Piauí Prev bloqueia mais de 6 mil contracheques por falta de prova de vida

Para regularizar a situação, é necessário realizar o procedimento através do aplicativo ‘Meu RPPS’

25/11/2021 15:50h

Compartilhar no

A Fundação Piauí Previdência (Piauí Prev) bloqueou contracheques de mais de seis aposentados e pensionistas que não realizaram a Prova de Vida Digital 2021. Com o bloqueio, os beneficiários já não recebem os valores referentes à folha de novembro. Destes, 3.826 são aposentados e 2.497 pensionistas. Para regularizar a situação, é necessário realizar o procedimento através do aplicativo ‘Meu RPPS’.

Foto: Jailson Soares/ODIA


“Reabrimos o sistema do aplicativo ‘Meu RPPS’ para que as pessoas que estão com o contracheque bloqueado, que não vão receber o benefício dia 30, fazerem a prova de vida pelo aplicativo. As contas serão desbloqueadas à medida que as provas forem feitas pelos segurados”, disse presidente da Piauí Prev, Ricardo Pontes.


Ainda segundo o presidente, a Fundação Piauí Prev iniciou análises para identificar segurados que já morreram, que continuam recebendo o benefício, mas que está sendo usado por familiares.

“Estamos fazendo agora o cruzamento com sistema nacional de óbitos, para verificar quantos faleceram para cancelar definitivamente o benefício (aposentadoria ou pensão). Existem famílias que não avisaram o falecimento”.

Ainda segundo da Piauí Prev, todos os segurados que não realizaram a prova de vida receberão avisos no contracheque bloqueado. Os segurados não precisam se dirigir a agências bancarias ou à sede da Fundação. “O procedimento é feito online, de forma prática. Isso evita que o beneficiário de outros municípios ou estados precise se deslocar para a Fundação”, completa.

O órgão disponibiliza o e-mail: [email protected] e o celular: (86) 99498-8195 para dúvidas e sugestões. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário