• Banner Cultura Governo do PI
  • Obras no Litoral Cultura
  • Clínica Shirley Holanda
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Notícias Piripiri

14 de junho de 2019

Polícia civil de piripiri deflagra

Polícia civil de piripiri deflagra "operação vigília"

Operação visando efetuar a prisão de autores de homicídio, furtos mediante arrombamento a comércios e extorsão, na cidade de Piripiri.

A Polícia Civil do Piauí, através da Delegacia Regional de Piripiri, deflagrou no final da tarde de ontem (13.06.2019) com continuidade na madrugada de hoje (14.06.2019), operação visando efetuar a prisão de autores de homicídio, furtos mediante arrombamento a comércios e extorsão, na cidade de Piripiri.

Durante a operação, inicialmente fora dado cumprimento a 03 (três) mandados de busca e apreensão de adolescentes, apontados em investigações da Polícia Civil como sendo os autores de ato infracional equiparado a delito de homicídio ocorrido durante os festejos do município de Piripiri/PI em outubro/2017. 

"O fato ocorreu na madrugada do dia 12.10.2017, nas proximidades da praça de eventos de Piripiri/PI, quando três adolescentes agrediram fisicamente com tapas e chutes e depois com golpes de faca a vítima Maurício Teixeira de Oliveira quando esta ia para sua casa após uma noite de trabalho como vigilante de veículos estacionados no evento (daí o nome dado à operação, "Vigília"), a vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu vindo a falecer. Os adolescentes chegaram a fugir da cidade, alguns por meses, mas acabaram sendo apreendidos, sendo que dois deles já se encontravam apreendidos por prática de outros delitos graves como latrocínio, o último foi agora localizado a apreendido por nossa equipe" afirmou o Delegado Regional e Titular do 1° Distrito Policial de Piripiri/PI, Dr. Jorge Terceiro.

Também fora dado cumprimento a mandado de prisão de um indivíduo apontado em investigações da Polícia Civil de Piripiri como autor de vários furtos de estabelecimentos comerciais mediante arrombamento.

Segundo o Delegado Ricardo Oliveira, titular do 2° Distrito Policial de Piripiri "o preso é responsável por diversos delitos de furto mediante arrombamento em estabelecimentos comerciais nos bairros Floresta e Centro, na cidade de Piripiri/PI, sendo o último a um estabelecimento de material de construção. Realizamos, para efetuar a prisão do criminoso, uma vigília com nossas equipes e logramos êxito no início da manhã de hoje localizando-o em sua residência, onde foi preso."

Por fim, a Polícia Civil deu cumprimento também a mandado de prisão de um terceiro indivíduo em razão de processo criminal de extorsão oriundo da vara criminal da comarca de Santa Quitéria do Maranhão/MA, o indivíduo foi localizado na cidade de Piripiri/PI pela equipe de investigação e foi preso.

Todos serão transferidos para estabelecimentos de custódia adequados.

09 de maio de 2019

Piripiri recebe a milésima cisterna financiada pelo IVC

Piripiri recebe a milésima cisterna financiada pelo IVC

O projeto beneficia várias comunidades rurais de Piripiri, Cocal, Pedro II, Esperantina e Lagoa do São Francisco.

A milésima cisterna de placas de cimento construída no Semiárido do Piauí pelo Instituto Viva Cidadania, de Brasília, e pelo Comitê Betinho, de São Paulo, será inaugurada nesta sexta-feira, dia 10, no Assentamento Residência, no município de Piripiri.

O coordenador do Instituto, Douglas José, e o diretor do Comitê Betinho, José Roberto, chegam, nesta quinta-feira, 10 horas, em Teresina. Na sexta-feira, às 7 horas, participam de um café da manhã na sede da Obra Kolping do Piauí e em seguida viajam para Piripiri e outros municípios da região onde o projeto de construção de cisternas está sendo executado.

As ações sociais no Piauí, apoiadas pelo Instituto e pelo Comitê na área de cisternas, iniciaram em 2015 com um projeto piloto que depois foi ampliado para outros municípios onde a escassez de água para o consumo humano é intensa no período de seca. Hoje, o projeto beneficia várias comunidades rurais de Piripiri, Cocal, Pedro II, Esperantina e Lagoa do São Francisco.

“A construção de cisternas financiadas pelo Instituto Viva Cidadania e pelo Comitê Betinho proporciona melhorias significativas na qualidade de vida de várias famílias que ainda sofrem com a falta de água no Semiárido. O programa promove a inclusão social, adotando o sistema de capacitação de mão-de-obra, como de pedreiros, na construção das cisternas, o que contribui com a inclusão na área do emprego e renda”, explica Raimundo João da Silva, coordenador Estadual da Obra Kolping do Piauí, a ONG responsável pela execução do projeto. 

Instituto Viva Cidadania e comitê Betinho

O Instituto VIVA CIDADANIA tem a Associação Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil (ANABB) como instituidora. Por mais de 20 anos, a ANABB realizou diversas ações relacionadas à promoção social e ao voluntariado.

Com essas iniciativas, milhares de famílias e centenas de comitês apoiados receberam contribuições que trouxeram alento, provisão e apoio à profissionalização e a diversos tipos de terapias que promovem melhor qualidade de vida para muita gente.

Tudo começou em 1993, quando a ANABB lançou o programa “Brasil Sem Fome”, que apoiou, por meio de parcerias, a campanha da “Ação da Cidadania Contra a Fome, a Miséria e pela Vida”, idealizada por Herbert de Souza, o Betinho.

Na época, os funcionários do Banco do Brasil criaram cerca de 2.400 Comitês de apoio à campanha idealizada pelo sociólogo. A ANABB patrocinou a confecção de camisetas com a marca “cidadania” para que os Comitês pudessem vender e reverter a quantia arrecadada para projetos de combate à fome. Diante da oferta de ajuda de seus associados e do potencial de voluntariado dos Comitês, a Associação começou a intermediar a doação de recursos para projetos de cidadania.

Em 2007, o programa “Brasil Sem Fome” foi reformulado e passou a ser conhecido como “Programa ANABB Cidadania”. Com o programa, cerca de 120 comitês foram beneficiados, mais de 60 projetos premiados em cinco edições do Prêmio Cidadania e mais de R$ 1,5 milhão investido em projetos sociais em todo o país.

26 de abril de 2019

Polícia Civil prende suspeito  de homicídio e encontra colete da PM

Polícia Civil prende suspeito de homicídio e encontra colete da PM

Após a conclusão das diligências o suspeito foi conduzido ao Complexo de Delegacias para fins de custódia e autuação

A Polícia Civil do Piauí, através da Delegacia Regional de Piripiri e Divisão de Operações Especiais - DOE da Polícia Civil, cumpriu na tarde de hoje (26.04.2019) mais um mandado de prisão, efetuando a captura de um suspeito da prática dos homicídios ocorridos em Piripiri/PI no último fim de semana santa. O mandado de prisão temporária do suspeito foi expedido pelo Poder Judiciário na manhã de hoje, após investigações e representação da Polícia Civil e parecer favorável do Ministério Público. Junto com o mandado de prisão, também foi expedido, a pedido da Polícia Civil, mandado de busca e apreensão domiciliar na residência do suspeito, localizada no bairro Fonte dos Matos em Piripiri/PI.

"As equipes da Polícia Civil, com os mandados de prisão e busca domiciliar em mãos, imediatamente se deslocaram à residência do suspeito, onde este foi localizado e detido. Nas buscas realizadas no local encontramos um aparelho celular com restrição de roubo e, para nossa surpresa, um colete balístico com inscrição "Polícia Militar" mas com as etiquetas dos dados de identificação e brasão da polícia militar arrancados" afirmou o Delegado Regional e Titular do 1° Distrito Policial de Piripiri, Dr. Jorge Terceiro.

Após a conclusão das diligências o suspeito foi conduzido ao Complexo de Delegacias para fins de custódia e autuação.

"O criminoso, além de ser detido em razão do mandado de prisão, ainda sofrerá autuação em flagrante em razão dos objetos encontrados na residência do mesmo. As circunstâncias em que o mesmo obteve o colete balístico também estão sendo investigadas", afirmou o Delegado Titular do 2° Distrito Policial, Dr. Ricardo Oliveira.

As investigações acerca dos homicídios ocorridos no feriado do último fim de semana santa em Piripiri/PI continuam sendo realizadas pela Polícia Civil a qual reitera seu compromisso em servir à sociedade, se empenhando ao máximo na elucidação dos crimes visando levar seus autores a responderem perante o Poder Judiciário nos termos da lei.

25 de abril de 2019

Polícia civil de Piripiri prende homicida e irmão,apreende armas de fogo

A Polícia Civil de Piripiri não descarta a possível existência de vínculo entre os presos na manhã de hoje e os homicídios ocorridos no último fim de semana santa.

A Polícia Civil do Piauí, através da Delegacia Regional de Piripiri e com auxílio da Divisão de Operações Especiais da Polícia Civil (DOE), deu cumprimento no início da manhã de hoje (25.04.2019) a mandados de prisão preventiva e busca e apreensão domiciliar referentes ao indivíduo Carlos Daniel dos Santos Souza, apontado em investigação da Polícia Civil como um dos autores do homicídio que vitimou a pessoa de Ricardo Pereira de Araújo - vulgo "Ricardinho", fato ocorrido na noite de 07.04.2019 no bairro Germano em Piripiri/PI.

Os mandados de prisão preventiva e busca e apreensão domiciliar foram expedidos no início desta semana pelo Poder Judiciário de Piripiri após intensas investigações e consequentes representações pela prisão e busca feitas pela Polícia Civil nas semanas anteriores, tendo o Ministério Público prontamente se manifestado favorável ao pleito deste órgão investigativo.

"Em poder de Carlos Daniel foi encontrada uma arma de fogo calibre 38 municiada e com numeração raspada, além de um aparelho celular para o qual há registro de roubo. Assim, além de ser preso em razão do mandado de prisão preventiva, a pessoa de Carlos Daniel também foi autuado em flagrante pelos crimes de porte/posse de arma de fogo de uso restrito e receptação" afirmou o Delegado Regional e titular do 1° Distrito Policial de Piripiri, Dr. Jorge Terceiro.

"No cumprimento de mandado de busca e apreensão domiciliar fora localizado também um outro revólver calibre 38 municiado no quarto de dormir da pessoa de nome Antônio Denisio dos Santos Sousa, irmão de Carlos Daniel, o qual acabou sendo preso em flagrante pelo crime de posse irregular de arma de fogo", afirmou o Delegado Dr. Ricardo Oliveira, titular do 2° Distrito Policial de Piripiri/PI.

A Polícia Civil de Piripiri não descarta a possível existência de vínculo entre os presos na manhã de hoje e os homicídios ocorridos no último fim de semana santa.

A dupla está sendo autuada no Complexo de Delegacias de Piripiri.