• Natal
  • Policlinica
  • Motociclista
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Piauí recebe fuzileiros navais de Belém para monitorar manchas de óleo

Além do reforço no efetivo, a Capitania dos Portos do Estado receberá também um navio patrulha que fará o monitoramento da costa.

13/11/2019 09:40h - Atualizado em 13/11/2019 10:02h

Com sete praias afetadas pelo aparecimento de manchas de óleo, o Piauí receberá um grupo de fuzileiros navais vindos de Belém para auxiliar no monitoramento da situação e atuar na limpeza das praias caso seja necessário. A informação foi repassada pelo capitão Benjamin Dante Duarte, comandante da Capitania dos Portos do Piauí.

O órgão da Marinha está atuando junto com o IBAMA, a Semar (Secretaria Estadual de Meio Ambiente) e com o ICMBio no controle das manchas de óleo para evitar maiores danos à população e até à própria vida marinha. Apesar do Piauí ser o estado menos afetado pelo óleo em todo o Nordeste, o monitoramento para o caso de novas manchas aparecerem é feito não só em terra, como também pelo ar.


De acordo com o capitão Dante, a Capitania dos Portos do Piauí recebeu também duas aeronaves da Capitania do Maranhão que estão fazendo sobrevoos na área de Luís Correia, na região do Delta do Parnaíba para detectar pelo alto o possível surgimento de novas manchas de óleo nas águas e na areia das praias.


Um navio patrulha também chega ao estado ainda esta semana para fazer o levantamento marítimo da costa durante o restante deste mês de novembro e no mês de dezembro. “É o Navio Patrulha Guarujá, que vai fazer o monitoramento marítimo e servir como um alarme no caso de ser observado mancha de óleo nas praias”, explicou o capitão Dante. 

Por: Maria Clara Estrêla

Deixe seu comentário