• Banner Cultura Governo do PI
  • Obras no Litoral Cultura
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Sem recursos, 40 cidades fecham ano fiscal no ‘cheque especial’

As informações também estão no índice de Gestão Fiscal da Firjan. O tema é trabalhado no item “Liquidez”.

04/11/2019 07:01h - Atualizado em 04/11/2019 12:40h

No Piauí, 40 prefeituras terminaram 2018 sem recursos em caixa para cobrir as despesas postergadas para o ano seguinte. As informações também estão no índice de Gestão Fiscal da Firjan. O tema é trabalhado no item “Liquidez”.


Leia também: 

Mais de 80% das cidades do PI apresentam gestão fiscal em situação crítica 

Presidente da APPM reconhece dificuldades e defende cobrança de tributos 


O IGF Liquidez revela que outras 126 gestões municipais piauienses não conseguiram realizar o planejamento de seus orçamentos de forma eficiente, o que acarretou num cenário de “situação difícil ou crítica”. 


Foto: Agência Brasil

A Federação avalia que a dificuldade desses gestores em cumprir com suas obrigações fiscais e financeiras está relacionada ao cenário de baixa geração de receitas próprias capazes de arcar com as despesas de suas estruturas administrativas.

“O planejamento é um fator fundamental não só para o atendimento às necessidades básicas da população, como também para o cumprimento das obrigações com fornecedores e a atração de investidores. Sem isso, a geração de bem-estar e a melhoria do ambiente de negócios estarão ameaçadas”, diz o estudo da entidade. 

Por: Natanael Souza, do Jornal O Dia

Deixe seu comentário