantes e, no dia 17 de setembro de 2011, os acusados, repentinamente, subtraíram todos os objetos da empresa, sediada em Teresina (PI), indo embora sem prestar os serviços acordados, ou prestar qualquer satisfação aos contratantes”.

Segundo o juiz, nos autos ficou comprovada a materialidade dos crimes, em virtude dos diversos boletins de ocorrência registrados pelas vítimas e por declarações perante a Autoridade Policial. As provas documentais consistentes em contratos de prestação de serviços e também pelos comprovantes de pagamento relativos às diversas turmas de alunos contratantes.

Famílias devolvem quase R$200 mil ao Bolsa Família por uso indevido

Famílias devolvem quase R$200 mil ao Bolsa Família por uso indevido

Programa cruza dados das famílias para chegar aos até os supostos cadastros falsos. A projeção é do coordenador estadual do programa, Roberto Oliveira.

Cerca de R$ 185 mil foram devolvidos ao Governo Federal por pessoas que receberam indevidamente recursos do programa federal Bolsa Família, seja por irregularidades no cadastro ou renda acima da permitida entre 2018 a 2019 no Piauí. A projeção é do coordenador estadual do programa, Roberto Oliveira.

Programa Bolsa Família. Foto: Arquivo O Dia.

Roberto explica que o programa chega até os supostos cadastros falsos após o cruzamento de dados das famílias com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), com a Receita Federal, Previdência Social, além de informações com o Tribunal de Contas da União (TCU). Segundo o coordenador, quando as suspeitas de que pessoas tenham inserido dados falsos de forma intencional para receber os valores são comprovados, elas são convocadas para a devolução dos recursos.

“Essa transparência se dá justamente porque cruzamos todas essas informações e vamos atrás das famílias. Infelizmente, nós nos deparamos com pessoas que querem tirar muita das vezes proveitos do que não é o seu direito. Quando comprovado as irregularidades, elas são chamadas para saírem do programa e devolver os recursos”, afirmou.

Outro ponto que facilita na identificação de cadastros fraudulentos, segundo o coordenador, é a atualização cadastral dos beneficiários que acontece a cada dois anos.

“A família que não tiver o cadastro atualizado a cada dois anos automaticamente tem o benefício cancelado e, mesmo com o benefício cancelado ela não atualizar, a família é excluída do programa”, completa Roberto Oliveira.  

No Piauí, 55 mil famílias estão com seus cadastros desatualizados no programa. Para regularizar a situação, os beneficiários devem procurar o Centro de Referência Social (Cras) mais próximo, portando documentos pessoais e comprovante de endereço para continuar a receber os recursos.  O Governo Federal informa que as pessoas que não ressarcirem o dinheiro ganho indevidamente através do programa ficam passíveis de restrições, como limitações para empréstimos bancários, financiamentos e aberturas de contas.

Piauí tem o 3º melhor desempenho do país em vendas no varejo

Piauí tem o 3º melhor desempenho do país em vendas no varejo

Segundo o IBGE, em outubro, o estado teve aumento de 1,7% nas vendas varejistas, mas resultado não significa aquecimento real do setor.

O IBGE divulgou nesta quarta-feira (11) a Pesquisa Mensal de Comércio, que mostra a evolução conjuntural do comércio varejista e de seus principais segmentos em todo o Brasil. Pelos dados apresentados, o Piauí apresentou um desempenho positivo neste setor, contabilizando o terceiro melhor resultado do país na taxa media nacional de vendas do varejo. 

Este segmento no Estado cresceu 1,7% em outubro, segundo o IBGE, ficando atrás somente dos Estados do Amapá, que registrou aumento de 2,4%; e da Paraíba, com aumento de 1,9%. 


Leia também: Em um mês, PI teve o maior recuo nas vendas do comércio do país 


O que chama atenção na pesquisa é que em outubro, o Piauí subiu uma posição no ranking nacional de desempenho do comércio varejista, mesmo possuindo um desempenho menor que o registrado em setembro. Naquele mês, o Estado teve um incremento de 2,6% nas vendas no varejo. Isso aconteceu porque todos os demais estados brasileiros tiveram uma queda no desempenho do setor, o que deu ao Piauí condições de subir uma posição no ranking.


Foto: O Dia

Já na comparação com outubro de 2018, a taxa de variação do volume do comércio varejista no estado se manteve estável em 0,0%, não apresentando melhoras significativas, mas também não apresentando pioras. 

Comércio varejista ampliado

A Pesquisa Mensal de Comércio do IBGE também traz um panorama a respeito das vendas no varejo ampliado, que inclui, além do varejo, atividades como vendas de veículos, motos e de material de construção. Neste setor, o desempenho do Piauí foi negativo, totalizando uma redução de 0,1% nas vendas do segmento.

Bazar do Piauí Center Modas promete aquecer economia

Bazar do Piauí Center Modas promete aquecer economia

São mais de 70 lojas com descontos de até 80%, desfiles, shows culturais e praça de alimentação.

Conhecido pela grande variedade em roupas, calçados e acessórios e pelo preço baixo, o Piauí Center Modas se prepara para realizar um mega bazar nos dias 20 e 21 de dezembro. A ação tem o objetivo de aquecer a economia, valorizar as empresas piauienses e incrementar a venda no período do Natal. O evento é patrocinado pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedet) o e da Coordenadoria de Comunicação. 

São mais de 70 lojas com descontos de até 80%, desfiles, shows culturais e praça de alimentação. A programação será das 9h às 20h e as vendas serão realizadas no atacado e no varejo. 


São mais de 70 lojas participando do bazar com descontos de até 80% - Foto: Arquivo O Dia

O Piauí Center Modas atrai vendedores do atacado de Teresina e do interior do estado, consolidando-se como um centro de distribuição das fábricas piauienses. O espaço é administrado pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento econômico e deve compor a carteira de Parcerias Público Privadas do estado a partir de janeiro de 2020, quando ocorrerá o processo de licitação. 

“O objetivo do Outlet Fashion Trends é divulgar as lojas que são uma extensão das fábricas do Piauí, incentivando a comercialização e o consumo produzidos aqui. Além disso, vai proporcionar que os consumidores comprem os nossos produtos com preços mais baixos e aumentem sua margem de lucro no momento da revenda”, destaca Suely Medeiros, representante da Sedet. 

Localizado no cruzamento das BRs-316 e 343, o Piauí Center Modas tem circulação de aproximadamente 15 mil veículos por dia.

10 de dezembro de 2019

Plataforma viabiliza trabalho voluntário em Teresina

Plataforma viabiliza trabalho voluntário em Teresina

O projeto pretende fazer uma ponte entre quem pode ajudar e quem precisa de ajuda

A Prefeitura de Teresina lança nesta quarta-feira (11), às 20h, no Parque da Cidadania, uma plataforma online de voluntariado para entidades governamentais e não governamentais da Capital. O projeto “Teresina Transforma” pretende fazer uma ponte entre quem pode ajudar e quem precisa de ajuda.

“O Teresina Transforma é uma grande corrente do bem. Essa plataforma vai cadastrar todos aqueles que querem prestar serviços voluntários às entidades que precisam desse engajamento cívico. Nós aderimos a esse movimento nacional que une pessoas a ações de voluntariado por meio dessa plataforma digital”, explica o secretário municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), Samuel Silveira.

Samuel Silveira. Foto: Elias Fontenele.

A plataforma que foi criada para Teresina foi baseada em uma inciativa desenvolvida pelo estado de Recife (PE), no ano de 2015, que levou a capital pernambucana ao título de mais solidária do mundo, segundo a Organização das Nações Unida (ONU).

“O que nós queremos é permitir que as pessoas tenham acesso a essa facilidade de chegar a uma entidade que precisa receber um determinado trabalho voluntário”, completa Samuel Silveira.

Segundo a coordenadora do Teresina Transforma, Débora Ferraz, a partir do lançamento do programa, os voluntários poderão se cadastrar na plataforma para dar início aos trabalhos.

“Essa plataforma é simples. Você entra nela buscando por Teresina Transforma no Google e lá terá a opção de cadastro. Nele, as pessoas poderão colocar as suas características para as funções que desejam exercer na entidade, no tempo em que estiver disponível”, acrescenta.

Dentre os serviços que poderão ser prestados estão ações emergenciais, de combate à pobreza, igualdade de gênero, proteção animal, refugiados, saúde dentre outros. Em relação às instituições levantadas que podem receber voluntários estão Organizações Não Governamentais (ONGs), governamentais, escolas, igrejas e cidadãos que possuem um projeto com engajamento social operantes na cidade.

Servidores do TJ-PI são condenados por fraude em registro de imóveis 

Servidores do TJ-PI são condenados por fraude em registro de imóveis 

Os dois condenados se apropriaram de valores pagos para registro de imóveis e não realizavam o procedimento

A Justiça condenou à prisão e perda do cargo dois servidores do Tribunal de Justiça do Piauí lotados na Comarca de Barras, distante 150 km de Teresina, pelo crime de peculato. Os dois condenados atuavam como analistas judicias no registro de imóveis no Fórum local.

Maria da Conceição Cardoso Sousa foi condenada a 11 anos e 8 meses de prisão, enquanto Luís Cândido Brito Nogueira a 5 anos e 4 meses de prisão; ambos foram condenados ainda a perda do cargo.

Segundo a denúncia da 1ª Promotoria de Barras, Maria da Conceição e Luís Cândido fraudavam o registro de imóveis. Eles fingiam que realizam o procedimento, quando na verdade não chegavam a finalizar o processo. Os servidores recolhiam os valores cobrados para o registro, contudo, não repassavam para o Fundo de Reaparelhamento e Modernização do Poder Judiciário. Para concretizar a fraude, os dois condenados emitiam certidões para simular a realização do registro do imóvel.

“Os analistas judiciais, no desempenho das funções do ofício de registro de imóveis, se apropriavam de valores que deveriam ser recolhidos ao Fundo de Reaparelhamento e Modernização do Poder Judiciário - FERMOJUPI e que foram pagos por pessoas interessadas em registrar seus imóveis. Foram emitidas certidões falsas, simulação notarial, gerando nos interessados a impressão de que os atos registrais foram efetivados”, constatou o Ministério Público.

Foto: Reprodução


Empresas: estacionamento privativo deve seguir regras da prefeitura

Empresas: estacionamento privativo deve seguir regras da prefeitura

Qualquer intervenção desta natureza deve estar de acordo com o Código Municipal de Obras e a Lei das Calçadas em vigor em Teresina

Moradores do bairro Dirceu Arcoverde, na zona Sudeste de Teresina, procuraram a reportagem de O DIA denunciando a pintura de garagem privativa de um estabelecimento localizado na região. Segundo um morador, que não quis se identificar, o local chamou sua atenção pois, na rua, há uma escola e o trafego de veículos e crianças é intenso; enquanto a pintura delimita boa parte da via. 

“Eu achei que não era certo e na rua tem uma escola, por isso queria saber se a lei permite, é estranho. Já pensou se todo mundo fizer um estacionamento particular em frente à sua casa? No local, sempre está cheio de carro e moto e ainda colocaram cone”, descreve o morador.

Todavia, conforme o Código de Trânsito Brasileiro, estabelecido pela Lei Nº 9.503, de 23 de setembro de 1997, as vagas de garagem com recuo e paralelas à via não podem ser caracterizadas como privativas. E o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) reforça, no Art. 6º da Resolução 302/2008, que “fica vedado destinar parte da via para estacionamento privativo de qualquer veículo em situações de uso não previstas nesta resolução”.


Leitor questiona se pintura de garagem é regular, pois estaria atrapalhando o trânsito no Dirceu - Foto: Arquivo Pessoal

Desta forma, o diretor de Trânsito e Sistema Viário da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), José Falcão, destaca que, nas calçadas, também é proibido qualquer tipo de obstáculo ao pedestre e que qualquer pintura de estacionamento nas vias públicas é passível de notificação.

“Primeiramente, o empreendimento tem que seguir o Código Municipal de Obras e a Lei das Calçadas, que estabelece os locais para estacionar os veículos e todas as regras. Se o empreendimento tem um terreno vasto, ele pode ter mais vagas do que delimitada no Código Municipal de Obras. Já pintura indevida na via, é caso de notificação por parte da SDU e é passível de ser removida e o empreendimento multado”, explica José Falcão.

Como denunciar

Ainda segundo a Strans, a população pode enviar denúncias referentes a estacionamentos irregulares por meio do aplicativo Colab ou entrando em contato com a ouvidoria da Strans pelo número 0800 086 3122. Assim, essas demandas podem ser repassadas para as SDUs de cada região.

“A Strans informa que sua competência é notificar e multar condutores. Já a notificação de estabelecimentos, residências e demais propriedades privadas é de competência das SDUs”, informa. 

A equipe do Jornal O DIA entrou em contato com a empreendimento citado pelo morador no início dessa reportagem, mas as ligações não foram atendidas. 

Teresina registra 448 novos casos de HIV/Aids

Teresina registra 448 novos casos de HIV/Aids

Dados foram divulgados pela FMS. Pacientes da Capital têm acesso a consultas, exames e medicamentos gratuitamentepessoa

Teresina registrou 448 novos casos de HIV/Aids, entre janeiro e novembro de 2019, segundo o Sistema de Informação de Agravos de Notificação Compulsória do Ministério da Saúde. Para dar assistência às pessoas acometidas por esse agravo, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) mantém o Serviço de Atendimento Especializado (SAE), que oferta consultas, exames e medicamentos gratuitamente.


Leia também: Em pouco mais de 10 anos, Piauí registra 1.898 casos de HIV 


O médico infectologista Walfrido Salmito relembra que a Aids é causada pelo vírus HIV, que é transmitido, geralmente, por contato sexual desprotegido com a pessoa contaminada. “Essa doença compromete a imunidade da pessoa. O ideal é que o diagnóstico ocorra antes de surgir doenças oportunistas, que aparecem quando o sistema está imunologicamente enfraquecido”.

Ter o vírus HIV não significa ter a doença Aids. “Se a pessoa tiver o vírus e fizer o tratamento, o seu caso não evolui para a doença. Outro detalhe importante é que o tratamento permanente deixa indetectável a carga viral (taxa de vírus circulando no sangue), de modo que a pessoa infectada diminui a possibilidade de transmissão do vírus através do ato sexual”, ressalta a enfermeira Roseane Nadler.


Foto: 

O presidente da FMS, Charles Silveira, reforça que a AIDS não tem cura, mas tem tratamento eficaz no SAE. “O nosso serviço tem equipe multiprofissional, oferta medicamentos que só são disponibilizados gratuitamente na nossa rede e não estão nas prateleiras das farmácias para compra, e, ainda realiza exames para monitorar a taxa de carga viral e a imunidade da pessoa”.

O SAE fica no Centro de Saúde Lineu Araújo, Centro Sul. Para ter acesso, o usuário que tiver diagnóstico positivo de HIV/Aids e se for residente em Teresina, basta se dirigir ao local. “É um serviço completo, que tem dado uma resposta satisfatória ao povo da capital e melhorado a qualidade de vida de centenas de pessoas”, finaliza o presidente.

Distribuição de preservativos 

A FMS realiza a distribuição gratuita de preservativos e gel lubrificantes à população. Para ter acesso, basta se dirigir aos estabelecimentos de saúde de Teresina (Unidades Básicas de Saúde e Hospitais). “O uso da camisinha é o meio mais eficaz de proteção contra Infecções Sexualmente Transmissíveis e também contra uma gravidez indesejada”, afirma o diretor de Atenção Básica Francisco Pádua.

Outras formas de prevenção são a Profilaxia Pós- Exposição (PEP), uma medida de urgência que protege apenas contra o vírus HIV e que pode ser usada em até 72 horas após uma relação sexual desprotegida ou em qualquer outra situação de risco. E a Profilaxia Pré-Exposição (PREP), medicação para uso diário pela população-chave, como profissionais do sexo e casais sorodiferentes. “Ambas estão disponíveis no CTA e no Natan Portela”, conta Alana Niege.

Pessoas que têm vida sexual ativa devem realizar o teste rápido de HIV

Todas as pessoas que têm vida sexual ativa devem realizar o teste rápido de HIV. “Esse teste é fundamental para que o cidadão descubra se tem ou não o HIV. Havendo resultado positivo, o tratamento regular vai garantir melhor qualidade de vida”, alerta a chefe de núcleo de IST da FMS, Alana Niege.

Em Teresina, os testes rápidos para diagnóstico de Infecções Sexualmente Transmissíveis podem ser feito no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), localizado na Rua 24 de Janeiro, nº 124, no centro. “Estamos expandindo esse serviço para as nossas Unidades Básicas de Saúde espalhadas pela cidade”, finaliza Alana.

09 de dezembro de 2019

Concurso diminuiria déficit da previdência no Piauí

Concurso diminuiria déficit da previdência no Piauí

O advogado explica que o grande número de terceirizados e comissionados prejudica o regime próprio de previdência do Piauí

A decisão do desembargador Raimundo Nonato Alencar Costa, que suspendeu a tramitação do Projeto de Emenda à Constituição (PEC) da reforma da previdência dos servidores do estado na Assembleia Legislativa do Piauí, é defendida pelo advogado especialista em direito previdenciário Marcos Marciel.

Ele sustenta que um projeto que vai impactar muito na vida das pessoas envolvidas deve ser melhor discutido com as categorias. O especialista afirma que mesmo tento uma grande maioria no legislativo, o governo não pode tentar aprovar a medida sem ouvir as entidades de classes.


“É inaceitável ser uma tramitação tão célere. Tem que haver um debate com os servidores sobre essa reforma de uma forma mais ampla. Na realidade, não houve um debate. O governo tem a maioria esmagadora. Mas não é porque tem a maioria que vai aprovar qualquer coisa. Deve ter a participação efetiva dos servidores”, afirmou.

Entre as justificativas para a aprovação da reforma, o governo apresenta o déficit de R$ 80 milhões por mês no regime próprio, valor que poderia estar sendo aplicado em investimentos.  Contudo, o especialista questiona os dados oficiais. Para ele, o déficit na previdência vai depender da metodologia que é utilizada para calcular o prejuízo.

Advogado Marcos Marciel defende que a reforma deve ser amplamente debatida com as classes (Foto: Elias Fontinele / O DIA)

O advogado defende que há outras formas de diminuir déficit que não seja medidas tão rigorosas para os trabalhadores. A realização de concurso público para todas as áreas do serviço público estadual é uma alternativa apontada por Marciel, uma vez que a contribuição de terceirizados e comissionados não ficam no regime próprio de previdência do Piauí.

“Qual é a nossa quantidade real de terceirizados que o Estado ao invés de pagar para o regime próprio está pagando para o regime geral? Com a realização de concurso público para novos servidores que irão contribuir para o regime próprio se sanariam esse possível déficit. O problema é que há um grande número de terceirizados e comissionados que a contribuição vai para o regime geral”, explica.

Marcos questiona também o fato dos servidores do estado continuarem contribuindo para a previdência mesmo depois da aposentadoria. “Nosso sistema é solidário. Você contribui para o sistema que vai beneficiar você quando não estiver mais contribuindo. Só que no Piauí continua sempre contribuindo mesmo sendo aposentado”, pontua.

A reforma da previdência chegou a Alepi com o pedido de tramitação de urgência. O requerimento foi aprovado, o que permitiria a PEC ser votada ainda este ano antes do recesso parlamentar. Porém, no final de semana passado, o Tribunal de Justiça do Piauí suspendeu a urgência na tramitação do projeto. A Procuradoria da Assembleia Legislativa recorreu da decisão.  

13º salário do Bolsa Família deverá beneficiar 444 mil famílias no Piauí

13º salário do Bolsa Família deverá beneficiar 444 mil famílias no Piauí

Pagamento ocorre de forma gradativa a partir desta terça-feira (10). A folha de pagamento no estado chega a R$ 188 milhões.

O pagamento do 13º salário para beneficiários do programa Bolsa Família no Piauí começa a ser pago nesta terça-feira (10). Segundo o coordenador estadual do programa, Roberto Oliveira, 444 mil famílias serão beneficiadas no Piauí – o valor da folha no estado chega a R$ 188 milhões (pagamento de dezembro mais o 13º). Essa é a primeira vez que medida é implantada no país.


Coordenador estadual do Programa Bolsa Família, Roberto Oliveira. Foto: Elias Fontenele.

“O pagamento vai acontecer de forma gradativa. A partir desta terça-feira (10), nós teremos o início da folha de pagamento do mês de dezembro que segue durante dez dias, respeitando o final do NIS (Número de Identificação Social). A pessoa tem um cartão do Bolsa Família similar ao da Previdência Social e ela deverá observar a data de recebimento conforme o final do NIS”, explicou Roberto Oliveira.

Essa é a primeira vez que o 13º, também conhecido como auxílio natalino, será pago para beneficiários do programa.  

“Essa é a primeira que será pago para as famílias e é importante que as pessoas saibam que o valor neste mês será dobrado. Se ela recebia até o mês de novembro R$ 100, ela vai receber somente em dezembro R$ 200. Então isso de certa forma é importante para evitar com que as pessoas saquem um valor menor que está previsto para ela neste mês”, disse Roberto.

O Bolsa Família atende e é destinado às famílias que vivem em situação de extrema pobreza, com renda per capita de até R$ 89 mensais; e pobreza, com renda entre R$ 89,01 e R$ 178,00 mensais. Portanto, é necessário que o cadastro no programa esteja atualizado para que seja possível realizar o saque do benefício.

Programa Bolsa Família é destinado para pessoas de baixa renda. Foto: Jailson Soares.

Interessados em receber o Bolsa Família devem se inscrever no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. O registro pode ser feito nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) ou na gestão municipal do Bolsa Família e do Cadastro Único.

Golpes no programa por meio das redes sociais

Roberto explica que quando foi divulgado que famílias do programa seriam beneficiadas pelo pagamento do 13º, criminosos passaram a solicitar informações das famílias através das redes sociais na tentativa de aplicar golpes. No entanto, segundo ele, o Governo Federal não solicita informações dos beneficiários e, que o pagamento do auxílio, acontece de forma automática.

“Essas pessoas de má fé passaram a bombardear pessoas do Bolsa Família solicitando informações. O Governo Federal informa aos beneficiários para não passar informações por Whatsapp, Facebook ou qualquer outra rede social. O Governo não vai solicitar nenhuma informação no que diz respeito ao pagamento do 13º salário. Então, iremos fazer o pagamento de forma automática para todas as famílias que estiverem com os benefícios liberadores”, explicou.

Lojas do Centro e bairro funcionam até às 18h no fim de semana

Lojas do Centro e bairro funcionam até às 18h no fim de semana

Horário será diferenciado para melhoras os atendimento e as vendas em razão do período natalino.

Em virtude do período natalino, as lojas do Centro de Teresina e bairros irão funcionar em horário diferenciado. Nos dias 14 e 15, sábado e domingo, respectivamente, o comércio funcionará até às 18h.

Luiz Antônio Veloso, tesoureiro do Sindicato dos Lojistas do Comércio do Estado do Piauí (Sindilojas/PI), explica que a proposta é melhorar as vendas das lojas e facilitar para que a população, especialmente quem trabalha durante toda a semana.

“É uma oportunidade das pessoas terem mais tempo, principalmente quem não pode durante a semana por conta do trabalho, então as pessoas poderão ire ao centro, visitar as lojas e conhecer os produtos que são variados e mais em conta. Até o estacionamento acaba sendo mais em conta, já que não tem muitos veículos no centro”, comenta.


Foto: O Dia

No domingo, dia 22, as lojas também funcionarão às 18h. As lojas do Teresina Shopping funcionam normalmente no dia 14, já no dia 15 de dezembro, o Espaço Família funcionará das 10h às 20h. As lojas satélites funcionarão das 10h às 20h; as âncoras e mega lojas abrem das 10h às 21h.

O Hiperbompreço funcionará 8h às 22h; as lojas de alimentação e parque abrem das 10h às 22h; as cafeterias poderão funcionar das 10h às 22h; os cinemas têm aberturara das bilheterias às 10h e a Smart Fit funcionará das 9h às 15h.

Ônibus capota deixando duas pessoas mortas e 14 feridos na BR-135

Ônibus capota deixando duas pessoas mortas e 14 feridos na BR-135

Veículo pertence à viação Princesa do Sul. Motorista teria perdido o controle da direção, mas PRF ainda não sabe as causas do acidente.

Um grave acidente ocorrido na madrugada desta segunda-feira (09) deixou pelo menos duas pessoas mortas e 14 feridos na BR-135, popularmente conhecida como “Rodovia da Morte”. Um ônibus de transporte de passageiros que levava 36 pessoas capotou por volta das 3h20min, indo parar no acostamento da rodovia, próximo à cidade de Bertolínia.

De acordo com a PRF, o veículo tinha partido de Teresina e seguia para a cidade de Uruçuí quando o motorista teria perdido o controle. O condutor do veículo tem 38 anos e sofreu ferimento leves. Quando a polícia chegou ao local do acidente, ele já não se encontrava. O ônibus pertence à empresa Princesa do Sul.


Ônibus capota deixando duas pessoas mortas e 14 feridos na BR-135 - Foto: Divulgação/PRF-PI

Uma das passageiras do ônibus era a capitão Diana Paula da Silva, da Polícia Militar do Piauí. Em um áudio gravado por aplicativo de mensagem, ela conta que haviam várias pessoas feridas e muitas delas presas às ferragens. “Eu estou muito machucada também, estou sangrando, mas tem pessoas presas, tem criança presa”, conta.

A capitã disse ainda que tentou contatar o 190, mas que ninguém atendia. Alguns passageiros, segundo ela, foram levados para o Hospital de Bertolínia e outros para o Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano.

A PRF está procedendo com a perícia no local, mas até o momento não se tem informações sobre o que teria causado o acidente.

MPE instaurou 3.622 procedimentos contra a corrupção em entes públicos

Processos envolvem ações por improbidade administrativa no Piauí, desvio de recursos públicos, fraudes em licitações e danos ao erário estadual e municipal.

Neste dia 09 de dezembro se comemora o Dia Internacional de Combate à Corrupção e em alusão à data, os órgãos que compõem a Rede de Controle do Piauí realizaram uma série de atos para conscientizar a população sobre a importância da fiscalização dos atos do poder público. Observar de perto a administração pública se torna ainda mais necessário quando se observa a quantidade procedimentos abertos pelos entes ministeriais relacionados a desvios de recursos e danos ao erário público.

Nos últimos quatro anos (de 2016 até este ano), o Ministério Público Estadual do Piauí (MPE) instaurou 3.622 procedimentos relacionados a corrupção. Destes, 852 se tornaram ações por improbidade administrativa e 1.425 foram resolvidos sem a necessidade de ajuizar ações por improbidade, mediante acordos e termos de ajustamento de conduta com os gestores.

Neste mesmo período, o Grupo Interinstitucional de Combate aos Crimes Contra a Ordem Tributária (Grincot), vinculado ao MPE, no recuperou efetivamente, no trabalho de combate à sonegação fiscal, cerca de R$ 45 milhões para os cofres públicos estaduais e R$ 5 milhões para os cofres públicos municipais. 


Ações da Rede de Controle ocorreram em alusão ao Dia Internacional de Combate à Corrupção - Foto: Assis Fernandes/O Dia

Outros R$ 40,2 milhões em bens encontram-se bloqueados pela justiça piauiense em ações e condenações no âmbito do Gaeco (Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado), também vinculado ao MPE.  Após o trânsito em julgado dos processos, este montante poderá retornar aos cofres públicos.

Os dados foram fornecidos pelo promotor Cinobilino Pinheiro, coordenador das Promotorias Criminais do Ministério Público do Piauí (Caocrin). De acordo com ele, os números refletem o quanto a corrupção encontra-se enraizada na sociedade piauiense e brasileira, como um todo, e justifica a importância da atuação em rede no combate a este tipo de crime.

“A nossa luta como instituições de fiscalização é que isso não venha a se tornar uma corrupção sistêmica dentro da administração pública, que é quem tem que dar exemplo de como gerir os recursos públicos. E essas práticas de corrupção trazem um dano imenso a toda a máquina administrativa, refletindo na sociedade que fica sem serviços básicos como medicamentos, transporte escolar, sem professor nas escolas, sem médicos. Isso tudo é fruto da má gestão e também da prática de corrupção”, pontua o promotor.


Promotor Cinobilino Pinheiro, coordenador das Promotorias Criminais do Ministério Público do Piauí - Foto: Assis Fernandes/O Dia

Quem também reforça essa ideia da má gestão pública como um dos principais fatores que contribuem para a prática de corrupção é a procuradora-geral de Justiça do Estado, Carmelina Moura. Enquanto chefe do Ministério Público Estadual, ela destaca que muitas vezes é uma carência e desorganização administrativa em alguns órgãos que propicia o desvio e a má aplicação dos recursos. 

“Esse fortalecimento inclusive da governança administrativa em todos os seus níveis, juntamente com a transparência sobre o que entra de recurso e como ele é aplicado, é fundamental para garantir que haja lisura na gestão. E é essa justamente a função da Rede de Controle. Saber como os gestores utilizam os recursos e garantir a legalidade na aplicação”, explica Carmelina.


Carmelina Moura, procuradora-geral de Justiça do Estado - Foto: Assis Fernandes/O Dia

“A corrupção corrói o futuro da sociedade”

Integrante da Rede de Controle do Piauí, o Ministério Público Federal do Estado (MPF) também se fez presente nas ações de combate à corrupção deste dia 09. A intenção, de acordo com órgão, é quebrar um ciclo vicioso que se instala na sociedade a partir do desvio de recursos e de fraudes nos atos públicos.

Durante o ano de 2018, o MPF contabilizou 67 sentenças na área de improbidade administrativa no Piauí. Foram restituídos aos cofres públicos por meio destas ações algo em torno de R$ 5,5 milhões. Pelo menos 47,5% dessas sentenças foram relativas a recursos desviados na área da educação e outros 20% relativas a recursos desviados na área da saúde.

Segundo o procurador-geral da República no Piauí, Israel Silva, a quantidade de processos relativos à educação revela o quanto a prática da corrupção pode ser danosa. “A corrupção corrói o futuro da sociedade, porque é através da educação que nos tornamos cidadão melhores. Mas quando a corrupção tira essa possibilidade de melhoria efetiva na vida das pessoas, ela tende a se autor-replicar”, explica Israel.


A Rede de Controle do Piauí é formada por 14 órgãos de fiscalização - Foto: Assis Fernandes/O Dia

É que, conforme o procurador, desviar recursos de áreas como a educação evita que o cidadão tenha uma boa formação e se torne autônomo, que possa ter maior consciência, =o que termina abrindo um ciclo vicioso o qual a própria sociedade precisar quebrar.

Operações

Só este na no Piauí, a Rede de Controle deflagrou pelo menos oito operações integradas para combater fraudes em licitações, desvios de verbas, sonegação e demais danos ao erário público causado por gestores e servidores das administrações municipais e estadual. 

Dentre elas destacaram-se a Operação Poço Sem Fundo, que investigou fraudes na construção de poços para distribuição de água em Brejo do Piauí; a Operação Lixo de Ouro, por fraudes na licitação da coleta de lixo em Guadalupe; a Operação Peloponeso, que investigou o favorecimento de clínicas e hospitais particulares pelo poder público em Picos; a Operação Dom Casmurro, que investigou fraudes na realização de concursos públicos no Estado e, mais recentemente, a Operação Bacuri, que culminou na prisão do prefeito de Bertolínia e de mais nove pessoas por desvio de recursos.

08 de dezembro de 2019

Pi : pagamento do abono do Bolsa Família injetará R$ 94 milhões

Pi : pagamento do abono do Bolsa Família injetará R$ 94 milhões

Ao todo, 444 mil famílias do Estado receberão o benefício que começa a ser pago a partir da próxima terça-feira e segue até o dia 23.

Será liberado a partir da terça-feira (10) em todo o Brasil o pagamento do abono natalino do Programa Bolsa Família. Este ano, o benefício será pago junto com a parcela referente ao mês de dezembro. Aqui no Piauí, 444 mil famílias deverão receber o benefício. O montante destinado ao Estado é de R$ 94 milhões. Os números foram repassados pela Coordenação Estadual do Bolsa Família. De alcance nacional, o abono natalino injetará na economia do país R$ 2,5 bilhões


Leia também: Coordenação estadual do Bolsa Família alerta para golpe do 13º do benefício


O coordenador do Bolsa Família no Piauí, Roberto Oliveira, explica quem tem direito de receber o abono: “todas as famílias beneficiárias presentes na folha de dezembro, com benefícios liberados e bloqueados. Isso significa que as famílias com benefícios suspensos ou cancelados neste mês não terão direito o abono natalino”.

Roberto ressalta que o abono tem o mesmo valor da parcela do Bolsa Família de dezembro. Os pagamentos começam na terça (10) e seguem até o dia 23, sendo feito de acordo com o final do Número de Identificação Social (NIS) do responsável familiar. O abono tem validade de 90 dias, a contar da data inicial de disponibilização.


Pagamento do abono do Bolsa Família injetará R$ 94 milhões no Piauí - Foto: Assis Fernandes/O Dia

Como sacar

Como é pago junto com a parcela de dezembro do programa, o abono natalino pode ser sacado com o Cartão Bolsa Família, Cartão Cidadão ou guia de pagamento, caso a família esteja sem o cartão. O saque pode ser realizado nas agências lotéricas, caixas eletrônicos ou agências da Caixas e Correspondentes Caixa Aqui.

Se a família recebe o Bolsa Família por depósito em conta bancária, o abono natalino também será depositado na mesma conta.

As famílias com benefício liberado ou bloqueado receberão uma mensagem específica no extrato com as informações sobre o pagamento do abono natalino. A coordenação estadual do Bolsa Família pede que os beneficiários não acessem qualquer outro tipo de canal de informação, como links ou mensagens em redes sociais, uma vez que estes eles não são canais oficiais do Governo.

Promoção ‘Consultório Bar’ segue até o dia 27 de dezembro na FM O Dia

Promoção ‘Consultório Bar’ segue até o dia 27 de dezembro na FM O Dia

Para participar, basta dizer o nome da música da Micarla, deixar telefone, nome e RG. O sortudo ganhará um vale consumação no restaurante Dom Nelore.

A promoção ‘Consultório Bar’, em parceira com a FM O Dia e a cantora Micarla segue até o dia 27 de dezembro. Para participar é muito simples, basta o ouvinte entrar em contato com a Rádio FM O Dia, através do WhatsApp (86) 3333-3333, dizer o nome da música da Micarla que está tocando, deixar telefone, nome e RG, e pronto, já está participando. 

O sortudo irá ganhar um vale consumação no restaurante Dom Nelore, tudo pago pela Micarla. Kleyton Correia, diretor da Rádio FM O Dia, enfatiza a importância da participação do ouvinte. “Todo mundo pode participar, basta entrar em contato com a gente pelo whatsapp da rádio e concorrer ao vale consumação de R$ 400”, conta. 

A cantora Micarla contou um pouco do que se trata a música. “A letra fala de uma pessoa desiludida procurando uma solução para o coração partido, então ela foi ao bar e consultou o garçom, que ofereceu a melhor bebida que pudesse curar a recaída e bebeu até curar essa dor”, cita. 


A promoção encerra no dia 27 de dezembro ao meio dia e o resultado será divulgado ao vivo na FM O Dia. A produção da FM O DIA entrará em contato com o ganhador e combinará a entrega da premiação. O vale consumação deve ser utilizado até 15 dias após o resultado. 

Micarla começou a cantar profissionalmente aos 13 anos e já passou diversos ritmos musicais, como o forró, MPB e agora o sertanejo. A cantora tem se destacado e agora emplaca mais um hit ‘Consultório Bar’. “Essa música está fazendo sucesso e sendo bem aceita, tocando em todas as rádios, onde já estamos com mais de 70 mil plays em redes sociais, então vale a pena conferir”, conclui.

Coordenação estadual do Bolsa Família alerta para golpe do 13º

Coordenação estadual do Bolsa Família alerta para golpe do 13º

Banner que circula nas redes sociais e aplicativos de mensagens pedindo para fazer inscrição e garantir o recebimento do benefício é falso. Ministério pede que as pessoas não cliquem em links.

A coordenação estadual do Programa Bolsa Família no Piauí desmentiu a informação que circula pelas redes sociais de que o governo abriu inscrições para quem vai receber a 13ª parcela do benefício. O coordenador do programa, Roberto Oliveira, informou que a parcela será paga neste mês de dezembro a todos os beneficiários, sem necessidade de inscrição.

“Esse banner que pede para que a pessoa preencha um questionário antes de prosseguir com a inscrição é falso e a própria Secretaria do Desenvolvimento Social já esclareceu que se trata de uma fake news. O beneficiário não precisa se inscrever em nada e nem consultar se tem direito ao benefício”, explica Roberto.


Foto: Agência Senado

O Ministério da Cidadania, ao qual a Secretaria Especial de Desenvolvimento Social é vinculada, pede para que os beneficiários tenham cuidado ao receber a mensagem e não cliquem em nenhum link que venha junto. Importante lembrar que o órgão possui canais oficiais de informação e links em redes sociais e aplicativos de mensagens não é um deles.

13º do Bolsa Família

Em outubro passado, o presidente Jair Bolsonaro assinou uma Medida Provisória que prevê o pagamento da 13º parcela do Bolsa Família a todos os beneficiários do programa. Esse pagamento acontece agora, neste mês de dezembro e seguirá o calendário normal do benefício, que é feito de acordo com o último dígito do Número de Identificação Social. 

07 de dezembro de 2019

Polícia Civil do Piauí prendeu 74 pessoas em seis dias

Polícia Civil do Piauí prendeu 74 pessoas em seis dias

As prisões aconteceram após o cumprimento de mandados judiciais para tirar de circulação pessoas envolvidas em práticas criminosas em todo o Estado.

Somente nos seis primeiros dias do mês de dezembro a Polícia Civil do Piauí prendeu 74 pessoas. As prisões aconteceram após o cumprimento de mandados judiciais para tirar de circulação pessoas envolvidas em práticas criminosas em todo o Estado. 

No dia 02 de dezembro, o Grupo de Repressão ao Crime Organizado deflagrou a Operação Dictum.  Que prendeu agentes públicos investigados por tráfico de drogas, homicídios e roubos, os envolvidos eram policiais militares e um polícia civil - foi denominada de 

Já em 04 de dezembro, a Polinter reuniu mais de cem policiais civis para deflagrar a operação Apocalipse,  que tirou de circulação 35 pessoas envolvidas com roubo e furtos de veículos e adulterações e fraudes documentais. 

Delegado Luccy Keiko. Foto: Assis Fernandes. 

Nesta sexta-feira, 06, uma operação na cidade de Barras prendeu 17 pessoas envolvidas em diversos crimes, dentre eles tráfico de drogas e roubos. Participaram das diligências mais de 50 policiais, como investigadores da Gerência de Polícia Especializada. A operação contou com o apoio da Policia Rodoviária Federal (PRF). Como conta o Delegado Geral Luccy Keiko Leal Paraíba. 

"Foram 74 prisões realizadas exclusivamente em operações da polícia civil, cujo trabalho cada dia tem sido motivo de orgulho para nossa Instituição e nossas famílias. Estamos trabalhando incessantemente, em todo o Estado, para investigar, localizar e prender pessoas envolvidas no cometimento de crimes. Queremos encerrar o ano de 2019 com a certeza que fizemos um grande trabalho, para ser repetido e aprimorado em 2020", explica.

Crianças atletas: esporte faz bem para o corpo e é muito divertido

Crianças atletas: esporte faz bem para o corpo e é muito divertido

Muitos levam tão a sério que se tornam mini-atletas.

Criança adora correr, brincar e praticar esporte. Muitos levam tão a sério que se tornam mini-atletas. O pequeno Benjamin Tajra Fonteles Oliveira (5) coleciona 15 medalhas das competições de judô, corrida e futebol que já participou, além de já ter praticado capoeira.

“Eu já fiz capoeira, mas sai. Agora eu só faço judô e futebol. Eu faço muitos esportes porque acho legal. Aprendi várias coisas, gosto muito e quero continuar fazendo todos esses esportes”, fala.

Benjamin conta que foi incentivado pela mãe, pelo pai e avó. “Eles disseram que é bom praticar esporte para o corpo, porque a gente fica mais forte e porque é divertido. Eu faço esporte com meus colegas da escolinha, e eles são divertidos”, acrescenta.

Benjamin Tajra. Foto: Assis Fernandes. 

Já a pequena Ana Teresa Campos Ferreira Neves (6) gosta muito de jogar basquete, vôlei, futebol e dançar balé, especialmente se for com as primas. Na escola, ela não perde um dia de Educação Física e conta que foi incentivada pela mãe a praticar diversos esportes.

Ana Teresa. Foto: Assis Fernandes. 

“Faço esporte desde os três anos, minha mãe que me colocava para fazer. Gosto de brincar com minhas irmãs, prima, amigos, e quando estamos de férias fazemos todos os esportes e também adoramos correr. Na minha casa tem uma quadra e dá para joga basquete; já o vôlei eu jogo no clube. Fazer esporte é muito legal e que eu amo. É muito bom porque me deixa feliz e eu gasto energia”, explica a menina.

06 de dezembro de 2019

Teresina recebe curso de voz e recursos terapêuticos para profissionais da fala

Teresina recebe curso de voz e recursos terapêuticos para profissionais da fala

O curso, ministrado pela Fonoaudiológica e Vocal Coah, Janaína Pimenta, será realizado no Gran Hotel Arrey, a partir das 18h e segue até amanhã.

Teresina recebe nesta sexta-feira (06) um workshop de voz profissional e recursos terapêuticos. O curso, ministrado pela Fonoaudiológica e Vocal Coah, Janaína Pimenta, será realizado no Gran Hotel Arrey, a partir das 18h e segue até amanhã. Entre as técnicas abordadas no curso estão os modernos recursos terapêuticos para fonoaudiólogos, como lidar com a oratória, cuidados com a voz e pronuncia aplicando a técnica da silabação. O curso é voltado tanto para profissionais da voz como para aqueles que trabalham com ela.

O público alvo do workshop são fonoaudiólogos, cantores, professores, pastores, palestrantes, advogados, repórteres, radialista e demais profissionais que utilizam a voz como ferramenta de trabalho. Ao final do curso, será entregue um certificado aos participantes.

A palestrante Janaína Pimenta conta que os profissionais precisam compreender que a voz é um instrumento de trabalho. Portanto, é preciso conhecê-la, pois essa ferramenta natural está a disposição dele.

Janaína Pimenta. Foto: Elias Fontenele.

“Tem várias coisas que são treinadas e, consequentemente, aprendidas. Os profissionais precisam ter conhecimento sobre essa área que faz total diferença na vida deles. Dos cuidados com a voz, de por exemplo, beber mais água, evitar o excesso de alimentos como café, frituras, cigarros, porque tudo isso influencia. São esses e vários outros pontos que serão trabalhados durante esses dois dias.  

Sobre a palestrante

Com 20 anos de experiência como vocal coach, Janaína Pimenta faz parte da rotina de grandes vozes da música brasileira como Ivete Sangalo, Milton Nascimento , César Menotti & Fabiano, Victor e Léo, Nívea Soares, Aline Barros, Chico Buarque, Ney Matogrosso, Gilberto Gil e vários outros cantores da música brasileira

Janaína desenvolveu uma técnica exclusiva de cuidado vocal utilizando a termoterapia, tema do seu livro “O quente e o frio da voz”. A obra é a colheita de um trabalho embasado em pesquisas e conta como  a técnica é uma ferramenta poderosa e saudavel para o cuidado vocal.

Para maiores informações basta ligar para no seguinte número: (086) 9 9415-8517.

Conselho retira pedido de interdição da Penitenciária de Parnaíba

Conselho retira pedido de interdição da Penitenciária de Parnaíba

A vistoria realizada na época constatou precariedade na estrutura com problemas em vários setores da unidade prisional.

O Conselho Penitenciário do Ministério Público Federal revogou o pedido que havia feito em fevereiro desse ano para interditar a Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina, na cidade de Parnaíba. A vistoria realizada na época constatou precariedade na estrutura com problemas em vários setores da unidade prisional.

Em nova inspeção, representantes do Conselho avaliaram que as condições na penitenciária melhoraram. Para o relator do Conselho Penitenciário, José Rômulo Plácido, as melhorias realizadas no local são suficientes para o bom funcionamento e a segurança de detentos agentes. 


“Quando a gente fez a inspeção em fevereiro, constatamos condições de calamidade. No entanto, a Secretaria de Justiça está fazendo reformas na unidade e aconteceram melhorias nas celas, nas instalações hidráulicas, e as condições melhoraram, equiparando-se aos outros presídios do sistema prisional”, disse

Os serviços que são realizados pelos próprios detentos já reformaram duas alas da penitenciária. O secretário de Justiça do Piauí, Carlos Edilson, concorda que as melhorias ainda não alcançaram o ideal, mas garante que os avanços já melhoram a rotina da unidade. 

“Estamos evoluindo. É claro que ainda não é o ideal, mas estamos buscando mudar a situação de Parnaíba. Atualmente, cerca de 50 presos trabalham, diariamente, na reforma das estruturas da unidade. A unidade, hoje, também está com novos protocolos, que vão desde o acesso à unidade aos procedimentos nos corredores”, pontuou o gestor.

Detento encontrado morto

Na madrugada da última quinta-feira (5), um detento identificado como Antonio Alberto Araujo de Melo foi encontrado morto na Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina . Ele era suspeito de agredir um idoso de 60 com golpes de uma barra de ferro na cabeça. A Secretaria de Justiça informou que vai instaurar um processo administrativo para investigar o caso. 

Prefeitura quer cercar Lagoas do Norte para evitar depredação

Prefeitura quer cercar Lagoas do Norte para evitar depredação

Com 51 episódios de roubo de fiação no local, a PMT procura tomar medidas mais efetivas para garantir a segurança do patrimônio e de quem frequenta o Parque.

O Parque Lagoas do Norte deve ganhar um elemento a mais para compor seu cenário: uma cerca para proteger o local. Isto é o que deseja o prefeito Firmino Filho (PSDB) e a medida, segundo ele, vai proteger mais o patrimônio público do Parque Lagoas do Norte e dar mais segurança para quem frequenta o local.


Leia também: Parque Lagoas do Norte sofre com depredação e riscos à segurança 


O Parque Lagoas do Norte é alvo constante da ação de vândalos. De acordo com o prefeito, o local já teve sua fiação elétrica roubada pelo menos 51 vezes e sem energia, o parque fica no escuro, o que acaba afastando as pessoas da visitação. Com a proposta de cercar o local, Firmino pretende levar ao Lagoas do Norte o que já é feito em outros parques de Teresina, a exemplo do Parentão, no bairro Lourival Parente e o Parque Cidadania, na Frei Serafim.

“Esses [arques] tem tido uma frequência muito, grande porque com a sensação de segurança, as pessoas chegam, elas desfrutam do local. Sem contar que, com a presença das pessoas, eles se tornam espaços mais seguros, atrais mais gente, o que contribui para o próprio processo de preservação do parque”, explicou o prefeito.


Prefeitura quer cercar Lagoas do Norte para evitar depredação do parque - Foto: O Dia

Firmino não deu prazos de quando isso será feito, mas mencionou que a ação é planejada junto com projetos de intensificação da presença da Guarda Civil Municipal e da Polícia Militar no Parque Lagoas do Norte.

Secretaria de Segurança Municipal

Ainda de acordo com o prefeito, a PMT está planejando também a criação da Secretaria Municipal de Segurança Pública.

O ex-deputado Luciano Nunes, junto com o secretário da Semcaspi, Samuel Silveira, o coronel Edvaldo Marques, diretor da Arsete, e o coronel John Feitosa, coordenador de Assistência Militar da Prefeitura, estão fazendo pesquisas junto a secretarias municipais de segurança em todo o país para elaborar um relatório que deve ser encaminhado à Câmara Municipal e, fevereiro ou março do ano que vem, segundo Firmino.

Governo lança programação especial de Natal em Teresina

Governo lança programação especial de Natal em Teresina

Programação inclui apresentações culturais abertas ao público e decoração natalina nos principais prédios históricos da cidade.

A redação do Sistema O Dia de Comunicação já entrou no clima do natal e, nesta quinta-feira (05), recebeu uma visita muito especial. Os músicos da Escola de Música Dona Gal alegraram os jornalistas e colaboradores com músicas natalinas e vieram a convite da Secretaria de Estado da Cultura e da Coordenadoria de Comunicação Social.

O coordenador Estadual de Comunicação, Allisson Bacelar, aproveitou a oportunidade para falar do lançamento da Programação Natal de Sonho e Luz, lançado na quarta-feira (04), no Palácio de Karnak, que contou com a Orquestra Sinfônica de Teresina.

Já o secretário de Estado da Cultura, Fábio Novo, destacou um pouco da programação e de como ela será apresentada ao público. “Hoje é um dia especial, pois estamos inaugurando o elevador do Museu do Piauí e o novo sistema de combate a incêndio. Na sexta, vamos abrir a decoração de natal do Palácio da Cultura, e na segunda-feira abrimos todo o corredor de natal. Sempre achamos que faltava algo no centro de Teresina além do Palácio de Karnak, então viemos discutindo com a CCom um projeto bacana para o centro, onde faremos um corredor”, explica.


Anúncio da programação de Natal foi feito aos jornalistas de O Dia pelo secretário Fábio Novo e pelo coordenador de Comunicação do Estado, Alisson Bacelar - Foto: Assis Fernandes/O Dia

O projeto contemplará a Avenida Antonino Freire, a menor avenida do mundo, decorando alguns prédios e as tradicionais carnaúbas, um dos símbolos piauienses. A decoração irá começar na Igreja de São Benedito, no qual a fachada servirá para exibição de mapping à noite.

“A Igreja de São Benedito ainda não está pronta, mas estamos ajudando na recuperação desse patrimônio, que é tombado, e dentro de 60 dias deve ficar completamente pronta. Tem também a decoração do Palácio de Karnak e as carnaúbas históricas vão receber uma decoração e iluminação especial e alguns casarões históricos desse sítio receberão uma decoração especial”, frisa.

Fabio Novo enfatiza que a proposta é fazer desse projeto algo permanente, transformando em um produto turístico para que as famílias possam visitar no período natalino. “Queremos fazer a exemplo de outras cidades que já fazem isso e tem uma programação especial, como em Gramado. No próximo ano vai ser maior e mais forte ainda o projeto, pois muitas empresas estão vendo e abraçando o projeto na perspectiva, inclusive, de nos ajudar no próximo ano”, finaliza o secretário de Estado da Cultura.

Sistema O DIA e Correios fazem parceria para entrega de presentes

Sistema O DIA e Correios fazem parceria para entrega de presentes

Plataformas do Grupo vão divulgar cartas para adoção e interessados podem entrar em contato para entregar presente.

As famosas cartas do Papai Noel mexem com o imaginário dos teresinenses. No período natalino, muitas ações voltadas para ajudar as crianças e adolescentes acontecem na Capital. E em 2019, o Sistema O DIA de Comunicação será intermediador entre os pedidos das cartinhas e os Correios.


Leia também: Entrega dos presentes do Papai Noel dos Correios deve ser feita até o dia 13 


De acordo com o diretor de marketing da empresa, Alberto Moura, o Sistema O DIA vai utilizar as quatro plataformas de comunicação para divulgar as 24 cartas que foram adotadas. Quem se interessar pode entrar em contato para trazer o presente à empresa, que ficará responsável por realizar a entrega aos Correios até o dia 12 de dezembro.


Foto: O Dia

“Vamos divulgar sem colocar o nome das crianças, pois queremos dar visibilidade maior para essas cartas. O intuito é ajudar os Correios a se tornarem maior. Se nós somos um sistema que temos as quatro plataformas, vamos divulgar essas cartas, seja na rádio, TV, em uma postagem nas redes sociais, em matérias no portal ou no jornal impresso”, destaca Alberto Moura.

Já a coordenadora da Campanha Papai Noel dos Correios no Piauí, Maria Chaves Dias, afirma que, nos últimos dez anos, mais de 6 milhões de cartinhas com pedidos de Natal de crianças em situação de vulnerabilidade social foram atendidas em todo o Brasil. Ela também comemora o apoio do jornal.


Foto: O Dia

“Realizar tantos sonhos seria impossível sem os parceiros que fazem acontecer essa que é uma das maiores ações de solidariedade do país. É com muita alegria que celebramos essa parceria com o Sistema O Dia, especialmente neste ano em que comemoramos os 30 anos da Campanha Papai Noel dos Correios. Com a ajuda de cada um dos padrinhos e madrinhas que tiram sonhos do papel, esperamos atender o máximo possível de cartas", fala Maria Chaves Dias.

Nas cartas que serão divulgadas nos próximos dias, os principais presentes pedidos pelas crianças são mochila escolar e carrinho de controle remoto. 

Câncer de pele é o tumor que mais atinge a população

Câncer de pele é o tumor que mais atinge a população

Ao longo deste mês são reforçadas ações informativas e de prevenção do câncer de pele.

As altas temperaturas somadas à baixa umidade relativa do ar se tornam um combo atrativo para a proliferação de doenças respiratórias, alergias, sangramentos no nariz e problemas de pele. Desde 2014, a Sociedade Brasileira de Dermatologia promove o Dezembro Laranja, uma ação que faz parte da Campanha Nacional de Prevenção ao Câncer de Pele - o tipo da doença mais incidente no Brasil, com cerca de 180 mil novos casos ao ano. 


Leia também: Proteção solar é fundamental para evitar o câncer de pele 


“O câncer de pele é o mais frequente no país e, por isso, as pessoas que têm por profissão ou lazer necessidade de se expor ao sol têm que se proteger, já que estão mais suscetíveis. O principal é a proteção física, mas na impossibilidade de usar camisas longas, chapéus e calça, a gente orienta o uso do protetor solar adequado para cada tipo de pele, que tem de ser reaplicado periodicamente”, explica o dermatologista Lauro Lourival Filho.


O dermatologista Lauro Lourival Filho lembra que protetor solar deve ser reaplicado ao longo do dia - Foto: Elias Fontinele/O Dia

Dicas

A sociedade médica também orienta para o uso diário de protetor solar de, no mínimo, fator 30, que deve ser reaplicado a cada duas a três horas, ou após longos períodos de imersão na água. O uso de chapéus também é importantíssimo para uma maior proteção dos cabelos e pele. Para ter eficácia, a aba do chapéu precisa ter no mínimo sete centímetros de comprimento, uma estimativa que calcula proteção até o final do queixo. O material do produto deve ter uma trama bem fechada para contribuir com a proteção, seja de algodão, palha, material sintético ou de quaisquer outros tipos.

Essas informações são da maior importância para a população, tendo em vista que, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), 30% de todos os tumores malignos do Brasil correspondem ao câncer de pele.

Tipos de cânceres 

Segundo o dermatologista Lauro Lourival, o tipo mais comum de câncer de pele é o não melanoma, que tem letalidade baixa, porém, seus números são muito altos. A doença é provocada pelo crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele. As mais comuns são os carcinomas basocelulares e os espinocelulares. Mais raro e letal que os carcinomas, o melanoma é o tipo mais agressivo de câncer da pele.

Campanha acontece neste sábado em Teresina

A ação mais importante do calendário do Dezembro Laranja ocorrerá neste sábado (7), das 9 às 15h, no Hospital Getúlio Vargas, Centro da cidade. Cerca de 4 mil dermatologistas e voluntários prestarão atendimento para identificar e direcionar para o tratamento da doença, além de esclarecerem sobre a importância de adotar medidas preventivas. 

“Estaremos fazendo orientações e, se a pessoa já tiver alguma lesão suspeita, lá mesmo colhemos a biopsia e já conseguimos agendar o atendimento”, destaca Lauro Lourival Filho.

Desde 2014, a Sociedade Brasileira de Dermatologia promove o Dezembro Laranja. A ação faz parte da Campanha Nacional de Prevenção ao Câncer da Pele. Desde então, sempre no último mês do ano, são realizadas diferentes ações em parceria com instituições públicas e privadas para informar a população sobre as principais formas de prevenção e a procurar um médico especializado para diagnóstico e tratamento. Quando descoberto no início, tem mais de 90% de chances de cura.

05 de dezembro de 2019

Justiça suspende redução da tarifa de energia no Piauí

Justiça suspende redução da tarifa de energia no Piauí

O motivo é um impasse entre a Equatorial Piauí e a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

A conta de energia deveria chegar mais barata este mês de dezembro aos consumidores do Piauí. A redução na tarifa, contudo, foi suspensa por uma decisão da Justiça. O motivo é um impasse entre a Equatorial Piauí e a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

No final do mês passado, a agência reguladora aprovou o reajuste tarifário que entraria em vigor no dia 2 de novembro no Piauí. A medida reduzia em 7,45% a conta de energia de residências e 7,16% de empresas. A redução foi ocasionada pela quitação antecipada de um empréstimo contraído pela empresa para cobertura dos custos com exposição involuntária no mercado de curto prazo e o despacho de termelétricas entre fevereiro e dezembro de 2014.

A decisão judicial de segunda instância suspendeu uma decisão da ANEEL que negou um pedido da Equatorial Piauí para uma Revisão Tarifária Extraordinária (RTE). A liminar também suspendeu a redução de tarifa que havia sido aprovada.

A Equatorial Piauí negou que tenha acionado a Justiça para evitar que a redução nos valores chegassem aos consumidores. A empresa justifica que o motivo, porém, foi que a ANEEL descumpriu o contrato do leilão de privatização no qual adquiriu a antiga Cepisa.  

“Não entramos na Justiça para tirar o desconto que é direito do consumidor. O que estamos reivindicando é o que estava previsto no leilão, que as concessionárias poderiam solicitar a Revisão Extraordinária Tarifária”, disse o presidente da Equatorial Piauí Nonato Castro durante coletiva.

Segundo a Equatorial, a Cepisa recebia mensalmente R$ 40 milhões e realizava investimentos no serviço de energia, mas deixou de reajustar a tarifa por mais de 5 anos, o que deixou o patrimônio da empresa desatualizado. A Revisão Tarifária Extraordinária estava previsto no edital no leilão de privatização para corrigir o atraso.

“Quando fizeram a proposta do leilão para vender estava previsto a gente chegar, levantar o que existia e que estava fora da base para que fosse reconhecido através de uma revisão tarifária. Foi o que fizemos. A ANEEL simplesmente ignorou isso que estava no contrato”, alegou Nonato Castro.

A Equatorial avalia que sem o reajuste ficam afetados os investimentos previstos para 2020, já que a empresa teria um prejuízo entorno de 300 milhões. Com o empasse, a Equatorial espera que a agência de energia reconheça os investimentos que foram realizados. Os 1,2 milhão de consumidores que aguardavam a redução seguem pagando os mesmo valores de antes até que seja encontrada uma solução para o problema. 

Floriano teve em três horas 70% da chuva esperado para dezembro

Floriano teve em três horas 70% da chuva esperado para dezembro

Vídeos de populares mostra ruas alagadas, formação de correnteza. Casas desabaram e hospital do município ficou com corredores inundados.

A cidade de Floriano, a 247 Km de Teresina, registrou nesta quarta-feira (04) um fenômeno atípico em pleno B-R-O-Bró. No intervalo de apenas três horas, choveu na cidade 70% do volume esperado para todo este mês de dezembro. Os dados constam no monitoramento do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia).


Restaurante ficou alagado após a chuva - Foto: Reprodução/WhatsApp

A precipitação foi intensa e deixou a cidade debaixo d’água. Ruas ficaram alagadas, houve formação de correnteza e pelo menos duas residências desabaram, segundo a Defesa Civil Municipal de Floriano


Prédios públicos também foram afetados peça força da chuva. O Mercado Municipal de Floriano, por exemplo registrou acúmulo de água no teto, o que causou a formação de pequenas cascatas nas laterais do local. Já os corredores do Hospital Regional Tibério Nunes, que atende Floriano e os municípios nos arredores, acabaram acumulando água

No entanto, mesmo com corredores alagadas e funcionários tendo que usar rodos para dispersar a água, a unidade de saúde não teve seus atendimentos prejudicados nem prejuízos na parte técnica e de infraestrutura. 


A assessoria do Hospital Tibério Nunes informou que a unidade alagou em alguns pontos devido ao declive do terreno onde ela está localizada, o que acarreta recebimento de maior quantidade de água que vem da rua. Não foram identificadas goteiras nem houve falta de energia e como o hospital não estava recebendo pacientes ainda no horário da chuva, não houve problemas quanto à agenda de atendimentos do dia. 

Na UTI, uma criança precisou ser mudada de lugar porque sua maca estava próxima à janela e ela recebia respingos da chuva. Apesar dos imprevistos, o Hospital Tibério Nunes está com seu funcionamento normal nesta quinta-feira (05).

Tratamento gratuito da Aids está disponível na Capital e interior

Tratamento gratuito da Aids está disponível na Capital e interior

Todos os serviços vinculados aos SUS são totalmente gratuitos e sigilosos

Quando o paciente é diagnosticado com HIV, todo o tratamento pode ser feito gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Cristina Rocha explica que, se morar em Teresina, a pessoa que se expôs sexualmente ao vírus pode procurar o CTA Estadual, que está localizado na Rua 24 de Janeiro, Centro da Capital, das 8h às 12h e das 14h às 16h30.


Leia também: Em pouco mais de 10 anos, Piauí registra 1.898 casos de HIV 


Também há CTAs nos municípios de Parnaíba, Piripiri, Picos, Floriano e Oeiras. "Porém, as pessoas precisam ter conhecimento que as unidades básicas estão aptas a receber pessoas que querem fazer o teste. Essa descentralização favoreceu descobrir os casos que estavam escondidos", frisa.

É importante lembrar que todos os serviços vinculados aos SUS são totalmente gratuitos e sigilosos. "As equipes foram treinadas para abordar e atender o paciente. E além de fazer o teste de Aids, a pessoa também pode fazer o de sífilis, Hepatite B e C e tirar dúvidas. Se for positivo, a pessoa vai para o tratamento. Se der carga viral indetectável, isso significa que ela não transmite o vírus", explica a coordenadora do CTA Estadual.


Camisinha é uma das formas de prevenção contra a Aids - Foto: Arquivo O Dia

"O acesso é rápido. Às vezes, percebemos uma certa demora da pessoa em conseguir iniciar o tratamento porque tem muita gente infectado e o serviço de referência acaba ficando meio que pesado; por isso, trabalhamos essa descentralização. Quem sabe daqui a alguns anos as unidades básicas possam também estar fazendo o tratamento", conclui.

Pessoas vivendo com HIV

- Em 2018, havia 37,9 milhões de pessoas vivendo com HIV;

- Desses, 36,2 milhões são adultos;

- 1,7 milhão de crianças (menos de 15 anos);

- 79% de todas as pessoas vivendo com HIV conheciam seu estado sorológico positivo;

- Cerca de 8,1 milhões de pessoas não sabiam que estavam vivendo com HIV.

Em pouco mais de 10 anos, Piauí registra 1.898 casos de HIV

Em pouco mais de 10 anos, Piauí registra 1.898 casos de HIV

Gestora destaca importância de se falar sobre sexo e saúde sexual, especialmente com os jovens.

O Boletim Epidemiológico HIV/Aids 2019, do Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis, da Secretaria de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde, revela que, de 2007 a 2019, foram notificados no Piauí 1.898 casos de pessoas com HIV


Leia também: Notificações anuais de HIV no PI aumentaram 135% em dez anos 


Somente em Teresina, de janeiro a novembro deste ano, foram notificados 428 casos de HIV/Aids, contra 527 casos registrados em 2018, segundo informa a Fundação Municipal de Saúde (FMS). Em âmbito estadual, até o dia 30 de junho deste ano, foram notificados, através do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), 226 casos de HIV no Piauí. 

Cristina Rocha, coordenadora estadual do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), enfatiza a importância de se falar sobre sexo e saúde sexual, especialmente com os jovens. Para ela, quanto mais informações corretas forem repassadas, menos casos de Aids e outras doenças sexualmente transmissíveis serão notificadas. 

“Tudo passa por uma conversa e abordagem com relação à sexualidade. A Aids é preocupante sim, sempre. É preocupante ver tantos jovens ainda se infectando, que há certos tabus de se abordar isso nas escolas”, acrescenta.

Cristina Rocha lembra que é preciso tratar do assunto a partir do momento em que a criança começa a perguntar sobre o tema. Porém, esse também é um papel da sociedade e do poder público. 

“A criança tem acesso à informação pelas redes sociais e muitas vezes são informações inadequadas, mas porque têm receio de se dirigir à família. Para enfrentar o HIV, é preciso uma ação conjunta do poder público e da sociedade, que também faz parte desse processo para lutar no enfrentamento desses números que são preocupantes”, frisa.

Descentralização dos testes ajuda no diagnóstico 

A coordenadora estadual do CTA, Cristina Rocha, destaca que o HIV é um agravo que sempre deve ser focado e pontua a necessidade da descentralização da testagem, que colabora para a realização do exame, diagnóstico e tratamento da doença.

“Observamos um aumento no número de casos, que é algo alarmante, mas hoje a testagem foi descentralizada. Antigamente, se fazia os exames de HIV no CTA, hoje não. Hoje os CTAs, com a coordenação de doenças transmissíveis, treinaram as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e elas estão aptas a realizar esses testes, exames e aconselhamentos. Com isso, as pessoas procuram mais e os números estão aparecendo. Somado a isso temos a banalização de um público mais jovem que, por não ter pego a época em que as pessoas morriam mais por pegar Aids, como um agravo crônico, estão mais despreocupadas com a prevenção”, pontua.


População pode fazer teste rápido de HIV/Aids nas UBSs espalhadas pela Capital - Foto: Arquivo O Dia

Cristina Rocha explica também sobre as formas de prevenção em caso de contato com uma pessoa infectada, que pode ser pré e pós-exposição. “As pessoas precisam estar preparadas e saber os tipos de prevenção que elas têm. Hoje não trabalhamos com prevenção apenas com a camisinha masculina, feminina e o gel. Temos a prevenção combinada, que é a profilaxia pré-exposição ao HIV; alguns grupos específicos usam medicações para evitar que se infecte; e tem a profilaxia pós-exposição. Desde 2017, já trabalhamos com a pós-exposição e se a pessoa se infectou, ela tem como estar se prevenindo de adquirir o HIV por ventura naquela relação”, disse.

04 de dezembro de 2019

Piauí tem a menor taxa de divórcio registrado no Brasil em 2018, diz IBGE

Piauí tem a menor taxa de divórcio registrado no Brasil em 2018, diz IBGE

De acordo com o órgão, a proporção é de que aconteça um divórcio para cada cinco casamentos.

O Piauí tem a menor taxa de divórcio oficializados em 2018 no Brasil, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgados nesta quarta-feira (04). De acordo com o órgão, a proporção é de que aconteça um divórcio para cada cinco casamentos.

Piauí tem a menor taxa de divórcio registrado no Brasil em 2018, diz IBGE. Foto: Reprodução IBGE

Em cenário nacional, ocorreram cerca de três matrimônios para cada separação em 2018. Isso significa dizer que o Piauí registrou, proporcionalmente, menos divórcios do que a média do Brasil.

Casamento comunitário. Foto: Jailson Soares.

No mesmo período, a pesquisa apontou também que 37,57% dos divórcios realizados no Piauí não foram consensuais, ou seja, não aceito por ambas as partes. Destes, 50,25% foram solicitados pelos homens e 49,75% pelas mulheres. Nesta etapa do estudo, foram analisado apenas casamentos heterossexuais.

Houve 763 divórcios nos quais o casal tinha filhos menores. Dentre eles, cerca de 77,85% das mulheres e 8,25% dos homens ficam com a guarda dos filhos com menores de idade após o fim do relacionamento. A guarda foi compartilhada para 10,61% dos casais.  

Comparações com outras regiões

A taxa geral de divórcios concedidos no Piauí em 2018 é de 0,9%. O valor do Estado ficou bem abaixo da média do país, que é de 2,6% (gráfico acima). A menor taxa por região foi no Nordeste (1,9%), seguido do Norte (2,2%), Sul (2,4%), Centro-Oeste (2,6%) e Sudeste (3,1%). No Nordeste, apenas o Alagoas possui taxa superior ao do Brasil, sendo de 3,2%. Enquanto no Sul, somente Minas Gerais apresenta valor abaixo da média nacional, com 2,4%.

O número de divórcios registrados no Piauí em 2018 foi 19,25% menor em comparação a 2017. No Brasil, houve uma variação de 3,22% a mais na quantidade de divórcios nesse mesmo período. No entanto, considerando-se os divórcios concedidos nos anos de 2009 e 2018, houve aumento de 39,33% para o Piauí e de 120,46% para o Brasil.

Mais de 700 pedestres receberam DVPAT por invalidez permanente

Mais de 700 pedestres receberam DVPAT por invalidez permanente

De acordo com a seguradora, esse tipo de vítima é o segundo mais afetado em acidentes com sequelas definitivas.

Segundo dados divulgados pela Seguradora Líder, responsável pela administração do Seguro DPVAT, 703 pedestres piauienses foram indenizados por invalidez causada em acidentes de trânsito. De acordo com a seguradora, esse tipo de vítima é o segundo mais afetado em acidentes com sequelas definitivas. 

Os dados foram divulgados no dia que marca o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, nesta terça-feira (03), e alerta para a importância da conscientização sobre igualdade de oportunidades para todos. Dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apontam que 6,7% da população tem algum tipo de deficiência.


Mais de 700 pedestres receberam DVPAT por invalidez permanente. (Foto: Arquivo O Dia)

Os números do Seguro DPVAT mostram que os acidentes de trânsito envolvendo pedestres têm grande participação nestas estatísticas. De janeiro a outubro deste ano, o seguro obrigatório indenizou em todo o país mais de 68 mil pessoas que circulavam a pé no momento da ocorrência e ficaram com algum tipo de invalidez permanente. O número representa 77% do total de pagamentos destinados a vítimas pedestres.
As motocicletas foram responsáveis pela maioria dos acidentes com sequelas definitivas envolvendo pedestres, somando mais de 48 mil pagamentos. Na sequência, estão os automóveis (16.123); caminhões e pick-ups (2.739); ônibus, micro-ônibus e vans (1.423); e ciclomotores (313).
As estatísticas do Seguro DPVAT ainda mostram que os jovens são os mais atingidos. Do total de sinistros pagos para pedestres vítimas de invalidez permanente em função de acidente de trânsito, 28.286 foram para pessoas com idade entre 18 e 34 anos, que formam população economicamente ativa. A segunda faixa etária mais afetada é de 45 a 64 anos, concentrando mais de 17 mil pagamentos.
A análise por estado indica que São Paulo lidera o ranking de indenizações pagas para pedestres com invalidez. De janeiro a outubro, foram 6.141 pagamentos na região. Minas Gerais (5.811), Goiás (5.515), Mato Grosso (5.090) e Ceará (4.915) completam, respectivamente, a lista dos cinco primeiros colocados.

Sobre o Seguro DPVAT
O DPVAT é um seguro obrigatório de caráter social que protege os mais de 210 milhões de brasileiros em casos de acidentes de trânsito, sem apuração da culpa. Ele pode ser destinado a qualquer cidadão acidentado em território nacional, seja motorista, passageiro ou pedestre, e oferece três tipos de coberturas: morte (valor de R$ 13.500), invalidez permanente (de R$ 135 a R$ 13.500) e reembolso de despesas médicas e suplementares (até R$ 2.700). A proteção é assegurada por um período de até 3 anos.

TCE encontra licença da Anvisa fora da validade na Evangelina Rosa

TCE encontra licença da Anvisa fora da validade na Evangelina Rosa

Fiscalização surpresa do órgão acontece em 30 unidades de saúde localizadas em 23 municípios. Foram encontrados também, medicamentos vencidos em Piripiri.

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) está fazendo na manhã desta quarta-feira (04) uma vistoria in loco em 30 hospitais estaduais. A ação acontece simultaneamente em 23 municípios, dentre os quais Parnaíba, Buriti dos Lopes, Narras, Piripiri, Teresina, Elesbão Veloso, Valença do Piauí, São João do Piauí, Canto do Buriti e Bom Jesus.

Estão sendo verificados, dentre outros aspectos, a estrutura física das unidades hospitalares, bem como as escalas de plantão dos profissionais, a presença dos médicos e a situação dos alimentos servidos aos pacientes. 

Em Teresina, os agentes de fiscalização encontraram uma licença da Anvisa fora da validade na Maternidade Dona Evangelina Rosa, que passou mais de um ano sob interdição ética, tendo sido liberada recentemente pelo Conselho Regional de Medicina. O documento de licença sanitária estadual teve seu prazo de validade expirado em 30 de junho de 2017. 


Foto: Reprodução/TCE-PI

Ainda na maternidade, foi identificado que o controle de estoque de medicamento não funciona por sistema informatizado como deveria acontecer, mas que é feito manualmente pelos próprios funcionários. Há ainda irregularidade no armazenamento de medicamentos, já que muitos deles ficam em contato com a parede.

Já na unidade integrada de saúde do Mocambinho, o TCE constatou que há registro com pulseira apenas para pacientes na intenção. Os servidores, no entanto, informaram ao órgão que a distribuição do item aos demais pacientes que buscam o hospital está em fase de implementação.

Ambulâncias desgastadas e remédios vencidos.

Em Parnaíba, a fiscalização do TCE passa pelo Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, onde os agentes encontraram uma ambulância com teto danificado, pneus e lataria desgastados. Na escala de plantões, não foram encontradas as especialidades de atendimento de cada profissional, que deveriam estar discriminadas no documento. Além disso, há pacientes aguardando atendimento em macas nos corredores da unidade.

Já no Hospital Regional de Piripiri, o TCE encontrou antibióticos com prazo de validade vencido no estoque da unidade. 


Foto: Reprodução/TCE-PI

Todas as informações coletadas pelo TCE durante a fiscalização serão anexadas a um relatório e os dados de cada segmento serão encaminhados aos conselheiros relatores ligados às entidades fiscalizadoras e aos gestores das unidades fiscalizadas.

“A previsão é que amanhã a gente já divulgue o relatório consolidado da operação, com os dados gerais. Posteriormente, os dados segmentados de cada órgão serão encaminhados aos conselheiros relatores de processos ligados às entidades fiscalizadas e aos gestores das unidades fiscalizadas”, explica Liana Melo, diretora da Diretoria de Fiscalização da Administração Estadual do TCE.

O outro lado

A Secretaria de Estado da Saúde esclarece que a fiscalização realizada pelo Tribunal de Contas do Estado vem para ajudar em relação ao zelo pelo serviço público. E que aguada a notificação com o relatório para fazer o plano operativo tomando todas as providências necessárias para oferecer uma melhor qualidade nos serviços prestados à população.

03 de dezembro de 2019

Piauí é rota para cigarro contrabandeado chegar ao Nordeste

Piauí é rota para cigarro contrabandeado chegar ao Nordeste

Desde janeiro, já foram apreendidos em rodovias federais do Piauí 1.443.430 maços de cigarros, o que equivale a mais de R$ 10 milhões

O Piauí se tornou uma importante rota para grupos criminosos que abastecem a região Nordeste com cigarros contrabandeados do Paraguai. Dados divulgados pela Polícia Rodoviária Federal indicam que nesse ano houve um crescimento recorde no número de cargas ilegais do produto que passaram pelo estado.


Desde janeiro, já foram apreendidos em rodovias federais do Piauí 1.443.430 maços de cigarros, o que equivale a mais de R$ 10 milhões. Se comparado com as apreensões do ano passado, o crescimento bate a marca de 556,0%.

A PRF constatou crescimento recorde no número de apreensões de cigarros contrabandeados (Foto: Divulgação / PRF)

Segundo o inspetor Alexandro Lima, o Piauí além de servir como caminho para o contrabando, também se tornou um grande consumidor do cigarro paraguaio. Assim, parte da carga fica do estado, enquanto o restante segue para outras capitais da região.

“Toda essa carga tem dois destinos: São Paulo, que é um grande centro de distribuição, ou pode ser direto ao Piauí para atingir os grandes centros do Nordeste como Fortaleza, Recife, João Pessoa e Natal. Muitas vezes essas cargas ficam no estado, abastecem o mercado interno”, afirma.

Inspetor afirma que as cidades de Picos e Floriano são grandes consumidoras do produto contrabandeado (Foto: Otávio Neto / O DIA)

O sistema de inteligência da PRF constatou que o consumo de cigarros tem grande concentração na região sul do Piauí, mais especificamente nas cidades de Picos e Floriano. O alto lucro e as brandas penas da legislação para esse tipo de crime têm atraído cada vez mais pessoas antes envolvidas com o tráfico de outras drogas para o contrabando de cigarro.

“Verifica-se que o perfil das pessoas presas pelo cometimento de crime vem mudando, uma vez que muitos criminosos que antes cometiam o crime de tráfico de entorpecentes migrou para o crime de contrabando de cigarros que além de bastante vantajoso possui penas mais brandas com relação ao tráfico de droga”, destaca a PRF. Durante as apreensões de cigarros no Piauí, 13 pessoas já foram presas nesse ano. 

Produção de soja no Piauí deve atingir 2,5 milhões de toneladas neste ano

Produção de soja no Piauí deve atingir 2,5 milhões de toneladas neste ano

Atualmente, o estado produz cerca de 4,4 milhões de toneladas de grãos. A soja e o milho, por exemplo, representa 85% do Valor Bruto da Produção (VBP) no Piauí, dado considerado o PIB da atividade agropecuária.

A produção de soja no Piauí deve chegar a 2,5 milhões de toneladas na safra 2019/2020. A projeção é do diretor executivo da Associação dos Produtores de Soja do Piauí (Aprosoja-PI), Rafael Maschio. Atualmente, o estado produz cerca de 4,4 milhões de toneladas de grãos. A soja e o milho, por exemplo, representam 85% do Valor Bruto da Produção (VBP) no Piauí, dado considerado o PIB da atividade agropecuária.

Rafael Maschio fala da produção de soja no Piauí. Foto: Elias Fontenele

Atualmente, a soja lidera o ranking de produtos mais cultivados no estado. Ela deve continuar tendo um papel central e a expectativa da Aprosoja-PI é de que termine o ano com o crescimento de 15% na produção.  

“A gente espera bater esse crescimento anual de produção em função tanto do aumento de área quanto no aumento da produtividade de outras culturas. A expectativa é bater 4,5 milhões de toneladas de grãos que foram atingidas na última safra 2018/2019 e, a expectativa de retorno quanto a produção de soja, seja de 2,5 milhões de toneladas que foi a mesma do período de 2017/2018”, disse Rafael Maschio.

O milho, segundo principal grão do Piauí, também deve crescer. A previsão atual de colheita que é de 1,84 milhão de toneladas, deve aumentar 21% do produto. O feijão e o arroz devem sofrer queda de colheita devido a redução da área plantada.

Apesar do crescimento, Rafael aponta dificuldades na infraestrutura do setor. “A gente tem buscado a infraestrutura principalmente no que diz respeitos as rodovias e também das redes de distribuição de energia elétrica. A maioria das propriedades do Cerrado piauiense ainda não têm esse atendimento por essas redes de distribuição”, aponta.

O volume de chuvas ainda está abaixo do esperado para o início do plantio de soja. A janela de plantio costuma iniciar entre o final de novembro e a primeira semana de dezembro.

Prefeito que usou ambulância para pagar dívida pessoal é preso no Piauí

Prefeito que usou ambulância para pagar dívida pessoal é preso no Piauí

Ele foi preso ao lado da esposa, da mãe e do pai. As investigações apontaram ainda fraudes em licitações e lavagem de dinheiro

O prefeito de Bertolínia, Luciano Fonseca, sua esposa, Ringlasia Lino Pereira dos Santos, a mãe, Eliane Maria Alves da Fonseca, e o pai, Aluízio José de Sousa, foram presos nesta terça-feira (3) na "Operação Baruci”, desencadeada pelo Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Piauí.

A força-tarefa cumpriu ainda mandado de prisão temporária contra Max Weslen Veloso de Morais Pires; Ronaldo Almeida da Fonseca; Rodrigo de Sousa Pereira; Kairon Tácio Rodrigues Veloso; e Richel Sousa e Silva. Mandados de busca e apreensão também foram cumpridos em endereços do ex-prefeito de Sebastião Leal, José Jeconias, e na sede de empresas.

Prefeito Luciano Fonseca foi afastado do cargo (Foto: Reprodução / Facebook)

Os mandados foram expedidos pelo Tribunal de Justiça do Piauí depois que as investigações apontaram que o prefeito de Bertolínia, Luciano Fonseca, entregou uma ambulância do município para pagar uma dívida pessoal. São investigados ainda os crimes de desvio de dinheiro público através de empresas fantasmas, fraudes em licitações e lavagem de dinheiro.

Segundo o Ministério Público, está comprovado que os desvios no município chegam ao valor de R$ 3 milhões.“A Justiça decretou ainda o sequestro e indisponibilidade dos bens móveis e imóveis dos investigados no valor correspondente à comprovação do desvio aos cofres públicos do município de Bertolínia no valor de R$ 3.296.323,81”, afirmou o GAECO/MPPI. 

Luciano Fonseca foi afastado do cargo de prefeito. A reportagem do Portal O DIA não conseguiu contato com a assessoria de Luciano Fonseca e dos outros envolvidos. 

Governo garante convocação de 42 agentes aprovados em concurso

Governo garante convocação de 42 agentes aprovados em concurso

Aprovados deverão ser convocados até a próxima semana. Ao todo, apenas 918 agentes atuam nas unidades prisionais do Piauí.

Acontece na manhã desta terça-feira (03), na sede da Justiça Federal, a audiência de conciliação entre o Governo do Estado e os aprovados no concurso para agente penitenciário. Na reunião está sendo discutida a nomeação de 42 agentes que já passaram pelo curso de formação e esperam apenas a nomeação. Além disso, também está sendo discutida a realização do curso de formação para outros 166 aprovados no concurso. 


Audiência de conciliação na Justiça Federal. (Foto: Assis Fernandes/O Dia)

O Governo do Estado alega que está operando com déficit nas contas, com receita negativa e que o déficit da previdência está na casa dos bilhões, o que colocaria o Executivo em uma situação de impossibilidade de aumentar seus gastos com pessoal.

O secretário de Administração e Previdência, Merlong Solano, afirma que o Governo está operando no quinto ano no âmbito de uma crise econômica e administrativa e, por isso, trabalha com um orçamento negativo, quando a receita não cobre todas as despesas pelas quais o Poder Executivo é responsável. 

“O Estado tem consciência que há uma necessidade de pessoal na Secretaria de Justiça. No caso dos agentes penitenciários, nosso quadro prevê até 2.100 vagas, hoje nós temos 918. Entretanto, nós trabalhamos dentro dos limites legais e financeiros”, argumenta.

Para garantir a nomeação dos agentes já formados, o Estado entrou com recurso no Tribunal de Contas do Estado (TCE) demonstrando que eles não representariam gastos a mais, mas que estão apenas substituindo as baixas do efetivo de agentes que faleceram e se aposentaram. 

A partir disso, o TCE emitiu parecer positivo e autorizou as nomeações. A mensagem do Executivo ao Legislativo sobre essas nomeações já foi aprovada, sancionada e publicada no diário e o ato de nomeação está sendo produzido pela Secretaria de Governo e pela Secretaria de Administração.

As nomeações dos agentes, segundo Merlong Solano, devem acontecer até a próxima semana. Já em relação aos 166 que ainda aguardam convocação para o curso de formação, o Governo não apresentou solução, pois alega que estaria aumentando seu gasto com pessoal, uma vez que é concedida bolsa a quem está no curso. Por isso, não há previsão para convocação dos demais.

Agentes aprovados cobram curso de formação. (Foto: Assis Fernandes/O Dia)

O presidente do Sinpoljuspi, Kleiton Holanda, comparou as nomeações “a uma gota d’água num oceano”, já que para ele, a convocação dos 42 aprovados não resolverá o problema da falta de agentes penitenciários nas unidades prisionais do Piauí.

“Destes 42, já oito já passaram em outros concursos, restando apenas 36 agentes para serem convocados e começarem a trabalhar. Ressaltamos que a nova cadeia de Altos foi aberta retirando agentes de outras unidades para serem realocados para lá. No entanto, o Estado do Piauí deixou todas as outras deficitárias, no tocante a quantidade de servidores penitenciários”

A reunião acontece com representantes da Sejus, SeadPrev, Fazenda, PGE e do Sinpoljuspi. A comissão dos aprovados no concurso também está presente acompanhando com faixas de protesto

Preço do quilo da carne aumenta quase R$ 10 em 15 dias

Preço do quilo da carne aumenta quase R$ 10 em 15 dias

Consumidores e comerciantes do segmento de alimentação sofrem com o reajuste, que está apertando ainda mais o orçamento familiar.

Nos últimos dias, consumidores e comerciantes estão sentindo o aumento considerável no preço das carnes. Isto é um reflexo do valor da arroba do boi e a situação não deve mudar tão cedo. O aumento tem uma explicação: o aumento da compra de carnes brasileiras pela China, que cresceu 110% entre setembro e outubro deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado, de acordo com a associação que representa os frigoríficos (Abrafrigo).


Leia também: China: consumo eleva preço e deve fazer da carne artigo de luxo no Brasil 


Os consumidores já sentem no bolso esse aumento, como a comerciante Domingas do Nascimento, que trabalha há 60 anos no Mercado da Piçarra. Ela é proprietária de um quiosque no mercado e vende pratos-feitos (PF) diariamente. Apesar do preço das carnes ter aumentado, ela diz que não pode compensar subindo o preço da refeição.

“Se antes o quilo da carne era R$ 17, hoje eu compro por R$ 25. Para mim que trabalho com carne todos os dias, no final das contas não está compensando muito, mas infelizmente preciso comprar, senão não tenho o que vender. E também não dá para subir o preço do PF, que hoje eu vendo a R$ 12, mas se eu fosse aplicar o aumento, iria para R$ 15. Quem tem esse dinheiro para dar em uma comida?”, questiona a permissionária. 


Domingas teme que se repassar aumento, clientes não comprarão mais seu PF - Foto: Assis Fernandes/O Dia

O comerciante Francisco da Silva trabalha vendendo carne de porco no Mercado da Piçarra. Para ele, o preço poderia ser mantido estável se os produtores desejassem. “Quem tem produção aumenta o preço do quilo do porco, mas porque ele quer lucrar. Ou seja, ele vende 60 animais e lucra em 40 porque ele superfatura o valor”, comenta.

Lei da oferta e da procura

A economista Teresinha Ferreira reforça que o aumento dos preços das carnes está diretamente relacionado como o mercado de exportação desse produto, que cresceu, e pelo fato do mercado interno não ter reservas e não está preparado, então acabou sofrendo com o reajuste.

“Isso está relacionado com a lei da oferta e da demanda. Se as pessoas estão consumindo mais um produto, então os preços aumentam. O que está acontecendo hoje é que vários contratos no mercado internacional estão sendo fechados, ou seja, se a oferta permanece a mesma e uma boa parte desse produto está indo para o mercado internacional, é óbvio que o mercado interno vai sofrer”, frisa.


Preço do quilo da carne aumenta quase R$ 10 em 15 dias - Foto: Assis Fernandes/O Dia

Teresinha Ferreira salienta que o aumento do preço da carne de gado acaba por capitanear o preço das outras carnes, vez que as pessoas passam a não comprar carne de gado, já que está muito caro e consomem outras proteínas, como carne de porco ou de criação.

“A tendência é aumentar o preço daqui para frente porque a oferta não aumentou. A demanda cresceu e a oferta continua do jeito que estava. O mercado de carne de gado está impulsionando a elevação de preços no mercado de carnes como um todo. A política não é importar, mas sim exportar, ou seja, para o governo está sendo mais importante a entrada de dólares no país do que abastecer o mercado interno”, reforça.

A especialista ainda salienta que quem sofre com esse aumento é o consumidor, que precisa substituir os produtos por algo mais em conta. “A receita não aumentou, mas o preço da cesta básica, incluindo as carnes, sim. Então, cabe aos consumidores substituírem as carnes por outros alimentos, como ovo, sardinha ou até comer menos carne, substituindo por verduras e legumes”, finaliza Teresinha Ferreira.

02 de dezembro de 2019

Inmet emite alerta laranja em THE; temperatura chegou aos 39 º C

Inmet emite alerta laranja em THE; temperatura chegou aos 39 º C

Aviso significa risco para saúde e possibilidade de incêndios florestais. Veja algumas recomendações para este período.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu “alerta laranja” para Teresina nesta segunda-feira (02). Segundo o órgão, a umidade relativa do ar pode variar de entre 20% e 12%, o que gera um risco de incêndios florestais e à saúde. (Veja recomendações abaixo).

Altas temperaturas em Teresina. Foto: Arquivo O DIA 

Às 16h – ápice do calor – a temperatura alcançou a máxima de 39 º C. Ainda segundo o órgão, a média para semana é de que os termômetros fiquem na casa dos 37 º C.

Alerta Inmet. Foto: Reprodução Google.

Ainda segundo o Inmet, o aviso significa ainda risco de incêndios florestais, ressecamento da pele, desconforto nos olhos, boca e nariz. Se persistir, o alerta deverá ser renovado nos próximos dias e levar a Defesa Civil a declarar estado de alerta.

Ao Portal O Dia, o climatologista Werton Costa afirmou que os índices registrados são comuns para os primeiros dias de dezembro que, “geralmente se intensificam na metade da tarde e início da noite com padrão de baixa umidade e altas temperaturas que podem prejudicar a saúde da polução. Crianças e idosos estão mais vulnerais ao fenômeno”.

Veja a lista com cinco instruções do Inmet para moradores do Piauí:

  1. 1 Beba bastante líquido.
  2. 2 Atividades físicas não são recomendadas.
  3. 3 Evite exposição ao sol nas horas mais quentes do dia.
  4. 4 Use hidratante para pele e umidifique o ambiente.
  5. 5 Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Chuvas?

De acordo com Werton Costa, a temporada de chuvas deve se renovar no final de dezembro ao início de janeiro de 2020. Segundo o Inmet, o tempo deve continuar seco e não há previsão de chuva para os próximos quatro dias. O motivo é a massa de ar seco que está sobre a região central do Nordeste.

10 policiais são presos suspeitos de organização criminosa no Piauí

10 policiais são presos suspeitos de organização criminosa no Piauí

Áudios divulgados pela Secretaria de Segurança Pública do Piauí (SSP-PI) mostram diálogos de policiais militares e civis que se articularam para cometer crimes

A Secretaria de Segurança Pública do Piauí (SSP-PI), através do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO) deflagou, na manhã desta segunda-feira (02), a “Operação Dictum” cujo objetivo é desarticular uma organização criminosa formada por policiais militares e civis do Piauí. Dos 16 investigados, 10 policiais foram presos, três estão foragidos e outras três pessoas que não eram agentes de segurança foram detidas por suspeita de envolvimento nas ações criminosas. 

Segundo o delegado do Greco, Gustavo Jung, as investigações iniciaram em dezembro de 2018 e teve participação de diversas forças de segurança do Estado.


“Ao logo dessas investigações a gente percebeu o envolvimento de policias militares e civis se organizando com intenções claras e objetivas de praticar crimes do mais diversos como extorsão, roubo, tráfico de drogas, tráfico de armas entre outros. Diante da magnitude e do grau de periculosidade dessa operação, nos reunimos com diversos órgãos de segurança e, de forma cansativa e melindrosa, conseguimos fazer essa seleção de policiais militares e civis que estavam praticando crimes no exercício da função”, disse.

Nas investigações, a polícia teve acesso a diálogos de policiais militares e civis que se articularam para cometer crimes. Em um deles, o policial René Carvalho chama Wanderley para agredir uma pessoa que supostamente estaria incomodando a sua família. Outro trecho da conversa, Wanderley revela ter recebido R$ 10 mil para agredir uma pessoa não identificada. Ouça os áudios abaixo divulgados pela SSP-PI.


Entre os 10 policiais presos, nove são da Polícia Militar do Piauí e um da Polícia Civil. Segundo o Comandante Geral da PM-PI, Coronel Lindomar Castilho, serão abertos procedimentos de investigação no Conselho de Disciplina da PM, que vai avaliar a capacidade de permanência dos envolvidos na corporação.  

“A Corregedoria da PM já foi acionada e vai definir todas as punições e apurar realmente a necessidade ou não desses policiais permanecerem na Polícia Militar. Esse procedimento só será possível após o fechamento da operação, quando teremos uma resposta adequada para dar a comunidade, pois sabemos que não cabe nenhum policial seja militar ou civil usar a sua farda para cometer crimes”, disse.

Esquema da Operação Dictum do Greco. Foto: Divulgação SSP-PI.

Durante a ação, a polícia apreendeu armas de uso restrito da polícia, munições, celulares, computadores além de instrumentos que seriam usados em roubos de cargas no Piauí. Os presos durante a operação foram identificados como Genildo Vieira da Silva, Francisco das Chagas Lima Trindade, Helido Cunha de Sousa, Bruno Costa de Oliveira, Antônio Lopes Rosa, Rafael dos Santos Leal, Marcelo Ribeiro Rocha, Percyvall de Oliveira Ferreira, Lourival Ferreira de Carvalho Neto, Ellisson Costa Vieira, Wanderley Rodrigues da Silva (vulgo W.Silva), Erasmo de Morais Furtado e José Afonso Santos e Silva

A operação contou a participação das unidades especializadas da Polícia Civil e da Polícia Militar. As investigações e fechamento do inquérito está sob responsabilidade do Greco. 

Governo fecha com empresa para fazer voos na Rota das Emoções

Governo fecha com empresa para fazer voos na Rota das Emoções

Os estados, que compreendem a Rota das Emoções, ganham um grande reforço para a atração de novos turistas.

O governador Wellington Dias anunciou a chegada da empresa de táxi aéreo Passaredo, que fará o translado dos turistas que visitarem o litoral do Ceará, Piauí e Maranhão. Os estados, que compreendem a Rota das Emoções, ganham um grande reforço para a atração de novos turistas. 


Para o governador, esse trecho do litoral nordestino tem grande potencial de atração de turistas de outras regiões do Brasil e do mundo

Ainda sem a frequência de voos estabelecida, passo que deve ser dado após uma reunião com representantes do movimento hoteleiro e agências de viagem, a Passaredo fará o translado de turistas que estiverem visitando todo o complexo Rota das Emoções, que compreende pontos turísticos cearenses, como a Lagoa do Paraíso, em Jijoca, a Vila de Jericoacoara; a cidade histórica de Parnaíba, as praias paradisíacas de Barra Grande e o Delta do Parnaíba no Piauí; assim como os Lençóis Maranhenses e a cidade de Tutóia, no Maranhão.

De acordo com o assessor especial da presidência da agência de taxi aéreo, coronel Paulo Edson, o objetivo é poder ampliar a atuação até a ilha de Fernando de Noronha, em breve. “Esse vetor é um pouco mais ambicioso, porque ele deve iniciar em Fernando de Noronha, passar por Fortaleza, depois Jericoacoara, Parnaíba e Barreirinhas. As frequências com relação a malha serão discutidas com as agências de viagem, mas o importante é que o passo foi dado”, comemora.

Para o governador, esse trecho do litoral nordestino tem grande potencial de atração de turistas de outras regiões do Brasil e do mundo. “A Rota das Emoções é um lugar especial no mundo. Você imagina Jericoacoara, Camocim, Delta do Parnaíba, Barra Grande, mas tem muito mais do que isso. Cidades históricas como Parnaíba. É um lugar que quem vem ama e o mundo está atrás de novos destinos, lugares que ninguém foi, lugares mais sossegados. O passo agora é ampliar os serviços de voos. Voos na Rota das Emoções, voos integrando o Piauí com outros estados, em especial os do Sul e Sudeste e esse encontro aqui permite preparar melhor a região para essas novas etapas”, conclui.

Piauí deve igualar média nacional do PIB per capita apenas em 2100

Piauí deve igualar média nacional do PIB per capita apenas em 2100

O conselheiro de Educação Antônio José Medeiros fez uma síntese da economia piauiense

Durante palestra no Seminário Piauí 2100, promovido pela Academia Piauiense de Letras, o Conselheiro de Educação Antônio José Medeiros fez uma síntese da economia piauiense, indicando que ainda há uma disparidade entre o PIB (Produto Interno Bruto) per capita do Piauí e o PIB per capita nacional. Com o atual ritmo de crescimento, o pesquisador indicou que o Estado só deve se equiparar à média em meados de 2100. “Se crescermos duas vezes o que cresce o PIB do Brasil, só igualaremos o PIB do Brasil em 2013, porque são 60% que temos que recuperar. Se crescer três vezes mais, atingiremos em 2058, e se crescer quatro vezes mais atingiremos em 2043, se crescêssemos quatro vezes mais seria mais seguro”, frisou. 

 
O conselheiro de Educação Antônio José Medeiros fez uma síntese da economia piauiense - Foto: Divulgação

Piauí tem crescimento de 4,2%

Durante o painel na Academia Piauiense de Letras, Antônio José Medeiros ainda frisou para o crescimento assinalado no PIB piauiense nos últimos anos. “Nos últimos 16 anos, 2002 a 2016, série histórica que o IBGE vem calculando o PIB para todos os Estados, todos os municípios com a mesma metodologia, nós atingimos em média 4,2% e o Brasil cresceu 2,4%, não chegamos a crescer o dobro do Brasil, nesse ritmo só vamos igualar o PIB Per capita provavelmente em torno de 2100 mesmo, será que conseguiremos acelerar esse ritmo? É um desafio, porque tudo indica que o Brasil vai recuperar um ritmo de crescimento”, afirmou. 

O palestrante também colaborou com uma visão sobre o uso tecnológico no futuro e a força que ele deve ganhar em todos os processos da vida. “A segunda perspectiva metodológica é analisarmos os processos, o processo de maior impacto histórico que estamos vivendo e provavelmente nos próximos 20 anos pelo menos é a chamada revolução da telemática, mistura da informática e da comunicação à distância, é o computador casado com o satélite, em geral desde que nossa civilização se tornou de base científica-tecnológica, são as revoluções tecnológicas que promovem o impacto. É uma revolução que tem como característica não só a rapidez, liquidez, mas a inovação, e é muito difícil fazer uma previsão quando você usa a perspectiva da inovação, de modo que é bem difícil prever como vai se chegar daqui a 80 anos”, complementou. 

Pobreza e falta de atenção básica afetam mortalidade infantil no Piauí

Pobreza e falta de atenção básica afetam mortalidade infantil no Piauí

Os dois estados têm as menores expectativas de vida do país, de 71,1 anos no Maranhão e 71,4 anos no Piauí.

A falha do serviço público de atender a mulher antes da 12ª semana de gestação é um dos gargalos enfrentados pelos governos do Piauí e Maranhão no combate a mortalidade infantil.

A ausência de atenção básica na saúde, especialmente no acompanhamento pré-natal, e a extrema pobreza das famílias têm dificultado na melhoria da expectativa de vida da população nos dois estados nordestinos.

Os dois estados têm as menores expectativas de vida do país, de 71,1 anos no Maranhão e 71,4 anos no Piauí.

No Maranhão, de cada 1.000 nascidos vivos, 19 bebês morrem antes de completar o primeiro ano de vida. É o segundo estado com maior índice de mortalidade infantil no país, segundo o IBGE. A taxa é superior à média nacional, que é de 12,4 para cada 1.000 nascidos vivos.


O Piauí tem a quarta menor renda per capita do Brasil, de R$ 806 - Foto: Arquivo O Dia

O analista do IBGE do Maranhão João Ricardo Costa Silva destaca que 53% da população maranhense é pobre, o que equivale a mais de 3,5 milhões de habitantes, dos 7 milhões de pessoas que moram no estado. Segundo o analista, faltam serviços como água potável, saúde e saneamento básico.

"Somente 8,3% dos municípios no Maranhão têm plano de saneamento básico, segundo o perfil dos municípios brasileiros. A expectativa de vida do maranhense tem melhorado lentamente, mas sem esgotamento sanitário as pessoas adoecem mais e isso tem impacto na qualidade de vida das pessoas", disse João Ricardo. O Maranhão tem a menor renda domiciliar per capita do Brasil, de R$ 607 em 2018, de acordo com o IBGE.

O Piauí tem a quarta menor renda per capita do Brasil, de R$ 806. O supervisor de Disseminação de Informações do IBGE do Piauí, Eyder Mendes, atribui a baixa expectativa de vida do piauiense à falta de saneamento básico, à atenção básica à saúde precária e aos indicadores preocupantes de acesso ao esgoto e à coleta de lixo.

Ele também aponta melhorias que têm contribuído para diminuir a mortalidade infantil, como as campanhas de vacinação, a atenção ao pré-natal, a promoção do aleitamento materno, os serviços de agentes comunitários de saúde e os programas de nutrição infantil.

A diretora de Vigilância e Atenção à Saúde do estado do Piauí, Cristiane Moura Fé, afirma que o governo adotou um plano de ação para reduzir a mortalidade infantil até 2023 em 13%. "Percebemos que 80% das mortes são evitáveis com ações no pré-natal e na assistência ao parto humanizado", disse Cristiane Moura Fé. (Folhapress)

Lixo jogado por moradores derruba muro na estação da Boa Esperança

Lixo jogado por moradores derruba muro na estação da Boa Esperança

Os moradores reclamam da ausência do poder público para a resolução do problema.

Quem mora no bairro Boa Esperança está preocupado com o lixo que é jogado no muro da linha do metrô. O local serve de descarte ilegal de resto de construções até de animais. O muro já caiu em vários pontos, e o mal cheiro incomoda os moradores da região.

Josefa Nascimento de 53 anos, mora há 31 anos na rua Dino Pereira e relata que essa sempre foi a realidade da região. E que a tendência é só piorar com o período de chuva que deve iniciar nos próximos dias.

 “Depois de dois dias que o muro caiu, vieram e coloram contêiner. Isso na segunda-feira e disseram que iriam retornar para retirar o lixo, mas a semana acabou e nada. E ficou pior por que agora tem usuários de droga que ficam atrás do contêiner. E aqui temos 4 crianças, e tem dia que para comermos temos que fechar a porta por causa do mal cheiro, é uma situação triste”, conta Josefa Nascimento

Com a Josefa, moram mais 6 pessoas e o seu genro Marcos Pereira de 31 anos, explica que o representante da Refesa foi ao local conversar com os moradores e disseram que vão fazer o possível para resolver a situação, mas que até agora nada foi feito.


O acúmulo de lixo tem causado muitos prejuízos no local - Foto: Assis Fernandes/O Dia

“Só queremos que resolvam a situação, aqui já achamos até cobra dentro de casa. Quando o pessoal estava jogando lixo, a gente sempre vinha reclamando, e acumulou ate que chegou nesse estado. E o Paulo Martins, presidente da Companhia Metropolitana de Transporte Público, veio aqui e disse que a coleta de lixo é feita pelo município não pelo órgão do metro, colocou o contêiner, mas não disse quem vai recolher. Porém pra mim Refesa tem uma parcela de culpa por que se sabe que as pessoas jogam têm que arrumar um jeito para evitar”, argumenta Marcos Pereira.

Já o caminhoneiro João Gaudino, 53 anos, conta que só está em casa aos fins de semana e que quando vê o pessoal jogando, ele reclama, mas durante a noite os caminhões de lixo são descartados no local.

“Já fizemos de tudo, brigamos, mas não adianta eles vêm quando não tem mais ninguém na rua. Muitas vezes jogam cachorro, gato. As vezes eu vejo que alguém está fazendo construção e vou pedir para não jogar, eles aceitam, mas no outro dia o lixo está aqui no muro”, lamenta João Gaudino. 

Resposta

O presidente da Companhia Metropolitana de Transporte Público (CMTP), Paulo Martins, informou que o muro já está sendo recuperado e que foram colocados conteiners provisórios para a população colocar o lixo, já que a queda do muro se deu, justamente, em decorrência da quantidade de lixo acumulado no local: "O muro caiu, de segunda para terça, quando daquela chuva, porque no local há muito lixo e entulho na região da comunidade Livramento. Como não está havendo disponibilidade de conteiner, nem de coletores, a população joga lixo ali, por falta de opção. Essa fiscalização e execução, em se tratando de lixo, é de responsabilidade da Prefeitura Municipal de Teresina", ressalta.

Ele argumenta ainda que a responsabilidade da CMTP, no tocante ao percurso da linha do metrô, se restringe à podas de árvores e à capina. "A população coloca lixo no percurso porque não tem os conteiners, mas temos um bom diálogo com a prefeitura, porque não se pode fazer nada sozinho; temos de trabalhar em conjunto, em harmonia para que possamos prestar um bom serviço à sociedade", finaliza Paulo Martins.

30 de novembro de 2019

Morre estudante de odontologia baleado após jogo do Flamengo

Morre estudante de odontologia baleado após jogo do Flamengo

Geniscleo foi atingido por uma bala perdida quando estava dentro de um carro com mais cinco amigos

O estudante de odontologia Geniscleo Pereira da Silva, de 31 anos, que foi baleado após o jogo do Flamengo, há uma semana, faleceu na tarde deste sábado (30). O rapaz estava internado, em estado gravíssimo, no Hospital de Urgência de Teresina (HUT) , depois de ter sido atingido por um tiro na cabeça nas proximidades do Supermercado Assaí, bairro Dirceu, zona Sudeste de Teresina.

(Fotos: Reprodução/Instagram)

A faculdade que Geniscleo Pereira estudava emitiu nota de pesar e lamentou a perda prematura do jovem. Nas redes sociais, amigos se comoveram com a notícia do falecimento do rapaz, que era natural de Santo Antônio dos Lopes (MA), município onde acontecerá o velório e sepultamento. Antes de ser levado para sua cidade natal, o corpo do estudante será velado na Pax União para que amigos e familiares possam prestar suas últimas despedidas.

Geniscleo chegou a passar por uma cirurgia neurológica no dia que deu entrada no HUT, onde permaneceu entubado e respirando com ajuda de aparelhos. O estudante estava em um carro com mais cinco pessoas quando um tiro atravessou o vidro traseiro e acertou a região da nuca do jovem.

Até o momento ainda não se sabe quem possa ter sido o autor do disparo nem de onde partiu o tiro.

Governador anuncia empresa que fará voos na Rota das Emoções

Governador anuncia empresa que fará voos na Rota das Emoções

A empresa de táxi aéreo Passaredo fará a linha que compreende o litoral do Ceará, Piauí e Maranhão

O Governo do Estado anunciou nesta sexta-feira (29), durante solenidade do Salão do Turismo da Rota da Emoções, realizado em Parnaíba, a empresa de táxi aéreo que fará o translado dos turistas que visitarem o litoral do Ceará, Piauí e Maranhão. O anúncio foi feito pelo Governador Wellington Dias, ao lado do coronel Paulo Edson, assessor especial da presidência da empresa de táxi aéreo Passaredo, que informaram da chegada da empresa de transporte de passageiros na rota que compreende os três estados nordestinos.

A Rota das Emoções, trajeto turístico que contempla os principais destinos turísticos do litoral piauiense e dos estados do Ceará e Maranhão, ganha uma grande reforço para a atração de novos turistas. Ainda sem a frequência de voos estabelecida, passo que deve ser dado após uma reunião com representantes do movimento hoteleiro e agências de viagem, a Passaredo fará o translado de turistas que estiverem visitando todo o complexo Rota das Emoções, que compreende pontos turísticos cearenses, como a Lagoa do Paraíso, em Jijoca, a Vila de Jericoacoara; a cidade histórica de Parnaíba, as praias paradisíacas de Barra Grande e o Delta do Parnaíba no Piauí; os Lençóis Maranhenses e a cidade de Tutóia, no Maranhão.

(Foto: CCOM)

De acordo com o assessor especial da presidência da agência de taxi aéreo, o objetivo é poder ampliar a atuação até a ilha de Fernando de Noronha, em breve. “Esse vetor é um pouco mais ambicioso, porque ele deve iniciar em Fernando de Noronha, passar por Fortaleza, depois Jericoacoara, Parnaíba e depois Barreirinhas. As frequências com relação a malhas serão discutidas com as agência de viagem, mas o importante é que o passo foi dado”, comemora o coronel Paulo Edson.

Para o governador, esse trecho do litoral nordestino tem grande potencial de atração de turistas de outras regiões do Brasil e do mundo. “A Rota das Emoções é um lugar especial no mundo. Você imagina Jericoacoara, Camocim, Delta do Parnaíba, Barra Grande, mas tem muito mais do que isso. Cidades históricas como Parnaíba. É um lugar que quem vem ama e o mundo está atrás de novos destinos, lugares que ninguém foi, lugares mais sossegados. O passo agora é ampliar o serviços de voos. Voos na rota das emoções, voos integrando o Piauí com outros estados, em especial os do Sul e Sudeste e esse encontro aqui permite preparar melhor a região para essas novas etapas”, conclui.

Salão do Turismo

A quarta edição do Salão do Turismo da Rota das Emoções é realizado pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) dos estados do Piauí, Ceará e Maranhão, segue até sábado (30). O evento reúne agências de viagem, operadoras e representantes do setor hoteleiro para dialogar e gera novos negócios.

Segundo o diretor-presidente do Sebrae Piauí, Mário Lacerda, mais de oito mil pessoas devem passar pela feira até o sábado. “Além das rodadas de negociação, o salão traz palestras, oficinas, encontro com aqueles que tem algo a colocar. Realizamos também um espaço para a comunidade interagir, participar, para os empreendedores da indústria, do comércio e dos serviços ganharem dinheiro e muitas atrações culturais. Em dois dias, já são quase cinco mil pessoas participando. Um sucesso. A expectativa é de mais de oito mil pessoas passem por aqui”, explica.

Empreendedor do setor de turismo em Jericoacoara e Jijoca, Fernando Andreoli, proprietário da empresa Tropikal Tour, ressalta a importância do salão. “O evento é fundamental para divulgar esse roteiro. A gente participa de palestras, de como tratar o turista, sobre acomodações, sobre as condições especiais de cada cliente. A gente cuida para que o turista saia satisfeito”, declarou.

A mesma impressão é compartilhada pelo maranhense Paterson Araújo, diretor operacional da Baluarte Pousada e Ecoturismo. Atuando em Tutoia, o empresário lembra a importância de tornar o turismo na região mais pujante. “Nosso objetivo hoje é apresentar novos produtos e fazer novos contatos com empresas de fora do país e do nordeste. A rota é fantástica, é muito promissora, mas ainda existe uma sazonalidade muito forte. A gente passa períodos com pouco movimento e viemos pra essa feira pra tentar fazer mais negócios, conquistar mais clientes e tentar também apresentar novos produtos ao público”, Diz.

A Rota das Emoções é um roteiro turístico integrado que reúne 14 municípios do litoral do Piauí, Ceará e Maranhão. Entre os principais atrativos estão os Lençóis Maranhenses (MA), o Delta do Parnaíba (PI) e Jericoacoara (CE).

29 de novembro de 2019

Presídios do Piauí passam a ser monitorados por central de controle

Presídios do Piauí passam a ser monitorados por central de controle

Com o sistema, é possível planejar ações que garantam a ordem e a disciplina nas unidades prisionais.

A rotina dentro dos presídios do Piauí passa a ser monitorada em tempo real da sede da Secretaria de Estado de Justiça (SEJUS), em Teresina. Com o acompanhamento da movimentação nas celas, as atividades dos agentes penitenciários e a dia a dia do sistema carcerário, a secretaria espera planejar ações que garantam a ordem e a disciplina nas unidades prisionais.

O monitoramento por câmeras de segurança já era realizado nos presídios do Piauí, contudo, as imagens eram acompanhadas apenas pela própria administração das unidades. O diferencial agora é que a movimentação poderá ser monitorada por uma central de controle que vai receber as imagens de todos os locais.


“O monitoramento eletrônico já existe nas unidades. Agora, teremos essas imagens disponíveis na sede da Sejus, visando estar mais próximo dessas rotinas, observando o comportamento dos presos, o trabalho dos agentes e servidores e outros detalhes”, esclarece o diretor de Tecnologia da Informação da Sejus Paulo Rocha.

Foto: Divulgação / Sejus

O secretário de Justiça Carlos Edilson afirma que o sistema foi possível devido o projeto Piauí Conectado, que leva internet banda larga ao interior do Piauí. “Graças ao nosso planejamento de modernização do sistema prisional, hoje, conseguimos mais esse avanço, que é poder acompanhar as rotinas carcerárias, em tempo real, direto do nosso gabinete”, disse.

A Sejus já acompanha em tempo real imagens das unidades prisionais de Teresina, Altos e Campo Maior. A expectativa é que novos presídios recebam o sistema com o avanço do Piauí Conectado. 

FM O Dia lança promoção com a cantora Bia Frazo. Veja regulamento!

FM O Dia lança promoção com a cantora Bia Frazo. Veja regulamento!

Para concorrer é fácil, consulte o regulamento abaixo e participe.

A promoção “Minha sogra” vai dar dois celulares Samsung A30, uma para você e outro para a sua sogra. Para concorrer é fácil, consulte o regulamento abaixo e participe.


REGULAMENTO PROMOÇÃO “MINHA SOGRA”

A promoção é realizada pela FM O DIA, CNPJ/MF nº. 05.819.149/0001-10, com sede em Teresina- PI, e regulada nos termos que se seguem: Leia com atenção: 

1. DO PERÍODO DA PROMOÇÃO

1.1. A promoção inicia em 30/11/2019 as 6h e termina dia 27/01/2020 ao meio dia (horário de Brasília); 

1.2. O resultado será divulgado no dia 27 de janeiro de 2020, ao Vivo na FM O DIA.

2. DA PARTICIPAÇÃO 

2.1. Essa promoção é válida apenas para pessoas físicas residentes no território nacional, respeitados os termos e condições estabelecidos neste regulamento; 

2.2. Não poderão participar desta promoção: empregados, estagiários da FM O DIA  nem seus familiares, nem qualquer pessoa das empresas envolvidas neste regulamento, direta ou indiretamente. 

3. DA MECÂNICA DA PROMOÇÃO

 3.1. para participar, o ouvinte deverá anotar o horário e a data que você ouviu a música MINHA SOGRA, e enviar  mensagem no WhatsApp da FM O DIA com seu nome, RG, nome da sogra ou mãe do seu namorado(a).

3.2. A produção da FM O DIA entrará em contato com o ganhador(a);

 3.3. Só estarão participando da promoção pessoas que envarem as informações solicitadas pelo WhatsApp conforme o item 3.1; 

3.4. A participação na promoção não está condicionada à aquisição ou uso de qualquer bem, direito ou serviço da FM O DIA  e tão pouco acarretará qualquer obrigação financeira ou vínculo trabalhista aos contemplados; 

3.5. Na hipótese de verificação de fraude, tentativa de fraude ou abuso relativo à promoção, o participante será excluído automaticamente da promoção, podendo ainda responder por crime de falsidade ideológica ou documental, e consequentemente a FM O DIA, se reserva ao direito de desclassificar e excluir o ouvinte participante, sem qualquer aviso prévio. 

4. DE COMO GANHAR 

4.1. A promoção consiste na premiação de 01 (um) participante, desde que cumpridos os requisitos da cláusula 3, o qual terá seu cadastro escolhido de forma aleatória durante o período da promoção. Neste sentido, e sob absoluta discricionariedade da FM O DIA, serão considerados os (as) ouvintes participantes que NÃO estiverem excluídos conforme o item 3.5.

5. DO PRÊMIO

5.1. Será 1 (um) ganhador para a referente promoção.

5.2. O ganhador da promoção, irá receber  2 (dois) smartphone Samsung A30;

5.3. Todas as informações para o recebimento do prêmio serão disponibilizadas aos ouvintes selecionados por um dos produtores da FM O DIA a partir da data de apuração do resultado dia 27/01/2020. 

6. DA ENTREGA DA PREMIAÇÃO 

6.1. O prêmio é pessoal e intransferível e não poderá ser trocado por outro, nem por qualquer valor pecuniário, sendo dado ao ouvinte que se inscreveu na promoção, mediante a apresentação da cópia do RG e CPF, junto com os documentos originais para simples conferência; 

6.2. A produção da FM O DIA entrará em contato com o (a) ouvinte selecionado (a), através dos seus dados cadastrais, para confirmação da aceitação do prêmio. Caso não seja possível fazer contato com o (a) ouvinte selecionado (a), a FM O DIA  deverá procurar outro ouvinte participante que receberá os prêmios relacionados; 

6.3. O nome, e/ou final do número do telefone do ganhador desta promoção será divulgados na programação que irá ao ar, nas mídias sociais da FM O DIA a partir do meio dia ao meio dia.

6.4. A promoção não inclui quaisquer despesas pessoais extras realizadas pelo (a) ouvinte ganhador (a). Menores de 18 anos, poderão participar da promoção com autorização dos pais ou responsáveis;

 7. DO DIREITO DE IMAGEM

 7.1. Os (as) ouvintes ganhadores deverá autorizar à FM O DIA  a utilização de fotos, depoimentos, imagens, vídeos e o que mais se referir à entrega dos prêmios relacionados nesta promoção, por tempo indeterminado; conforme Lei 10406/02, no seu Artigo 20, do Código Civil; 

7.2. Ao aceitar a cláusula 

7.1, o (a) ganhador (a) da promoção concorda que todos os direitos, de autoria e de interesse, serão de propriedade única FM O DIA, livre de qualquer tipo de reclamações posteriores feitas pelo (a) ouvinte ganhador (a) da promoção ou por qualquer outra pessoa que tenha direitos e interesses derivados do mesmo. 

8. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS 

8.1. Na hipótese de força maior ou caso fortuito poderão ser alteradas as datas e regras da presente promoção, com atualização neste presente canal;

 8.2. A simples participação na presente promoção implicará no integral reconhecimento das condições e aceitação irrestrita deste regulamento, bem como, presumir-se-á a condição de que o (a) ouvinte ganhador (a) não possui qualquer impedimento fiscal, legal ou outro que o impeça de receber e/ou usufruir o prêmio ganho;

8.3. A promoção poderá ser divulgada pela rádio, pela internet ou qualquer outro meio; 8.4. Para a identificação do (a) contemplado (a) acima, a empresa adotará as seguintes providências, sequencialmente: 

8.4.1. Contato como (a) ouvinte ganhador (a), visando obter contato, repetidamente pelo prazo de 24 (vinte e quatros) horas, contados da identificação; 

8.4.2. Divulgação no portalodia.com do nome do contemplado, visando dar transparência nos resultados da ação;

 8.5 A FM O DIA  não se responsabiliza por eventuais prejuízos ou danos que os participantes possam ter, oriundos de situações que estejam fora de seu controle; 

8.6 A FM O DIA  poderá interromper e/ou cancelar a promoção por motivo de força maior; 

8.7 A FM O DIA poderá alterar este regulamento tantas vezes quantas forem necessárias para adequar-se às necessidades e eventualidades da promoção à qualquer tempo; 

8.8 A FM O DIA não se responsabilizará pela autenticidade dos dados cadastrais fornecidos pelos participantes;

 8.9 O ouvinte participante da presente promoção declara ter conhecimento integral de todas as cláusulas e condições deste regulamento e os aceita integralmente; 

8.9.1 Quaisquer dúvidas, divergências ou situações não previstas neste regulamento serão julgadas e decididas pela Direção da FM O DIA  de forma soberana e irrecorrível; 8.9.2 As dúvidas e reclamações dos (as) ouvintes participantes desta promoção serão preliminarmente dirimidas pela FM O DIA; 

8.9.3 O regulamento está disponível nos canais de comunicação da FM O DIA junto com as publicações da promoção; 

8.9.4 À divulgação, condução, participação, premiação, bem como qualquer ato/fato de corrente desta promoção aplicar-se-á a legislação brasileira; 

8.9.5 Fica eleito o Foro Central da Capital do Estado do Piauí para dirimir quaisquer controvérsias oriundas deste regulamento, excluindo-se qualquer outro por mais privilegiado que seja.

 Teresina (PI), 28 de Novembro de 2019 

Vacinação contra febre aftosa vai até este sábado (30) no Piauí

Vacinação contra febre aftosa vai até este sábado (30) no Piauí

A estima é que 500 mil animais estejam dentro da faixa etária que deve ser imunizada no Estado

Criadores têm até este sábado (30) para vacinar ovinos e bubalinos de até dois anos de idade contra a febre aftosa no Piauí e mais 24 estados. A estima é que 500 mil animais estejam dentro da faixa etária que deve ser imunizada no Estado. A meta dessa etapa da campanha é atingir 90% desse número.

O Piauí possui 1,7 milhão de cabeças de gado, contudo, apenas animais de até 24 meses de vida devem ser vacinados. A estratégia adotada esse ano pelo Ministério da Agricultura e a Agência de Defesa Animal do Piauí (ADAPI) foi vacinar todo o rebanho na primeira etapa da campanha, realizada no mês de maio, e reforçar a vacina no rebanho mais suscetíveis para a doença nessa segunda etapa que teve início no mês de novembro.

A dose da vacina também foi alterada e caiu de 5 ml para 2 ml nessa segunda fase. O gerente de Defesa Sanitária Animal da ADAPI, Idílio Moura, explica que a medida foi adotada para evitar reações que os animais estavam apresentando em campanhas passadas, mas garante que a diminuição não coloca em risco a eficácia da vacinação.

“A dose de 5 ml provocava uma reação vacinal nos animais, e os criadores relatavam abscesso e nódulos nos locais em que os animais recebiam a vacinação. Inclusive, houve embargo dos EUA por causa de abscessos intramuscular em carcaças de bovinos oriundos do Brasil. A partir disso o Ministério da Agricultura e os estados entenderam que deveriam reduzir a dose para evitar essa reação”, afirma Idílio.

Idílio Moura explica que tão imponte quando a vacinação é a certificação do animal (Foto: Elias Fontinele /  O DIA)

Ao todo, 300 lojas estão credenciadas até este sábado (30) para realizar a vacinação. Logo depois, os criadores têm o prazo até dia 15 de dezembro para apresentarem junto a ADAPI o comprovante de vacinação para receber a certificação do órgão estadual. Multas, não emissão da Guia de Trânsito Animal e dificuldade em programas de financiamento de bancos públicos são as sanções previstas para quem deixar de vacinar e certificar o rebanho. 

Só 13% dos produtos aumentam de preço antes da Black Friday

Só 13% dos produtos aumentam de preço antes da Black Friday

Numa amostra de 10.735 produtos monitorados pela reportagem nos últimos 15 dias, apenas 13% tiveram aumento no período.

Uma das estratégias conhecidas popularmente como "black fraude" parece que não será significativa nas promoções deste ano. Numa amostra de 10.735 produtos monitorados pela reportagem nos últimos 15 dias, apenas 13% tiveram aumento no período.

Em anos anteriores, órgãos de proteção ao consumidor verificaram que lojas elevaram os preços antes da data e voltaram para números próximos ao valor original durante o período de promoção, simulando um desconto -estratégia que ficou conhecida como "tudo pela metade do dobro".

Para detectar se essa tática será usada neste ano, a reportagem acompanhou os preços online em 14 lojas, entre 13 e 27 de novembro. Entre as mercadorias monitoradas estão eletroeletrônicos, roupas, livros e móveis.

Quase 70% dos produtos não tiveram alteração no valor cobrado. Pouco menos de 20% registraram redução do preço, indicativo das promoções que as lojas fazem preparativas para a Black Friday.

Entre os 13% de produtos que variaram para cima, a maior parte é de itens de baixo valor (até R$ 300).

Em termos absolutos, são 1.300 itens que ficaram mais caros nestes últimos 15 dias. O aumento médio foi de 16,2%.

Não há grande diferença na presença desses produtos mais caros entre as empresas.

Foram monitoradas Amazon, Americanas, Casas Bahia, Extra, Kabum, Magazine Luiza, Marabraz, Netshoes, Pernambucanas, Pontofrio, Renner, Saraiva, Submarino e TokStok.

Para a Associação Brasileira do Comércio Eletrônico (ABComm), tanto o consumidor como as marcas atingiram certa maturidade para lidar com as ofertas na data, presente no calendário varejista brasileiro desde 2010.

"As reclamações diminuíram muito nos últimos dois anos. Se você considerar que as vendas sobem em grande proporção, as lojas estão aprendendo a fazer a lição de casa", afirma Mauricio Salvador, presidente da associação.

Para esta edição, a ABComm estima que as vendas subam 18%, puxadas, especialmente, pela proximidade do Natal. A expectativa de faturamento é de R$ 3,45 bilhões, acima dos R$ 2,92 bilhões de 2018, com tíquete médio de R$ 340.

Programada para esta sexta-feira (29), a data ficará seis dias mais perto do Natal em relação ao ano anterior. "Estimamos que um terço das vendas sejam antecipações das compras natalinas", diz Salvador.

Mesmo com expectativa mais otimista em relação às fraudes, especialistas sugerem atenção em descontos acima de 30% e comparação de preços em sites. (Folhapress)

Black Friday no Piauí: faturamento deve ultrapassar os R$15 milhões

Black Friday no Piauí: faturamento deve ultrapassar os R$15 milhões

Teresina é a cidade que deve apresentar maior faturamento no Estado, com movimentação de mais de R$9 milhões

O Black Friday já se consolidou como o dia mais importante para o comércio eletrônico nacional e tem a expectativa de superar os R$3,15 bilhões no Brasil, com uma movimentação recorde em 2019.

Esse faturamento significa um aumento de 21% em comparação com o ano passado, segundo estimativa de dados gerados a partir do histórico das edições anteriores e com base no tráfego do site oficial do evento: www.blackfriday.com.br .

O faturamento da região Nordeste deve ultrapassar os R$445 milhões este ano durante o período do Black Friday. Desse valor, mais de R$15 milhões devem se concentrar no Piauí. A capital Teresina é cidade que possui maior representatividade, movimentando mais de R$9 milhões.

A região sudeste continua sendo a responsável pelo maior faturamento em números absolutos do Black Friday, com 59% do total do evento. Seguida por Sul (16%), Nordeste (14%), Centro Oeste (8%), e Norte (3%).

“O Black Friday vem batendo recordes de faturamento todos os anos, desde quando lançamos o evento no Brasil. Depois de um crescimento mais moderado nos anos do ápice da crise, hoje, ainda que a economia não esteja totalmente recuperada e com turbulências políticas, há uma maior confiança para gastar, inclusive aproveitando-se de compras represadas nesses períodos ”, explica Ricardo Bove, idealizador do Black Friday.

Os produtos que possuem maior intenção de compra para 2019 segue o perfil já consolidado pelo evento: aqueles de maior valor agregado e de desejo. O destaque fica por conta dos produtos abaixo, segundo pesquisa realizada no site oficial do evento:

Smartphones (37%)

Eletrodomésticos (36%)

Televisores (29%)

Informática (24%)

Móveis e Decoração (22%)

Pescaria cai pela metade com tapete de aguapés no Rio Poti

Pescaria cai pela metade com tapete de aguapés no Rio Poti

Além disso, é período de piracema, ou seja, época do ano em que ocorre a desova dos peixes, e dificulta ainda mais o trabalho dos pescadores

O tapete de aguapés que está cobrindo parte do Rio Poti na zona urbana de Teresina tem afetado a pesca na região. De acordo com os pescadores, a água do Rio está suja e os peixes não aprecem. Além disso, é período de piracema, ou seja, época do ano, entre os meses de outubro a março, em que ocorre a desova dos peixes, e dificulta ainda mais o trabalho. 


Leia também: Semam quer parceria com pescadores para manejo de aguapés 


Rosildo de Mesquita tem 45 anos e é pescador desde os 7, quando saia para o rio com o pai. Os seus 12 irmãos vivem da pesca e, com os aguapés no rio, a pescaria caiu pela metade.


Rosildo diz que, pelo menos, ainda não viu peixes mortos no rio - Foto: Assis Fernandes/O Dia

“Costumamos pegar uma caixa de 50 litros de branquinha, que cabe cerca de 500 peixes. Mas, quando está o tapete de aguapé aqui no Encontro dos Rios, a gente não navega. Fora que a água fica toda suja, verde, porque os aguapés soltam, atrapalha a pescaria e está difícil de pegar os peixes. Mas ainda não vimos peixes mortos na região”, conta Rosildo de Mesquita.

Um dos motivos das plantas se reproduzirem descontroladamente no rio é o nível de poluentes, advindos, sobretudo, dos esgotos residenciais. Para o secretário municipal de Meio Ambiente (Semam), Olavo Braz, a responsável pela poluição do rio é a Agespisa, que esteve à frente do abastecimento de água e tratamento de esgoto durante muitos anos em Teresina.


Foto: Assis Fernandes/O Dia

“Aguapé não é de responsabilidade da Prefeitura de Teresina. Nós estamos cumprindo um acordo que foi feito na Justiça Federal pelo Ministério Público Federal. Aguapé é esgotamento sanitário, responsabilidade do Estado que administrou por mais de 50 anos o esgotamento [da Capital] e permitiu que tudo isso acontecesse, jogando resíduo orgânico e químico dentro do Rio Poti. Todos somos responsáveis, mas a responsabilidade legal do que está acontecendo é da Agespisa, que agora está sob a responsabilidade da Águas de Teresina, mas o contrato que foi feito com a Águas de Teresina não foi incluído o passivo do Rio, portanto é responsabilidade da Agespisa”, desabafa Olavo Braz.

Apesar da argumentação, o secretário garante que as ações que cabem à Semam estão sendo tomadas de acordo com os trâmites legais e que, na próxima semana, os aguapés serão retirados das águas do rio. “Elaboramos o projeto, foi encaminhado para Procuraria Geral do Município (PGM), onde todos os projetos da Prefeitura têm que passar e serem analisados. O projeto retornou da PMG nesta quarta-feira (28) e os advogados da Semam já entraram em ação para arrumar o que a Procuradoria solicitou. Após, será encaminhado para o Ministério Público e depois a Prefeitura entra em ação para retirada dos aguapés”, diz Olavo Braz.


Foto: Assis Fernandes/O Dia

Agespisa rebate declarações de secretário

Procurada pela reportagem para responder as críticas do secretário municipal de Meio Ambiente (Semam), Olavo Braz, a Agespisa disse, por meio de nota, que, desde julho de 2017, não opera os sistemas de abastecimento de água e de esgotamento sanitário de Teresina. Portanto, não teria como falar sobre o tema.

“Contudo, durante o tempo em que a empresa operou o sistema, os técnicos da Agespisa sempre sustentaram que a causa maior da poluição dos rios é o lançamento clandestino de esgoto bruto nas galerias pluviais da cidade, cuja competência é da Prefeitura, já que a Agespisa não tem poder de polícia para coibir esse tipo de ligação”, completou.

A Agespisa pontuou ainda que, em determinado momento, quando foi acionada sobre o assunto, o órgão elaborou um diagnóstico com identificação dos pontos de lançamento e recomendou à Prefeitura que avaliasse a possibilidade de exigir a implantação imediata de tratamento individual (fossa séptica e sumidouro) nesses locais, “o que não foi feito”.

“A Agespisa esclarece, por fim, que esse é um assunto para ser debatido entre a Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, e a nova operadora do sistema”, finalizou.

A reportagem também entrou em contato com a Águas de Teresina que informou que o tratamento do esgoto na Capital está cumprindo as exigências descritas em contrato. E que a cobertura de esgoto em Teresina passou de 19% para 31%, um crescimento de mais de 60%. 

“Em cooperação com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam), a Águas de Teresina integrará equipe de fiscalização para identificação de possíveis descartes irregulares de esgoto. Configura-se crime o lançamento indevido de esgoto em vias públicas ou ligações clandestinas de esgoto no sistema de drenagem. Denúncias podem ser direcionadas à Semam ou à Agência Reguladora de Serviços Públicos de Teresina (Arsete). A Águas de Teresina reforça que vem cumprido as metas estabelecidas em contrato e sempre se colocou à disposição dos órgãos para apoiar as ações de fiscalização”, argumenta o órgão.