Chesf reduz vazão da barragem de Boa Esperança

Atualmente a barragem apresenta 69% da sua capacidade

14/01/2022 13:10h

Compartilhar no

A Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) emitiu um comunicado, através do Sistema de Alerta da Bacia do Rio Parnaíba, nesta sexta-feira (14), informando que reduziu a vazão da Barragem de Boa Esperança, de 2.000 m³/s para 1600 m³/s. Segundo os dados, até ontem, a barragem apresentava volume útil de 69,35%, com uma afluência média à barragem de 1690 m³/s.

No dia 28 de dezembro do ano passado, a Chesf havia anunciado que iria elevar a vazão defluente do reservatório para 1.000 m³/s.A medida fez praticamente dobrar a vazão da barragem e foi uma estratégia adotada devido às intensas chuvas que atingiram o sul do Piauí. 

(Foto:  André Schuler / Chesf)

Em Timon (MA) e Teresina (PI), o nível atual do rio Parnaíba é de 5,15 m, em cota de atenção, abaixo da cota de alerta (abaixo 35 cm), sendo prevista uma redução do nível nas próximas 8 horas para cota 5,10 m.

Em Floriano (PI) e Barão de Grajaú (MA), a cota atual do rio Parnaíba é de 7,83 m, estando abaixo da cota de inundação 1,15 m, sendo previsto que o nível estabilize em torno de 7,81 m nas próximas 8 horas. Para essas cidades, a cota de inundação é definida em 8,98 m.

Com relação à Luzilândia (PI), a cota atual do rio Parnaíba é de 5,12 m, com valor de previsão para as próximas 12 horas de 5,10 m, 10 cm acima da cota de alerta (5,00 m).

No momento, segundo as previsões, não há risco imediato de inundações. Entretanto,  é necessário o acompanhamento permanente da evolução dos níveis e a manutenção de equipes de prontidão por parte da Defesa Civil para eventuais ações de remediações no curto prazo caso as condições hidrológicas se agravem.

A cota atual do rio Poti, aferida na estação Fazenda Cantinho II, zona rural de Teresina, é de 2,39 m, devendo sofrer uma pequena redução nas próximas 10h com valores em torno de 2,38 m, e mantendo-se em situação de normalidade. 

Em Barras, o nível do rio Marataoan observado no momento é de 3,39 m, superando em 19 cm a cota de atenção (3,20 m), sendo previsto uma pequena redução do nível para valores em torno de 3,38 nas próximas 8 horas. Já o rio Longá, em Esperantina, tem cota atual de 4,11 m, devendo manter esse nível nas próximas 8 horas, ainda em situação de normalidade.

Em relação ao rio Parnaíba em Uruçuí (PI) e Benedito Leite (MA), o somatório das vazões das estações vizinhas localizadas no próprio rio Parnaíba na localidade Sítio do Velho, no rio Uruçuí Preto na localidade Fazenda Bandeira e no rio das Balsas na localidade São Félix de Balsas (os três rios que contribuem para o volume de água que ora escoa pelas duas cidades), apontam para volumes em Uruçuí com vazões da ordem de 1.800 m³/s. O valor máximo ocorreu às 10 h da manhã do dia 03/01/2022 com valores próximos a 2120  m³/s.

O Serviço Geológico do Brasil (CPRM) informa que continuará monitorando a situação hidrológica da bacia, mantendo os órgãos competentes e a sociedade devidamente informados. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário