• Curta Doar
  • Teresina 167 anos
  • Casa dos salgados
  • Novo app Jornal O Dia

Dr. Pessoa diz que abre mão de "cabeça de chapa" por Robert Rios

Ex-deputado afirma que conversas do MDB com o ex-governador Wilson Martins estão avançadas, e que seria bem-vindo o apoio de Wellington.

18/07/2019 13:30h - Atualizado em 19/07/2019 09:17h

O ex-deputado estadual Dr. Pessoa afirmou nesta quinta-feira (18), a O DIA, afirmou que ter Robert Rios (sem partido) como candidato a vice-prefeito ao seu lado seria a sua "chapa dos sonhos" para as eleições de 2020.

O ex-candidato a governador do estado também disse que, para ter Robert ao seu lado numa chapa majoritária, aceitaria até mesmo inverter as posições, sendo Robert o pré-candidato a prefeito e ele, Dr. Pessoa, a vice.

"Se ele dissesse: 'Dr. Pessoa, eu quero me seguir com você, mas eu quero ser o pré-candidato [a prefeito]', eu não faria objeção. Porque, na minha visão, ele é tão capacitado e tem tanto desejo de fazer diferente na administração pública, que eu e ele juntos faríamos uma gestão bem melhor para a cidade de Teresina. Então, eu quero dizer que sou pré-candidato a prefeito, mas se fosse uma exigência do Robert Rios [ocupar o lugar], eu não teria objeção", destacou Pessoa.

O ex-deputado Dr. Pessoa disse que aceitaria ser pré-candidato a vice-prefeito numa chapa liderada por Robert Rios (Foto: Elias Fontinele / O DIA)

Essa posição, contudo, não é avalizada pelo próprio MDB, tendo em vista que algumas das principais lideranças emedebistas têm afirmado reiteradamente que a sigla não abrirá mão de uma candidatura própria à Prefeitura da capital no pleito do próximo ano, e o próprio deputado Themístocles Filho (MDB), presidente da Assembleia, tem dito que Pessoa é, hoje, o emedebista com mais chances de vencer uma disputa pela Prefeitura da capital. 

Pessoa também afirmou que uma aliança com o ex-prefeito Silvio Mendes seria muito bem recebida pelo MDB. E acrescentou que as conversas entre Themístocles Filho e o ex-governador Wilson Martins estão bastante avançadas, para que o PSB siga com o MDB nas eleições de 2020. 

"O presidente Themístocles Filho já conversou com o Wilson Martins, e me parece que ele irá marcar uma reunião [com Wilson] com a minha presença. Me sinto orgulhoso se estiver num time em que, entre outras pessoas, estejam presentes Wilson Martins e Robert Rios", declarou o ex-deputado.

Dr. Pessoa foi entrevistado pelo jornalista Lívio Galeno, no telejornal O DIA News 1ª edição (Foto: Elias Fontinele / O DIA)

'Wellingon disse que não haveria dificuldade em união com o MDB', revela Pessoa

Mesmo tendo sido o principal adversário de Wellington Dias (PT) no pleito de 2018, quando fez duras críticas às gestões do petista à frente do Governo do Estado, Dr. Pessoa disse que seria muito bem-vindo o apoio do governador à sua chapa em 2020.

"O governador disse que, se o PT não tiver candidato próprio [em 2020], não haveria dificuldade em uma união com o MDB, o que deve ocorrer no primeiro ou no segundo turno", afirmou Pessoa.

Na manhã da última terça-feira, Pessoa foi à residência oficial do governador para uma visita de cortesia, que foi articulada pelo deputado Themístocles Filho e pelo vereador Jeová Alencar, presidente da Câmara Municipal de Teresina.

O ex-deputado diz que teve uma surpresa agradável, ao ouvir do governador que ele, Dr. Pessoa, é querido por "todos do PT".

Em entrevista o telejornal O DIA News 1ª edição, Pessoa também lembrou que já foi filiado ao MDB no passado, e diz que está retornando ao partido de "coração aberto". "Estou muito alegre, muito satisfeito. Principalmente, por ter sido convidado pelo deputado Themístocles [Filho], pelo senador Marcelo [Castro], sendo o convite coroado por todos os emedebistas", concluiu Pessoa.

Por: Cícero Portela

Deixe seu comentário