• Curta Doar
  • Teresina 167 anos
  • Casa dos salgados
  • Novo app Jornal O Dia

Notícias Entretenimento

23 de agosto de 2019

Lucas Lucco anuncia que está noivo após pedido surpresa à namorada

Lucas Lucco anuncia que está noivo após pedido surpresa à namorada

O cantor publicou na rede social um vídeo do momento em que fez o pedido, durante uma festa. "Escrevendo mais um capítulo", escreveu na legenda.

Lucas Lucco , 28, revelou por meio de seu Instagram nesta sexta-feira (23) que ele e a namorada, Lorena Carvalho, estão noivos.

O cantor publicou na rede social um vídeo do momento em que fez o pedido, durante uma festa. "Escrevendo mais um capítulo", escreveu na legenda. 

Nas imagens, o casal se beija e mostram as novas alianças. Emocionada, Lorena foi pega de surpresa no pedido, feito em frente a amigos e familiares.


Foto:Reprodução/Instagram

Nos últimos dias, Lucco precisou desmarcar shows para passar por uma cirurgia de emergência para corrigir o rompimento de uma fibra na região do peito, causado durante exercícios físicos pesados. Lorena esteve ao seu lado durante todas as etapas.

Por meio de comunicado oficial, o artista informou que precisaria ficar 11 dias em repouso, atrapalhando a turnê de seu lançamento mais recente, o DVD "A Origem". 

O artista dedicou anos ao trabalho que traz 19 canções inéditas, do começo ao fim. A primeira música foi "Briguinha Boba". "Posto 24", parceria com Wesley Safadão, entrou na lista das cem mais tocadas do Spotify no Brasil na época de seu lançamento. 

Ex-gordo, Leandro Hassum estreia seu talk show fora da Globo

Ex-gordo, Leandro Hassum estreia seu talk show fora da Globo

Depois de despencar de 150 quilos para apenas 85, graças a uma cirurgia bariátrica, o ator agora pesa 92 quilos

 Leandro Hassum  engordou. Depois de despencar de 150 quilos para apenas 85, graças a uma cirurgia bariátrica, o ator agora pesa 92 quilos. Prestes a completar 46 anos, também está sem os sulcos que surgiram em seu rosto depois que emagreceu drasticamente. Fez preenchimento e harmonização facial na clínica estética de que é sócio, em Windermere, na Flórida.

Hassum vive há anos nesta pequena cidade da região de Orlando e nem tem mais endereço fixo no Brasil, mas é presença constante nas telas nacionais. Ainda aparece na Globo, na nova versão da "Escolinha do Professor Raimundo". Nos cinemas, está em cartaz com "Simonal", em que faz Carlos Imperial, e, a partir do dia 29 de agosto, com a comédia "O Amor Dá Trabalho".

Leandro Hassum ainda estreia no dia 27 deste mês seu primeiro programa de TV depois que encerrou seu contrato com a Globo, onde trabalhou por 21 anos.


Foto:Reprodução/Instagram

É o talk show semanal "Tá Pago", na TNT. Num cenário que imita um restaurante, o agora apresentador receberá, a cada um dos 15 episódios, quatro convidados para jantar. Nomes como Adriane Galisteu, Luciana Gimenez, Maisa Silva, Tirulipa e Whindersson Nunes já gravaram participações. Como de costume, a Globo não liberou nenhum de seus contratados.

O convite da nova casa surgiu em maio passado, poucos dias depois de anunciada sua saída da antiga emissora. O ator garante que a decisão de não renovar o contrato partiu de ambas as partes.

"Eu propus à Globo um casamento aberto. Quando pintar algo interessante, eles me chamam", disse Hassum. "O mercado está sedutor, com muitos canais e plataformas digitais. Tem muitas possibilidades." Alguma na Netflix? "Digamos que nós estamos namorando."

Antes campeão absoluto das bilheterias nacionais, Hassum não repetiu com seus últimos filmes o desempenho de títulos como "Até que a Sorte nos Separe" ou "O Candidato Honesto". Alguns críticos dizem que ele perdeu a graça depois que emagreceu. Nas redes sociais, chegou a ser acusado de gordofobia.

"Tem gente que realmente se sente viúva da minha barriga. Eu mesmo sempre me achei um gordo charmoso. Mas uma coisa é ser gordinho e a outra, obeso mórbido. Depois dos 40, comecei a me preocupar com a saúde. Fiz a operação para ter mais qualidade de vida, não por razões estéticas."

O talk show "Tá Pago" foi criado pela produtora Chango, combinando quadros de diferentes formatos internacionais. O resultado é uma versão contemporânea do antigo "Almoço com as Estrelas", em que anfitriões e convidados comiam e bebiam para valer.

"Só impus uma condição à TNT: quero fazer um programa popular. Humor para o povão entender. Sinto falta disso na TV de hoje. "A Praça É Nossa" [do SBT] é o único humorístico que nunca traiu sua proposta original. Tem trocadilhos capciosos, tem quadro para o vovô, o netinho, a família toda."

Mas então o "Zorra", da Globo, traiu a proposta? A nova versão do extinto "Zorra Total" foi repaginada por Marcius Melhem, com quem Hassum formou durante anos a dupla Caras-de-Pau, protagonista de uma série de sucesso.

"Ele está conseguindo apresentar, em alguns momentos, uma coisa nova. Mas a velocidade dos quadros às vezes se distancia do popular. Eu rio, mas eu não consigo ver a minha mãe rindo."

Zeca Pagodinho desmente boato sobre morte

Zeca Pagodinho desmente boato sobre morte

Chateado com as notícias falsas, o próprio músico fez questão de vir a público para desmentir a notícia.

Um boato de que Zeca Pagodinho , 60, teria morrido, surgiu e logo se espalhou pela internet na tarde desta quinta-feira (22). Chateado com as notícias falsas, o próprio músico fez questão de vir a público para desmentir a notícia.

"Tem gente contando mentiras e espalhando pela internet, mas a verdade é uma só: Zeca Pagodinho está mais vivo do que nunca. Mais vivo e cada vez mais feliz!", publicou o músico, em vídeo.

Ele também criticou quem não tem mais nada o que fazer: "Ficam inventando história com nome dos outros, poderia estar trabalhando, fazendo música. Estou bem vivo".


Foto:Reprodução/Instagram

Em junho, Zeca deu entrada no Hospital Copa Star no Rio de Janeiro, onde permaneceu internado para um procedimento cirúrgico. Segundo a assessoria do cantor, Pagodinho sofreu de uma obstrução nasal crônica de longa data, que estava sendo acompanhado pelo seu médico. Mas ele se recuperou.

O cantor aproveitou para divulgar uma novidade. No mês que vem, mais precisamente no dia 17, ele vai lançar um novo disco nas lojas e nos aplicativos, de nome "Mais Feliz".

Caio Blat afirma que Globo fará série de 'Grande Sertão: Veredas' para 2020

Caio Blat afirma que Globo fará série de 'Grande Sertão: Veredas' para 2020

O ator disse também que interpretará o papel de Riobaldo, personagem que ele encena há dois anos na peça de mesmo nome, dirigida por Bia Lessa.

Caio Blat , 39, afirmou nesta quinta-feira (22) que a Globo vai fazer uma série inspirada em "Grande Sertão: Veredas" em 2020. O ator disse também que interpretará o papel de Riobaldo, personagem que ele encena há dois anos na peça de mesmo nome, dirigida por Bia Lessa.

"Seguimos com essa montagem [peça] linda, e aí a Globo também vai fazer uma série de 'Grande Sertão Veredas' no ano que vem, e eu vou fazer o Riobaldo na série. Então, é um personagem que eu vou fazer por um bom tempo", revelou.


Foto:Reprodução/Instagram

Esta não será a primeira vez que a Globo vai transformar a obra do mineiro João Guimarães Rosa em teledramaturgia. Em 1985, a emissora carioca apresentou a minissérie "Grande Sertão: Veredas" com Tony Ramos no personagem principal. Outro destaque da adaptação foi a atuação de Bruna Lombardi como Diadorim.

Na trama, o jagunço Riobaldo faz um pacto com o demônio para sobreviver no sertão e tenta reprimir o amor que sente pelo colega Diadorim. 

Além da série, Blat lembrou que a obra literária vai virar também um novo filme, que deve ser lançado entre o fim deste ano e 2020. Na verdade, trata-se de uma versão cinematográfica da peça, também dirigida por Bia Lessa, e que vai se chamar "Travessia".

22 de agosto de 2019

Anitta fala sobre bissexualidade e elogia Pabllo Vittar

Anitta fala sobre bissexualidade e elogia Pabllo Vittar

A brasileira deu entrevista para a revista britânica Dazed

Mesmo brigadas, Anitta, 26, não deixou de elogiar Pabllo Vittar, 24. A brasileira deu entrevista para a revista britânica Dazed e disse que a drag queen dança muito bem e canta melhor que ela.

"Eu a convidei [referindo-se a faixa "Sua Cara" (2017)] para mostrar às pessoas: ela canta bem demais - melhor que eu, na verdade -, ela dança, é super legal, é linda e é uma drag queen e merece respeito", disse a namorada do surfista Pedro Scooby, 31. 

O artigo, que busca mostrar argumentos e o caminho traçado por Anitta que a fizeram se tornar a "maior estrela da música pop brasileira", aborda ainda a vida pessoal e a sexualidade da dona de "Vai Malandra" (2018). 

A cantora afirma que todo o seu trabalho é feito para que as pessoas se divirtam e pensem sobre todos os assuntos. Então, agregar para suas músicas, uma representação muito forte da comunidade LGBT, como uma drag queen, é muito importante para o seu trabalho, mesmo ela já fazendo parte dessa comunidade.

"Meu lance não é apenas fazer música para as pessoas se divertirem e dançarem. Eu gosto de fazer as pessoas discutirem as coisas e pensarem diferente. Eu tenho um grande público LGBT, e eu sou bissexual - mas quando você me vê, se eu não disser que sou bissexual, eu não tenho a representação física da comunidade LGBT", disse a carioca.

"É diferente quando você é uma drag queen. Eles não são tratados com seriedade ou como pessoas talentosas. Então, quando convidei Pabllo para "Sua Cara" e a ideia era educar as pessoas sem que elas sentissem que estavam sendo educadas. Foi super indireto", finalizou a cantora, referindo-se a faixa que gravou ao lado de Pabllo e o produtor Diplo, 40.

ENTENDA A BRIGA

Anitta e Pabllo Vittar lançaram "Sua Cara"  ao lado de Diplo em 2017. A briga entre elas surgiu depois do clipe desta faixa, em que Anitta acusa Pabllo de não ter pago nenhuma parte da produção audiovisual que foi gravada em Marrocos. 

Sua Cara foi gravado no Marrocos

Em setembro de 2018, áudios de Anitta sobre os custos do clipe "Sua Cara" (gravado com Pabllo Vittar e Major Lazer) foram divulgados pelo jornalista Leo Dias e levantaram a questão de que a cantora teria pago sozinha todas as despesas da produção, num total de US$ 70 mil (cerca de R$ 250 mil).

Após a gravação, Pabllo teria pedido um cachê alto para participar de uma edição da festa Combatchy, criada pela própria Anitta, o que teria gerado a resposta em áudio. 

"O jato era caríssimo, o clipe eu tava pagando sozinha, muito pão dura, entendi. Pão dura ia ser, se eu pegasse e falasse assim: 'Não, eu não vou pagar clipe nenhum, faz de qualquer jeito'. Agora o clipe caro pra cacete, US$ 70 mil. US$ 70 mil, amor! Sou pão dura? Para ficar pagando jato pra galera ir com a bunda no sol? Não preciso meu filho! Sou de Honório Gurgel, meu filho. Passei muito perrengue na minha vida", dizia ela no áudio.

Desde então, as duas quase não tocaram no assunto, mas Vittar chegou a dizer que não tinha raiva de Anitta, apesar de elas não se falarem nem serem amigas. "Eu não desejo nenhum mal para ela. Sempre acompanho os lançamentos dela. Mandei mensagem para ela no final de ano, desejando um ótimo ano, que Deus abençoe sempre ela. Sou muito grata por tudo que ela fez por mim, apesar de tanta fuxicada", disse em uma entrevista à rádio O Dia. 

Ingrid Guimarães diz que atuar 'meio pelada' elevou sua autoestima

Ingrid Guimarães diz que atuar 'meio pelada' elevou sua autoestima

Ingrid Guimarães, 47, está feliz da vida com a sua personagem na novela "Bom Sucesso" (Globo).

Na história escrita por Rosane Svartman e Paulo Halm, ela interpreta a dondoca Silvana Nolasco, uma atriz que se acha a "última bolacha do pacote".

A personagem abusa da sensualidade e está sempre em cima do salto. E isso tem feito com que a atriz eleve a sua própria autoestima. Afinal, segundo ela, é a primeira vez que tem a chance de dar vida a uma mulher tão sensual. "Há cena quente, sensualidade para fora. Eu me matei na dieta, na ginástica e não como carboidrato há três meses", revela Guimarães, aos risos, contente mesmo sem o macronutriente.

Para ela, tem sido gostoso explorar esse lado mais sexy. "Faço dieta, exames, quero malhar todos os dias. Estou fazendo coisa estética no corpo, mas claro que o figurino me protege, afinal não sou uma garotinha", completa.

Para esse processo de autoconhecimento, Ingrid  Guimarães conta que tem recebido a ajuda mais do que especial de uma amiga da novela. "Fazer novela com a Grazi ajuda, só de olhar para ela já incentiva [a cuidar do corpo]. Estou com o mesmo personal trainer dela. Às vezes malhamos juntas."

Todo o esforço, segundo a atriz, tem valido a pena para atuar "meio pelada". Guimarães tem feito, dia sim, dia não, exercícios funcionais para abdômen, aeróbio e musculação, algo que ela nunca havia feito. "Vou deixar minha filha assistir, sim, a novela, porque não passa do ponto. Meus filmes, porém, eu já não deixo ver", conta. A artista é mãe de Clara, de nove anos.

"Já tive problema de autoestima. Eu vim de Goiânia e você já é diferente pelo jeito de falar. Com 13 anos eu era roceira. Sou mais bonita hoje do que era antes. Hoje a TV se abriu muito a todos os padrões e para as comediantes. Quando que uma comediante faria papel de musa gostosa?", celebra.

Na narrativa, Silvana Nolasco é uma atriz/celebridade amada por uma legião de fãs. Egocêntrica e barraqueira, chega a contratar paparazzo particular para fazer "flagrantes" nos lugares em que frequenta. "Eu me inspirei em várias divas. Uma delas é a Mariah Carrey, que faz loucuras no corpo e é uma estrela. Conversei com Claudia Raia e com a Susana Vieira", diz, ao citar a segurança e a postura de "diva" que as duas últimas possuem.

Ingrid Guimarães afirma ainda que haverá uma novela dentro da novela. Na trama, Silvana é uma atriz que encena com Pablo Sanches, interpretado por Rafael Infante, conhecido em esquetes do Porta dos Fundos. Para ela, é um prazer atuar com um outro comediante. "Você sabe que terá jogo, a gente improvisa e os autores nos dão liberdade."

Thaynara OG recebe apoio de ex-namorado após críticas na internet

Thaynara OG recebe apoio de ex-namorado após críticas na internet

O sertanejo compartilhou a publicação da ex-namorada no próprio Stories acrescentando que tinha um carinho enorme por ela

No último dia 21 de agosto, Thaynara OG e Gustavo Mioto anunciaram, por meio das suas respectivas assessorias, o fim do namoro de quase um ano. Mesmo com as informações divulgadas dando conta que o casal está bem apesar do término da relação, a influenciadora digital resolveu se pronunciar por meio do Stories do Instagram.

Além de confirmar que não está mais com o cantor, a apresentadora do GNT fez pronunciamento por se sentir incomodada com boatos e comentários maldosos dos seguidores. "Como eu exponho boa parte da minha vida aqui, entendo que vocês queiram saber isso por mim. Não estou namorando, mas está tudo bem comigo e queria agradecer a todas as mensagens de carinho", disse ela, em uma primeira postagem.

Duas horas depois, Thaynara voltou à rede social e continuou o desabafo pedindo que as especulações sobre o fim do namoro com Mioto se encerrassem, alegando que o relacionamento era apenas mais um, entre tantos outros dela que não deram certo.

"Histórias inventadas em um momento em que se precisa de empatia e respeito só machucam todo mundo. Isso está tomando uma proporção desnecessária e me assusta. Torço muito por Gustavo, tenho um carinho enorme pela família dele e nada vai apagar os bons momentos que compartilhamos. Só peço respeito e que não acreditem nessas histórias infundadas."

O sertanejo compartilhou a publicação da ex-namorada no próprio Stories acrescentando que tinha um carinho enorme por ela e também pela família da maranhense, ressaltando que todos são incríveis e que sempre o trataram bem.

O músico concluiu a postagem dizendo que "Thay é uma mulher incrível e não merece nada desse lixo tóxico, que os juízes morais das redes sociais vomitam aqui. Peço empatia, e mais Deus no coração das pessoas ruins que tem aqui! Thaynara, conta comigo pra tudo. Pra sempre vou estar aqui pra ti!".

Fernanda Torres diz que não nasceu para fazer mocinha

Fernanda Torres diz que não nasceu para fazer mocinha

A atriz disse isso ao lembrar de sua atuação na novela 'Selva de Pedra'

A atriz Fernanda Torres tinha 20 anos quando protagonizou o remake de "Selva de Pedra", em 1986, e afirma que a experiência na novela não foi das melhores. "Acho que foi quando eu cheguei à conclusão que não nasci para fazer mocinha", contou à reportagem, aos risos. 

A trama será reprisada pela primeira vez a partir desta quinta-feira (22), no canal Viva. 

"Eu era muito novinha, e a novela das oito é uma responsa. Quando o bicho apertou, a bichinha aqui tremeu", complementa a atriz e escritora, que é colunista da Folha de S.Paulo. 

De fato, depois da experiência, Torres não fez mais novelas, com exceção de algumas participações especiais. Com trabalhos de destaque no teatro e no cinema, a atriz só voltou a ter uma atuação mais intensa na TV no início dos anos 2000, quando estrelou a série de humor "Os Normais", ao lado de Luiz Fernando Guimarães, entre 2001 e 2003. 

Para a atriz, fazer a protagonista Simone em "Selva de Pedra" foi muito cansativo. "Eu não sei, eu fui me irritando, porque ela sofria demais. Quando eu me vi amarrada no porão, numa cadeira de rodas, eu falei gente, como a Regina fazia tão bem aquilo", comentou em referência à atriz Regina Duarte, que fez o papel na primeira versão da trama, em 1972. 

Outra coisa que incomodou a atriz foi quando ela teve de usar uma lente de contato azul como parte da nova identidade da sua personagem: Rosana Reis. "Era uma lente muito primitiva, que só me deixava ver o mundo por um buraco embaçado. Eu falei: 'Eu vou ter uma conjuntivite aqui'. É uma loucura", relembra, aos risos.

Torres também acha que a versão original da trama, de 1972, é melhor que a protagonizada por ela. "Eu sei que é uma peça histórica, mas acho a primeira versão extraordinária, a nossa não acho tão boa", admite.

Na última segunda-feira (19), durante o Criança Esperança, ela encontrou Tony Ramos, que fez o papel do mocinho Cristiano Vilhena ao lado dela, e comentou com ele sobre a reprise de "Selva de Pedra". "Eu até falei para o Tony 'me perdoa', porque eu arrumei um mau humor quando ela [Simone] começou a sofrer", afirmou.

A atriz volta à TV na segunda temporada da minissérie "Filhos da Pátria", que estreia na Globo em outubro. 

Miley Cyrus envia buquê de maconha ao ex-marido de Carter

Miley Cyrus envia buquê de maconha ao ex-marido de Carter

Kaitlynn Carter é recém-separada de Brody Jenner resolveu enviar ao ex-marido um presente pra lá de especial para celebrar seu aniversário de 36 anos.

Pode até ser o mais comum entre os casais, porém, quando se trata da modelo Kaitlynn Carter , separação nem sempre significa discussão. Ela é recém-separada de Brody Jenner , irmão do clã Kardashian, e resolveu enviar ao ex-marido um presente pra lá de especial para celebrar seu aniversário de 36 anos.

O jovem recebeu um buquê de maconha não só em nome de Kaitlynn, mas como também de Miley Cyrus ! A cantora foi apontada como novo affair da modelo. "Gostaríamos de te desejar um feliz aniversário! Te amamos!", dizia o cartão enviado pelas duas. "Vocês realmente se superaram! Me presentearam com a minha melhor companhia! Nunca vi um desses na vida!", celebrou Brody ao mostrar o presente nos Stories do Instagram. 

Foto:Reprodução/Instagram

Vale lembrar que Miley também e recém-separada de Liam Hemsworth, e foi flagrada aos beijos com a influencer e modelo Kaitlynn Carter, quando as duas estavam curtindo uma viagem pela Itália, junto com a irmã de Miley, Brandi Cyrus.

 Em imagens divulgadas com exclusividade pelo site Entertaiment Tonight, Miley e Kaitlynn trocam carinhos e beijos enquanto tomam sol. No Instagram, a modelo compartilhou cliques da viagem nos quais aparece ao lado da cantora - clique aqui para ver.

O fim do casamento, que durou oito meses, foi confirmado na noite de sábado (10) pela revista People - quase ao mesmo tempo em que as fotos foram divulgadas.

Anitta diz que agropecuária é 'câncer da natureza'

Anitta diz que agropecuária é 'câncer da natureza'

Ao criticar a agropecuária, ela declarou não ter medo de perder patrocinadores ao falar sobre esses assuntos.

Como outras celebridades, Anitta , 26, se pronunciou sobre as queimadas que tem acontecido na região Norte do Brasil e a preservação a Amazônia. Em uma sequência de stories no Instagram, a cantora comentou nesta quarta-feira (21) sobre os assassinatos que ocorrem longe das grandes cidades.

Ao criticar a agropecuária, ela declarou não ter medo de perder patrocinadores ao falar sobre esses assuntos. "Eu estou cagando e andando para quem está afim de me silenciar [...] Não é meu medo nesse momento. Estou preocupada mesmo em usar minha rede de comunicação, que tenho 40,5 milhões [de seguidores], [...] para explicar para quem não entende os termos".


Foto:Reprodução/Instagram

A cantora também disse que políticos costumam usar termos "difíceis" para tratar do assunto, com a "intenção de que a gente realmente não entenda", e por isso acha importante usar sua imagem para divulgar o problema.

Anitta ainda falou sobre os riscos que os ativistas ambientais correm, e considerando que poderia receber até ameaças de morte com suas declarações, ela disse que "não está nem aí".

"Se vier algum matador de aluguel tentar me matar porque eu estou me metendo e falando para não sei quantas milhões de pessoas, que essa agropecuária precisa mudar, e que é um câncer para a nossa natureza, pode vir. Eu não to nem ai. E eu ainda venho depois como alma penada puxar o pé de vocês. Estuou super preparada para isso. Pode mandar ameaça e xingar, não estou me preocupando no momento".

A cantora deixou adiantado que Luisa Mell, Paula Lavigne e Maria Gadú produzirão um vídeo explicativo, com legendas em inglês e espanhol, sobre a Amazônia, a agropecuária, os povos indígenas e o impacto mundial de tudo isso.

Débora Nascimento diz ter ficado com mulher e não descarta romance

Débora Nascimento diz ter ficado com mulher e não descarta romance

Indagada sobre uma famosa que ela acha bonita e que poderia ficar, a atriz citou a cantora Rihanna.

Solteira desde o polêmico fim do seu casamento com José Loreto, Débora Nascimento , 34, contou nesta quarta-feira (21) que já ficou com mulher e que não descarta um relacionamento amoroso com pessoas do mesmo sexo. A declaração foi dada em entrevista para o canal de Matheus Mazzafera, no YouTube. Depois de dizer que já tinha ficado com mulher, o youtuber perguntou se ela namoraria com alguém do mesmo sexo.

"Por que não?  Eu me apaixono pela pessoa e calhou de todas as pessoas que já me apaixonei serem homens, mas a vida está aí para isso", respondeu. Indagada sobre uma famosa que ela acha bonita e que poderia ficar, a atriz citou a cantora Rihanna.


Foto: Reprodução/Instagram

Na conversa com Mazzafera, Débora também disse que está muito feliz e que segue solteira, mas "não sozinha". 

No início de julho, o jornal Extra chegou a noticiar que a atriz estaria agora engatando um novo romance com o também ator João Vicente de Castro, 36. Ao site F5, no entanto, Débora negou o romance. 

A atriz e Loreto anunciaram a separação em fevereiro, após três anos casados. Depois do anúncio, houve especulações de que o rompimento teria sido provocado pelo envolvimento do ator com a atriz Marina Ruy Barbosa, 24, com quem ele contracenou em "O Sétimo Guardião" (Globo, 2018-2019). O relacionamento, no entanto, foi desmentido

Recentemente, Nascimento afirmou no programa Altas Horas (Globo) que teve a vida particular exposta. "Uma coisa super íntima veio a público, e você tem passar por isso e entender que as coisas acontecem. O que te define é o que você leva para a vida. E eu levo a felicidade", disse ela, que é mãe de Bela, 1, filha de seu relacionamento com Loreto.

Negra Li afirma que ficou medrosa depois de ser mãe

Negra Li afirma que ficou medrosa depois de ser mãe

A rapper é mãe de Sofia Kymanie,9, e Noah Malik, 2. A declaração foi dada em entrevista ao programa Ritmo Brasil, de Faa Morena, que vai ao ar na noite deste sábado (24), na Rede TV!

A cantora Negra Li , 49, disse que a maternidade a deixou medrosa. "Antes, eu andava na Vila Brasilândia [bairro na zona norte de São Paulo], voltava da balada de madrugada [risos], qualquer lugar, não tinha medo. Agora quando estou no carro, pode ser até de dia, qualquer coisa que se aproxima já penso 'meu Deus o que está acontecendo'. E esse medo é de não voltar para casa e deixar dois tesourinhos", afirmou. 

A rapper é mãe de Sofia Kymanie,9A rapper é mãe de Sofia Kymanie,9, e Noah Malik, 2. A declaração foi dada em entrevista ao programa Ritmo Brasil, de Faa Morena, que vai ao ar na noite deste sábado (24), na Rede TV!, e Noah Malik, 2. A declaração foi dada em entrevista ao programa Ritmo Brasil, de Faa Morena, que vai ao ar na noite deste sábado (24), na Rede TV!

Foto:Reprodução/Instagram


Além da cantora, o programa também recebe os convidados De Maria, cantando a nova música de trabalho "Ela", sucesso nas rádios, e Rafael Yago, um dos vencedores do quadro "Empurrão da Faa".

21 de agosto de 2019

John Travolta diz que voltaria a fazer um filme da Marvel

John Travolta diz que voltaria a fazer um filme da Marvel

Isso porque o ator, que estrelou a última produção dos estúdios há 15 anos, o longa "O Justiceiro" (2004), revelou em entrevista na Fan Expo, em Boston, que gostaria de que os cenários e as narrativas fossem menos fantasiosos.

 John Travolta , 65, não descarta uma volta a um filme da Marvel num futuro próximo. Isso porque o ator, que estrelou a última produção dos estúdios há 15 anos, o longa "O Justiceiro" (2004), revelou em entrevista na Fan Expo, em Boston, que gostaria de que os cenários e as narrativas fossem menos fantasiosos.

"As minhas decisões profissionais são focadas no real. Então, qualquer cenário da Marvel que seja mais realista, como 'O Justiceiro' foi, eu ficaria mais atraído do que pelo fantástico. Por isso gosto mais dos filmes do James Bond. Mesmo eles sendo extravagantes, ainda são baseados no real", disse ele, segundo a revista Rolling Stone.


Foto:Reprodução/Instagram

Atualmente, Travolta se prepara para entrar em cena no filme "The Fanatic", dirigido por Fred Durst e programado para estrear nos cinemas americanos no dia 30. No Brasil, ainda não há data definida. A trama mostra um homem que persegue um ator até destruir com a vida dele.

No longa, Travolta interpreta o fã inconsequente. Apesar do mote parecer cômico, o filme mostra um personagem bastante alterado e de psicológico abalado atrás do ídolo. Ele deverá fazer de tudo para tê-lo por perto.

Chrystian e Ralf se chateiam com comentário de Tatá Werneck

Chrystian e Ralf se chateiam com comentário de Tatá Werneck

No programa Lady Night (Globo) da última quinta-feira (15), a apresentadora perguntou em tom de piada sobre o paradeiro dos músicos.

 A dupla sertaneja Chrystian e Ralf  está chateada com Tatá Werneck . No programa Lady Night (Globo) da última quinta-feira (15), a apresentadora perguntou em tom de piada sobre o paradeiro dos músicos. O entrevistado era Michel Teló.

"Chrystian e Ralf estão vivos? Dá uma ligadinha para ver se eles estão vivos, porque acho que deu merda", disse.

Nas redes sociais, a dupla publicou um vídeo no qual mostra sua indignação pelo comentário. "Um aviso para a Tata Werneck: a gente continua vivo. Às vezes, vocês está mal informada. Eu sou o Chrystian e ele, o Ralf. Às vezes você não sabe também", começaram.

Em seguida, atacaram a qualidade da atração, que vai ao ar no final da noite na emissora. "A gente gostaria de explicar que não faz televisão por opção já faz um tempo. Nós fizemos essa opção principalmente para não ter que fazer programas como esse seu, que desprestigia, bota para baixo e denigre a imagem dos artistas."


Foto:Reprodução/Instagram

Os artistas concluíram o vídeo passando uma mensagem direta para a apresentadora. "Continua achando que a gente está morto porque não temos obrigação nenhuma de fazer esse programinha seu."

No Twitter, Tatá deixou um recado por escrito pedindo desculpas. "Amigos, gostaria de esclarecer que conversei com o responsável pela dupla e falamos ao telefone de forma amigável e respeitosa. Está tudo certo entre a gente. Eles entenderam que a minha motivação não era prejudicá-los e que tenho muito respeito pela dupla. E faço essa mesma brincadeira com várias pessoas. E peço desculpas porque a minha intenção jamais é desrespeitar alguém. O resultado é que conseguimos abrir um diálogo que se manterá. Não há mágoas. E ficou tudo bem. Obrigada a todos. Fiquem com Deus."

No Instagram de Tatá, ela não tocou no assunto, mas publicou imagem em que aparece com Letícia Colin no Criança Esperança. Tatá Werneck está grávida, assim como Letícia e ambas aparecem segurando a barriga de perfil. "Com a minha amiga querida. As duas grávidas segurando nossa pélvis e nossos amores bebês", escreveu.

Thaynara OG e sertanejo Gustavo Mioto terminam o namoro após um ano

Thaynara OG e sertanejo Gustavo Mioto terminam o namoro após um ano

Ambos estavam juntos havia mais de um ano, mas o anúncio oficial de que eles namoravam aconteceu em setembro do ano passado.

Chegou ao fim o namoro entre a influenciadora digital Thaynara OG , 27, e o cantor sertanejo Gustavo Mioto , 22. Ambos estavam juntos havia mais de um ano, mas o anúncio oficial de que eles namoravam aconteceu em setembro do ano passado.

Ambos pensavam em comemorar o primeiro ano de namoro com uma viagem romântica. Mas devido aos compromissos dele para gravação do novo DVD, em novembro, Gustavo Mioto estava disposto a adiar os planos. Porém, a ideia dele era encontrar Thaynara no último sábado (17) para conversar sobre isso. A relação terminou antes desse papo. A youtuber não quer comentar o fim da relação. 

Thay, que é formada em direito, ganhou popularidade há cerca de três anos por seus posts em redes sociais. Começou no Snapchat e foi para Facebook, Twitter, Instagram e YouTube. Agora, também está no canal GNT.

Já Mioto é conhecido por sucessos como "Coladinha em Mim", que tem participação de Anitta, "Anti-Amor", que gravou com a dupla Jorge e Mateus, e "Impressionando os Anjos".

Durante o São João da Thay, evento que ela fez no Maranhão, Thaynara revelou que Gustavo Mioto havia feito uma música para ela para dizer que a amava. "Ele não tinha coragem de falar, mas tinha coragem de dizer cantando, então fez uma musiquinha. Não era uma música conhecida não, essa é só para mim", dizia ela, na época antes de celebrar o primeiro ano de namoro.

Anitta quer doar bolsa de estudos em nova temporada de game show

Anitta quer doar bolsa de estudos em nova temporada de game show

A cantora estreou a segunda temporada do game show "Anitta Entrou no Grupo" na noite desta terça (20).

 Anitta  fala português, inglês e espanhol, e quer que seus fãs também aprendam novas línguas. A cantora estreia a segunda temporada do game show "Anitta Entrou no Grupo" na noite desta terça (20), e diz que está tentando viabilizar a doação de uma bolsa de estudos durante um quadro do programa. A atração tem cinco episódios e vai ao ar às 20h30 no Multishow.

"Estou tentando vender esse projeto. Em cada programa, vamos pegar os convidados da plateia e colocá-los para tentar cantar uma música minha em outro idioma. O que se sair pior ganharia uma bolsa de estudos, algum curso. Estou tentando viabilizar isso. A ideia está com o departamento de marketing e vendas. Seria muito legal conseguir", afirma a cantora. Ela diz ainda que mesmo que não consiga viabilizar este prêmio, o quadro continuará existindo.

Outra novidade é o quadro "Diga Não Para Anitta", idealizado por Victor Sarro, parceiro da cantora na atração. Funciona assim: ela vai pedir algo inusitado para alguém da plateia, para ver se a pessoa tem coragem de dizer "não" ou se vai ficar sem graça e acabar aceitando.


Foto:Reprodução/Instagram

Anitta afirma que, depois que ficou famosa, ninguém mais lhe disse um "não", assim, de cara.

"Não sei se as pessoas ficam com medo de eu fazer algo depois... Não sei o que é que acontece (risos). Mas sem resposta eu já fiquei."

Anitta diz que hoje em dia não se importa em negar aquilo que não pode fazer. Mas confessa que foi um exercício: "Tive que aprender, porque gosto de agradar a todos, me preocupo muito com as pessoas. A minha agenda por exemplo... Tive que aprender a dizer não, e as pessoas têm que entender. Não tenho mais como fazer tudo o que eu podia fazer cinco anos atrás".

Além da presença do Painitto, que assume o posto de comentarista e conselheiro do programa, a apresentadora do Anitta Entrou no Grupo traz um outro elemento do seu convívio para o programa: um karaokê. O passatempo, que está sempre presente nas festas que a poderosa faz em sua casa, agora vai fechar os episódios do game show.

"Não vai mais rolar a música inédita [que fechava os episódios da primeira temporada], porque os fãs queriam depois o material gravado e muitas vezes os cantores não tinham disponibilidade de agenda para se encontrarem em um estúdio. Não conseguimos disponibilizar as músicas nas plataformas por conta disso."

O primeiro dos cinco episódios terá como convidados a banda Melim e o grupo É o Tchan. Na dinâmica do programa, os participantes devem cantar músicas um do outro e também da anfitriã. Além disso, Anitta também canta músicas deles. "Imagina o Melim todo fofo cantando as músicas do É o Tchan. Vai ser demais", afirmou a cantora.

As outras batalhas anunciadas por ela são entre Ferrugem e Kevinho, e Elba Ramalho e Ludmilla. As duas últimas não foram divulgadas.

Questionada sobre quem ela gostaria que participasse do programa, Anitta citou a cantora Joelma. "Eu fico tentando ela para tudo, mas ela nunca pode. Até no meu aniversário, mas a Joelma nunca pode. É babado", disse.

A cantora adiantou ainda que Léo Santana deve participar desta segunda temporada do Anitta Entrou no Grupo. A ideia inicial era que ele dividisse o palco com Luan Santana, para fazer uma brincadeira com o sobrenome de ambos, mas o sertanejo ainda não confirmou.

Entre as novidades do Anitta Entrou no Grupo, esta temporada terá uma live do YouTube, em que convidados vão comentar o programa enquanto ele acontece. Essa live vai acontecer em uma cabine chamada Inbox, que fica no meio do cenário da atração, e será apresentada por David Brazil. E Anitta vai interagir com esse grupo.

20 de agosto de 2019

Wagner, ex-BBB atropela ciclista com carro da ex-namorada Gleici

Wagner, ex-BBB atropela ciclista com carro da ex-namorada Gleici

O relacionamento dos dois, que começou no programa, terminou em julho de 2019, segundo a acreana. Atualmente, Gleici e Wagner estão no Acre gravando cenas de um filme.

Wagner Santiago , ex-participante do Big Brother Brasil 18, atropelou um ciclista na noite desta segunda-feira (19), em Rio Branco, capital do Acre, cidade natal de sua ex-namorada Gleici Damasceno , vencedora da mesma edição do reality da Globo. O relacionamento dos dois, que começou no programa, terminou em julho de 2019, segundo a acreana. Atualmente, Gleici e Wagner estão no Acre gravando cenas de um filme.

Wagner dirigia o carro de Gleici quando o acidente aconteceu na rua do Aviário, bairro do Aviário, próximo a zona central da cidade. Segundo a Polícia Militar, Wagner estava em um carro modelo Fiat Cronos de cor branca, de propriedade de Gleici, quando, numa rotatória, atingiu um homem que trafegava em uma bicicleta.

Em uma série de vídeos publicados pelo recurso Story do Instagram -em que as publicações desaparecem da rede social após 24h-, Wagner afirma que estava sozinho no carro no momento do acidente e que prestou socorro no local. Depois de prestar socorro e acionar a polícia, ele diz que ligou para Gleici ir até o local. 


Foto:Reprodução/Instagram

A vítima, que não teve o nome revelado, foi encaminhada ao pronto-socorro municipal com algumas escoriações.

O casal de ex BBB foi filmado no local do acidente pelo internauta Hedislandes Gadelha. Wagner aparece em um vídeo questionando Gadelhae alegando direito de imagem para que não fosse filmado. Em seguida, ele pega o celular e a gravação é interrompida.

Em outro vídeo, Gleici é quem surge. Ela atravessa a rua e se aproxima para conversar com Gadelha, reclamando que teve a placa do carro filmada. Ele argumenta com o internauta, que retruca. O diálogo dura mais de um minuto.

Gleici e Wagner foram para o pronto-socorro acompanhados do advogado Oly Duarte. O ex-casal se isolou em um canto da unidade de saúde e não falou com a reportagem. 

Questionado pelo advogado, um enfermeiro informou que o ciclista estava no setor de trauma da unidade, mas que seu estado de saúde era estável e que o caso não era grave.

Em uma nota divulgada por Wagner também no Instagram, o ex-BBB afirma que o homem estava na contramão, mas que ele parou e prestou socorro imediato. 

"Desde o início, minha maior preocupação foi com o estado de saúde do ciclista. [...] É natural que diante da situação eu estava nervoso, portanto, não me senti confortável com a atitude de quem parou apenas para 'publicizar' o acidente (sic). E deixo claro que respeito o trabalho da imprensa, tanto que fiz questão de falar com jornalistas que foram ao local em um momento mais adequado", diz o texto. 

Gleici também se pronunciou sobre o ocorrido pelo Instagram. "A maior preocupação e o foco é na saúde da pessoa que nesse momento está sendo atendida. Está bem e eu espero que fique bem, estou aqui na torcida. Está tudo certo, graças a Deus. Passei por um sufoco, mas graças a Deus ele está bem. Só isso que importa, não importa o que essas pessoas estão falando. Vão acertar as contas com quem tem que acertar, não é comigo", disse.

"Notícia boa para quem se preocupou com o rapaz. Ele já teve alta, ele ainda não foi liberado porque não tem ninguém da família dele aqui, mas está tudo certinho. Ele foi avaliado por toda equipe médica, pelo neurologista, clínico geral, está tudo certo. Eu só estou esperando ele sair pra seguir em paz mesmo", completou. 

Documentário mostra fotos de Marilyn Monroe no necrotério

Documentário mostra fotos de Marilyn Monroe no necrotério

Com o título "Scandalous: The Death of Marilyn Monroe", registros inéditos da atriz nua e morta foram feitos pelo famoso fotógrafo Leigh Wiener e nunca haviam sido divulgados.

Fotos da atriz e cantora Marilyn Monroe no necrotério foram divulgadas por um documentário do canal Fox News neste final de semana. Com o título "Scandalous: The Death of Marilyn Monroe", registros inéditos da atriz nua e morta foram feitos pelo famoso fotógrafo Leigh Wiener e nunca haviam sido divulgados.

O filho de Wiener, Devik Wiener, conta que o pai conseguiu entrar na área restrita para fazer fotos depois de subornar os funcionários do local com garrafas de uísque e outros drinques.


Fotos:Reprodução

"Não foi a primeira vez que meu pai usou algumas garrafas de uísque para entrar em locais que ele não poderia. Ele ofereceu drinques para os funcionários para conseguir entrar", conta o filho, revelando que o pai utilizava desse método várias vezes.

Segundo o Daily Mail, que teve acesso ao documentário antes dele ser exibido neste domingo (18), Leigh Wiener usou cinco rolos para tirar fotos da atriz, mas apenas três deles foram divulgados e usados pelo Fox News para compor o documentário.

Ainda de acordo com o filho, os dois outros filmes com as imagens foram levados para o estúdio do fotógrafo e, logo em seguida, trancados em um cofre. "Os dois últimos rolos ele levou de volta para seu próprio estúdio e disse que processou, examinou e logo guardou em seu cofre".

Com apenas 36 anos de idade, Marilyn Monroe foi encontrada morta no dia 5 de agosto de 1962 em sua casa, na cidade de Brentwood (Califórnia).

Sophia Abrahão diz que namorar Sérgio Malheiros a fez sair da ignorância

Sophia Abrahão diz que namorar Sérgio Malheiros a fez sair da ignorância

A atriz afirma ter levado dois sobrinhos negros do namorado, o ator Sérgio Malheiros, 26, para passear e que o gerente de um bar enxotou as crianças do estabelecimento, por não saber que Sophia estava com elas.

Sophia Abrahão , 28, fica com os olhos marejados ao falar sobre episódio de racismo que testemunhou. A atriz afirma ter levado dois sobrinhos negros do namorado, o ator Sérgio Malheiros, 26, para passear e que o gerente de um bar enxotou as crianças do estabelecimento, por não saber que Sophia estava com elas.

A ex-apresentadora do Vídeo Show e atual personagem de "Malhação - Toda Forma de Amar" (Globo) diz que ficou chocada com o ocorrido. Ela conta que o segurança/gerente do local começou a enxotar as crianças.

"Conhecia o cara e achei que ele estava brincando. Eu ria e pedia para ele parar, e os meninos começaram a ficar assustados. Começou a ficar sério até o ponto em que eu falei que os meninos estavam comigo. Aí ele falou: 'ah! estão com você? ah, não... então fica aí!". Ou seja: se fossem dois meninos negros, na rua, sozinhos, eles iam ser chutados para fora do bar", relata a atriz.


Foto:Reprodução/Instagram

Ela diz que voltou para casa chorando e que, por estar desnorteada diante da situação, não voltou ao estabelecimento para conversar com o segurança. "O que eu fiz foi proteger os meninos, mas o que quero fazer daqui para frente é dialogar com a pessoa. Isso eu não tive força para fazer na hora. Não basta você não ser racista. É preciso lutar contra o racismo."

Abrahão garante que aprende muito com Malheiros sobre racismo e que ele aprende com ela sobre feminismo. O casal está junto desde 2015. Ela afirma que nunca ouviu declarações racistas por namorar um homem negro. Ela diz, no entanto, já ter notado olhares e atitudes preconceituosas em determinadas situações, como quando eles vão jantar em algum restaurante.

"É como se aquele local não pertencesse ao Sérgio também. Muito triste (...) O Sérgio é muito blindado porque é famoso, então dentro da luta dele ele tem privilégios. Quando reconhecem que ele é um ator, isso é quebrado."

A atriz e apresentadora afirma que não fazia ideia do que era o racismo de verdade, mas que o relacionamento com Malheiros a fez sair da ignorância quanto ao tema. "Agora eu vejo o quão séria é essa questão. E Sérgio consegue ver através da minha ótica o quanto as nossas questões femininas são válidas, urgentes e necessárias."

DE VOLTA AO INÍCIO

No final de julho, Sophia Abrahão voltou às telinhas em "Malhação", 12 anos após ter estreado como atriz na novela teen com a personagem Felipa. Junto com ela, entrou o ator Nelson Freitas, 57. 

Enquanto Abrahão interpreta ela mesma, como apresentadora do concurso "Vai no Gás" -reality show musical que promete eleger o maior talento do rap e do funk na periferia do Rio. Freitas vive o executivo Montenegro, que escolhe Raíssa (Dora de Assis) e Nanda (Gabriella Mustafá) como competidoras.

"Quando você tem um personagem, dá para brincar, mascarar as coisas, fazer uma voz, um jeito. É esquisito fazer você mesma. Não é tão simples como parece. Mas estou amando. Fazia tempo que eu não atuava também, né", afirma Abrahão, cuja última novela foi "A Lei do Amor" (Globo), em 2016.

De 2017 ao início deste ano, esteve à frente da bancada do Vídeo Show, que foi extinto da grade da Globo em janeiro. Ela também foi uma das apresentadoras do reality musical The Voice, entre outros trabalhos. "Sempre disse que tinha amado a experiência como apresentadora e que gostaria de continuar com essa função. Em 'Malhação' eu estou como atriz, mas fazendo uma apresentadora."

Feliz de poder voltar ao lugar onde sua carreira começou, a atriz lembra que era muito insegura na época em que atuou na novela teen como a personagem Felipa. "Tinha acabado de fazer 16 anos e mudei para o Rio para isso. Tinha feito um curso de TV em São Paulo, mas não era nada demais. Eu era modelo. Tinha acabado de voltar da China e não tinha experiência nenhuma com atuação. Não sabia nem me posicionar diante das câmeras"

Atualmente, o canal Viva exibe uma reprise desta temporada. Abrahão diz que tem orgulho de sua trajetória, mas que não consegue assistir. "Nossa... É pavoroso", brinca.

Luana Piovani pode estar namorando jogador de basquete mais jovem

Luana Piovani pode estar namorando jogador de basquete mais jovem

A apresentadora e o novo amado se conheceram em meados de julho, em Ibiza, e ele estaria passando uns dias em Portugal, onde Luana mora atualmente.

Desde o término de seu casamento com o surfista Pedro Scooby , 31, Luana Piovani  nunca confirmou estar em um novo relacionamento. Quando o ex-marido começou a namorar a cantora Anitta , a atriz começou a aparecer acompanhada de alguns amigos, que foram apontados como novos affairs. 

Entre os quais estavam Douglas Silva, o barman paulista de 30 anos que foi com ela para Portugal, o modelo e apresentador português Ruben Rafael Gomes Rua que apresenta com a atriz o reality show Like Me na televisão portuguesa, e seu ex-namorado o ator Paulinho Vilhena, que teriam ficado juntos na "Festa da Lua".

Segundo o colunista Leo Dias, do UOL, o mais recente affair da atriz é jogador de basquete, Ofek Malka , 23. A apresentadora e o novo amado se conheceram em meados de julho, em Ibiza, e ele estaria passando uns dias em Portugal, onde Luana mora atualmente. Nessa visita, a atriz teria sido vista saindo do hotel em que o jogador está hospedado em Cascais.


Foto:Reprodução

Procurada pelo F5, a assessoria de Luana disse que não se pronuncia sobre a vida pessoal da atriz.  "Você está atrasado, hein? Não tenho nada a dizer não. Vocês tem a foto", disse Piovani ao jornalista que apresenta o programa Fofocalizando, exibido pelo SBT.

Ainda segundo o colunista, Ofek Malka tem 1,80 metro de altura, nasceu em Israel e, atualmente, defende o time Eltizur Yavne, que joga pela segunda divisão do esporte no país. 

Luana Piovani se separou de Pedro Scooby em junho deste ano, quando surpreendeu o público ao anunciar que estavam separados. Na ocasião, a atriz afirmava que os dois continuavam bons amigos. Segundo ela, a separação ocorreu porque eles estariam em sintonias distintas. "Pra mantermos a harmonia que sempre tivemos em casa, resolvemos separar as 'vontades', afirmou a atriz.

19 de agosto de 2019

Acidente com van da banda Sampa Crew deixa um morto

Acidente com van da banda Sampa Crew deixa um morto

O acidente ocorreu por volta das 3h30na madrugada deste domingo (18) no km 28 da rodovia dos Bandeirantes, em Caieiras- SP.

Um acidente envolvendo um carro de passeio e uma van que transportava integrantes do grupo musical Sampa Crew  deixou um morto e dez feridos na madrugada deste domingo (18) no km 28 da rodovia dos Bandeirantes, em Caieiras (Grande São Paulo), no sentido capital. O acidente ocorreu por volta das 3h30.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, testemunhas disseram que o carro conduzido pelo operador de empilhadeira Cláudio da Costa Neves, 29 anos, estaria na contramão da rodovia quando bateu de frente com a van do grupo musical. Um outro veículo, que vinha logo atrás da van, não conseguiu frear a tempo e também bateu. 


Foto:Reprodução/Instagram

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas o motorista do carro não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Já os outros dez feridos foram levados para hospitais da capital e região.

Um dos vocalistas da banca, Ricardo Anthony comentou em entrevista à GloboNews sobre como foi acidente. "Nosso motorista está com a gente há anos. A gente confia plenamente. Ele tentou tirar do carro. O carro veio na contramão, com um só farol só aceso. É lamentável o que a irresponsabilidade de um pode causar na vida de outros", afirmou Anthony.

Pelas redes sociais, a assessoria de imprensa do Sampa Crew disse no domingo à tarde que os músicos estavam internados para realização de exames e assistência médica necessária. "Os shows agendados para este final de semana estão cancelados. Os da próxima semana estão em avaliação e dependem do quadro clínico dos integrantes", disse a assessoria.

O caso foi registrado como homicídio culposo e lesão corporal culposa na direção de veículo automotor e colisão na delegacia de Caieiras. 

Bruna Marquezine celebra estreia com filme no cinema

Bruna Marquezine celebra estreia com filme no cinema

A publicação no Instagram da atriz revela que o longa será exibido no 47° Festival de Cinema de Gramado, que começou na última sexta-feira (16) e vai até próximo sábado (20).

Bruna Marquezine , 24, comemorou neste domingo (18) sua estreia no cinema com o filme "Vou Nadar Até Você", com lançamento previsto ainda para este ano. A publicação no Instagram da atriz revela que o longa será exibido no 47° Festival de Cinema de Gramado, que começou na última sexta-feira (16) e vai até próximo sábado (20).

Marquezine confessou que sempre sentiu uma "necessidade artística de fazer cinema" e, ao receber a proposta para o filme, decidiu que esse era "o momento certo". "Esse projeto foi transformador e por isso mesmo árduo. Me desafiou em tantos lugares: do meu próprio processo de atuação, muito intuitivo, ao desgaste físico que é rodar um filme nadando por horas, nos horários mais distintos", escreveu. 


Foto:Reprodução/Instagram

A atriz interpreta a personagem principal, Ophelia, uma jovem fotógrafa que acredita ter descoberto quem é seu pai e sai a nado de Santos rumo a Ubatuba, no litoral norte de São Paulo, onde espera encontrá-lo. Antes de partir, a menina envia uma carta avisando que está a caminho. 

"Tive a alegria de encontrar um diretor, uma equipe e grandes parceiros de cena que me deixaram livre pra descobrir e ser a minha Ophelia, sem limitações. E juntos criamos um universo único, delicado mas potente, lúdico mas consistente, palpável", contou Marquezine, que garantiu ter aprendido muito com a personagem.

"Ophelia mergulha, literalmente, sem querer numa jornada de autoconhecimento, e eu fiz o mesmo. Ela fez com que eu me percebesse mais forte, mas também me apresentou pontos de fragilidade internos e sentimentos que eu ainda não tinha acessado. E isso, para um ator, é um presente", completou a atriz.

O longa conta com a direção de Klaus Mitteldorf e, segundo Marquezine, "é um filme de sutilezas, de beleza estética única. É o resultado do trabalho de uma equipe com muita vontade de fazer arte".

Paulo Gustavo e Thales Bretas anunciam nascimento de gêmeos

Paulo Gustavo e Thales Bretas anunciam nascimento de gêmeos

O humorista e o marido, Thales Bretas, contrataram uma barriga de aluguel para gerar os bebês. Esta não é a primeira tentativa do casal, que perdeu gêmeos durante a gestação em 2017.

O ator Paulo Gustavo,  40, anunciou neste domingo (18) o nascimento de Romeu e Gael, seus filhos gêmeos. A novidade foi revelada em publicação do Instagram. "Queremos dividir com vocês a notícia mais maravilhosa e aguardada de nossas vidas", escreveu.

O humorista e o marido, Thales Bretas , contrataram uma barriga de aluguel para gerar os bebês. Esta não é a primeira tentativa do casal, que perdeu gêmeos durante a gestação em 2017. 


Foto:Reprodução/Instagram

"Agora somos pais de dois meninos lindos, dois leõezinhos, cheios de vida e saudáveis! Estamos muito agradecidos com esse presente que a vida nos deu e em êxtase de tanta felicidade! Nossa família cresceu e todos estão radiantes com a chegada dos bebês!", dividiu com os seguidores. 

Paulo Gustavo contou também que pretende passar por esse momento de maneira mais reservada. "Estaremos particularmente mais recolhidos, atentos à nossa privacidade e voltados para esse momento mágico e único. Nosso intuito é de proporcionar nesses primeiros meses de vida um ambiente leve e tranquilo para que eles possam se desenvolver de forma plena e saudável", disse. 

Em nome da família, o humorista agradeceu a todos pelos votos de saúde e felicidades. "Temos certeza de que a paternidade irá nos transformar profundamente para sempre e para melhor!", concluiu. 

Os seguidores de Paulo Gustavo comemoraram a novidade. Thaís Araújo, Tatá Werneck, Carolina Dieckman, Luciano Huck e Ivete Sangalo foram apenas alguns dos nomes a comentar a publicação. Fernanda Gentil se alegrou e disse: "Que maaaaaaximooooooooooo. SUMAM DAQUI E MERGULHEM NESSE AMOR!". 

'Não tive direito a um tratamento anônimo', conta Fábio Assunção

'Não tive direito a um tratamento anônimo', conta Fábio Assunção

O ator vai interpretar o pai de uma usuária de crack em "Onde Está meu Coração", da Globoplay.

Fábio Assunção , 48, não esconde seu passado como dependente químico. Desta vez, porém, o ator vai interpretar o pai de uma usuária de crack em "Onde Está meu Coração", da Globoplay. "É uma série que discute a família. Um dos grandes problemas da dependência é as pessoas terem vergonha de falar sobre ela, porque dificulta o processo de reequilíbrio", disse em entrevista ao jornal "O Globo".

A identificação com a série foi imediata. A experiência pessoal de Assunção, segundo ele, permitiu uma aproximação ainda maior com seu personagem. "Sempre busco uma profundidade nas almas das personagens que faço, entender quem são essas figuras. E, quando fui convidado, vi essa possibilidade", explicou. 


Foto:Reprodução/Instagram

Ele contou, ainda, que a série será muito importante para desmistificar o tabu acerca do assunto: "Qual é a dificuldade de entender que o vício faz parte dos buracos que a gente tem na alma? O vício não é uma questão de caráter, ou de escolha. Não é você aceitar uma propina. É impulsão, compulsividade".

Segundo Assunção, ele deixou o vício em cocaína para trás há cerca de cinco anos: "Hoje tenho uma vida absolutamente normal".

Para o ator, a dependência química é, até hoje, algo estigmatizado e tratado com hipocrisia: "Não está ligado a pretos e pobres, de comunidades, que são absolutamente estigmatizados. A ilegalidade da droga é colocada como uma forma de você segregar toda uma população que é excluída do nosso sistema branco de consumo", analisa. 

A exposição dificultou o processo de aceitação e de tratamento do ator. Ele lembra que a primeira vez que resolveu buscar ajuda, foi parar na mídia: "Vim até um AA na Barra, escondido, sem falar com ninguém. Quando saí, tinha um paparazzo, ele fez uma foto minha, e saiu uma nota na imprensa: 'Fabio Assunção foi no AA'. Não tive direito a um tratamento anônimo". 

"Desde o primeiro passo que dei, já foi divulgado. E aí começa uma bola de neve, você entra num ciclo de estigma. Foi muito difícil não poder ter feito isso em silêncio", completou, afirmando entender seu papel e responsabilidade como porta-voz do assunto. 

A divulgação de momentos íntimos do ator afeta também seus familiares. O filho de Fábio, João Assunção, 16, já saiu em defesa do pai em momentos em que a exposição excessiva atrapalhou a vida pessoal da família: "O impacto que temos na vida do outro é imensa. Por ser uma figura muito pública, quando passamos por tempos ruins, sofremos em dobro, aguentando olhares julgadores, comentários, posts, tweets e mais criticando como se aquelas ações ruins definissem seu caráter, por completo", disse o jovem. 

18 de agosto de 2019

Gagliasso e João Vicente de Castro dão selinho e fazem revelações

Gagliasso e João Vicente de Castro dão selinho e fazem revelações

João Vicente e Gagliasso confessaram que já ficaram excitados em cena e que já dormiram com fãs.

O vídeo deste sábado (17) do canal de Giovanna Ewbank, 32, no Youtube revelou segredos dos convidados durante jogo de "Eu Nunca". O quadro contou com a presença de Fernanda Paes Leme, 36, Bruno Gagliasso, 37, e João Vicente de Castro, 36.
Durante a brincadeira, a apresentadora do canal menciona alguma situação e, quem já tiver passado por ela, bebe uma dose de bebida alcoólica. Seguindo essa lógica, quando perguntados se já fingiram orgasmos, João Vicente, Ewbank e Paes Leme beberam, indicando que sim.
Ainda, João Vicente e Gagliasso confessaram que já ficaram excitados em cena e que já dormiram com fãs. "Se tivesse que perguntar quantas foram, eu teria que beber a garrafa inteira", revelou João. A dupla de atores reproduziu no vídeo selinho dado em 2015. 

(Foto: Reprodução/Youtube)

Todos os participantes responderam afirmativamente à pergunta sobre se entediar ao fazer sexo e João Vicente admitiu que já disse "eu te amo" para se dar bem. "Eu só transo dizendo eu te amo. Eu amo demais. Talvez esse seja meu grande defeito", completou. 
Paes Leme e João Vicente também responderam afirmativamente quando perguntados se já haviam se filmado na hora "H". Sobre mentir para conseguir um trabalho, Gagliasso e Paes Leme confessaram ter dito que andavam a cavalo: "Nunca tinha montado. Jayme Monjardim, 'A Casa das Sete Mulheres'", contou o ator. Já Ewbank disse ter mentido que surfava. 

17 de agosto de 2019

Dado Dolabella diz que a TV vai contra seu posicionamento ideológico

Dado Dolabella diz que a TV vai contra seu posicionamento ideológico

Longe da televisão desde 2012, diz estar tranquilo com essa situação.

Longe da televisão desde 2012, quando fez sua última novela da Record, "Máscaras", Dado Dolabella , 39, diz estar tranquilo com essa situação.

Segundo ele, a TV vai contra seu posicionamento ideológico, por ter como patrocinadora a indústria de alimentos de origem animal.

Em entrevista ao jornal "O Dia", Dado disse que prefere boicotar as emissoras e buscar um caminho alternativo para sua arte.

"Fazer novela, no momento, não é interessante para mim. Todas as emissoras abertas são patrocinadas por aquilo que considero o mal da sociedade, que é alimentação de origem animal. Tenho me afastado da mídia desde que me tornei vegano", contou Dado.

Desde que virou vegano, em 2015, o ator tem adotado uma linha radical.

"A grande mídia é controlada por essa indústria que assassina e destrói os animais e o meio ambiente e deixa as pessoas doentes, alimentando uma outra indústria: a farmacêutica", continuou.

Vale lembrar que, em 2014, o ator foi demitido da Record após brigar com um produtor. Ele perdeu o papel de destaque na novela "Vitória" e um salário de R$ 50 mil.

Pai de três filhos, Eduardo e João Valentim, de dez anos, e Ana Flor, de 7, ele foi preso no início de 2018 por não pagar pensão.

"Estou buscando um caminho alternativo para a minha arte porque não deve ser só um sinônimo de beleza, mas de luz, de informação, principalmente. Tenho divulgado a minha arte nas redes sociais. O ator nunca parou de atuar dentro de mim", concluiu.

Felipe Araújo estreia na arena de Barretos após morte do irmão

Felipe Araújo estreia na arena de Barretos após morte do irmão

A estreia na arena principal da Festa do Peão de Barretos, no interior de SP é exatamente seis anos depois de seu irmão, Cristiano Araújo, subir pela primeira vez no mesmo palco.

"Dezesseis de agosto, é muita coincidência". A afirmação foi feita pelo cantor Felipe Araújo , 24, nesta sexta (16) antes de estrear na arena principal da Festa do Peão de Barretos, no interior de SP, exatamente seis anos depois de seu irmão, Cristiano Araújo, subir pela primeira vez no mesmo palco. 

"Cristiano estreou em Barretos em 2013, dia 16 de agosto, numa sexta-feira também. Coincidência enorme. E isso mexe comigo porque, nesse dia, eu vim junto com ele e lembro de tudo. Tenho certeza que ele está muito feliz, orgulhoso de me ver subindo nesse palco", disse Felipe.

Cristiano morreu em junho de 2015 em um acidente de carro, pouco antes de o irmão iniciar a carreira solo –antes ele fazia dupla com Zé André. Segundo Felipe, isso provocou muita pressão no início de sua carreira, mas hoje ele acredita que as coisas estão mais leves e o público viu que cantar era seu sonho e que ele não se aproveitou de uma situação.


Foto:Reprodução/Instagram

Em Barretos, Felipe aproveitou para homenagear o irmão, tocando alguns sucessos dele. "Prometi pra mim mesmo que, enquanto tivesse vida, enquanto tivesse voz, nunca ia deixar as pessoas esquecerem quem foi o Cris, quem é o Cris. Tenho certeza que as pessoas curtem a homenagem e ele fica bastante feliz por ouvir as pessoas cantando bem forte as musicas dele", afirma ele.

Além da coincidência de datas e da recordação de Cristiano, Felipe afirma que cantar na arena principal de Barretos também encerra sua lista de sonhos de infância, que incluía se apresentar no Domingão do Faustão (Globo) e ter a música mais tocada no Brasil, o que conseguiu com "Atrasadinha" (2018). 

Agora, um ano após gravar seu último DVD, Felipe se prepara para voltar ao estúdio em setembro para gravar um novo EP, com canções inéditas e regravações. A expectativa do cantor é que a primeira música de trabalho seja lançada no final de setembro ou no começo de outubro. 

O ritmo sertanejo, é claro, estará no novo trabalho. Apesar disso, Felipe admite que não são os modões e sofrências que o inspiram antes de subir no palco, mas Michael Jackson. "As músicas dele são bem elétricas. Mas também ouço Imagine Dragons, gosto de Panic at the Disco, além do sertanejo", afirma. 

Com a carreira a todo vapor, Felipe diz que não está tendo tempo para engatar um romance e está solteiro. Os momentos que tem de descanso longe dos palcos, ele dedica ao filho, Miguel, de seis meses, que vive em Vitória com a mãe, Caroline Marchezi. "Sem pressão, lá pra frente a gente dá uma freada", brinca.

'Sabe que me fez bem?', diz padre Fábio de Melo sobre Twitter

'Sabe que me fez bem?', diz padre Fábio de Melo sobre Twitter

Longe do Twitter desde a semana passada, quando se envolveu em um bate-boca na rede, o padre afirmou estar se sentindo mais leve.

Após lutar anos contra uma depressão, Fábio de Melo  está fazendo de tudo para manter sua saúde mental em bom estado. E isso pode significar um afastamento das redes sociais.

Longe do Twitter desde a semana passada, quando se envolveu em um bate-boca na rede, o padre afirmou estar se sentindo mais leve.

"Você sabe que me fez bem? Me sobrou mais tempo, as redes sociais roubam muito tempo da gente. Twitter era o lugar que eu mais gostava de estar, sempre foi o meu lugar preferido. Mas nada precisa ser definitivo", disse ele à revista Quem.

"Gosto da liberdade de dizer que neste momento isso é pesado para mim. Acho o Instagram mais leve que o Twitter, talvez por ser o território da imagem. Me utilizo do espaço de forma leve e bem humorada", concluiu.

O bate-boca no Twitter do padre começou com um comentário dele sobre a "saidinha" de dia dos pais de Alexandre Nardoni, condenado por matar a filha em 2008. "Não entendo de leis, mas a 'saidinha' deveria ser permitida somente no dia de finados. Para que visitassem os túmulos dos que eles mataram", tuitou ele.

O comentário gerou reações das mais variadas e uma longa discussão sobre ressocialização, justiça e sistema penal. Após o desgaste, o padre optou por se despedir da rede.

"Meus queridos, vou ficando por aqui. Tenho uma saúde emocional a ser cuidada. Sei o quanto já provei a solidão provocada pela depressão, pelo pânico. Tomar remédios só faz sentido quando evitamos os gatilhos dos desconfortos. Este lugar deixou de ser saudável pra mim. Obrigado!", escreveu.

"Quando eu tive aquele momento de desgaste, o que mais me assustou foi perceber que uma opinião com fundamento racional repercutiu tanto", se justificou. "A Justiça tem todo o direito de ressocializar o preso, mas poderia ter um cuidado com a escolha das datas".

Filho de Betty Lago é intimado por suspeita de fraudar testamento

Filho de Betty Lago é intimado por suspeita de fraudar testamento

Convocação foi feita por "erros técnicos" encontrados no documento, que podem apontar que a atriz assinou testamento sem ter condições.

A briga pela herança de Betty Lago, que morreu vítima de câncer em 2015, teve mais um desdobramento. Segundo o colunista Alessandro Lo-Bianco, do "A Tarde é Sua", o filho Bernardo foi intimado pela Justiça a depor por suspeita de fraudar o testamento da atriz, que determina cerca de 80% dos bens a ele.

A nova audiência foi agendada para 10 de setembro, como mostram documentos obtidos com exclusividade pelo jornalista. A juíza, responsável pela intimação, ainda acionou a presença de representantes do Ministério Público para o depoimento de Bernardo sobre a suspeita de fraude. 

A convocação foi feita  para discutir “erros técnicos” encontrados do testamento, que podem apontar que Betty não estaria em condições no momento que assinou os documentos. Entre as divergências encontradas estão o nome da mãe de Betty, que aparece errado nos papéis, assim como o nome e data de nascimento da filha da atriz. 


Foto: Reprodução

De acordo com o jornalista, Bernardo está sendo acusado pela irmã Patrícia de crime de captação dolosa, ou seja, quando obtém algo de forma irregular. O testamento foi realizado horas antes da morte de Betty no dia 13 de setembro de 2015, mas a assinatura da atriz está com a data de dois dias antes.

O tabelião do cartório responsável pela formulação do testamento também foi intimado pela Justiça. No parecer do profissional consta que a atriz estava “em seu perfeito juízo”. No entanto, três atestados médicos documentados próximos à data do testamento notificaram que Betty estaria gravemente debilitada e em estado de confusão mental.

O colunista ainda teve acesso a documentos exclusivos do processo que confirmam a existência de erros técnicos na carta. Lo-Bianco informou que duas das três testemunhas do testamento tinham laços afetivos com Betty e por isso o juiz invalidou o documento na briga judicial. 

Patrícia ainda apresentou um documento para a juíza que informa sobre o fato do irmão ter retirado fotos, eletrônicos e móveis da casa da atriz após a morte dela sem comunicar a família. Na mesma carta ainda consta a informação de que Bernardo foi preso em novembro de 2001 pela Polícia Federal enquanto embarcava para Nova York portando drogas no aeroporto Internacional do Rio de Janeiro.

15 de agosto de 2019

Amigos de Pedro Scooby rebatem versão de Luana Piovani

Amigos de Pedro Scooby rebatem versão de Luana Piovani

No desabafo, a apresentadora diz que o pai de seus filhos estaria impedindo o contato dela com as crianças, que estão viajando com Scooby e sua nova namorada, Anitta, 26.

Os amigos de Pedro Scooby , 31, compraram a briga do surfista e afirmaram que Luana Piovani , 42, estava exagerando no relato que fez nesta terça-feira (13). No desabafo, a apresentadora diz que o pai de seus filhos estaria impedindo o contato dela com as crianças, que estão viajando com Scooby e sua nova namorada, Anitta , 26.

"Luana, a babá e todos que estão com ela em Portugal possuem o número do Pedro. O número da Letícia (anfitriã que hospedou Pedro e as crianças) mudou, e o Pedro não conseguiu avisá-la porque ele está bloqueado por ela. Ela diz que tenta falar com o Pedro e não consegue, mas está se contradizendo, porque foi ela quem bloqueou o Pedro", disse uma fonte próxima a Scooby à colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia. 

"Ela bloqueia ele toda hora, porque fala o que quer falar e depois bloqueia de novo. Se ela quer falar e ter retorno, é só desbloquear. Por fim, depois a Letícia Bufoni  ligou do telefone dela para Luana, porque o Pedro continuava bloqueado".

Piovani reconheceu a ajuda de Letícia pelas redes sociais momentos depois do desabafo: "Finalmente, graças a gentileza da Leticia Bufoni consegui falar com as crianças. Grata querida, sossegou meu coração. Pedro me deu o telefone errado da Letícia Bufoni e agora faz o responsável dizendo que era só ter ligado para ele. Não posto aqui as baixarias que me escreveu em respeito as pessoas", disse. 

A apresentadora também chegou a dizer que Scooby contou às crianças que elas voltariam antes para Portugal, o que teria causado um frustração nelas porque o surfista "não sabe se sacrificar pelos filhos". 

No entanto, Scooby teria contado aos amigos que o motivo da volta antecipada dos filhos não é Anitta, como Piovani teria dado a entender. "Pedro vai precisar adiantar a volta por causa de um trabalho que ele fechou. Mas a Luana coloca isso de forma negativa como se fosse uma provocação da parte dele pelo tanto de coisa que ela expôs na internet, e não é", disse a fonte. 

Em novo DVD, Léo Santana quer levar ao mundo o som do subúrbio

Em novo DVD, Léo Santana quer levar ao mundo o som do subúrbio

Léo conta que foram quase três meses de preparação para o novo trabalho, o que levou, inclusive, ao cancelamento de uma turnê pelos Estados Unidos.

Léo Santana, 31, subirá no palco nesta quinta-feira (15), em São Paulo, para gravar seu segundo DVD com uma proposta bastante eclética. Segundo ele, haverá um pouco de funk, pagode, axé, samba, sertanejo, pop, hip hop e rap. Mas seu pagodão não deve sair de cena e aparecer misturado a tudo isso. 

Baiano, o cantor, que trabalhou como barbeiro antes da vida artística, afirma que foi justamente o ritmo do subúrbio de Salvador que o tornou conhecido, e agora ele quer levar a batida para o mundo. "É tipo o funk que hoje o mundo inteiro conhece, eu quero que todo o mundo conheça o meu pagode também", afirma. 

"Eu venho quebrando barreiras aos poucos, acreditando que isso é possível", continua ele. "Mas pra isso também tenho que ser ousado, não me prender apenas ao que a periferia consome, mas ao que o mercado consome. Então eu tenho essa liberdade de não me prender ao que a minha galera, do pagodão de Salvador, quer ouvir". 

Após sucessos como "Encaixa" (2018) e "Santinha" (2016), o novo DVD, que receberá o nome "Levada do Gigante", terá 18 canções inéditas, incluindo parcerias com Anitta, 26, Lauana Prado, 30, Atitude 67 e com o porto riquenho Jhay Cortez. Mariana Fagundes, 27, que chegou a ser anunciada não vai participar por problemas de agenda. 

Léo conta que foram quase três meses de preparação para o novo trabalho, o que levou, inclusive, ao cancelamento de uma turnê pelos Estados Unidos. Música não faltava, já que ele vinha selecionando o repertório antes mesmo da confirmação do DVD, mas diz que acabou participando de todas as decisões. 

"Costumo dizer que taurino tem essa característica de ser ansioso, e quando fala em trabalho de um taurino, minha ansiedade vai pros ares. Sou muito agoniado. Fico o tempo todo 'será que o povo vai gostar?'. Eu sou inseguro. Mas foram meses pra esse DVD e antes dele foram anos e anos de trabalho", afirma o cantor. 

A preparação para o novo trabalho incluiu ainda mudanças alimentares, que garantiram a Léo a perda de alguns quilinhos, e exercício físicos, principalmente, por conta de um rompimento de ligamento ocorrido já seis meses e que ainda o incomoda. "Mas tenho uma boa dinâmica pra lidar e pra que vocês não percebam", brinca. 

São Paulo e Rio de Janeiro

A gravação do novo DVD na capital paulista é um grande passo para as ambições de Léo de levar seu pagodão ao mundo. Segundo ele, que afirma já ter alcançado muito mais do que sonhava lá no subúrbio de Salvador, as duas cidades que mais sonhava fazer sucesso eram justamente São Paulo e Rio de Janeiro. 

"Duas cidades que eu lutei e continuo lutando pra ser um artista de renome. E, graças a Deus, isso aos poucos tem acontecido. Ainda não é um terço do que eu quero, sendo bem sincero, porque eu sei bem onde quero chegar, sei o meu potencial e o potencial da minha equipe", afirma ele. 

Segundo Léo, ele conseguiu criar uma história com a capital paulista, com shows pequenos realizados em casas noturnas variadas, e que deixa ainda melhor a sensação de gravar um DVD no Credicard Hall, com os ingressos quase esgotados. "Eram shows com 500, 800 pessoas, que vocês nem chegaram a saber", recorda ele a jornalistas. 

"É preciso ter essas arriscadas para quando chegar, chegar com uma história. Não cheguei do nada e isso me deixa mais seguro. São coisas que me deram maturidade. Quando eu falo em ganhar o mundo engloba tudo isso". 

Carreira internacional

Apesar de falar em "ganhar o mundo", no entanto, os planos de Léo são bem mais modestos, ou pé no chão. O baiano, que cresceu na região de Boa Vista do Lobato, não pensa em uma carreira internacional no momento. Segundo ele, há muitos lugares no Brasil que, apesar de conhecerem sua música, ainda não o conhecem. 

Mas a preparação já começou, com as aulas de inglês e espanhol. Por enquanto, ele pensa em "dar alguns passinho", gravar com alguns cantores pela América Latina, como Jhay Cortez, que estará nesse novo trabalho, e até mesmo Anitta, que, como ele mesmo afirma, já alcançou um patamar fora do Brasil. 


A decisão de Léo de expandir a carreira acontece após gravar a música tema da Copa América deste ano ao lado da colombiana Karol G. Segundo ele, "Vibra Continente" fez sucesso, principalmente, em Chile, Colômbia, México e Argentina, e já lhe garantiu uma porção de novos seguidores nas redes sociais.

Cantora dá tapa em homem após ser assediada em show; vídeo

Cantora dá tapa em homem após ser assediada em show; vídeo

O caso aconteceu no último domingo (11), em uma apresentação na cidade de Bela Vista, no Maranhão, mas repercutiu nas redes sociais nesta quarta-feira (14).

A cantora paraense Thaciane Pantoja , vocalista da banda Batidão do Melody, deu um tapa em homem a assediou enquanto ela tirava fotos com o público. O caso aconteceu no último domingo (11), em uma apresentação na cidade de Bela Vista, no Maranhão, mas repercutiu nas redes sociais nesta quarta-feira (14). 

Imagens de um vídeo que está circulando na internet mostram a cantora na beira do palco quando uma pessoa do público passa a mão suas partes íntimas. Ela reage e, em seguida, grita no microfone: “Me respeita! Não pega na minha b*** c***”. Logo após a confusão, o homem subiu na garupa da moto de um amigo e fugiu do local. 


Foto:Reprodução/Instagram

No Instagram, a banda divulgou uma nota de esclarecimento . “A Banda Batidão do Melody, vem a público esclarecer o ocorrido na noite do último domingo, 11, em sua apresentação no Balneário de Arratauir, na cidade de Bela Vista - MA", informou o grupo na última segunda-feira (12). "No início do show, a cantora Thaciane Pantoja, estava batendo foto com o público, que estava na frente do palco, quando foi surpreendida por homem, que pegou em suas partes íntimas. A cantora, em reação ao assédio sofrido, acabou reagindo contra o agressor, por desrespeitar o trabalho artístico da mesma e por desrespeitá-la como mulher".

Para finalizar, a banda citou uma frase da cantora: "RESPEITO É BOM E TODO MUNDO GOSTA", declarou Thaciane Pantoja.

De acordo com a Marie Claire, a cantora registrou boletim de ocorrência sobre o caso. Um inquérito foi aberto para apurar o assédio.

Grazi Massafera comenta em foto de Cauã Reymond sem camisa

Grazi Massafera comenta em foto de Cauã Reymond sem camisa

O registro foi feito pela atual esposa do ator, Mariana Goldfarb.

Grazi Massafera  deu um show de maturidade e mostrou que não guarda mágoas. No Instagram, a atriz deixou um comentário na última segunda-feira (12) em clique do ex-marido Cauã Reymond .

Na imagem, o ator aparece sem camisa, pedalando a bicicleta da filha, Sophia, de sete anos. O registro foi feito pela atual esposa do ator, Mariana Goldfarb. 


Foto:Reprodução/Instagram

Após Grazi deixar emojis de aplausos e “chorando de rir”, vários internautas demonstraram surpresa. “Me ensina a ser assim pelo amor”, escreveu uma seguidora elogiando a atitude da atriz de “Bom Sucesso”. “Eu amo uma maturidade”, acrescentou outra. Uma terceira justificou: “Eu chamo isso de ‘não sinto nadinha por você’. É muito fácil ter maturidade quando não existe mais sentimento”.

Esta não é a primeira vez que a atriz surpreende os internautas com maturidade. Recentemente, a loira elogiou a modelo na rede social: “Mari é maravilhosa, luminosa, uma menina de bom coração. É muito importante saber que minha filha está bem”, disse.

Modelo plus size Ashley Graham anuncia gravidez do primeiro filho

Modelo plus size Ashley Graham anuncia gravidez do primeiro filho

A modelo é casada com o cineasta e diretor de cinema americano Justin Ervin, 30.

A modelo plus size americana Ashley Graham , 31, acaba de anunciar que está grávida de seu primeiro filho. A modelo é casada com o cineasta e diretor de cinema americano Justin Ervin, 30.

"Nove anos atrás, me casei com o amor da minha vida. Tem sido a melhor jornada com a minha pessoa favorita no mundo! Hoje, nós nos sentimos tão abençoados, gratos e animados de celebrar que a nossa família está crescendo. Feliz aniversário de casamento, Justin! A vida está a ponto de ficar ainda melhor", disse ela na legenda de um vídeo publicado nas redes sociais.


Foto:Reprodução/Instagram

Ashley tem encabeçado campanhas de conscientização sobre o corpo e valorização das curvas. Em 2016, ela foi destaque da edição de 52 anos da revista Sports Illustrated ao posar com biquínis tamanho 44. Daquele momento em diante, ganhou mais os holofotes.

Ela também se tornou a modelo plus size mais bem paga do mundo, de acordo com a revista Forbes, com cerca de R$ 20 milhões adquiridos por ano.

Amanda Françozo dá à luz Vitória, sua primeira filha

Amanda Françozo dá à luz Vitória, sua primeira filha

Duas horas antes do nascimento, Amanda chegava à maternidade e fazia um ensaio fotográfico com o marido.

Nasceu na tarde desta quarta-feira (14) Vitória, a primeira filha da apresentadora Amanda Françozo , 40, com o empresário Gregor Ferreira. De acordo com a assessoria de imprensa da artista, a menina nasceu saudável, grande e 'gordinha'. Mãe e filha passam bem.

Duas horas antes do nascimento, Amanda chegava à maternidade e fazia um ensaio fotográfico com o marido. Segundo ela, Vitória quis vir antes do programado, e eles tiveram de partir para o hospital.


Foto:Reprodução/Instagram

A apresentadora engordou dez quilos durante a gravidez, que transcorreu de maneira tranquila.

Ela, no começo da gestação, disse que o bebê veio de surpresa. "Na intenção do congelamento de óvulos, fiz uma pausa de dois meses do anticoncepcional. Mas o bebê foi mais rápido!", brincou Amanda.

A apresentadora já começou as gravações dos primeiros programas do reality musical Revelações Sertanejo, que vai ao ar a partir do dia 13 de setembro, na TV Aparecida. Agora, ela ficará em casa para cuidar de sua filha pelos próximos meses e só retorna às gravações do programa na reta final, lá para o final de outubro e início de novembro.

14 de agosto de 2019

Magic Johnson, 60, ajudou a quebrar estigma do HIV

Magic Johnson, 60, ajudou a quebrar estigma do HIV

Foi numa manhã de novembro de 1991 que o então armador do Lakers enfrentou jornalistas e câmeras de TV para fazer seu anúncio.

Há quase 28 anos anos, um dos maiores jogadores da história da NBA anunciava ao mundo que havia contraído o vírus HIV e estava se aposentando das quadras no auge, aos 32 anos --o astro, contudo, acabou voltando a jogar. Na época, o diagnóstico era quase uma sentença de morte e considerado por muitos um "câncer gay". Cazuza havia morrido um ano antes; Freddie Mercury, duas semanas após o anúncio de Magic Johnson.

Nesta quarta (14), ao completar 60 anos, Earvin "Magic" Johnson Jr. continua o soropositivo mais famoso do mundo e segue com as relações, ultimamente controversas, com seu time do coração, o Lakers.

Para comemorar mais um ano, ele está de férias com amigos e família num iate pela Costa Amalfitana, na Itália.

A longevidade do ex-jogador não tem nada de "magic". Pacientes com HIV ou Aids, a doença causada pelo vírus que ataca o sistema imunológico, passaram a viver mais tempo e com mais saúde a partir de meados dos anos 1990, graças à evolução dos remédios.

"No começo, foram tempos muito tristes. Médicos, como eu, iam em funerais de pacientes toda semana", diz à reportagem o especialista em doenças infecciosas Dean Winslow, professor da Universidade Stanford, na Califórnia, que desde 1981 atende pessoas com HIV/Aids. "Ocasionalmente tínhamos médicos ou enfermeiras que se negavam a tratar pacientes com Aids. Ninguém sabia ainda o que causava o vírus, como era transmitido."

Foi numa manhã de novembro de 1991 que o então armador do Lakers enfrentou jornalistas e câmeras de TV para fazer seu anúncio. Ao seu lado, o dono do time, Jerry Buss, e Kareem Abdul Jabbar, colega de quadra aposentado e uma das lendas do basquete.

Meses antes, Johnson havia se casado com Earlitha "Cookie" Kelly, com quem vive até hoje. Ela não fora infectada, nem o filho do qual estava grávida, E.J. Johnson.

O médico se lembra bem do susto com o anúncio de Johnson, ganhador de cinco títulos da NBA e eleito melhor jogador da liga por três temporadas. "Foi muito corajoso e também muito útil para tirar o estigma e alertar que HIV não ocorria só em gays ou usuários de drogas injetáveis", diz Winslow.

Numa entrevista à revista Sports Illustrated, Johnson afirmou que havia sido infectado por relações sexuais sem proteção, mas não sabia com quem nem quando. O diagnóstico surgiu em exames de rotina para a pré-temporada da NBA.

"Antes de ser casado, tive uma vida movimentada de solteiro", disse Johnson, negando qualquer relação homossexual. "Confesso que, ao chegar em Los Angeles, em 1979, fiz meu melhor para acolher todas as mulheres que podia, e a maioria por meio de sexo sem proteção."

O primeiro tratamento contra HIV/Aids foi aprovado em 1987, seis anos após a descoberta do vírus, quando milhares já haviam morrido e outros milhões estavam infectados. Pouco se sabia sobre a eficácia da droga AZT, mas seus efeitos colaterais eram devastadores.

Só em 1996 uma combinação de drogas anti-HIV começou a mudar o jogo. Ainda assim, pacientes precisavam de punhados de pílulas duas ou três vezes ao dia, às vezes com restrições de alimentação. No fim da década, a terapia já estava mais refinada e os efeitos adversos aliviados. Hoje, muitos soropositivos tomam só uma ou duas pílulas ao dia.

Winslow diz que hoje a doença é manejável, com expectativa de vida praticamente igual aos dos não soropositivos. "Agora temos o luxo de poder nos preocupar com problemas com os quais não era possível se preocupar antes, como pressão alta e diabetes."

Johnson teve acesso ao coquetel de drogas em 1994 --um ano e meio antes de chegar ao público-- em testes clínicos com ajuda de seu médico, David Ho, pioneiro em tratamentos com antirretrovirais.

Numa entrevista em 2011, Ho afirmou que a rotina de Johnson incluía Trizivir  --composto por AZT, 3TC e Ziagen, que impede o vírus de alterar a célula--, e Kaletra --dois inibidores de protease (bloqueiam a reprodução).

Hoje, existem dezenas de drogas, até as que impedem a transmissão, como a PrEP, tomada diariamente --recentemente a OMS (Organização Mundial da Saúde), com base em pesquisas, disse que a pílula não precisa ser diária-- por quem é HIV-negativo.

Segundo Ho disse à revista Newsweek, Johnson é o exemplo de que é possível ter uma vida saudável apesar do HIV. Ele afirmou que só conversava com o ex-atleta para checar se ele continuava tomando os remédios no mesmo horário todos os dias. "É um desafio porque ele é muito ocupado."

A OMS afirma que 38 milhões de pessoas vivem com HIV/Aids. Em 2018, 770 mil morreram de complicações relacionadas ao vírus, contra 1,4 milhão em 2000.

Para Johnson, os cinco primeiros anos após o anúncio foram os mais difíceis, não só pelos tratamentos erráticos, mas pelo jeito que foi recebido nas quadras quando decidiu voltar, um ano depois. Colegas reclamaram com medo de ser infectados. Em 1992, o armador recebeu o prêmio de jogador mais valioso do Jogo das Estrelas e trouxe para casa a medalha de ouro das Olimpíadas de Barcelona.

Fora das quadras, Johnson virou ativista na prevenção do HIV/Aids. Nos negócios, virou um dos ex-atletas da NBA mais bem sucedidos, com investimentos em marcas como Starbucks e Burger King em bairros pobres, e participação em times esportivos, como Dodgers (beisebol), Sparks (basquete feminino), Los Angeles Football Club (futebol) e Team Liquid (e-sports).

O Lakers sempre foi parte importante na vida de Johnson. Em 2019, porém, outra etapa foi encerrada. Após dois anos como presidente, se demitiu em abril.

"O que estou fazendo? Tenho uma vida ótima. Vou voltar pra essa minha vida ótima", disse a jornalistas ao anunciar a demissão, cansado dos dramas de bastidores da empresa. "Gosto de ser livre."

Anitta e Cardi B gravam música com trecho inédito de Mr. Catra

Anitta e Cardi B gravam música com trecho inédito de Mr. Catra

As duas apareceram juntas em uma foto publicada no Instagram nesta terça-feira (13) para registrar o encontro.

Depois de trocas de mensagens e especulações, está feita a parceria de Anitta, 26, com a americana Cardi B, 26. As duas apareceram juntas em uma foto publicada no Instagram nesta terça-feira (13) para registrar o encontro.

O produtor Papatinho, parceiro de Anitta, deu detalhes sobre a negociação. Ele conta, pelo Instagram, que passou horas em estúdio para conseguir chegar a uma faixa que agradasse a americana. E Cardi B. escolheu justamente a opção que inclui uma voz inédita de Mr. Catra. 

"Meses atrás a família do rei @mrcatrareal veio aqui no estúdio com umas vozes inéditas dele pedindo uma força, já que éramos muito parceiros. Produzi um funk 150 com trap com uma das vozes dele e acabou saindo uma bomba! Contei a história e mostrei pra Anitta aqui no estúdio e ela curtiu muito... ", lembra ele em mensagem.

Naquela época, Anitta ainda prometeu ao produtor que se conseguisse emplacar uma faixa com Catra, ela doaria os direitos autorais para a família dele. A cantora levou a música para Los Angeles e conseguiu aprovar a canção em parceria com Cardi B. 

Em resposta ao produtor, Anitta agradeceu pelo esforço de todos os artistas que têm trabalhado juntos. "Kevin o cris, Ludmilla, tropkilaz, Hitmaker, ainda faremos muitas coisas juntos. O funk realmente virou um grande time que entendeu o poder da união", escreveu a cantora. 

Pelo Twitter, nesta terça-feira (13), Cardi B. contou que estava ao lado de Anitta e afirmava que ela era incrível. "Fiquei tímida". Por outro lado, a brasileira se expressou na foto de forma carinhosa "Encontrei a minha alma gêmea". 

As conversas começaram em julho, quando Cardi B. teve de cancelar o show que faria no Rock in Rio deste ano. Ela fez uma live com fãs e alguns pediram para que a cantora e Anitta fizessem uma parceria.

Anitta a provocou pelo Twitter e as duas passaram a trocar mensagens. No início deste mês, Cardi B demonstrou ser fã de Anitta ao compartilhar um vídeo dançando uma das músicas da brasileira.

Ela rebolou ao som de "Vai Malandra" em um vídeo no Instagram. A canção de Anitta chamou a atenção não só dos brasileiros, mas também dos seguidores de Cardi B norte-americanos. O rapper Bobby Lytes inclusive deixou um comentário na publicação, perguntando qual a música que a cantora estava dançando.

Fã do funk brasileiro, a norte-americana também já publicou vídeos ouvindo músicas de Mc Kevin O Chris e de Ludmilla.

Em Los Angeles, Anitta também anunciou outra grande parceria por lá. Ela gravou também com o líder do Black Eyed Peas, Will.i.am, 44. 

"O verão de 2019 é algo que sempre me lembrarei... viajando pela Europa com meus melhores amigos do Black Eyed Peas... e agora Black Eyed Peas criando algo tão especial com minha nova melhor amiga Anitta... mal posso esperar pelo mundo ver o que criamos... Obrigado, Anitta", escreveu o artista na legenda de uma das fotos.

Daniel lança versão de 'Trem Bala' com Larissa Manoela

Daniel lança versão de 'Trem Bala' com Larissa Manoela

A canção, gravada originalmente por Ana Vilela, estará no próximo DVD do cantor.

Numa parceria um pouco diferente, o sertanejo Daniel , 50, lançou nesta segunda-feira (12) uma nova versão da música "Trem Bala", em parceria com o ícone adolescente Larissa Manoela , 18. A canção, gravada originalmente por Ana Vilela, estará no próximo DVD do cantor. 


Foto:Reprodução

O dueto foi gravado em 12 de outubro do ano passado, no Santuário Nacional de Aparecida, no interior paulista, e lançado na página do cantor no YouTube. Além de Larissa Manoela, Daniel fez parcerias também com Leo Cidade, Giulia Soncini e Neto Junqueira para o novo projeto, "Show Homenagem a Nossa Senhora Aparecida". 

Também recém-lançada pelo cantor, a música "Casava de Novo" virou tema da novela portuguesa "Ouro Verde", que estreou no mês passado na Band. "Foi uma coincidência incrível. Lancei essa música há dois meses e eles estavam em busca de uma canção que tivesse a ver com a história do personagem", contou Daniel.

Whindersson Nunes recebe ator de 'As Branquelas' em sua casa

Whindersson Nunes recebe ator de 'As Branquelas' em sua casa

O ator americano está no Brasil para a divulgação de seu novo filme "Seis Vezes Confusão", que acaba de chegar ao catálogo da Netflix Brasil.

O humorista e youtuber Whindersson Nunes , 24, recebeu em sua casa, em São Paulo, Marlon Wayans , 47, uma das estrelas do filme "As Branquelas". O ator americano está no Brasil para a divulgação de seu novo filme "Seis Vezes Confusão", que acaba de chegar ao catálogo da Netflix Brasil. 

"Simplesmente inacreditável, eu cresci assistindo os filmes desse cara! Definitivamente a pessoa mais de boa que eu conheci na vida, o cara é simplesmente 'diboista' mesmo", escreveu Whindersson em seu perfil no Instagram.

O youtuber brasileiro também contou que Wayans deu algumas dicas profissionais para ele. "Ele me deu conselhos de como fazer para nossas ideias serem executadas como nos pensamos. Com a maior atenção do mundo. Eu to desde ontem sem acreditar, obrigado @marlonwayans meus amigos estão sem acreditar, todos eles vivem comédia, você deu um novo motivo pros meus meninos acreditarem que tudo é possível."


Foto:Reprodução/Instagram

Mais cedo na segunda-feira (12), Marlon Wayans afirmou que a continuação de "As Branquelas" ainda é incerta, para tristeza dos fãs do filme. 

"Todos nós queremos fazer uma sequência para 'As Branquelas', mas depende do estúdio. Se eles conseguirem o orçamento necessário, eu acho que o filme iria faturar mundialmente muito mais do que o primeiro, mas precisa de dinheiro para fazê-lo. Eu já topei fazer, meu irmão e o Terry [Crews] também, mas depende do estúdio",  contou Wayans, durante entrevista ao programa Morning Show da rádio Jovem Pan.

No começo de julho deste ano, Crews, que interpreta um jogador de basquete narcisista no longa, tinha dito em entrevista ao programa de TV americano Watch What Happens Live with Andy Cohen que os produtores de "As Branquelas" estavam tirando a sequência do papel.

"Eu conversei com o Shawn e ele falou: 'cara, nós vamos fazer, vamos levar para frente'", disse em resposta à pergunta de uma fã por telefone. Shawn Wayans interpretava o agente Kevin e também é roteirista do projeto.

Sasha Meneghel dança com crianças angolanas em viagem à África

Sasha Meneghel dança com crianças angolanas em viagem à África

A filha da apresentadora Xuxa está em uma viagem humanitária na Angola, África do Sul.

 Sasha Meneghel,  21, foi para Angola, na África do Sul, em uma viagem humanitária. Em vídeos e fotos publicados nas redes sociais nesta terça-feira (13) por seus amigos, a filha da apresentadora Xuxa aparece brincando e dançando com crianças atendidas em Luanda pela ONG Baluarte. 


Foto:Reprodução/Instagram

No final de março, Bruna Marquezine , uma das melhores amigas de Sasha, foi voluntária no mesmo projeto. Na ocasião, a atriz escreveu em seu Instagram como a experiência foi transformadora para ela. 

"Espero ter feito por vocês pelo menos um pouco do que vocês fizeram por mim. Não volto pra casa como saí. Fui transformada. Feita nova [...] Serei sempre grata por cada olhar afetuoso, por cada sorriso genuíno, por cada abraço casa, por cada palavra edificante, por toda a generosidade e por honrarem a minha vida mesmo quando não me achei merecedora" 


Foto:Reprodução/Instagram


Sasha, que mora e estuda nos Estados Unidos, aproveita as férias da faculdade de moda para realizar o trabalho beneficente.

13 de agosto de 2019

Morre João Carlos Barroso, de 'Roque Santeiro' e 'Zorra Total'

Morre João Carlos Barroso, de 'Roque Santeiro' e 'Zorra Total'

Segundo o ator Mario Cardoso, ele enfrentava uma batalha contra um câncer.

O ator João Carlos Barroso morreu na noite de segunda-feira (12), aos 69 anos, segundo confirmaram duas sobrinhas e amigos do carioca. Segundo o ator Mario Cardoso, ele enfrentava uma batalha contra um câncer. 

Barroso fez nome na TV Globo e esteve em novelas como "Roque Santeiro", "O Bem Amado" e "Estúpido Cupido", e em humorísticos como "Zorra Total" e "Trapalhões". Ele também atuou como dublador, como quando deu voz a Arthur no filme "A Espada Era Lei".

O último papel de Barroso na TV foi como o delegado Mesquita na novela "Sol Nascente", de 2016 a 2017, na Globo. A sobrinha Ghis Lima, filha de irmão de João, confirmou que a morte aconteceu às 19h de terça. "Meu tio era a pessoa mais maravilhosa do mundo, sempre muito generoso e carinhoso, se dedicou à família em primeiro lugar."

João nasceu em 1950, no Rio de Janeiro e cresceu como um garoto que sonhava jogar futebol. Em 1961, com 11 anos, foi abordado por uma equipe de argentinos para fazer um teste para um filme que começariam a rodar, fez um teste e passou. Assim, esteve em Pedro e Paulo, ao lado de nomes como Jardel Filho, Francisco Cuoco e Jece Valadão. Os primeiros papéis renderam prêmios como ator revelação. 

Passou a participar de programas na TV Tupi, TV Rio, TV Continental e TV Excelsior e no Grande Teatro Infantil. Na década de 1970, já na TV Globo, participou da última novela em preto e branco ("Estúpido Cupido") e da primeira a cores, quando foi filho de Lima Duarte, o Eustórgio, em "O Bem Amado". Ele foi o Toninho Jiló em "Roque Santeiro".

Desde a madrugada, colegas e amigos do ator prestaram homenagens nas redes sociais. Um deles foi André Gonçalves. "Barrosinho... que saudades... Meus sentimentos à família e aos amigos", postou. 

Marcio Cesar Nogueira também escreveu sobre o amigo. "É com imensa tristeza que recebo esta notícia. Nosso grande amigo. João Carlos Barroso - Barrosinho, colega de profissão e de grandes lutas. Parceiro de futebol dos artistas inúmeras vezes, nos deixou. Que Deus o receba em seu reino de luz. Meus sentimentos à família."

Vilã de 'A Dona do Pedaço', Nathalia Dill diz que Fabiana instiga o público

Vilã de 'A Dona do Pedaço', Nathalia Dill diz que Fabiana instiga o público

O palpite da atriz sobre o que fez Fabiana ser abraçada pelo público é a dubiedade da vilã.

De memes engraçados a análises sobre a conduta da personagem, a vilã Fabiana (Nathalia Dill), de "A Dona do Pedaço" (Globo), está dando o que falar na internet. Um dos questionamentos do público e de parte da crítica é se a personagem não é esperta demais para ter sido criada por freiras.

Durante entrevista realizada nos bastidores da gravação da novela, a atriz dá sua opinião: "Gente, ouvimos histórias do Vaticano e de vários lugares. Nenhum lugar é isento de todas as perversidades humanas". E  acrescenta: "Se ela tivesse aquele estereótipo de ter crescido em um orfanato, talvez as pessoas não tivessem se chocado tanto, porque tem uma coisa talvez ali do abandono. No convento também tem o abandono da mãe, um isolamento."

A intérprete de Fabiana diz que se diverte com os memes que viralizam na web -os quais, segundo ela, têm gerado bastante engajamento de seus seguidores. "É a primeira vez que tenho visto isso. Tenho repostado e tenho tido muito envolvimento. Agora não tem mais likes [no Instagram ] né, então a gente vê pelo número de comentários."

O palpite da atriz sobre o que fez Fabiana ser abraçada pelo público é a dubiedade da vilã. "Ela desperta sensações conflitantes no espectador, que não sabe se odeia, se ama, se ri... É divertido", afirma Dill, que faz pela primeira vez uma personagem do autor Walcyr Carrasco. 

"Acho que o fato de ela ser freira e ser vilã instiga o público (...) E como o Agno [Malvino Salvador] também é perverso, ela acaba virando meio heroína, porque acaba passando a perna em outro vilão. Então, causa essa sensação dúbia."

Diferentemente de Fabiana, que tem inveja da irmã Vivi Guedes  (Paolla Oliveira), Dill é daquelas que defende a união entre as mulheres: "Eu sempre fui da inclusão. Nunca curti muito essa coisa da disputa. Isso nunca me fez crescer."

A atriz afirma ainda que acredita que o perfil ganancioso e vil de Fabiana -que é o oposto da irmã, Vivi-, podem ser não somente resultado de uma trajetória de vida, mas também de sua própria índole. "Acho que ela sente o abandono de uma forma muito mais brutal. Talvez se ela tivesse sido criada pelos pais da Vivi, ainda assim fosse essa pessoa perversa, e a Vivi fosse alguém bondosa. É algo de personalidade."

Claudia Rodrigues comemora volta aos palcos depois de 6 anos

Claudia Rodrigues comemora volta aos palcos depois de 6 anos

O anúncio do retorno da atriz –que sofre de uma doença autoimune desde 2000– foi dado em suas redes sociais.

Claudia Rodrigues , 47, retornará aos palcos depois de seis anos longe da TV e do teatro. O anúncio do retorno da atriz –que sofre de uma doença autoimune desde 2000– foi dado em suas redes sociais.

"Está chegando o grande dia! Após 6 anos fora dos palcos e da TV e lutando há 19 anos contra a esclerose múltipla, eu estou voltando...", escreveu Claudia, que participará do 3º Brazilian Comedy Club, em Curitiba (Paraná). O espetáculo de comédia será feito ao lado de Nerso da Capitinga e do humorista Diogo Portugal.


Foto:Reprodução/Instagram

Toda a verba arrecada pela peça será doada para uma instituição de caridade chamada Provopar Estadual e Instituto Big Brazil. "Venha, divirta-se e ajude ao próximo! Estou esperando você", finalizou a atriz.

Em abril deste ano, a atriz voltou a ser internada por conta de complicações da doença que a acomete. Segundo sua assessora e empresária, porém, o quadro piorou após a morte de Lúcio Mauro. Ela e o ator eram amigos de longa data. Lúcio Mauro morreu aos 92 anos.

A esclerose múltipla é uma doença autoimune que afeta o sistema nervoso central. As células de defesa do organismo passam a atacar os neurônios, podendo provocar diferentes tipos de lesões. 

Em 2017, a atriz passou por um tratamento com célula-tronco, que visava "reiniciar" seu sistema imunológico.

Ator de 'As Branquelas' diz que sequência de filme ainda é incerta

Ator de 'As Branquelas' diz que sequência de filme ainda é incerta

Marlon Wayans, 47, que faz parte do elenco, disse que a continuação ainda é incerta e que tudo depende do estúdio que produz o longa.

Depois de Terry Crews, 50, agitar os fãs do filme "As Branquelas" com a possibilidade de uma sequência para a franquia, Marlon Wayans, 47, que também faz parte do elenco, disse que a continuação ainda é incerta e que tudo depende do estúdio que produz o longa.

"Terry Crews está mentindo. Todos nós queremos fazer uma sequência para 'As Branquelas', mas depende do estúdio. Se eles conseguirem o orçamento necessário, eu acho que o filme iria faturar mundialmente muito mais do que o primeiro, mas precisa de dinheiro para fazê-lo. Eu já topei fazer, meu irmão e o Terry também, mas depende do estúdio", contou Wayans, durante entrevista ao programa Morning Show da rádio Jovem Pan.


Foto:Reprodução

O ator está no Brasil para a divulgação de seu novo filme "Seis Vezes Confusão", que acaba de chegar ao catálogo da Netflix Brasil. Na nova comédia, ele interpreta seis irmãos gêmeos que se veem no meio de diversos encontros e desencontros.

No começo de julho deste ano, Terry Crews, que interpreta um jogador de basquete narcisista no longa, disse em entrevista ao programa de TV americano Watch What Happens Live with Andy Cohen que os produtores de "As Branquelas" estavam tirando a sequência do papel.

"Eu conversei com o Shawn e ele falou: 'cara, nós vamos fazer, vamos levar para frente'", disse em resposta à pergunta de uma fã por telefone. Shawn Wayans interpretava o agente Kevin e também é roteirista do projeto.

"Estou me mantendo em forma só para esse filme", brincou Crews. "Estou há 15 anos esperando por 'As Branquelas 2'. Por favor", encerrou.

Ferrugem fura bolha do sertanejo e renova ritmo que andava esquecido

Ferrugem fura bolha do sertanejo e renova ritmo que andava esquecido

Ferrugem é o pagodeiro mais em alta no Brasil, mas ainda precisa de uma apresentação.

No estacionamento do estádio do Canindé, em São Paulo, a mensagem estampada na lataria de uma van anuncia o show que anima a festa junina da Portuguesa."Prazer, eu sou Ferrugem." Mesmo atrasada, com o título do álbum que o cantor lançou no ano passado, a frase é representativa do momento da carreira de Ferrugem . É o pagodeiro mais em alta no Brasil, mas ainda precisa de uma apresentação.

Com um trabalho recém-lançado –o ao vivo "Chão de Estrelas"–, ele coleciona canções bem-sucedidas desde "Climatizar", de 2015, seu álbum de estreia. Na lista de mais tocadas em rádios no semestre passado, assina a primeira música que não é sertanejo nem forró eletrônico, "Chopp Garotinho". Também participa de duas músicas do topo do ranking, e seu single atual, "Nesse Embalo", está há mais de dois meses nas paradas de pagode.


Foto:Reprodução/Instagram

Em atividade há mais de uma década, Ferrugem só chegou a um público mais amplo no ano passado, com "Atrasadinha". O "pagonejo" em parceria com Felipe Araújo –irmão de Cristiano Araújo, morto em 2015– toca exaustivamente há praticamente um ano. "A linguagem é muito popular, pega muito", diz Ferrugem. "Criança gosta, idoso gosta."

Apesar de criado no samba, o carioca canta com sertanejos (como Zé Neto & Cristiano e Lucas Lucco), flerta com o funk e divide o palco com Ivete Sangalo e Belo em "Chão de Estrelas". A mistura e as parcerias são estratégicas para entrar em playlists no streaming. Mas, no caso de Ferrugem, o intercâmbio é essencial.

"Nosso segmento viveu um momento complicado. O Exaltasamba acabou, o Xande [de Pilares] saiu do Revelação. Eram os pilares. Deu uma esfriada", explica. Perdendo espaço na preferência nacional, o gênero, que foi gigante nos anos 1990 e 2000, estava relegado aos nomes consagrados.

"Quando toco nesses festivais gigantes, tipo Villa Mix ou Planeta Atlântida, eu e [o pagodeiro] Dilsinho somos as únicas atrações de samba", diz.

Desde a adolescência, Ferrugem, 30, frequentava as rodas de samba no Rio de Janeiro. De tanto ouvir promessas de empresários, estava desacreditado da carreira musical. Há quatro anos, sua mulher à época, Juliana Barbosa, morreu por complicações decorrentes de cirurgias plásticas. 

O que transformou sua vida pouco depois foi "Pirata e Tesouro", faixa de 2017 que já soma 250 milhões de plays –só no YouTube e no Spotify.

Ode ao casamento, a música ressalta o virtuosismo vocal –com precisão do reality "The Voice"– e o melodrama lírico, com um naipe de cordas. Na contramão do samba tradicional, Ferrugem prioriza instrumentos harmônicos em detrimento dos rítmicos.

Entretanto, mais que um cantor de melodias, Ferrugem é um romântico do tipo monogâmico e intenso, com os pés fincados no cotidiano. Diferente da dor de corno sertaneja, canta o otimismo. "Não pode só sofrer. Gosto de histórias de romances que deram certo", afirma.

Desde o ano passado, Ferrugem é casado com a blogueira Thais Vasconcelos, com quem tem duas filhas (são três, contando a do casamento anterior). Queridinha dos fãs do marido, ela se reveza entre acompanhar suas turnês e ficar com as meninas.

Em junho, a rotina deles, que inclui cerca de 20 shows por mês, ficou mais movimentada. Vivendo um pico de estresse, Ferrugem acabou pisando no braço de um fã no palco, dias depois de ter abandonado um show, atingido no rosto por um copo arremessado pela plateia.

"Ele estava com a mão entre meu tênis e a calça, cravando a unha na minha perna. Depois, começou a dar uns soquinhos no meu pé", conta Ferrugem.

Nos sites de famosos, ganhou fama de bad boy arrependido. Ao mesmo tempo que gerou críticas, a exposição negativa também o levou às manchetes de entretenimento.

Na pré-estreia de "Chão de Estrelas", no shopping Cidade Jardim, em São Paulo, Ferrugem foi recebido por três fã-clubes. "Está tranquilo. Da última vez, era um shopping popular, tinha muito mais gente", disse um assessor.

Antes da exibição do filme, ele tentou relativizar seus momentos de ira em entrevista a Leo Dias, famoso jornalista de celebridades. Mesmo sendo chamado de "o maior pagodeiro da atualidade", quis falar sobre o psicólogo que passou a encontrar.

Brincalhão e expansivo, Ferrugem está mais para fofo que para bruto. É assim, pelo menos, que ele se apresenta. Em "Não Muda", canta que "não faz meu tipo ser um ditador". No refrão, diz que "não está com nada homem machista".

O pagodeiro, aliás, não parece conservador, mas declarou voto em Jair Bolsonaro. "Não concordo com tudo que ele fala, nem com muitas coisas que estão acontecendo, mas era a melhor opção." Sobre o governo, diz que é cedo para comentar. "Esse negócio da [reforma da] Previdência pode ser interessante. Agora, o presidente tem que parar de bater boca para ver se as coisas andam."

Enquanto espera ver mudanças na política, Ferrugem vem renovando o pagode também pela imagem. Calça Nikes de cano alto tão facilmente quanto usa um boné de aba reta ou uma camiseta de banda de rock. "No visual, curto mais os caras da gringa. Tipo o Travis Scott, aquele Tyler the Creator", diz, citando rappers americanos.

Branco e ruivo, ele brinca com o apelido de infância. "Me chamavam de Chorão. Eu andava de bermuda larga, boné para o lado. Ainda ando igual a um doido."

Nome de destaque num grande selo, a Warner, Ferrugem se tornou a principal aposta para levar o samba romântico de volta às paradas de sucesso. E ele está disposto a fazer as concessões necessárias para se manter nelas. "Se eu disser que faço música por fazer, estou mentindo. Quero chegar ao topo –e sei que posso chegar."

'Não é para mim', diz Leonardo sobre open bar na turnê de Sandy e Junior

'Não é para mim', diz Leonardo sobre open bar na turnê de Sandy e Junior

Chitãozinho, tio da dupla, logo respondeu: "Ele prefere o show do Zeca Pagodinho, aí ele está em casa."

O cantor Leonardo , 56, brincou com o fato de nos shows da turnê de Sandy e Junior só ser servido água no open bar. "Eu amo a Sandy e o Junior , mas só água... Esse lugar não é para mim", disse ele, no sábado (10), no programa Altas Horas (Globo).

Chitãozinho , tio da dupla, logo respondeu: "Ele prefere o show do Zeca Pagodinho, aí ele está em casa."

Os dois sertanejos, além de Xororó e Zezé di Camargo & Luciano estavam no programa comandado por Serginho Groisman para falar sobre a volta da turnê do projeto Amigos.

O open bar de água virou piada e viralizou na internet assim que Sandy e Junior anunciaram a turnê pelo Brasil, depois de 12 anos separados. Isso porque, dois dos pacotes VIPs, que não dispensavam a compra do ingresso, apresentavam como vantagem "água liberada para consumo". O preço de R$ 350 (pacote gold, sendo R$ 400 para São Paulo e Rio) e R$ 600 (pacote diamante) potencializou a brincadeira. 

Além da água, os outros benefícios do pacote gold são entrada antecipada no show, credencial personalizada e acesso à passagem de som dos artistas. No pacote diamante, são as mesmas vantagens mais uma tour pelo backstage, o que não inclui visita ao camarim da dupla. 

Ainda no Altas Horas, Zezé di Camargo cobrou Xororó por não ter conseguido ingresso para os shows de Sandy e Junior -a venda de ingressos da turnê foi marcada por longas filas presenciais e online. 

"O Xororó não deu ingresso nem para os amigos. Tentei comprar na internet, não consegui, quando liguei para o Xororó, ele falou: 'Se Vira'".

"Nem para os parentes têm", respondeu Xororó. 

Sandy e Junior estrearam a turnê Nossa História no dia 12 de julho, em Recife. Serão ao todo 15 show pelo país.

12 de agosto de 2019

Cunhado de Ana Hickmann voltará a ser julgado por homicídio

Cunhado de Ana Hickmann voltará a ser julgado por homicídio

Bolsonaro e o ministro da Justiça Sérgio Moro relembraram o caso para voltar a defender o fim da aplicação de pena por excesso em casos de homicídio por legítima defesa.

O cunhado da apresentadora Ana Hickman , acusado de homicídio por ter matado um homem que tentou atacá-la, declarou estar "feliz e lisonjeado" com o apoio recebido do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

Bolsonaro e o ministro da Justiça Sérgio Moro evocaram o episódio envolvendo a apresentadora e seu cunhado, Gustavo Corrêa, na sexta-feira (9) e no sábado (10), para voltar a defender o fim da aplicação de pena por excesso em casos de homicídio por legítima defesa se o homicida tiver agido sob "escusável medo, surpresa ou violenta emoção", conforme prevê o pacote anticrime proposto por Moro.


Foto:Reprodução

"A gente sempre fica feliz, é um presidente dando o apoio, independentemente de qual seja. Ficaria feliz se fosse qualquer outro presidente", afirmou Corrêa à reportagem. Ele deve ser julgado em segundo instância, provavelmente em setembro.

Sobre a mudança no Código Penal proposta pelo presidente, ele apoia. "Bolsonaro tem total razão. Quando uma pessoa entra armada na sua casa, não deve existir nenhum tipo de lei nem nada que vá contra o que você pode fazer, independentemente se sejam dois, três ou trinta tiros. Ainda mais quando a arma é dessa pessoa e você está desarmado", afirmou.

Em 21 de maio de 2016, Ana, Corrêa e Giovana, sua então esposa que trabalhava como assessora da apresentadora, estavam hospedados em um hotel em Belo Horizonte quando foram abordados por Rodrigo Augusto de Pádua, que se identificava como fã de Ana.

Segundo informações no inquérito, Rodrigo foi ao hotel com um revólver porque fora bloqueado das redes sociais da apresentadora, a quem mandava mensagens insistentes. Ele tomou os três como reféns em um quarto e, segundo afirmou Corrêa em interrogatório, acionou o gatilho para fazer "roleta russa" (atirar de forma aleatória com apenas uma bala no revólver). A apresentadora desmaiou, o invasor se irritou e atirou na direção dela, acertando Giovana.

Após o tiro, Corrêa saltou sobre Pádua para tomar a arma. Já no chão, após luta corporal, ele pegou o revólver e deu três tiros na nuca do invasor, que morreu. As duas mulheres já haviam deixado o quarto, e o cabeleireiro da apresentadora, Júlio da Silva, estava do lado de fora do quarto e ouviu a disputa.

Gustavo foi denunciado pelo Ministério Público de Minas Gerais por homicídio doloso, quando há a intenção de matar, sob o argumento de que houve excesso na legítima defesa.

À época, o promotor Francisco Santiago disse que seu argumento estava fundamentado no local em que haviam sido dados os tiros, na parte de trás da cabeça.

"Onde é que foram dados os tiros? Na nuca de alguém. Como eu posso entender legítima defesa com quem dá três tiros na nuca de alguém? (...) A legítima defesa exige que você tenha moderação na sua ação. A lei não diz que você pode matar. A lei diz que você pode se defender, mesmo que tenha que matar. A vítima estava dominada", afirmou.

O caso interessa a Bolsonaro e Moro porque ilustra a mudança no Código Penal proposta pelo pacote anticrime, que patina na Câmara. "Pessoas não reagem a ataques injustos com régua e compasso na mão. Somos todos humanos", escreveu Moro no sábado (10).

"É justo o cunhado da Ana Hickmann ir para tribunal do júri? Não vou nem falar em condenação. A proposta do Moro prevê acabar com isso aí. Nada mais claro que a legítima defesa. Nesse caso não tem que se levar em conta a questão do excesso", disse Bolsonaro na sexta (9).

"Aquela pessoa não pode ser tratada como uma assassina. Defendeu a família. E as pessoas não são máquinas, podem cometer algum excesso", completou o ministro.

Em abril do ano passado, Gustavo foi absolvido da acusação de homicídio. A juíza avaliou que ele agiu em legítima defesa. Sobre o excesso, escreveu que "não era exigível comportamento diferente de Gustavo", já que "utilizou do meio que dispunha para se defender (a arma trazida pela própria vítima)."

No entanto, o Ministério Público recorreu e ele será julgado em segunda instância, provavelmente em 10 de setembro.

Corrêa diz que "a posição mostrou porque os tiros foram na nuca. Caí atrás dele. Não me arrependi, faria tudo igual, não contaria quantos tiros eu daria. Se isso é excesso ou não, vamos descobrir na próxima audiência. Vamos ver o que vai acontecer com os desembargadores", afirma, sobre o julgamento no mês que vem.

Gustavo também disse que falou por telefone em julho com Eduardo Bolsonaro (PSL), filho do presidente, e recebeu apoio do deputado. "Teve uma ligação, do Eduardo, para o meu irmão [Alexandre, casado com Ana Hickmann e famoso apoiador de Bolsonaro]. Disse que estava do nosso lado para o que precisasse."

Para especialistas, a generalidade de cláusulas como "medo" e "violenta emoção", que dão abertura a interpretações múltiplas, podem impactar as estatísticas sobre o crime no Brasil.

Casos de feminicídio, por exemplo, em que o homem diz ter sido atacado pela mulher e que a assassinou por ter sentido "medo" poderão se encaixar como eventos de ação justificada e implicar em pena reduzida ou dissolvida.

Estudo feito pelo Conselho Nacional do Ministério Público mostrou que, de 2011 a 2012, 83% dos homicídios com causa provável no estado de São Paulo tiveram motivos "fúteis" ou foram cometidos por "impulso". Outros estados mostraram números semelhantes, como Santa Catarina (74,46%) e Pará (94,12%).

Também há temor de que a aprovação da proposta de Moro estimule as mortes causadas por policiais. Em 2018, 6.160 pessoas foram mortas por policiais, segundo levantamento do G1, do Núcleo de Estudos da Violência da USP e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Um policial que, ao ver um colega atingido durante ação, atira e mata uma pessoa, por exemplo, poderá afirmar que agiu sob violenta emoção e ter a pena abrandada ou eliminada.

O pacote anticrime de Moro também estabelece hipóteses de legítima defesa para policiais. Segundo o texto, está em legítima defesa o policial que age para prevenir agressões ou risco de agressões a si mesmo e a outras pessoas. Pela lei atual, o policial deve aguardar ameaça concreta ou a efetivação do crime para agir

'Toda autoridade é colocada ali por Deus', diz Patrícia Abravanel

'Toda autoridade é colocada ali por Deus', diz Patrícia Abravanel

A apresentadora tirou o chapéu também para personalidades como Ivete Sangalo, Anitta, Neymar e Mara Maravilha.

Na semana da estreia de seu novo projeto no SBT, Patrícia Abravanel  participou do quadro Pra Quem Você Tira o Chapéu, exibido no Programa Raul Gil  deste sábado (10).

A apresentadora tirou o chapéu para personalidades como Ivete Sangalo, Anitta, Neymar e Mara Maravilha. Quando perguntada sobre o presidente Jair Bolsonaro, a herdeira de Silvio Santos foi incisiva.


Foto:Reprodução/Instagram

"Ele é nosso presidente no poder. Toda autoridade é colocada ali por Deus. E a gente, como brasileiro, tem que torcer para que ele dê certo. Nós, como brasileiros, temos que orar para que ele tome boas decisões e seja brilhante nesse governo atual", disse, ao tirar o chapéu para o governante.

Patrícia se mostrou inserida nos assuntos sobre política. Ela é esposa do deputado federal Fabio Faria (PSD-RN), que é o terceiro secretário da Câmara na gestão de Rodrigo Maia. "O primeiro gol foi agora. A Previdência foi liberada. Eu sei que não é algo tão popular, mas pro Brasil vai ser bom e a gente depois vai ser grato", opinou.

Patrícia declarou, ainda, que aprendeu com o pai a ser pró-governo. "Você sabe que o SBT é muito pró-governo. Independente do governante, a gente acredita que tem que estar apoiando", contou ao apresentador Raul Gil. "Apoiou Lula. Era Dilma, apoiou Dilma. Também apoiou o Temer. E se eles fizerem alguma coisa errada, é claro que a gente pode puxar a orelha. Mas a gente tem que ser pró-governo", completou. 

A apresentadora também foi só elogios a Anitta. Após tirar o chapéu para a cantora, contou sobre um episódio que passou com ela e que guarda com carinho.

"Eu queria muito que a Anitta fosse no Máquina da Fama, no final (do Teleton que a cantora participou) fui lá chamar ela para o programa. E ela falou assim: 'No seu programa? Eu vou porque foi no seu programa, Cante Se Puder, a primeira vez que eu apareci na televisão'. Ela, no auge do sucesso, lembrou que a primeira oportunidade que teve na televisão foi no programa que eu apresentava, e em gratidão, mesmo com a agenda lotada, ela foi para o Máquina da Fama", contou. 

Patrícia estreia seu novo programa, uma versão renovada do Topa Ou Não Topa, no próximo sábado (17). Com a primeira edição já gravada, a nova atração terá como desafio manter a boa audiência deixada pelo Programa da Maisa nas tardes de sábado, e de superar Raul Gil.

Glória Perez publica homenagem em data que filha faria 49 anos

Glória Perez publica homenagem em data que filha faria 49 anos

Dia 11 de agosto marca a a data do aniversário de Daniella, assassinada há 26 anos.

Com conjunto de três fotos antigas, Glória Perez , 70, utilizou o Instagram para homenagear a filha Daniella Perez neste domingo (11). Esta data marca o aniversário de Daniella, assassinada há 26 anos. 

Na descrição, a autora de novelas da Rede Globo foi sucinta: "11de agosto -haja coração pra atravessar esse dia", escreveu.


Foto:Reprodução/Instagram

Daniella Perez completaria 49 anos. A atriz foi assassinada brutalmente em 1992, aos 22 anos, pelo colega de trabalho Guilherme de Pádua e por sua então mulher, Paula Nogueira Thomaz. Na época, eles contracenavam juntos em "De Corpo e Alma", novela de Glória Perez. 

Fafá de Belém, Nanda Costa, Maria Fernanda Cândido e Isis Valverde foram algumas das celebridades que prestaram seus sentimentos pela perda da autora nos comentários da publicação.

"Sou grata por tê-la conhecido. Ela pegava as minhas gravações - eu não fazia nada. Era elenco de apoio - , me dizia quando e que hora eu devia estar na Globo. Uma gentileza única. Dançava o tempo todo. Linda", relatou Fernanda Young. 

Recentemente, Perez e Zé de Abreu trocaram farpas na internet após o ator dizer que Guilherme de Pádua e a autora estariam "apoiando o mesmo espectro político". Ao ver o tuíte, ela retrucou: "Você é muito canalha! Não vou revidar lembrando sua tragédia pessoal. É block e mais nada!".

11 de agosto de 2019

'A morte é uma coisa balsâmica', diz Gilberto Gil em volta de talk show

'A morte é uma coisa balsâmica', diz Gilberto Gil em volta de talk show

Depois de um período no estaleiro, Gil voltou à ativa com o álbum "OK OK OK", lançado em agosto de 2018, além do programa na TV e da rotina de shows.

"A morte é uma coisa balsâmica", diz Gilberto Gil a Arnaldo Antunes. "Ela coloca a finitude em perspectiva. Atenua os efeitos da continuidade".

Os dois artistas estão acomodados em cadeiras de aparência desconfortável, em frente a um fundo neutro. O cenário espartano realça o tom intimista de "Amigos, Sons e Palavras", o talk show comandado por Gil, cuja segunda temporada estreia no dia 9 de setembro, no Canal Brasil.

Terminada a gravação do episódio, Gil conversa com este repórter. Avisa que não quer falar de política. Está cansado da polarização, não quer dar opinião sobre o novo governo. Mas não se furta a responder sobre sua saúde.

"Ela está bem. Em conformidade com a idade", afirma. Gil completou 77 anos em junho. Há cerca de dois anos, atravessou um período delicado, com insuficiências renal e cardíaca.

"O tratamento me deixou como herança uma medicação, que eu tomo todo dia. E não exatamente uma dieta, mas uma recomendação para evitar a proteína animal. Ela sobrecarrega muito os rins."

Depois de um período no estaleiro, Gil voltou à ativa com o álbum "OK OK OK", lançado em agosto de 2018, além do programa na TV e da rotina de shows.

"Na época dos discos 'Refavela' e 'Refazenda' [no fim da década de 1970], eu fazia de cem a 120 shows por ano. Agora são só 50 ou 60. Ainda é muito, mas é bem menos."

Mas não foi a doença que o fez adotar uma atitude filosófica quanto à morte. "Essa conclusão vem de muito tempo. Vem da época em que eu convivia com o Smetak."

Walter Smetak, morto em 1984, foi um músico, pesquisador e inventor de instrumentos suíço radicado na Bahia, adepto do esoterismo. "Ele me dizia: 'Gil, medite sobre a morte todo dia'."

Não é a primeira vez que Gil tem presença fixa em um programa de TV. Na verdade, ele começou a carreira em frente às câmeras. No início da década de 1960, era ele quem selecionava os calouros que se apresentavam no programa "J e J Comandam o Espetáculo", atração das tardes de sábado da TV Itapoan, de Salvador. O próprio Gil acompanhava ao violão os candidatos.

"Apresentar o programa não é algo pelo qual eu anseie. Mas eu acabo gostando quando faço", ri Gil. "Não fico com a obrigação do crivo analítico, jornalístico. Fico com a conversa, o contexto, as vivências que eu tive com o convidado. Deixo fluir."

O papel que Gil tem nas mãos durante a gravação não é um roteiro. "É só um apanhado sobre o convidado. Eu fujo das perguntas sobre a vida pessoal. Prefiro saber como cada um se debruça sobre a existência, o trabalho, as questões da vida. Faço a eles as perguntas que eu faço a mim mesmo."

O tom sóbrio do programa com Arnaldo Antunes se desanuvia no segundo episódio acompanhado pelo repórter, com Patricia Pillar. Ela e Gil têm uma ligação de longa data: um dos sobrenomes da atriz é Gadelha, o mesmo de Sandra, a primeira mulher do cantor, de quem Patricia é sobrinha.

A lista de convidados da segunda temporada inclui ainda o diretor teatral José Celso Martinez Corrêa, a jornalista Andréia Sadi, o apresentador Pedro Bial e o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad. Para cada um, Gil canta uma música cuidadosamente escolhida de seu repertório, abrindo o programa.

No momento, Gil termina mais uma turnê pela Europa. Ainda não tem planos para um novo álbum nem músicas inéditas. "Eu compus mais de 30 no ano passado. Foi suficiente. Agora vou deixar rolar".

O repórter viajou ao Rio de Janeiro a convite do Canal Brasil

09 de agosto de 2019

'Look' terá muito brilho, garante Simone e Simaria em Barretos

'Look' terá muito brilho, garante Simone e Simaria em Barretos

A Festa de Barretos acontecerá neste ano entre os dias 15 a 25 de agosto.

A pouco mais de uma semana de se apresentarem na Festa do Peão de Barretos, Simone e Simaria fizeram um ensaio fotográfico na quinta-feira (8), em um estúdio em São Paulo, como forma de homenagear o evento, do qual são embaixadoras pela primeira vez.

As cantoras fizeram fotos com três looks diferentes, que serão divulgados até a data do show em Barretos, no próximo dia 17. Um deles já foi divulgado e segue uma linha mais country. As roupas foram cedidas pela Riachuelo. 

As cantoras também fotografaram o visual que vão usar na apresentação na festa: "[O 'look' ] terá muito brilho", adianta Simone. "A gente nunca tinha feito um ensaio fotográfico bacana, com um conceito legal. E eu acho que Barretos merece tudo isso pelo título que nos concedeu, pela história que Barretos tem, pela quantidade de gente do país e do mundo inteiro que participa da festa", afirmou Simaria.

Para o show, elas revelaram que preparam surpresas, como um cenário especial e um repertório, que vai contemplar desde o sertanejo raiz até sucessos recentes delas e de outros músicos. "Será numa data muito especial, já que vamos dividir o palco com o cara que foi o embaixador do ano passado, o Gusttavo Lima", disse Simone.

 Além delas e de Lima, a programação do dia 17 de agosto da festa conta também com a apresentação do DJ Alok. Em entrevista ao F5, Simone comentou também que o show em Barretos deve ter uma duração um pouco maior do que elas costumam fazer normalmente. "Estou um pouco nervosa, ansiosa. É gente do país inteiro, um mix de cultura e de pessoas. É uma responsabilidade grande especialmente esse ano", afirmou a cantora.

A dupla acaba de comemorar as conquistas de disco de platina pelo álbum "Aperte o Play", e do single de diamante pela música "Qualidade de Vida", que tem participação de Ludmilla. "Nós não esperávamos. Quando fazemos um projeto desse é uma pressão tão grande. Ficamos felizes com esse resultado", disse Simaria.


Festa de Barretos

A Festa de Barretos acontecerá neste ano entre os dias 15 a 25 de agosto. Nas últimas edições, o evento reuniu entre 900 mil e 1 milhão de visitantes por ano. Realizada desde 1956, ele movimenta a economia num raio de 150 quilômetros de Barretos, o que inclui cidades como São José do Rio Preto e Ribeirão Preto. 

O evento deste ano terá Ivete Sangalo,  Léo Santana, Ferrugem, Kevinho, além dos já esperados representantes do sertanejo, que incluem Fernando e Sorocaba, Rick e Renner, Matogrosso e Mathias e o projeto Amigos, que retorna com Chitãozinho e Xororó, Zezé de Camargo e Luciano, e Leonardo, que fez dupla com Leandro. Veja a programação completa aqui. 

Simone e Simaria são as primeiras mulheres a ocuparem o cargo de embaixadoras do evento.  "Esse título é mais uma conquista para nós, mulheres. Só tivemos homens ocupando o posto e, agora, chegou a nossa hora. Somos as primeiras [embaixadoras], mas tenho certeza que teremos muitas outras, afinal é muita mulher talentosa nesse mercado que merece o posto também", disse Simaria ao F5, no fim de julho.

Criado em 2010, o cargo de embaixador da maior festa de peão do país já teve na função nomes como Luan Santana (2010), Jorge e Mateus (2011), Fernando e Sorocaba (2012), Chitãozinho e Xororó e Bruno e Marrone (2013), Cristiano Araújo (2014), Henrique e Juliano (2015), Zezé do Camargo e Luciano (2016) e Gusttavo Lima (2017 e 2018).

Lady Gaga pode enfrentar processo por plagiar 'Shallow' de compositor

Lady Gaga pode enfrentar processo por plagiar 'Shallow' de compositor

Segundo os advogados de Lady Gaga, isso não passa de um homem tentando ganhar dinheiro em cima do sucesso dos outros.

A cantora Lady Gaga, 33, pode enfrentar processo milionário na Justiça da Inglaterra depois de ser acusada de plágio em seu sucesso "Shallow", presente na trilha sonora do remake de "Nasce Uma Estrela" (2018) que estrelou ao lado de Bradley Cooper, 44.

De acordo com o jornal britânico The Independent, um compositor desconhecido afirma que Gaga usou a mesma progressão de notas de uma canção dele lançada há seis anos chamada "Almost".

O músico Steve Ronsen usa como principal argumento de que a cantora imitou a progressão das três primeiras notas da canção dele, que são sol, lá e si. 

Segundo reportagem, o compositor pede milhões como forma de ressarcimento da cópia que ele alega que Gaga cometeu. Em entrevista ao PageSix, o advogado de Steve contou que equipe do músico entregou um relatório aos representantes de Gaga mostrando a similaridade sonora.

"Em nome de uma saída amigável, minha equipe entregou a Lady Gaga um relatório oficial, com um renomado especialista determinando que há semelhanças no tempo, ritmo e harmonia entre as canções".

Tanto a cantora quanto seus advogados negam todas as acusações. Segundo os advogados de Lady Gaga, isso não passa de um homem tentando ganhar dinheiro em cima do sucesso dos outros. "Mr. Ronsen e seu advogado estão tentando ganhar dinheiro fácil às custas de uma artista de sucesso".

Sergio Chapelin se aposenta depois de 23 anos no Globo Repórter

Sergio Chapelin se aposenta depois de 23 anos no Globo Repórter

Com a saída de Dony de Nuccio e a aposentadoria de Sérgio Chapelin, a Globo vai promover uma grande mudança em seus telejornais a partir de setembro.

O veterano Sérgio Chapelin, 78, que marcou o jornalismo da Globo ao formar dupla com Cid Moreira, 91, nos anos 1970, no Jornal Nacional, e passou 23 anos à frente do Globo Repórter anuncia a sua aposentadoria. Com isso, Glória Maria e Sandra Annenberg assumem o comando do programa. 

Sandra Annenberg é editora-chefe e âncora há quase 20 anos do Jornal Hoje, e comanda o programa Como Será?, aos sábados. Ela deixará a bancada para Maria Julia Coutinho, que recentemente entrou para o rodízio de apresentadora do Jornal Nacional e agora será titular da bancada do Jornal Hoje. 

Coutinho fez sua estreia na bancada do Jornal Nacional em fevereiro e se tornou a primeira mulher negra a apresentar o programa da Globo. 

Chapelin trabalhou 47 anos na Globo. Estreou no Jornal Hoje em 1972 e um mês depois já estava na bancada do jornal Nacional. Ele participou da estreia do Fantástico em 1973, sem deixar a bancada do  Nacional e foi o primeiro apresentador do Globo Repórter, programa do qual esteve à frente até este mês.

Ali Kamel, diretor de jornalismo da Globo, divulgou uma longa nota à imprensa contando toda a história de revelância dos jornalistas envolvidos nas atuais mudanças. Ele lembra ainda dos primeiros dias de Chapelin na Globo e das notícias mais importantes que cobriu. 

Há tempos, Chapelin queria se aposentar, mas o diretor tentava mantê-lo. "Mesmo apaixonado pelo que faz, Sérgio ponderou que é parte da sabedoria encontrar o momento de desacelerar e aproveitar mais a vida, o tempo com a família", afirma o diretor.


LEIA A ÍNTEGRA DO EMAIL DO DIRETOR:

"Hoje é dia de homenagens e de lembrar histórias.

Cinco anos atrás, Sérgio Chapelin me procurou. Era a época de renovação do contrato. Sempre gentilíssimo, ele me disse que acreditava que era hora de parar. Sérgio adora o que faz, tem uma relação de décadas com o público, com o jornalismo, mas queria mais tempo para a família, para aproveitar a vida sem tantas obrigações. Eu discordei, e o carinho dele pelo público e pelo jornalismo é de tal ordem, que ele acabou se convencendo a ficar mais cinco anos e a voltar a conversar sobre o assunto no futuro. Esse futuro chegou, ele me procurou algumas semanas atrás e a conversa se repetiu. Mesmo apaixonado pelo que faz, Sérgio ponderou que é parte da sabedoria encontrar o momento de desacelerar e aproveitar mais a vida, o tempo com a família.

Conversar com Sérgio é sempre um prazer. Algo na natureza dele o faz ser o mesmo de quando começou na Globo, quase cinquenta atrás, um pioneiro: a vitalidade, a voz, a energia, o carisma são os mesmos (temperados pelos cabelos grisalhos). Com anos de diferença, eu e ele temos uma origem profissional comum, a Rádio Jornal do Brasil, e essa coincidência me alegra. Quem o trouxe para a Globo foi Dirceu Rabelo, a "voz" da Globo ainda hoje. Dirceu o chamou para um teste em 1972. Ele veio em roupas esportivas, o cabelo longo e se pôs à prova diante de nossa querida Alice-Maria e do editor Silvio Júlio. Foi aprovado, mas teve de voltar no dia seguinte com uma orientação expressa de Alice: "Venha com terno e gravata porque o Armando Nogueira vai ver tudo".

Armando adorou e Boni (José Bonifácio de Oliveira Sobrinho), também. Boni o queria logo no Jornal Nacional, mas Armando precisava dele no Jornal Hoje, para substituir Ronaldo Rosas. Sérgio dividiria a apresentação com Sônia Maria e com Márcia Mendes. "E também com dois comentaristas muito jovens, Nelson Motta e Scarlet Moon", Sérgio me contou, sorrindo, mas logo lamentando a morte precoce de Marcia e Scarlet. Ficou no Hoje apenas um mês, porém. O sucesso foi tão grande que quando o saudoso Hilton Gomes deixou o Jornal Nacional, Sérgio foi o escalado para fazer dupla com Cid Moreira, e essa dupla marcaria para sempre a história da Globo. Sérgio participou também da estreia do Fantástico, em 1973, sem deixar o Jornal Nacional, e foi o primeiro apresentador do Globo Repórter. Eu disse a ele que isso era um feito, mas Sérgio, sem nunca abandonar seu jeito simples, me disse: "É um orgulho, claro, mas naquela época, eu apresentava o Jornal Nacional, o Fantástico e o Globo Repórter, não tinha moleza, mas era tudo um grande prazer".

Em 1974, o grande Heron Domingues, que apresentava no fim da noite o Jornal Internacional, teve um enfarte fulminante que o matou tão cedo. Foi logo depois de divulgar aos brasileiros uma informação de repercussão mundial: a renúncia do presidente Nixon, o ápice do escândalo Watergate. Foi uma edição marcante. O satélite abriu antes do início discurso do presidente. Não estava no ar nas emissoras, somente em circuito fechado para quem tinha acesso ao sinal da Casa Branca. Nixon começou a brincar em frente à tela, fez caretas e sorriu. Armando Nogueira, com o jornal no ar, disse a Jorge Pontual, redator do telejornal, para usar as imagens e escrever um "boa Noite" com base nelas. Pontual correu para escrever a tempo o texto, que finalizava assim: "Como um ator antes da novela, como um político que fez sua carreira dominando a televisão e às vezes sendo vencido por ela, Richard Milhous Nixon se despediu do cargo mais visado da terra com um sorriso". Pontual se agachou por debaixo da mesa de Heron e entregou o papel com o texto. E Heron leu a nota, com aquelas imagens exclusivas (Pontual viria a ser por muitos anos diretor do Globo Repórter e, hoje, é correspondente em Nova York). Era o dia nove de agosto de 1974, e, na noite seguinte, lá estava Sérgio substituindo o amigo morto na véspera. Ficou na função por nove meses, quando o Jornal Amanhã foi criado, com apresentação de Carlos Campbell e Marcia Mendes. Voltou para o Jornal Nacional, onde ficou até 1983, ao lado de Cid, apresentando também eventualmente o Fantástico, Globo Repórter e a primeira versão do Jornal da Globo.

Ficou um ano no SBT, mas logo voltou, a pedido de Boni e de Armando. Foi para o Fantástico até 1989, sozinho ou dividindo a apresentação com Valéria Monteiro e Bonner. Mas, em 1985, apresentou, sozinho, uma das edições mais marcantes do Jornal Nacional. E num domingo. Foi o JN especial sobre a morte do presidente-eleito Tancredo Neves, depois de 37 dias de internação e muitas cirurgias. O Fantástico foi interrompido bruscamente, no meio de uma reportagem, para que o repórter Carlos Tramontina, hoje apresentador do SP2, anunciasse que o secretário de imprensa de Tancredo, Antônio Britto, faria o pronunciamento que ficou gravado na memória de todos: "Lamento informar que o excelentíssimo senhor presidente da República, Tancredo Neves, faleceu esta noite, no Instituto do Coração, às dez horas e vinte e três minutos". Logo depois de uma rodada de repórteres, já no cenário do JN, Sérgio, emocionado, disse para aqueles que ligavam a televisão naquele momento: "O presidente Tancredo Neves está morto, como acaba de anunciar o secretário de imprensa, Antônio Britto". Mudou de câmera e leu, com o tom certo que fez dele um mestre, o editorial que visava a homenagear Tancredo e consolar o país, tomado por comoção. O início dizia assim: "Nessa hora de profunda tristeza, o Brasil se sente mais só. Todos nós brasileiros estamos sofrendo muito. O presidente nos deixa, entre lágrimas e saudades, a certeza de que haveremos de viver uma Nova República". E, por horas, ancorou aquela cobertura histórica.

Em 1989, voltaria a se dedicar exclusivamente à apresentação do Jornal Nacional ao lado de Cid até 1996, quando passou a ser o titular do Globo Repórter. São 23 anos comandando o programa, campeão absoluto de audiência, num longo convívio com a genial Silvia Sayão, diretora do programa durante todo esse período (e por muitos mais).

Ano após ano, são inúmeros os episódios marcantes da carreira de Sérgio (caberiam em mais de um livro). Se escolhi esses para citar é porque brotaram na conversa que tivemos (na memória dele e na minha, como espectador e admirador). Olhando para tudo o que Sérgio fez, para o seu pioneirismo (quem mais pode dizer que estava na estreia de dois fenômenos como o Fantástico e Globo Repórter?), para a sua imensa contribuição ao nosso jornalismo, foi impossível não me render aos argumentos dele. Como dizer não ao desejo de se dedicar mais à família e à vida, tendo ele sido esse gigante para a Globo? Confesso que fiquei emocionado, na terça, durante a nossa conversa de arremate. Mas disse a ele que sim. Sérgio deixará o Globo Repórter no fim de setembro. Mas não deixará a Globo. Como Cid Moreira, continuará ligado à emissora que a ele é tão grata. Tenho certeza de que falo por todos nós, seus colegas, quando, em nome da TV Globo, agradeço seu trabalho magistral. Sérgio, muito, muito obrigado. Sua contribuição ao nosso jornalismo é imensurável.

Como substituir alguém como Sérgio Chapelin? Com duas das mais completas e consagradas jornalistas da televisão brasileira, Glória Maria e Sandra Annenberg. Conversei com elas e fiquei imensamente feliz ao perceber o entusiasmo delas diante do novo desafio, tanto Sandra como Glória. O Globo Repórter, eu sei, empolga todos nós jornalistas, porque é um programa vitorioso, de altíssimo nível.

Glória começou na Globo, uma menina, como estagiária, em 1971, quando se começava a estagiar no momento em que se chegava à universidade. Já em novembro daquele ano, foi protagonista de uma das mais importantes coberturas da Globo, a queda do viaduto Paulo de Frontin, que matou 29 pessoas e feriu 18. Numa época em que não havia telefone celular, internet, redes sociais, ela descobriu em sua ronda que o viaduto desabara, fez as primeiras apurações que já davam a dimensão da tragédia e, assim, permitiu que a Globo entrasse cedo naquela cobertura tão importante. Nos dias seguintes, participou dos trabalhos aprendendo com os repórteres mais experientes. Foi seu batismo de fogo. "Você imagina uma foca recebendo uma informação com aquela dimensão? No início do início da carreira!", Gloria sempre me diz, como que incrédula.

Glória é uma pioneira: foi a primeira repórter a fazer um vivo no Jornal Nacional. Se, ainda hoje, um repórter experiente fica ansioso ao entrar no ar, dá pra imaginar o que foi a proeza quarenta e dois anos atrás, em 1977. E não foi fácil. Todos muito empolgados com a possibilidade de entrar ao vivo sem equipamentos enormes (mas gigantes em relação aos de hoje), a ideia foi fazer o vivo na Avenida Brasil, durante um enorme engarrafamento. Tudo estava certo quando, cinco minuto antes de ir ao ar, os refletores desligaram. A saída foi criativa: Glória se ajoelhou e foi iluminada pelos faróis da Chevrolet Veraneio, então o carro de reportagem da Globo. "Foi um susto, todos ficamos apavorados. Tínhamos ali os faróis, o problema era que eles não iluminavam o meu rosto. Eu disse, calma, eu me ajoelho! E tudo saiu à perfeição", Glória conta. Saber sair de situações difíceis é uma característica que ela sempre teve. Novamente pioneira, anos mais tarde, em 2007, fez a primeira transmissão em Alta Definição da TV Brasileira, na Cidade Proibida, em Pequim, para o Fantástico.

Foram muitas as coberturas importantes, e eu ressalto aqui três. Cobriu em 1976 a posse do presidente americano Jimmy Carter, apenas cinco anos depois de entrar na emissora como estagiária. Foi um acontecimento, um presidente do partido Democrata depois dos conturbados anos de Nixon e Gerald Ford. Glória foi a primeira mulher na Globo a cobrir uma guerra, e coube a ela anunciar o fim da Guerra das Malvinas, em 1982. "Muitos colegas foram mandados antes de mim, num trabalho muito rico. Quando Armando Nogueira decidiu me enviar, eu tive a sorte de poder anunciar o fim do conflito", Glória lembra. Em abril de 1997, Glória foi enviada ao Peru, onde cobriu o desfecho do sequestro de mais de 100 diplomatas que estavam numa festa na casa do embaixador do Japão, um drama que se iniciara em dezembro do ano anterior. Entre as vítimas, o embaixador brasileiro, Carlos Luiz Coutinho Peres, entrevistado por ela ao deixar o cativeiro. Foram dez dias tensos, que acabaram na morte dos 14 guerrilheiros do Movimento Revolucionário Tupac Amaru. "Foi uma cobertura muito intensa, tudo era imprevisível, os olhos do mundo estavam ali, em Lima, não esqueço nunca aqueles dias", Glória me disse. Além disso, foram quatro Olimpíadas (Atlanta, Sidney e Atenas) e duas Copas do Mundo (Estados Unidos e Brasil).

Em sua carreira de repórter, Glória esteve em mais de cem países. Poucos jornalistas conheceram o mundo como ela: terremotos, vulcões, eleições, além dos programas para o Globo Repórter que fazem o brasileiro viajar com ela. Entrevistou o ex-presidente americano Gerald Ford, já fora do poder, o primeiro-ministro de Israel Yitzhak Rabin e personalidades como Michael Jackson, Harrison Ford, Leonardo DiCaprio, Sophia Loren, Nicole Kidman, Fred Mercury, Madonna e dezenas de outras. Apresentou o Bom Dia Rio, o Jornal das Sete (predecessor do RJ2), o Jornal Hoje e, de 1998 a 2007, apresentou o Fantástico, onde marcou época, seu nome está para sempre relacionado à história do programa. Inúmeros domingos históricos, todas as eleições presidenciais do período, apuração, passo a passo, noite adentro. Em 2003, com Pedro Bial, fez a primeira entrevista com o então presidente Lula no Alvorada, mostrando a vida dele em palácio com a família. "O Fantástico foi uma experiência maravilhosa na minha vida. Por quase dez anos, estive na casa dos brasileiros mostrando grandes reportagens, coberturas marcantes. Não houve um assunto de grande repercussão que não tenha sido tratado com zelo e competência pelo programa. Fico feliz de ser parte de sua história,", me disse Glória. Desde 2010 está como repórter no Globo Repórter.

Ao lado de Sandra, agora será apresentadora do programa. E continuará a mostrar ao público a profissional extraordinária que é: tem alma de jornalista e, como poucos, empatia absoluta com o telespectador.

Quando convidei Sandra Annenberg para apresentar o Globo Repórter, ela fez uma observação curiosa: de todos os programas da Globo, era o único que ainda não tinha apresentado. Ao todo, ficou 18 anos à frente do Jornal Hoje, pelo qual tem um carinho sem medidas. "É onde me encontrei, sou feliz, adoro o seu público. Vou sentir saudades, mas sou movida a desafios, e o Globo Repórter é irrecusável", Sandra me disse.

Sandra começou a trabalhar no jornalismo da Globo em 1991. Estreou em rede fazendo a previsão do tempo no Jornal Nacional, quando Cid Moreira e Sérgio Chapelin eram os titulares. Foi a primeira mulher a estar toda noite no JN, na estreia da fase mais profissional da previsão do tempo. "Foi uma transformação radical, o tempo ganhou espaço, ganhamos uma assessoria de técnicos, desenvolvemos uma linguagem própria, o clima virou notícia diária", lembra Sandra. Na mesma época também apresentava o São Paulo Já Primeira Edição, um telejornal que, de 1990 a março de 1994, ia ao ar no horário do Jornal Hoje. Em 93, também seguindo os passos de Sérgio Chapelin, foi titular do Fantástico, ao lado de Fátima Bernardes e Celso Freitas, onde ficou até 1996.

A maior emoção foi o domingo em que Ayrton Senna morreu, em 1 de maio de 1994. "Eu e Fátima Bernardes entramos ao vivo ao longo de todo o domingo, com boletins ao vivo. Seguramos a emoção. Durante o programa, combinamos de não nos olharmos porque sabíamos que íamos desabar. Ao fim do programa, olho no olho, dever cumprido e muito choro", Sandra se recorda. Outro programa difícil foi o da morte de Lady Di, em 31 de agosto de 1997. Sandra tinha feito o Jornal Nacional na véspera, quando o mundo soube do acidente depois das dez da noite: a notícia foi dada em primeira mão. No domingo, o mundo inteiro estava em choque. "O programa tinha de refletir a comoção mundial. Todos nós nos preparamos e foi uma das edições mais marcantes do Fantástico", Sandra me contou.

Em 1996, voltou para São Paulo para ser a apresentadora do Jornal da Globo e editora-executiva do jornal até 1998, quando teve seu primeiro contato com o Jornal Hoje: tornou-se apresentadora e editora executiva do telejornal. Nessa primeira fase no Hoje, ficou até o ano 2000, e avalia: "O carinho pelo Hoje foi imediato. É um jornal na hora do almoço, quando tudo ainda está acontecendo, o desafio de dar a notícia em desenvolvimento é enorme". Ela deu então uma guinada em sua carreira. Aceitou o convite para a chefia do escritório da Globo em Londres e relembra: "A cobertura do 11 de setembro, em 2001, foi a mais difícil. Londres era vista como o próximo alvo. Trabalhávamos quase 24 horas por dia, praticamente morávamos no escritório. Parte da equipe foi para o Paquistão, de onde cobríamos a Guerra no Afeganistão". Fora esse evento, participou da cobertura da eleição de Putin, da segunda Intifada, da chegada ao mercado do Euro, entre tantas outras. Além do trabalho de coordenação, Sandra fazia reportagens para todos os telejornais, para o Globo Esporte, Globo Rural e ancorava de Londres o noticiário internacional para o JH.

Na volta, em 2002, apresentou o SP1, da qual foi também editora-executiva. E, em 2003, assumiu novamente o Hoje. Participou das coberturas dos dois últimos conclaves, o que escolheu Bento XVI e Francisco. "Foram grandes desafios em minha carreira. A fumacinha branca anunciando os novos Papas saíram sempre quando eu estava no ar. É emocionante dar essa notícia em primeira mão aos brasileiros", Sandra lembra com orgulho. Nesses anos todos, muitas vezes entrou no ar para dar um "plantão" e permaneceu horas no ar ancorando a cobertura. Para citar apenas dois de dezenas de exemplos: o acidente aéreo que matou o então candidato à Presidência Eduardo Campos (que levou o Hoje a ser indicado ao Emmy) e o brutal assassinato dos estudantes da escola em Suzano. "Não tem jeito, nesses dias, tudo é susto, tudo é surpresa, tudo começa num boletim e pode se alongar por horas a fio. É uma adrenalina grande, e difícil, porque os assuntos são pesados. Mas é nossa obrigação informar", diz Sandra.

Por oito anos, ancorou a edição matutina do Globo Notícia, um boletim que resumia os assuntos da manhã, mas que crescia de tamanho toda vez que a notícia se impunha. Em 2014, surgia um novo programa do jornalismo, o Como Será, que completa amanhã cinco anos. Duas horas que conquistaram o público nas manhãs de sábado só com boas notícias. No Esporte, cobriu as Olimpíadas de Atlanta, em 1996, quando ancorava as notícias da noite ao lado de Fernando Vanucci, e, a do Rio, em 2016. E ancorou para o Hoje as Copas da Alemanha, da África do Sul e da Rússia.

No Globo Repórter, como apresentadora ao lado de Glória Maria, vai continuar a brilhar, a emprestar o seu talento para um dos programas mais queridos da televisão brasileira.

Glória e Sandra não abrem mão da reportagem. Glória continuará a fazer as suas e Sandra as dela. Enquanto uma estiver em campo, a outra apresentará sozinha e vice-versa. Provavelmente o esquema será assim: um terço com Glória, um terço com Sandra e um terço com Glória e Sandra, juntas. É sucesso garantido. O formato do Globo Repórter vai ser modificado para essa nova fase.

E como substituir Sandra Annenberg no Jornal Hoje, ela que deu rosto e voz de forma tão intensa por tantos anos? Com o talento de Maria Júlia Coutinho, cuja trajetória tivemos todos o prazer de acompanhar e de aplaudir desde que chegou à Globo, há doze anos.

Da TV Cultura, onde começou como estagiária, Maju chegou à casa nova com aquele currículo ideal das carreiras de sucesso no jornalismo. Porque o primeiro passo na TV pública paulista foi como estagiária. E a caminhada prosseguiu pela escuta, pela apuração, pela pauta. Dessas atividades de importância fundamental nos bastidores do telejornalismo, Maju migrou para a frente das lentes. E caminhos novos se abriram imediatamente. Primeiro como repórter, depois como apresentadora, ao lado de Heródoto Barbeiro. "Foi muita rua, muito chão, um aprendizado diário. E desde cedo senti a importância do trabalho dos jornalistas. Como numa matéria que começou cobrindo um acidente numa obra civil, desdobrou-se mostrando as condições ultrajantes em que os serventes de pedreiros trabalhavam e terminou com a Delegacia Regional do Trabalho obrigando a empresa a não somente melhorar as condições, mas a pagar a passagem para aqueles que desejavam voltar para o Nordeste. O jornalismo torna isso possível", diz Maju. E foi ainda na TV Cultura que Maria Júlia recebeu um prêmio de que se orgulha enormemente, com justiça: menção honrosa no Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos. "Foi uma ideia simples, mas reveladora. Saí às ruas perguntando às pessoas qual era a cor da minha pele. Diziam tudo, menos que eu era negra. Quando perguntava por que, algumas diziam que não queriam me ofender. Um jeito simples, mas contundente de mostrar o racismo", lembra.

À Globo, ela chegou em 2007 para a reportagem dos telejornais locais de São Paulo. "Foram 6 anos de rua, antes de me escalarem como substituta na previsão do tempo do Globo Rural e do Bom dia Brasil", ela conta, com orgulho mais que justificado. Porque a chegada ao "Mapa Tempo", em 2013, foi um marco para Maju e para os telejornais em que atuou. Um ano depois do Globo Rural e do bom Dia Brasil, quando estreou o nosso Hora 1, a previsão do tempo rapidamente se tornou um momento especial, na interação perfeita de duas profissionais talentosas: Monalisa Perrone e Maria Júlia Coutinho proporcionaram ao telejornal caçula da Globo um clima perfeito (e o trocadilho é involuntário). As duas ofereceram aos brasileiros um jeito informal, descontraído e natural de informar "com que roupa" deveriam ir pra rua no dia que começa. E essa citação de Noel Rosa foi se tornando marca de Maju. E também os neologismos para designar fenômenos meteorológicos, como a "chuvica", e termos técnicos quase impronunciáveis aos não-íntimos dessa área do conhecimento. Até que, em 2015, semanas antes da estreia de um novo cenário do Jornal Nacional, chegou o momento de introduzir no horário nobre o estilo de apresentação da previsão do tempo que Maju tinha imprimido com sucesso ao Hora Um. E ao vivo, como nunca havia sido feito no Jornal Nacional. O sucesso não foi surpresa para ninguém que já conhecia o estilo dela. Mas Maju confessa: "Eu não poderia imaginar como essa exposição a um público maior, com mais TVs ligadas, causaria uma mudança tão grande para mim."

Maju lembra ainda meio atônita a rapidez com que as novidades foram surgindo: "No fim daquele mesmo ano, fui convidada pela Organização Meteorológica Mundial da ONU para participar da COP 21 em Paris, onde apresentadores do tempo de vários cantos do mundo se informaram melhor sobre mudanças climáticas." Maju participou de outros encontros desse tipo em 2017, em Turim, e em 2018, em Paris novamente.

Ganhou menção elogiosa da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima por ter introduzido informações sobre sustentabilidade e mudanças climáticas na previsão do tempo do Jornal Nacional. E de tal forma se dedicou ao tema e se encontrou nessa função que lançou seu primeiro livro pouco mais de um ano depois de ter chegado ao JN: "Entrando no Clima", um almanaque sobre fenômenos meteorológicos.

Fora do quadro da previsão do tempo, sentada à bancada, Maju apresentou o Jornal Hoje pela primeira vez em 2017. No ano seguinte, foi convidada pelo Sistema Globo de Rádio para um programa de entrevistas. Em janeiro deste ano, um teste de surpresa: "Encarei 7 de horas de ancoragem ao vivo no JH na cobertura da tragédia do rompimento da barragem de Brumadinho."

E foi no mês seguinte que Maju estreou na bancada do Jornal Nacional, pouco menos de 4 anos depois de ter passado a apresentar a previsão do tempo no painel em que interage à distância com Renata e Bonner.

Agora como titular da apresentação do Jornal Hoje, Maria Júlia Coutinho repetirá um caminho que Sandra Annenberg também trilhou, do mapa tempo para a bancada. E o público poderá acompanhar mais essa etapa de uma carreira solidamente construída e merecidamente aplaudida.

Maju assumirá a bancada no final de setembro, e a comandará sozinha (o formato do Hoje corresponderá a essa nova realidade). Até lá, Sandra continuará a comandar o Hoje.

Escrevo e-mail tão longo porque é preciso cultivar a história dos que se dedicam a essa nossa profissão tão bonita.

A Sérgio, Glória, Sandra e Maju, desejo toda sorte do mundo.

Ali Kamel"

Após criticar saída de Nardoni da prisão, padre Fábio deixa rede social

Após criticar saída de Nardoni da prisão, padre Fábio deixa rede social

a prisão por conta do benefício da saída temporária do Dia dos Pais. Condenado pela morte da filha, em 2008, o preso deixou a Penitenciária 2 de Tremembé (147 km de SP), na manhã desta quinta-feira (8).

Em postagem realizada na manhã desta sexta-feira (9), o padre Fábio de Melo avisou que deixará de usar o Twitter.

“Meus queridos, vou ficando por aqui. Tenho uma saúde emocional a ser cuidada. Sei o quanto já provei a solidão provocada pela depressão, pelo pânico. Tomar remédios só faz sentido quando evitamos os gatilhos dos desconfortos. Este lugar deixou de ser saudável pra mim. Obrigado!”, diz ele no texto.

A decisão vem um dia depois de Melo criticar a liberação de Alexandre Nardoni, 41, da prisão por conta do benefício da saída temporária do Dia dos Pais.  Condenado pela morte da filha,  em 2008, o preso deixou a penitenciária 2 de Tremembé (147 km de SP) na manhã desta quinta (8).

Em diversas postagens que fez para avisar sua saída da rede social, o padre explica que, desde que expressou sua indignação com a saída de Nardoni, passou a ser “acusado de justiceiro, desonesto, desinformado, canalha e outros nomes impublicáveis”. “Só reitero: já atuei na pastoral carcerária. Sei sobre a necessidade da ressocialização dos presos.”

Melo também afirma que nunca teve dificuldade para lidar com as diferenças mas que “a dialética, um dos movimentos que nos permitem acesso à verdade, vem sendo gradativamente substituída por acusações e julgamentos”.

Os seguidores lamentaram a decisão. “Faça o melhor para sua saúde. É fundamental que nos afastemos do que suga”, diz um deles. Outros ainda ressaltaram não concordar com a atitude do padre.

Síndrome do pânico

Padre Fábio de Melo costuma alertar seus fãs e falar sempre que pode sobre os perigos da depressão e doenças psicológicas . Ele já relatou, em diversas ocasiões, ter enfrentado síndrome do pânico e outros transtornos decorrentes da doença.

“Às vezes eu me pegava me escondendo debaixo da cama tamanho era o pavor que eu sentia”, disse o religioso a Poliana Abritta, apresentadora do “Fantástico”, da Globo, em 2017. Na ocasião, relatou que chegou até a pensar em deixar o sacerdócio.


Entenda o caso

O padre Fábio de Melo  criticou a liberação de Alexandre Nardoni, 41, da prisão por conta do benefício da saída temporária do Dia dos Pais. Condenado pela morte da filha, em 2008, o preso deixou a Penitenciária 2 de Tremembé (147 km de SP), na manhã desta quinta-feira (8). 

Em seu Twitter , o padre ironizou, afirmando que a liberação só deveria acontecer no feriado de Finados. "Não entendo de leis, mas a 'saidinha' deveria ser permitida somente no dia de Finados. Para que visitassem os túmulos dos que eles mataram." 

Foto: Reprodução/Twitter

Nardoni deve voltar para a cadeia até a próxima quarta-feira (14). 

Ele e Anna Carolina Jatobá, 35, foram condenados pelo homicídio triplamente qualificado de Isabella Nardoni, 5. Na ocasião, o júri entendeu que a criança foi asfixiada e jogada do sexto andar do prédio onde o casal morava, na zona norte da capital paulista. Jatobá foi condenada a 26 anos, em regime fechado, pelo crime.

Desde o fim de abril, Nardoni começou a cumprir sua pena de 31 anos em regime semiaberto. 

Ellie Goulding bate Adele e se torna inglesa com mais singles

Ellie Goulding bate Adele e se torna inglesa com mais singles

Isso aconteceu depois de ela lançar a música "Hate Me", que figura na 74ª posição.

 A cantora Ellie Goulding , 32, superou o recorde de Adele e agora é a inglesa que mais vezes entrou no ranking de músicas mais executadas da Billboard Hot 100, com 14 triunfos. Isso aconteceu depois de ela lançar a música "Hate Me", que figura na 74ª posição.

A artista foi a público para agradecer aos fãs e mostrar toda a sua satisfação com o novo posto. "Quatorze músicas na Billboard Hot 100, sendo inglesa, me faz me sentir muito orgulhosa do que conquistei. Eu agradeço cada fã e cada pessoa ao longo do caminho que me pôs nesse ponto incrível da minha carreira", escreveu.


Foto:Reprodução/Instagram

Ela continuou: "Eu me construí do nada e tive momentos muito difíceis, mas uma coisa que sempre mantive foi o meu prazer e amor em criar músicas responsáveis pelo bem-estar das pessoas. Eu não esperava chegar até aqui. Obrigada pelo apoio incrível. Amo vocês", disse.

A lista americana da Billboard Hot 100 é a mais sonhada pelos artistas. O clipe de "Hate Me" foi divulgado no último dia 17. 

A cantora Ellie Goulding, aliás, vai substituir Card B esse ano no Rock in Rio. A informação foi divulgada pela organização do evento.

Débora Nascimento diz que amamentar a ajudou a ser forte

Débora Nascimento diz que amamentar a ajudou a ser forte

Em fevereiro deste ano, a atriz e o ator José Loreto, pai da menina, anunciaram o fim do casamento.

Débora Nascimento , 34, afirmou que a maternidade e a possibilidade de poder amamentar a filha, Bella, 1, a ajudaram a ser mais forte e a enfrentar momentos difíceis da sua vida. 

"Eu sempre lembrava que eu tinha que me manter íntegra, no meu prumo, para poder dar o suporte para a minha filha, e que eu era capaz disso. Apesar de tudo, eu não ia fazer da minha filha vítima -essa palavra é horrível, porque eu nunca me senti vítima de nada. Mas eu não ia passar para a minha filha sequelas do que o mundo estava fazendo comigo", disse ela à reportagem, na tarde desta quinta-feira (8).

Em fevereiro deste ano, a atriz e o ator José Loreto, pai da menina, anunciaram o fim do casamento. O término foi cercado de muita especulação e suspeitas de que o ator a teria traído. 


Foto:Reprodução/Instagram

Além de ajudar no processo da separação, Débora afirmou que continuar dando de mamar para a filha a auxiliou em outros momentos, como na hora em que ela teve de conciliar o trabalho com a maternidade. A atriz voltou a gravar (ela estava na novela "Verão 90") quando Bella tinha cinco meses.

"Ela me deu força por meio dessa postura do tipo: 'Minha filha não vai sofrer o que eu posso sofrer do mundo. E isso me fez ficar cada vez mais forte, mais forte, mais forte. E até hoje as coisas que eu enfrento, eu penso muito nela", contou.

A atriz também disse que a experiência da maternidade lhe tornou mais potente e abriu horizontes. Como resultado disso, ela começou a desenvolver um projeto autoral artístico, que deve apresentar para o público no início de 2020, mas que ainda não pode dar muitos detalhes. 

"Eu entendi que eu sou uma mãe que trabalha, que fico feliz e plena trabalhando. Então, ela também vai saber isso, que é ótimo ter uma mãe que fica feliz trabalhando".

Ao lado da também atriz Milena Toscano e de especialistas na área, Débora participou nesta quinta-feira (8) do Conversa de Mãe, evento promovido pela rede de lojas Alô Bebê, em São Paulo. 

No bate-papo com outras mães e gestantes, a atriz falou sobre as dificuldades que teve no início para amamentar a filha, mesmo tendo pesquisado muito sobre o assunto quando ainda estava grávida.

"Não foi um processo tão suave assim, eu sofri um bocado. No começo, eu tive fissuras, dores, ficava preocupada com ela", contou. Com o tempo, tudo foi se ajeitando. Bella está hoje com um ano e três meses e continua mamando no peito. "Acredito que o desmame não será tão fácil, mas não temos prazo para isso", disse.

Na conversa, a atriz comentou que sentia uma certa vergonha de dar de mamar em público, o que também foi se transformando aos poucos, quando ela percebeu que essa apreensão pelo olhar do outro era uma sequela da opressão de "uma sociedade machista". "Fui entendendo que não, que eu sou livre e vou amamentar onde eu quiser, porque a minha filha vai ter fome, e eu vou fazer isso. E aí o desconforto é da cabeça do outro". 

Débora também contou que procura ser muito clara e verdadeira com Bella. "Ela já entrou em contato com a tristeza através de mim. E eu não escondo da minha filha. Mas o momento que estou com ela, procuro estar presente, bem, feliz. E se eu estou com alguma questão, ela vai sentir que eu estou com alguma questão, mas mesmo assim eu estou ali, entregue para ela", disse.

Por fim, ela disse que deseja criar uma mulher livre e, desde cedo, "empoderada" e autoconfiante. "A minha maior preocupação realmente é reafirmar para a minha filha que ela pode ser o que ela quiser, e que ela é muito potente", concluiu.

Kleber Bambam filma mulher nua em praia de Ibiza e apaga

Kleber Bambam filma mulher nua em praia de Ibiza e apaga

"Aqui em Ibiza a moda é essa: peito de fora. A pergunta é, se for no Brasil o que acontece?", escreveu ele na legenda.

 Vencedor da primeira edição do Kleber Bambam  (Globo), em 2002, Kleber Bambam, 41, causou polêmica em suas redes sociais por filmar e publicar uma mulher fazendo topless em uma praia de Ibiza, na Espanha, sem a autorização da pessoa.

"Aqui em Ibiza a moda é essa: peito de fora. A pergunta é, se for no Brasil o que acontece?", escreveu ele na legenda. Depois, ele apagou a publicação.


Foto:Reprodução

"Não daria certo por causa de pessoas como você, que filmam sem consentimento da pessoa. Desrespeito", respondeu um seguidor. "Se é no Brasil aparece um babaca para filmar", escreveu um outro.

Na Europa, é mais comum do que por aqui que algumas mulheres tirem a parte de cima do biquíni para tomar sol. 

Bambam não chegou a comentar sobre a repercussão ruim nem voltou a tocar no assunto. Ele já está voltando para os compromissos que tem no país e se prepara para uma competição de fisiculturismo em Las Vegas.

08 de agosto de 2019

Sorriso Maroto dá pausa em shows e Bruno passa por nova cirurgia

Sorriso Maroto dá pausa em shows e Bruno passa por nova cirurgia

Bruno Cardoso foi diagnosticado com um derrame na pleura (água na pleura) e deverá passar por um procedimento médico.

O cantor Bruno Cardoso, 38, vai passar por uma nova cirurgia e, por isso, o grupo de pagode Sorriso Maroto teve de adiar toda a agenda de agosto e início de setembro. 

Cardoso foi diagnosticado com um derrame na pleura (água na pleura) e deverá passar por um procedimento médico. O derrame pleural é caracterizado pelo acúmulo excessivo de líquido no espaço entre a pleura visceral e a pleura parietal localizada nos pulmões, segundo site do Drauzio Varella .

Nas redes sociais  a assessoria da banda comunicou aos fãs.

Há quase um mês, o cantor tem feito shows e apresentações com fortes dores musculares e, procurando um diagnóstico, detectou essa alteração no pulmão, segundo a assessoria de imprensa do grupo.

O procedimento é simples e será feito nesta sexta-feira (9). O repouso recomendado será em torno de mais ou menos um mês. "O tempo de recuperação é rápido e eu estou muito feliz em poder resolver essas dores que tanto me incomodam, ainda mais com as recentes notícias de evolução na melhora do coração. Em breve estou de volta aos palcos, melhor que antes", afirma Bruno, em nota divulgada.

Em fevereiro do ano passado, Cardoso foi afastado do grupo para tratar uma miocardite . A doença já recém-tratada e praticamente curada do cantor não tem relação com o problema no pulmão diagnosticado. O cantor ficou seis meses fora dos palcos e foi substituído pelo cantor e ator Thiago Martins , 30. 

Em janeiro deste ano, o Sorriso Maroto anunciou o single "Escondido dos Seus Pais", dois EPs (SM3 EP1 e SM3 EP2) e seu primeiro DVD ao vivo após o retorno de Cardoso. 

Luana Piovani desabafa sobre Pedro Scooby e os filhos

Luana Piovani desabafa sobre Pedro Scooby e os filhos

Luana responde uma seguidora sobre as razões que a fizeram terminar o casamento com Pedro Scooby.

Luana Piovani  desabafou ao responder uma seguidora sobre as razões que a fizeram terminar o casamento com Pedro Scooby.

"Uma pena ver você e o pai do seu filho sem uma amizade, você falou tanto que queria vê-lo feliz e que seria bom para as crianças sentir que o pai está bem. Onde foi que se perdeu aquele ar de leveza, amor, parceria? Triste. A relação de marido e mulher acabou, mas por vocês terem mostrado que era possível torcer e ser amigos foi meio decepcionante", opinou a fã.


Foto:Reprodução/Instagram

"Eu também acho bastante triste, mas não dá pra ser tudo o que queria depois da falta de respeito e consideração que ele teve com a família dele. Na verdade, eu terminei o casamento porque além de ter virado um turista, ainda vi que ele não nos priorizava", disparou Luana.

"O show de sexualidade que ele ofereceu ao mundo quando começou o novo relacionamento só mostra o quanto eu estava certa!", disse a atriz, em relação ao novo namoro de Scooby com Anitta.

"Agora é o mínimo de educação e ele que fique grato que não abro minha boca para falar de tantas cagadas constrangedoras que aprontou. Pai dos meus filhos e só!", concluiu.

Anitta detona seguidor após ser criticada por figurino

Anitta detona seguidor após ser criticada por figurino

Uma pessoa criticou as roupas que a cantora estava usando durante os shows pela Europa.

Anitta mostrou que não leva desaforo para casa e surpreendeu os fãs nesta semana ao rebater um seguidor no Instagram.

Uma pessoa criticou as roupas que a cantora estava usando durante os shows pela Europa: "as roupas de ginástica que ela está usando são uó”, comentou. A musa não pegou leve e detonou o rapaz: "Ô, meu amor. Olhando seu Instagram, também achei seus looks a coisa mais horrorosa da vida, mas não deixaria de gostar de você por isso, caso fôssemos amigos”.


Foto:Reprodução/Instagram

Ainda na resposta, a cantora explicou como funciona a escolha dos figurinos usados nas apresentações: "Se você tem nove compromissos pra fazer, onde você precisa agachar, pular, correr e rebolar por mais de uma hora e meia. E se seu joelho não aguentaria [sic] salto alto durante toda essa maratona seguidamente, você provavelmente, usaria um tênis. Se neste compromisso você precisa dançar, cantar e estar confortável pra jogar alegria e energia pro público, acredito que você gostaria de usar o que te faz sentir confiante”, completou.

O look da foto postado pela cantora é da grife italiana Versace, como a própria Anitta explicou: “Este look é desenhado por uma moça chamada Donatella Versace, que acredito que entenda mais de moda que eu e você juntos”, brincou.

Acompanhada do namorado, Pedro Scooby, a cantora está nos Estados Unidos após encerrar a turnê pela Europa. O último destino do casal no velho continente foi Milão, na Itália.

Cantor Netinho descobre placa de gordura no coração e coloca prótese

Cantor Netinho descobre placa de gordura no coração e coloca prótese

Esta é a quinta vez que ele passa por esse procedimento. Em 2015 ele já havia colocado dois stents, e outros dois em 2016. Agora são cinco ao todo.

O cantor Netinho , 53, descobriu que tem outro problema cardíaco em hospital de São Paulo, onde passa por exames. Ele teve de passar por um cateterismo. Com gordura no coração, o artista colocou mais um stent, que é uma prótese cardíaca para evitar obstrução de artérias.

Esta é a quinta vez que ele passa por esse procedimento. Em 2015 ele já havia colocado dois stents, e outros dois em 2016. Agora são cinco ao todo.

"Minha gente, já fiz o cateterismo, botei mais um stent, estou ótimo aqui, apenas meio grogue por conta da anestesia geral. Quero dizer à minha família, minha filha, meus amigos, meus fãs que já eu volto melhor ainda para fazer shows", publicou em vídeo.

"Encontraram uma placa de gordura em uma artéria do coração. [Com esses stents] sou quase um RoboCop", disse.

Em entrevista em 2018 a Fábio Porchat em seu antigo programa da Record, ele disse que sofria de depressão e que já buscou formas menos dolorosas de se matar. Agora, diz estar recuperado e com vontade de voltar a se apresentar. "Foi tudo ótimo, graças a Deus e aos médicos. Nada Como Viver".

Netinho se recuperou de um tumor no fígado que contraiu em agosto de 2013. Depois, passou várias vezes pelo hospital em internações por diversos motivos. O cantor foi um dos maiores expoentes do axé nos anos 1990.

Regina Duarte diz que demissão de José Mayer da Globo foi 'uma canalhice'

Regina Duarte diz que demissão de José Mayer da Globo foi 'uma canalhice'

Mayer deixou a emissora carioca em janeiro deste ano. Ele estava afastado da TV desde abril de 2017, quando foi acusado de assédio sexual.

Criticada pelo ator José de Abreu por apoiar o presidente Jair Bolsonaro (PSL), Regina Duarte , 72, disse que vive em uma democracia e que tem direito a se "expressar". A declaração foi dada em entrevista ao programa TV Fama, que foi ao ar na noite desta quarta-feira (7) na RedeTV!, 

Na atração, a atriz também se pronunciou sobre a demissão de José Mayer da Globo. "Aquilo foi uma covardia, uma canalhice, um absurdo!", afirmou. Mayer deixou a emissora carioca em janeiro deste ano. Ele estava afastado da TV desde abril de 2017,  quando foi acusado de assédio sexual pela figurinista Susslem Meneguzzi Tonani, durante os bastidores da novela "A Lei do Amor".


Foto:Reprodução

Já sobre José de Abreu, que chegou a acusar a atriz de espalhar notícias falsas na internet para ajudar Bolsonaro na candidatura à presidência, Regina disse que não se incomoda. "Para mim está tudo ok, porque estou vivendo numa democracia. Me sinto autorizada, por toda minha experiência de vida e por todas as minhas participações sociais e políticas anteriores, a me expressar!"

Durante a campanha eleitoral de 2018, Abreu disparou uma série de críticas à atriz por fazer campanha para Bolsonaro, a quem ele chamou de fascista. 

"Respeitei a posição de Regina Duarte enquanto ela apoiava a direita democrática com Serra, Alckmin, FHC, Doria. Quando apoiou o impeachment. Mas não respeito artista que apoia fascista. O fascismo odeia nossa profissão e nossa classe. Elimina quem discorda e quem é 'diferente'", escreveu Abreu na ocasião, em seu perfil no Twitter.

Em resposta, Regina postou duas imagens em seu perfil no Instagram com comparações, segundo ela, do regime fascista de Benito Mussolini com propostas dos programas de governo de Haddad e de Bolsonaro.

As informações postadas pela artista sugerem compatibilidade de projetos do político italiano com planos do candidato petista. "Quem é o fascista...?", escreveu ela na legenda de uma das fotos.

07 de agosto de 2019

Paolla Oliveira dispensa lingerie ao posar com meia arrastão

Paolla Oliveira dispensa lingerie ao posar com meia arrastão

A atriz esquentou o clima ao compartilhar foto sensual em que aparece usando uma blusa comportada, porém combinada com uma meia arrastão sem lingerie por baixo.

Paolla Oliveira  celebra o sucesso como a influencer Vivi Guedes na novela “A Dona do Pedaço” e tem atraído cada vez mais internautas para dois perfis no Instagram: o seu pessoal e também para o criado para a personagem.

Na noite de terça-feira (6), a atriz esquentou o clima ao compartilhar foto sensual em que aparece usando uma blusa comportada, porém combinada com uma meia arrastão sem lingerie por baixo. 


Foto:Reprodução/Instagram

De costas para a câmera, a atriz tenta esconder parte do bumbum com as mãos. “Livre, leve e solta…”, escreveu na legenda da publicação. 

Embora o perfil de Vivi Guedes é que tenha a maior parte das fotos ousadas, desta vez o clique picante foi postado na conta da atriz, que costuma ser mais discreta. 

Nos comentários, os seguidores foram à loucura. “Que mulher é essa, Brasil?”, questionou uma fã. “Soltinha igual arroz da vovó”, brincou outro. “Esse ensaio está muito Vivi Guedes”, observou mais um.

Com vestido estampado, Marília Mendonça exibe barriguinha

Com vestido estampado, Marília Mendonça exibe barriguinha

Marília está nos primeiros meses de sua gestação, fruto de seu relacionamento com Murilo Huff, com quem assumiu o romance há pouco tempo.

Na última terça-feira (6), Marília Mendonça  exibiu a sua barriguinha de quase três meses do seu primeiro filho, Léo, para seus seguidores. Usando um vestido longo e estampado, a cantora se filmou em um espelho vertical, de modo que aparecesse a barriga dos primeiros meses de sua gestação, fruto de seu relacionamento com Murilo Huff, com quem assumiu o romance há pouco tempo. 


Foto:Reprodução/Instagram

Recentemente, a sertaneja aproveitou o próprio aniversário de 24 anos, para realizar seu chá revelação. Durante a festinha, que contou com mesinha de quitutes decorados, a mamãe de primeira viagem anunciou que está esperando um menino e que ele vai se chamar Léo. Se fosse menina, o nome seria Marcela. Antes revelar o sexo do bebê, Marília mostrou-se ansiosa. "Ai, meu Deus, eu vou desmaiar", disse. "É o Léo, gente”, anunciou. Os convidados vibraram e rolou até chuva de papel picado.


Foto:Reprodução/Instagram

A gravidez não foi planejada, tanto que antes, Marília se submeteu a alguns procedimentos estéticos e, por orientação médica, teve de suspender, temporariamente, o uso de anticoncepcionais. A cantora acredita ter engravidado entre parar e retomar o contraceptivo. A gravidez foi descoberta por teste de farmácia e confirmada por exame de sangue.“Se eu soubesse que me traria tamanha felicidade adoraria ser chamada de ‘vacilona’ em tempo integral”, brincou Marília.


Avião com equipe da cantora Pink pega fogo ao pousar na Dinamarca

Avião com equipe da cantora Pink pega fogo ao pousar na Dinamarca

O acidente aconteceu poucas horas após o show de Pink em Oslo, na Noruega, que faz parte da turnê mundial Beautiful Trauma.

Um avião privado que transportava o empresário da cantora Pink , 39, e sua equipe pegou fogo enquanto pousava no aeroporto Aarhus, na Dinamarca, nesta terça-feira (6).

O acidente aconteceu poucas horas após o show de Pink em Oslo, na Noruega, que faz parte da turnê mundial Beautiful Trauma. Cerca de dez pessoas de sua equipe viajavam para a cidade de Horsens, na Dinamarca, onde a cantora faz mais um show nesta quarta-feira (7).


Foto:Reprodução/Instagram

Em entrevista à Reuters, Rune Lem, o promotor da empresa responsável pela turnê de Pink, confirmou que ninguém ficou ferido no acidente. A polícia dinamarquesa não determinou o que motivou o fogo, segundo a agência de notícias.

Pink se apresenta no Rock in Rio, no Rio de Janeiro, no dia 5 de outubro. No mesmo dia, os visitantes do festival podem conferir shows de Black Eyed Peas, H.E.R. e Anitta.

A cantora já recebeu 20 indicações ao Grammy e ganhou três estatuetas de gramofone em sua carreira. O álbum que dá nome a sua turnê também foi indicado este ano para melhor álbum vocal pop.

No início do ano, a cantora conseguiu um grande feito ao receber uma estrela na Calçada da Fama de Hollywood. "Eu sinto que estou sonhando e se alguém me beliscar, vou dar-lhe um soco na cara", disse ela na cerimônia de recebimento da estrela.

Nego do Borel grava DVD com Wesley Safadão, Ferrugem e outros artistas

Nego do Borel grava DVD com Wesley Safadão, Ferrugem e outros artistas

Seis meses após ter o seu primeiro projeto de registro de show cancelado, depois de se envolver em uma polêmica com Luísa Marilac, o cantor subiu ao palco do Vivo Rio.

Nego do Borel finalmente gravou o seu sonhado DVD. Seis meses após ter o seu primeiro projeto de registro de show cancelado, depois de se envolver em uma polêmica com Luísa Marilac, o cantor subiu ao palco do Vivo Rio, às 23h30, desta terça-feira (6). 

"Quero dizer para vocês que estou muito feliz", declarou o funkeiro emocionado ao encerrar o primeiro bloco com um medley de funk. Nitidamente mais comedido com as palavras, em seguida, Nego fez um apelo ao seu público para que quem estivesse bebendo não dirigisse e para fazer sexo somente com camisinha.


Foto:Reprodução/Instagram

O artista investiu em uma megaprodução cenográfica, cheia de painéis de led e efeitos pirotécnicos. O projeto, assinado por Natália Lana, teve três palcos em formatos diferentes, sendo um deles giratório e duas passarelas. 

"Este momento é todo dedicado aos meus fãs, que fizeram do Nego do Borel, o que sou hoje. Espero que possam curtir tanto quanto eu venho curtindo a cada novidade que pensamos para o DVD", desejou Nego.

Na plateia, alguns famosos, como Nicole Bahls, Marcelo Bimbi, Mel Maia, Giulia Costa, Fernanda Keulla, além dos fãs, amigos, familiares e ex-vizinhos de Nego, da época em que ele ainda morava no Borel. Atualmente, ele vive em uma confortável mansão na Barra da Tijuca, Zona Oeste carioca, mas faz questão de manter contato com seu lugar de origem.

Um balé com mais de 20 dançarinos acompanhou o artista em seus passinhos e coreografias dignas de um artista pop, muito bem ensaiadas pelo coreógrafo Miguel Davi, que está ao lado de Nego já há 7 anos.

O cantor conseguiu reunir participações especiais de peso em seu espetáculo. Wesley Safadão, Kevin O Chris, Ferrugem, Tiee, Matuê, Felipe Araújo e Naiara Azevedo cantaram canções inéditas com Nego.

Com stylist de Carola Chede e Carol Pereira, o cantor usou cinco looks diferentes, que mudaram de acordo com os estilos das músicas. Já o balé teve quatro trocas de roupas. Para o baile funk no último bloco, os modelitos eram mais lúdicos e ternos fizeram um mix de gala com a comunidade, com as estampas cheias de intervenções de artistas de Rua. No final, o funkeiro usou apenas uma calça vermelha com suspensórios.

No encerramento, Nego homenageou três artistas populares brasileiros mortos recentemente: Gabriel Diniz, Mr. Catra e MC Sapão. Antes de se despedir, as imagens dos cantores apareceram nos telões enquanto ele cantava os principais sucessos deles.


Fabiana Karla descarta plásticas e se diz de bem com o corpo

Fabiana Karla descarta plásticas e se diz de bem com o corpo

"Hoje entendo melhor minhas curvas, meu rosto e minhas expressões. É libertador quando você não fica em cima de julgamentos", disse ela em entrevista.

A atriz Fabiana Karla , 43, está de bem com a vida, mente e corpo. De acordo com ela, nunca esteve tão feliz com seu físico como agora. E isso fez com que ela começasse a se conhecer melhor.

"Hoje entendo melhor minhas curvas, meu rosto e minhas expressões. É libertador quando você não fica em cima de julgamentos", disse ela em entrevista ao GShow.

Justamente por isso que Fabiana Karla, que recentemente terminou as gravações como Madá na novela "Verão 90" (Globo), descarta qualquer cirurgia plástica ou procedimento estético. "Morro de medo de errar a mão. Não condeno, mas fiz o trato comigo de ser real. Como atriz, preciso das minhas ruguinhas", revela.


Foto:Reprodução/Instagram

Nas redes sociais, Fabiana tem publicado mais imagens de seu corpo, inclusive de biquíni, algo que em anos anteriores não acontecia. Inclusive imagens com o noivo, Diogo Mello, que é 13 anos mais jovem.

"A maioria dos comentários são de mulheres que falam da diferença de idade e tipo físico, mas hoje em dia não são muitos. No começo, quando foi novidade, acho que causou estranheza e até invejinha."

A atriz, porém, ainda não sabe quando vai se casar com ele. "Papai quer me levar para o altar desta vez. Está sempre me perguntando."