• Campanha da Santa Missa
  • Vencer 03
  • Vencer 02
  • Vencer 01
  • Prerrogativas da advogacia
  • Peregrinos da fé
  • Novo app Jornal O Dia

Cuidador é preso suspeito de estuprar criança com paralisia cerebral em THE

O crime ocorreu dentro de uma escola rede municipal de ensino na Zona Norte de Teresina.

26/03/2020 14:30h - Atualizado em 26/03/2020 17:37h

Um cuidador foi preso preventivamente suspeito de estuprar uma criança diagnosticada com paralisia celebral nesta quinta-feira (26). O crime ocorreu dentro de uma escola rede municipal de ensino na Zona Norte de Teresina.

Delegação  Proteção a Criança e ao Adolescente (DPCA). Foto: Arquivo O Dia.

Segundo a Polícia Civil, o homem, que é estudante de um curso técnico de enfermagem, trabalhava na unidade com cuidador da vítima.

“O individuo trabalhava como estagiário, na área de técnico de enfermagem, e se aproveitou da sua função para abusar e estuprar a vítima de 13 anos, portadora de paralisia mental. O suspeito tirava a garota da sala, a levava para outro local do colégio sob pretexto de realizar alguns cuidados e, lá, ele praticava o crime”, contou informou o delegado geral da Polícia Civil do Piauí, Luccy Keiko.

Ainda segundo a polícia, a vítima conseguiu descrever as características do suspeito que foram confirmadas por meio do laudo pericial.

O homem foi indiciado pelo crime de estupro de vulnerável e preso em cumprimento a um mandado de prisão representado pela Delegação  Proteção a Criança e ao Adolescente (DPCA). O preso será submetido à audiência de custódia. 

Edição: Adriana Magalhães
Por: Jorge Machado

Deixe seu comentário