• Banner Cultura Governo do PI
  • Obras no Litoral Cultura
  • Clínica Shirley Holanda
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Piauí é o estado com a maior frequência no primeiro dia do Enem

Dados constam no balanço do Inep e apontam que dos 122.338 candidatos do estado, somente 23 mil deixaram de fazer a prova.

04/11/2019 08:07h - Atualizado em 04/11/2019 19:13h

O Piauí foi o estado brasileiro que registrou a maior taxa de presença de candidatos no primeiro dia de prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) pelo quarto ano consecutivo. Segundo o balanço divulgado nesta segunda-feira (04) pelo Inep, 99.100 dos 122.3308 inscritos compareceram aos centros de aplicação, o que significa uma taxa de presença de 81%. Somente 23.238 candidatos não fizeram a prova, totalizando a porcentagem mínima de 19%.


Depois do Piauí, foi o estado da Paraíba o que registrou a maior presença de estudantes no primeiro dia de prova, com uma taxa de frequência de 80,5% (118.455 candidatos fizeram o Enem no estado paraibano). Por sua vez, o estado do Amazonas foi o que registrou a maior taxa de abstenção do país, com apenas 68,9% dos inscritos presentes e 31,1% ausentes.


Leia também: 

Gabaritos do Enem serão divulgados no dia 13 de novembro 

Sonho de ingressar na Universidade leva pessoas com mais de 50 anos ao Enem 

“É uma formulação paradoxal”, diz professora sobre Redação do Enem 


Em todo o Brasil, mais de 5 milhões de pessoas se inscreveram para o Enem 2019 e, deste total, apenas 1,2 milhões não comparecem aos locais de aplicação da prova

Para a diretora da Unidade de Mediação Tecnológica e coordenadora do Pré-Enem Seduc, Viviane Holanda, a presença massiva dos candidatos no primeiro dia de Enem é resultado do acompanhamento feito ao longo do ano, especialmente no cotidiano escolar. "A gente não pode deixar de considerar o trabalho feito principalmente no chão da escola, no dia a dia do estudante. Ao longo do ano nossos professores estão muito centrados, cuidados e zelosos em servir e entregar um serviço de qualidade para os nossos estudantes", destaca.

Além disso, a diretora ressalta que o objetivo da Seduc é conseguir aumentar, cada vez mais, o número de alunos no ensino superior. Somente no ano passado, 10 mil estudantes foram aprovados no Enem, incluindo Prouni e Fies. "Isso mostra que a Seduc chega com o candidato e segura na mão dele até o final. É o terceiro ano em que a gente coloca pontos de mobilização, num gesto singelo de dar água, balinha e um abraço sincero, dizendo que a Seduc está com você até o fim", completa.

Os números do Piauí também foram comemorados pelo secretário estadual de Educação, Ellen Gera, que destacou o esforço para transportar estudantes da rede pública e do interior do estado aos locais de prova. 

“Em 2016, quando foi identificado que muitos alunos deixavam de fazer a prova simplesmente por não terem dinheiro para o vale transporte, foi criado o Passe Livre, o que deixou os candidatos mais tranquilos em relação ao deslocamento até o centro de aplicação. De lá para cá, temos nos esforçado para que tanto os alunos da rede pública, quanto do interior do Piauí tenham transporte garantido nos dias da prova”, ressaltou o gestor.


Foto: O Dia

Estudante foi eliminada porque celular toco durante a prova

Aqui no Piauí, uma aluna que prestava o Enem foi eliminada após seu celular tocar durante a realização da prova. O caso aconteceu na Unidade Escolar Lourival Parente, zona Sul de Teresina e acabou configurando conduta irregular por ferir o regulamento do exame que trata do porte de equipamentos eletrônicos e/ou de comunicação no local de aplicação do exame.

Foram registradas também duas emergências médicas, sendo uma no Centro Educacional de Ensino Integral Polivalente, em Amarante; e a outra em Parnaíba, no Liceu Parnaibano. Segundo a Secretaria de Segurança, responsável pelo Centro de Comando e Controle, as duas pessoas atendidas passam bem.

Houve falta de energia em quatro cidades: Buriti dos Lopes, no Centro Estadual de Educação Profissional Mari Chaves e na Unidade Escolar Osair Valente; em Teresina, na Escola Lourival Parente; em Paulistana, não Centro Estadual de Tempo Integral; e em Uruçuí, na Universidade Estadual do Piauí. Em todos os casos, a queda de energia foi contornada e o problema resolvido sem necessidade de reaplicação das provas.

Em Parnaíba, a Secretaria de Segurança registrou ainda um caso de perturbação do sossego com música alta na Escola Municipal São Francisco dos Capuchinos. Uma pessoa foi detida e encaminhada para a Central de Flagrantes.

Preparação

Para preparar os estudantes para o Enem deste ano, a Seduc realizou, por meio do Pré-Enem, 35 revisões de auditório, sendo sete em Teresina, 18 no interior e 10 contemplando os reeducandos do sistema prisional. Foi lançado também o aplicativo Canal Educação, para correção de redação, simulados e vídeo aulas. 

Na próxima quinta-feira (07), será realizada o Aulão da Natureza para preparar os estudantes para as provas do segundo dia de Enem, que terão lugar no domingo (10). A aula será transmitida pelo Canal Educação e também pela internet.

Por: Maria Clara Estrêla e Nathalia Amaral

Deixe seu comentário