• Canta
  • SOS Unimed
  • Fagner
  • Trilha das emoções
  • Novo app Jornal O Dia

DEM instala comissão provisória em Teresina mirando eleições de 2020

Partido busca ter força política na capital, a fim de tentar candidatura própria nas próximas eleições.

27/08/2019 15:01h - Atualizado em 27/08/2019 15:18h

Visando um bom desempenho nas eleições municipais do próximo ano, o Democratas (DEM) instalou, nesta terça-feira (27), sua comissão provisória em Teresina. Empossado no comando do partido na capital,  Valter Brito trabalha a formação de uma chapa proporcional de candidatos a vereadores competitiva.

“A expectativa da nossa eleição na capital é fazer com que o Democratas faça três vereadores. Estamos trabalhando para isso. Gostaria até de dizer o seguinte: tenho muita cautela, sei como se deve entrar e sair”, disse Brito, que destacou sua experiência político partidária como um fator positivo na sua missão de conduzir a sigla.


Presidente do DEM no Piauí, Rooney Lustosa. (Foto: Arquivo O Dia)

O novo presidente municipal ainda ressalta que os candidatos do DEM deverão atender ao critério do ‘teto de votos’, ou seja, não serão aceitos postulantes ao legislativo que já possuírem mandato ou que tenham obtido mais de 1.300 votos na última eleição para vereador.


Leia mais:
Democratas quer Robert Rios na disputa pela Prefeitura de Teresina

Filiação de Mão Santa ao Democratas deve acontecer em agosto 


Brito também pontuou que a ideia é contar com o apoio do diretório estadual da legenda neste processo, o que foi acatado por Ronney Lustosa, presidente do DEM no Piauí. Para este, o objetivo é fazer com o partido volte a ter força política na capital, inclusive com candidatura própria à Prefeitura de Teresina em 2020.

“Estamos dando posse a comissão executiva municipal, que ficará responsável por formar uma chapa competitiva na cidade, para que voltemos a ter cadeiras e uma representação efetiva do Democratas na Câmara Municipal de Teresina e também abrir portas para uma possível candidatura de prefeito”, disse Lustosa.

Por: Breno Cavalcante

Deixe seu comentário