• SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Luciano diz que pré-candidato indicado por Firmino vai ser filiado ao PSDB

O presidente do PSDB trabalha para filiar o ex-prefeito Silvio Mendes até o mês de março

17/01/2020 16:01h - Atualizado em 23/01/2020 11:27h

O pré-candidato a prefeito de Teresina indicado por Firmino Filho será obrigatoriamente filiado ao PSDB. A declaração contundente é do presidente do diretório estadual do partido Luciano Nunes, que revelou que o acordo tem o consenso da base aliada do Palácio da Cidade e é uma decisão já definida.

Luciano Nunes soltou a informação em meio a elogios que fazia ao nome de Washington Bonfim como possível candidato indicado de Firmino Filho.


“O nome do professor Washington Bonfim sempre esteve entre os possíveis nomes. O que se entende é que caso ele seja o escolhido e se firme como pré-candidato, que ele possa vir para o PSDB. Nós temos o entendimento que o candidato a prefeito será do PSDB. Isso já está pacificado, inclusive com manifestações do prefeito nesse sentido. Não teria razão para o candidato não ser do PSDB”, disse o presidente da sigla.

Apesar de comentar o avanço do nome de Bonfim nas últimas semanas, Luciano Nunes afirmou que os demais nomes seguem mantidos como pretensos candidatos. Sobre Silvio Mendes, ele pontuou que tem reforçado o convite para que o ex-prefeito volte a integrar o partido e acredita que até o mês de março Silvio esteja filiado.

“Não é de agora que convidamos o ex-prefeito Silvio Mendes para o PSDB. Temos a convicção que ele virá para o partido até o mês de março. Ele também é um nome forte que se destaca nas pesquisas de intenção de votos. É uma liderança reconhecida pela população”, disse Nunes.

A escolha do pré-candidato

Luciano Nunes espera que até o mês de março o prefeito Firmino Filho defina quem será o pré-candidato do grupo. Questionado sobre a influência das pesquisas de intenção de voto na escolha do nome, Luciano Nunes afirmou que as pesquisam apontam o perfil do candidato que o eleitorado da capital espera, contudo, não é a único ponto que deve ser analisado. A conversa com as lideranças políticas também é apontada como importante.

Por: Otávio Neto

Deixe seu comentário